Lista de Leitura: Jiminnie

Lista criada por: ~
5 histórias
Fanfic / Fanfiction The Boy With Blue Wings
Terminada
Capítulos 18
Palavras 21.700
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Perder as minhas asas por um erro que cometi... Sim fui idiota a esse ponto, juro que eu tentei salvar aquele homem no hospital, mas ele não quis me ouvir! Não quis acreditar que poderia dar a volta por cima, ele se rendeu as trevas e fechou os olhos sem nenhuma esperança de voltar.

Como castigo fui obrigado a passar um tempo aqui, em um mundo cheio de mortes e roubos por todos os lados!

Me chamo Park Jimin, e tenho 16 anos.
A vida de um "anjo adolescente" pode até parecer fácil mas não é tão simples assim.
Agora passando um tempo "aqui" consigo ver que minha vida era maravilhosa perto do que os adolescentes vivem na "terra"!

Esse negócio de sexo pra cá, beijo pra lá, mão boba aqui... Bando de gente estranha...
Ah e outra... Agora eu tenho meio que um bichinho de estimação, é assim que eu chamo esse negocio no meio da minha perna... Não sei bem o que é... mas é estranho...

Enfim... Como todo "adolescente normal" eu preciso ir a uma tal de escola.
Eu tento me enturmar mas... As pessoas daqui realmente parecem não me querer por perto, não entendo porque! Elas são cheias de maldade e sempre que tem uma oportunidade de caçoar de alguém o fazem...

Minha vida mudou de um dia pro outro depois que conheci um garoto na minha escola.
Jeon Jungkook é o nome dele...
Jeon é um adolescente diferente dos outros, ele me explica tudo que eu pergunto, até mesmo sobre aquelas coisas estranhas que ficam no meio de nossas pernas...

Mas enfim.... Eu sei que dentro de pouco tempo terei que voltar para o lugar de onde eu vim, mas... Eu não sei se quero voltar... Eu quero ficar aqui com Jungkook!
Eu Amo Jungkook!
  • 54
  • 58
Fanfic / Fanfiction The nannies [Jimin e Suga-BTS]
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 1.527
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Suspense, Violência
S/N e Luana tem a missão de cuida dos filhos de Park Jimin e Min Yoongi dois irmãos
Mas será que vai ser apenas uma missão?

[CAPA ATUALIZADA]
  • 18
  • 6
Fanfic / Fanfiction O ódio que eu tinha por você
Em andamento
Capítulos 4
Palavras 1.057
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama (Tragédia), Escolar
Sabe eu era sozinha na vida e tive que aprender na marra depois de muita dor que o mundo é dos espertos eu jurei que iria me vingar eu jurei que ele ia pagar por tudo que me fez por todas as vezes que me humilhou e me xingou mais isso era só o começo mal mal sabe ele que eu ia fazer da sua vida um inferno
  • 7
  • 10
Fanfic / Fanfiction Texting - Jimin
Em andamento
Capítulos 17
Palavras 19.567
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
A obsessão que Park Jimin nutria pela garota de pele clara, o fez cometer inúmeras loucuras. E mandar mensagens ameaçando estragar a vida da menina e, de todos que estivessem a sua volta não era algo que estava nos planos dele. Mas Jimin o fez, e fez porque não conseguia mais se conter em ver a menina distribuir sorrisos e carinhos para uma outra pessoa que não fosse ele. A obsessão crescia cada vez mais forte, invadir a casa da menina durante a noite para assistir enquanto a mesma dormia, havia se tornado um hábito. Assim como persegui-la em todos os lugares, quaisquer que fosse, com quem andava... Ou com quem estava. Tudo isso era observado por Park Jimin.

— Por fora uma menina má, por dentro mais má ainda. — ele pressionou minha bunda em seu membro coberto. Que diabos ele fazia? — Mas deixe o Daddy te lembrar de algo, baby. Eu dito as regras aqui. — ele me empurrou para cima de uma mesa, que julgo ser de um professor. O baque com a mesa doeu em meus seios, já que eu estava sem poder me mexer, resmunguei tentando me virar para cima, mas antes de poder concluir, o homem sentiu-se livre para passar a mão em minha coxa desnuda. — Tão linda... — sua mão trilhava em subidas e descidas pela minha coxa. Tentei me afastar de seu toque, mas fora em vão. — Tão ingênua... — sua mão adentrou para dentro de meu vestido. Comecei a ficar desesperada, tentando de algum modo me soltar. — Mas tão burra. — ele deixou um tapa forte e estalado em minha coxa.

O que fazer quando a obsessão fala mais alto do que o que você julga ser amor?
  • 231
  • 200