Jornal Sem limites.


Por: ~


I'm a bitch
When I paint my lips
Brooklyn Moor

Nome
Brooklyn Moor

Apelido
Boo

Idade
17

Aparência
Brooklyn tem cabelos ruivos e cílios longos e de mesma cor, tem a sobrancelha feita e apenas alguns tons mais escuros que o tom de seu cabelo, tem olhos azuis céu hipnotizantes e vibrantes, possui sardas por todo o rosto dando um charme a mais, tem uma boca fina bem desenhada e rosada, seu nariz é pequeno e levemente arrebitado, possui pele muito clara, ao ponto de ser alva, além de ter um maxilar travado.

Tem apenas 1,64 de altura e pesa 42KG, recebe algumas críticas pela magreza excessiva, mas é algo genético, Brooklyn não consegue engordar mesmo comendo muito, apesar da magreza exuberante, tem bumbum cheio e coxas levemente proporcionais, causando um desconcerto nas pessoas pois seu corpo é totalmente feminino, já chegaram a considerar a possibilidade dele ser menina e fingir ser menino, por ter cintura muito fina, pés e mãos muito delicados, ombros pequenos.


Personalidade
Brooklyn é um jovem sentimental, romântico e consegue se adaptar muito fácil, apesar de se tornar frio quando em pressão, tem uma memória muito boa, é muito rancoroso e nunca vai esquecer o erro que você cometeu. É muito inteligente e não há nada que ele ame mais que livros, é sensível a nível extremo e se magoa muito fácil, é muito bipolar sendo ora é passivo e ora é agressivo, ele se torna outra pessoa ao estar com raiva, esconde esse seu lado, mas é muito bom de briga, costumava brigar muito na escola por ter um senso crítico muito elevado. E como já falada ele arruma confusões muito fácil por fazer muitas críticas e não ter medo de usar palavras, é muito dramático, embora odeia que os outros façam drama, é muito ciumento e protetor, sedutor e intuitivo, também muito perceptivo, é carinhoso com todos, embora goste de tratar meninas com palavras como "vadia" "piranha" e derivados, já meninos trata com uma sensualidade irresistível no olhar, embora as vezes fique irritado com as pessoas sem motivos aparentes, ele odeia que façam perguntas sobre sua vida, sem ter muita intimidade, e nunca toca em assuntos delicados como morte de entes queridos, e não demonstra emoções diante a morte de alguém, ele não tem medo de quase nada, ele sempre foi um adolescente muito medroso embora ele tenha mudado bastante e tenha se aventurado muito mais se permitindo a se arriscar mais, embora conheça seus limites, ele tem medo de sentir dor, mas quando sente a mesma ele a ignora como se não fosse nada, não importa oque seja ele não vai demonstrar dor, porque ele não está realmente sentindo muita dor, foi algo que aprendeu que podia fazer com o tempo, afinal quando era criança se machucava demais e vivia se cortando ou coisas do tipo, Brooklyn é educado e consegue fazer amizades fácil apesar de passar a primeira impressão de que se acha, é apenas uma mascara que ele usa pra não parecer fraco diante de outras pessoas .

Avatar




Sexualidade
Homossexual || Passivo

Poder
Luminokinese

História do personagem
Brooklyn veio a ser provido em uma manhã de setembro, em pleno inverno, sua pele era tão alva que parecia com a neve que caia, ainda pequeno sem mal conseguir ficar em pé sozinho, conseguia fazer coisas inexplicáveis, como ficar invisível, ou esconder objetos, e em casos de emoções como fome, onde chorava bastante, fazia pessoas terem alucinações, seus pais nunca o repreenderam por ser diferente, mas contrataram professores particulares que davam aula pra ele em casa, e assim foi até seus 11 anos, seus pais explicaram que era pra ele evitar emoções muito fortes, como empolgação ou raiva, eram os fatores que mais ocasionavam em criação de ilusão, ou de invisibilidade, ela podia fazer coisas ficarem invisíveis também, mas não tem muito controle sobre isso, ele com seus 15 anos, namorava e era popular em seu colégio, a vida perfeita? não, seu namorado o traiu, e Brooklyn o pegou no flagra, Caio seu namorado o levou a um beco do lado da boate, e lá começaram a discutir, já era tarde da noite, foi quando Caio disse que Brooklyn era apenas uma putinha idiota, e que foi muito bom brincar com ele, Brooklyn em um estagio de raiva muito alto, fez um feixe de luz sair de si e atingir caio no rosto, o outro perdeu 50% da visão do olho esquerdo, e total do direito, além de seu rosto ter ficado um pouco deformado, após o ocorrido, Caio caiu desmaiado no chão, Brooklyn cobriu a boca surpreso com oque tinha acabado de fazer, ligando para a emergência em seguida, embora a polícia tenha vindo também para investigar oque aconteceu, Brooklyn disse a polícia que ambos discutiam quando Caio caiu desmaiado do nada e quando ele olhou pra trás viu uma pessoa toda de preto correndo, como Brooklyn sabia oque poderia acontecer com ele se contasse a verdade, ele mentiu como nunca antes havia mentido para alguém, Brooklyn sempre mentiu muito bem, mas ele estava mentindo sobre algo grave, Caio por outro lado bloqueou isso da mente dele, foi algo bem traumático, para a sorte de Brooklyn, ele não conseguia lembrar nem com hipnose.

