Lista de Leitura: Magnets

Lista criada por: ~
3 histórias

Magnets escrita por ~choosethedelrey

Fanfic / Fanfiction Magnets
Terminada
Capítulos 20
Palavras 34.895
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Natan é um universitário com uma vida normal: tem um emprego e está noivo. Charlies está no 2° ano do Ensino médio, sua mãe é viúva e vive traumatizada com a morte do marido.
A vida de ambos - Natan e Charlies - se cruzam no momento em que Charlies se culpa por uma tragédia familiar, desconta em si mesmo e é salvo por Natan, que o abriga em sua casa. O que os dois não esperavam é que além da amizade surgisse algo mais intenso e recíproco, mas como Natan vai explicar isso para sua família? E para sua noiva? Será que sobrará tudo para Charlies?
O mais inesperado é quando Charlies começa a receber mensagens anônimas de alguém que ele não faz ideia de quem seja e isso o faz mergulhar em um mar de mistérios e respostas sobre a sua família. Porém a maior pergunta ainda é: por que todo esse mistério começou depois da tragédia familiar que ele enfrentou e depois que foi acolhido por Natan? Será que quem está por trás disso é alguém próximo de Natan? Ou da sua família? Ele está confuso, mas sabe que Natan estará ao seu lado independente do que aconteça.

"- Não faça isso – ouviu uma voz grossa ao seu lado.
Virou o rosto com tanta força que sentiu seu pescoço estalar.
Charlies estava horrível: seu rosto estava manchado de sangue, pois ele tinha limpado as lágrimas com o braço ensanguentado. Sua cabeça começou a doer... era o início do efeito da cocaína.
- Me deixa - berrou -, você não sabe o que eu tenho! – Pegou a pedra mais próxima e atirou na silhueta que se encontrava parada na entrada do beco.
A pessoa desviou e Charlies conseguiu ver um menino alto de cabelos loiros, olhos verdes, tão verdes que era impossivel não se perder naquele olhar; sua pele era branca-dourada e brilhava sob a luz do luar.
[...] - Levante-se. Você tem aonde ir? – perguntou.
Charlies fez que não com a cabeça.
O garoto colocou os braços ao redor da cabeça de Charlies e a acolheu em seu peitoral por cima do tecido branco e macio da blusa. A peça foi manchada pelo sangue e pelas lágrimas do menino
[...] - E, a propósito, eu me chamo Natan.
- E-eu me chamo... Charlies."
  • 381
  • 247
Fanfic / Fanfiction Magnets: Connections - Segundo Arco
Terminada
Capítulos 17
Palavras 24.182
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Após o beijo e a aparição inesperada de Beatrice, Charlies se vê em uma situação sem saída. Para ele, a única saída seria fugir, mas será que tentar se afastar de seus problemas irá fazer eles se afastarem de você?
Tudo piora quando ele é sequestrado pelas pessoas misteriosas, que dizem estar fazendo bem a ele. Desmaiado, Charlies finalmente acorda em um quarto totalmente fechado, com apenas um banheiro, uma cama e um armário rodeado por corrente e trancado por um cadeado, seja o que for não querem que o garoto veja o que tem dentro. Charlies tem certeza de algo: se quiser viver, terá que ser a marionete das pessoas que estão por trás disso.
Natan está confuso e abalado. Desde o sumiço de Charlies ele está inquieto e não consegue parar de pensar no menino, será que ele seria o culpado por tudo isso? Talvez devesse deixá-lo ir, afinal: "Se você ama deixe ir"; talvez devesse se desculpar com Beatrice e falar que aquilo fora um mero mal entendido, ou talvez devesse ir à polícia e denunciar um "sequestro". Ele quer se desculpar com a menina, voltar a viver tudo como antes, mas algo não sai de sua cabeça: o sabor dos lábios de Charlies. Natan sabe que não será tão fácil assim esquecer o garoto.
Após um certo tempo na casa, Charlies vê algo que pode ser a sua única saida, é então que ele bola um plano de fuga, mas será que dará certo? Voltar a ver a luz do dia significa se arriscar e ele está disposto a se arriscar, está disposto a fazer tudo se esse sacrifício valer a pena e irá valer por uma pessoa: Natan.
Magnets está mais obscuro do que nunca. Mortes, violência, suspense e uma pitada de terror estão presentes no segundo volume da série.

