Lista de Leitura: Melhores fanfics sem gênero

Lista criada por: ~
4 histórias

Komi escrita por ~Hoseokaum

Fanfic / Fanfiction Komi
Terminada
Capítulos 5
Palavras 11.317
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Famí­lia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Kim Taehyung é um beta de 32 anos que trabalha em uma livraria esquecida no centro de Seoul. O de cabelos lilases possui o total de 0 esperanças de que um dia encontre alguém que o ame.
Bom, pelo menos até o momento em que um ômega de cabelos pretos entra na livraria Komi roubando não só a atenção do beta, mas também seu coração.

《vkookmin | ABO》 《A.U | ShortFic》
《Tae!Beta | Jimin!Ômega | Jungkook!Alfa》
  • 743
  • 91
Fanfic / Fanfiction Sapatilhas e Tinta Spray
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 5.485
Atualizada
Idioma Português
Categorias EXO
Gêneros Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Música clássica; HipHop.
Comunidade; condomínio.
Delicadeza; brutalidade.
Sapatilhas; tinta spray.
Tudo neles eram opostos, e a única coisa que os ligava era a arte.
E para ambos, arte era amor.


{Kaisoo||Fluffy}
  • 72
  • 17

Querido Taehyung escrita por ~SrtaKiim

Fanfic / Fanfiction Querido Taehyung
Terminada
Capítulos 7
Palavras 5.566
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
[Taehyung + ?] [ShortFic] [Cartas]

Dois anos após o desaparecimento de Taehyung, Columba não vê saída, não há mais nada que se possa fazer. Até que ele se recorda de um meio que os dois se comunicavam na adolescência, e isso lhe dá um ultimo fio de esperança de encontrar seu amado novamente.
Mas Taehyung responderia ao seu chamado?
  • 170
  • 115

Querido Columba escrita por ~SrtaKiim

Fanfic / Fanfiction Querido Columba
Terminada
Capítulos 1
Palavras 4.746
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama (Tragédia), Violência, Yaoi
{Oneshot} {Spin off de Querido Taehyung}

Eu gritei, gritei por socorro, até minha garganta arder, mas ninguém apareceu, como ninguém do posto ouviu um homem gritar feito louco a poucos metros dali?
Merda, eu tinha que sair dali, tentei chutar os homens, mas eu não via nada, só o escuro daquele saco preto. Eu estava cansado. Não aguentava mais resistir, sentia os homens me arrastarem pra algum lugar e logo consegui ouvir um pouco distante, um barulho de motor de carro, droga.
- Columba! Me ajuda! Socorro por favor! Alguém me ajuda pelo amor de Deus! - Eu já sentia as lágrimas quentes descerem pelo meu rosto e eu já não conseguia gritar, minha voz estava falhando, mas eu não desistiria, eu iria sair dessa. - Socorro! Columba! Me ajuda por fa...
  • 84
  • 24