Opinião sobre Audrey
Brooklyn gosta dela, apesar de achar ela meio bobinha ou chatinha as vezes, eles se dão bem até, Brooklyn não tem nada contra ela, embora não se falem muito.

Opinião sobre Mandy
Ama a maneira como Mandy pensa, são quase melhores amigos, embora sua relação sege totalmente fora dos parâmetros do normal, a amizade consiste em xingamentos e insinuações sexuais, 90% das frases ditas de um para o outro termina com "vadia" é algo de costume, embora um sempre possa contar com outro, para oque der e vier.

Gostos
- Livros
- Comer
- Cozinhar
- Dormir
- Doces
- Inverno
- Chuva


Desgostos
- Calor

- Verão

- Traição

- Falsidade

- Mentiras


Par?
Eu escolho.

Como foi capturado
Embora Brooklyn mentisse muito bem, isso não passou despercebido pelo governo, que passou a o observar durante 2 anos, até ter certeza de que ele tinha realmente um dom especial, ele tinha/tem 17 anos quando foi capturado.

O que faria caso saísse da base secreta do governo?
Mudaria seu visual, provavelmente tomaria a identidade de mulher, e tentaria usar o mínimo possível seu dom, e seria a pessoa mais normal possível.

Lado
Vilão

Algo mais?
Nop


Louis Nicholas Hertmann

Nome
Louis Nicholas Hertmann

Apelido
Lou ou Nicki

Idade
20

Aparência
Louis possui cabelos loiros naturais e totalmente lisos, sendo menores nas laterais e de um tamanho médio em cima formando um topete perfeito e as vezes bagunçado, ou ainda uma franja bagunçada, sendo bonitos com todos, possui um sorriso maravilhoso e dentes bem alinhados, olhos cor azul claro com partes amarelas ao redor da pupila, nariz e boca bem desenhados ambos levemente rosados e possui um aroma parecido com chocolate. Além de ter um maxilar marcado e uma barba rala.

Tem 1,92 de altura, magro pesando cerca de 66KG, tem um corpo entroncado e malhado, embora não seja exagerado ou algo do tipo, possui mãos enormes e dedos longos, pés também grandes, calça 43 e tem um bumbum durinho e levemente cheio com coxas também cheias, ombros largos e braços definidos e fortes. Várias tatuagens pelos braços e peitoral.


Personalidade
Louis é um garoto disciplinado e calmo, é muito sorridente e evita demonstrar tristeza, consegue contagiar as pessoas ao seu redor e nunca se estressa, mas ao chegar em seu limite Richard se torna uma pessoa violenta e agressiva e procura algo para extravasar sua raiva, ou em objetos, ou talvez na pessoa que tenha o irritado, tem seus momentos de sedutor, e faz de tudo por quem ama, daria sua vida para proteger quem ama, é muito protetor e ciumento, extremamente possessivo.

É educado e gentil, faz amizades muito fácil e não é de se deixar influenciar, é falante e alegre, ele fica irritado com pessoas dramáticas que reclamam de tudo e de todos, mas não olham pra si mesmos, também odeia pessoas que insistem demais em algo em que ele já está decidido, leva críticas na brincadeira e nunca começa brigas, é um pouco reservado quanto a isso, é muito carinhoso e gosta muito de abraçar as pessoas, bem forte.


Avatar





Sexualidade
Homossexual || Ativo

Poder
Fitocinese

História do personagem
Louis nasceu na cidade grande, de ambos os pais médicos renomados, e estes geralmente visitavam os avós que moravam numa fazendo, Louis sempre foi muito afeiçoado com as plantas e ao estar perto dessas e com uma emoção positiva, estas cresciam instantaneamente ou recuperavam sua beleza, árvores frutíferas davam ótimas frutas fora de época, e com emoções negativas, mesmo que involuntariamente estas protegiam o corpo do garota de ser tocado, certo dia dormiu com tanta raiva de uma pessoa, que ao amanhecer e ligar o abajur, seu quarto estava repleto de árvores e cipós que quebraram o vidro da janela de seu quarto, ele apenas soube que podia usar a natureza tanto para defesa quanto para ataque aos 14 anos, onde começou a treinar, seu poder se tornou tão forte, que este conseguia fazer uma árvore ou cipó enorme, surgir de uma placa super grossa de concreto, ou fazer um terreno rochoso ou deserto ser coberto por gramíneas.

Opinião sobre Audrey
Louis a considera muito, são muito amigos.

Opinião sobre Mandy
Não gosta muito da maneira como Mandy trata seus amigos e inimigos, mas evita expressar isso.

Gostos
- Morder os lábios.
- Observar os outros.
- Comidas apimentadas.
- Rock.
- Dormir
- Neve.
- Frio.
- Estar com os amigos.


Desgostos
- Muita gente falando junto.
- Lugares fechados.
- Traição
- Falsidade
- Mentiras


Par?
Eu escolho.

Como foi capturado
Louis foi pego ainda com 15 anos, ao ser visto fazer uma planta morta e seca ficar bela novamente, fez isto na escola, embora um aluno viu, e isso se espalhou, o governo fez parecer que foi um engano, e captou o menino.

O que faria caso saísse da base secreta do governo?
Tentaria não chamar muita atenção, e provavelmente formaria uma família.

Lado
Herói

Algo mais?
Nop


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...