"Sentia seu corpo anestesiado. Conseguia sentir, respirar, mas não conseguia se mexer. Abriu os olhos vagarosamente, vendo tudo como se ele tivesse aberto os olhos embaixo d’água.
Sentiu seus braços esticados para cima e só então se deu conta de que ele estava preso à cama. Algemas grossas prendiam seus pulsos e outras prendiam seus pés.
Abriu os olhos pra valer e viu uma figura vestida de preto em pé no quarto. Sua mão parecia acariciar algo à frente de seu próprio corpo, algo que Charlies não conseguia visualizar. Ele começou a tremer.
A pessoa mexia um pouco o braço, Charlies se contorceu mas não conseguiu se mover. Seu cérebro gritava para seus membros, mas ele não conseguia mexê-los. Tentou gritar, mas não conseguiu pois se deu conta de que um pano estava em sua boca, amordaçando-o.
[...] A imagem de Charlies correndo não saía de sua cabeça. A imagem de Beatrice saindo do cemitério com raiva dele também rodeava sua mente. Correu o quanto pôde atrás de Charlies, mas não conseguiu achá-lo.
O que não saía mesmo de sua cabeça era o gosto dos lábios do menino: salgado e doce. Salgado pelas lágrimas, doce por si próprio. Nunca tinha sentido um sabor tão bom quanto aquele.
[...] Bateu no volante e sentiu seus olhos marejarem.
Não lhe restava mais nada a não ser esperar.”

Link do primeiro arco/ primeira temporada: s2.vc/62mp
  • 203
  • 194
Fanfic / Fanfiction Magnets: Contacts - Terceiro Arco
Em andamento
Capítulos 11
Palavras 19.709
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Yaoi
Quando uma das pessoas misteriosas é finalmente revelada, Charlies e Natan pensam que seu pesadelo acabou, mesmo sabendo que ainda há outra.
Após presenciarem a morte em suas frentes, eles pensam que podem esquecer tudo aquilo seguindo em frente, então a antiga rotina retorna: Charlies volta para a escola e como é dado como órfão, o responsável por ele é a mãe de Natan e o próprio Natan, que agora cursa o terceiro semestre da faculdade de psicologia. Mas, além de tudo, algo novo começa: uma nova história entre os dois... Algo que Charlies nunca havia sentido antes por ninguém. Nem Natan. Pode-se dizer que eles são perfeitos juntos, mas há alguém que não pensa isso. O que "Ela" menos quer é ver Charlies feliz e fará de tudo para acabar com a felicidade do garoto, mesmo de luto pelo seu filho.
É um novo ano e Charlies vai conhecer pessoas novas na escola e coisas que nunca sentiu antes: sua puberdade atrasada e uma nova era de “primeiras vezes”. O tempo passa e o amor que ambos sentem um pelo outro não diminui, até que um conflito totalmente inesperado e trágico toma conta da felicidade dos dois e atinge em cheio Charlies. Talvez o garoto saiba o motivo daquilo, mas não quer assumir que sabe? Talvez ele tenha segredos demais e não é capaz de contá-los a Natan. Charlies sabe que Natan está magoado, mesmo sendo ele o atingido e o resultante daquilo.
O pior é que a pessoa misteriosa anda pior do que nunca e parece que seu jogo está no nível hard para os dois, até que uma situação opressora é colocada diante Dela e Ela não tem mais saída a não ser fazer o que sempre temeu: se revelar.
Muitas lágrimas serão derramadas no desfecho eletrizante e dramático de Magnets.

"Então, do nada, ele sentiu um peso sobre seu corpo e uma voz gritando. Sentia seu coração em todas as partes do corpo, pulsando do susto que acabou de levar, então se deu conta que era Natan.
[...] Natan segurou o queixo de Charlies e lhe deu um beijo.
Charlies não parou o beijo e só então percebeu que o outro estava apenas de toalha. Natan foi aprofundando mais a ligação entre eles e fez Charlies se deitar, deitando logo após por cima dele, sustentando-se apenas pelos cotovelos na cama.
O maior abriu as pernas, posicionando-as ao lado do corpo de Charlies, que estava imóvel, mexendo apenas seus lábios. Natan começou a roçar cada parte de seu corpo no de Charlies, que passava a ponta dos dedos na pele nua de Natan, descendo até a toalha e começando a puxá-la vagarosamente..."

Link do primeiro arco/ primeira temporada: s2.vc/62mp
Link do segundo arco/ segunda temporada: s2.vc/3lsc
  • 112
  • 57