Jornal Poesia Combustão


Por: ~


Poesia Combustão

Me tira a roupa
Do corpo
Da alma
Me tira de mim
Me vira
Me vê
Me toca
Toca minha poesia
Leia
Ouça
Mergulhe
Entenda-a
Desembrulha meu eu
Passeie no meu universo
Desembrulhe-se
Me deixe a vontade em mim
E assim acenderei
Minha poesia combustão.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...