Jornal Penso, logo não odeio quem pensa diferente de mim.


Por: ~


Penso, logo não odeio quem pensa diferente de mim.

Não, eu não vou odiar você porque as nossas opiniões divergem. Não vou enfiar o seu nome na boca do sapo porque, primeiro, eu nada tenho a ver com a sua vida e, depois, o coitado do sapo nada tem a ver com isso.
Você vai me desculpar, mas se enganou feito uma besta ao imaginar que eu ia perder um só segundo maldizendo a pobre da sua mãe em resposta à sua mensagem covarde, escondida sob um nome falso, ofendendo a minha.
Eu não vou odiar você por pensar diferente de mim, não. Eu só vou discordar de você. Discordo o quanto eu quiser. Discordo e vou defender o meu direito de apoiar as ideias que achar que devo e divergir de quem eu bem entender. Defendo o meu e o seu direito de discordar. E discordar não quer dizer “bater de frente” ou, simplesmente, odiar.
É que eu não odeio quem pensa diferente de mim. Não preciso. Não perco meu tempo com isso, não. Eu tenho mais o que amar por aí.


- André J. Gomes

Escutando: BTS - Save Me
Lendo: The Wild Heart - Beau Taplin

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...