Lista de Leitura: Minhas prediletas

Lista criada por: ~
4 histórias

Survivors escrita por ~katyyxliss

Fanfic / Fanfiction Survivors
Em andamento
Capítulos 18
Palavras 68.616
Atualizada
Idioma Português
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Gêneros Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Submissa ao âmbito religioso e presa as restrições intransigentes impostas pelos seus pais, Katniss Everdeen tenta lidar com suas incertezas sobre a vida e seus sentimentos em relação a uma suposta paixão antiga após uma despedida confusa.
Quando achava que passaria mais um verão trancafiada em casa em seu quarto monótono, Katniss é surpreendida por uma viagem a uma cidade próxima a Baltimore chamada Millshaven. Uma cidade desconhecida e cheia de segredos, onde Katniss tenta se encaixar e reconquistar sua paixão comprometida.
Durante sua estadia na cidade, seu caminho converge inúmeras vezes com o de Peeta Mellark. Um garoto arrogante portador de uma doença rara possivelmente incurável, cujo passado é um completo mistério.
Entre divergências, um sentimento desconhecido e arrebatador surge, tornando-os sobreviventes de um romance conturbado, onde juntos não apenas sobrevivem aos obstáculos, como também descobrem a si mesmos.
  • 40
  • 86
Fanfic / Fanfiction The Secret Love
Em andamento
Capítulos 4
Palavras 2.774
Atualizada
Idioma Português
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Gêneros Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela
Dois Amigos. Um Amor. Uma Música.
O destino não facilita mesmo pra mim. Justo quando eu me apaixono é pelo cara errado. O cara impossível. É meio clichê,mas fazer o que se é a verdade? Ele é lindo, perfeito: olhos azuis como a água, uma boca carnuda e bem desenhada, um corpo de dar inveja (é, ja vi sim...), um sorriso torto de tirar o fôlego e uma pinta em forma de estrela (é estranho, eu sei...) na base das costas. E como eu sei disso tudo? Bom, eu o conheço desde os dois anos. Isso mesmo, Peeta Mellark é meu melhor amigo. Tinha como ser pior? Ah é, tinha sim:Ele tem namorada. E não me vê como nada além de uma irmãzinha. E agora?
  • 8
  • 2
Fanfic / Fanfiction O Sol em meio à tempestade
Em andamento
Capítulos 63
Palavras 174.096
Atualizada
Idioma Português
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Gêneros Romance e Novela, Universo Alternativo
Katniss Everdeen. Uma garota fechada para o mundo e para as pessoas que a cercavam. Uma garota com uma vida difícil. Uma garota com um sonho. E acima de tudo, uma garota que, apesar de todas as barreiras, decidiu seguir o que seu coração mandava. Porém nem tudo seria maravilhoso, e isso ela tinha em mente.
“Dar aula era um sonho que eu tinha desde menina, e apesar do problema financeiro que tínhamos há anos, foi algo que minha família sempre me apoiou para concretiza-lo. Porém eu estava amedrontada demais para comemorar essa conquista.
Mais ainda pelo fato de estar falando há mais de meia hora sobre literatura e sua origem, e a classe toda parecer não estar no mesmo lugar que eu. Eu realmente não sabia como lidar com meus alunos, e eles não pareciam querer aprender a lidar comigo.”

O que ela não esperava é que no meio de tantas adversidades conheceria alguém que, sem ao menos tentar, mudaria completamente sua forma de ver as coisas, apenas pelo jeito diferente que ele via a vida.
“– Regra número um. Se achar necessário, grite com eles. – Peeta disse escrevendo no quadro negro com o giz que ele segurava. – Eles precisam se sentir intimidados. – completou, virando em minha direção.
Eu o observava, com as sobrancelhas ligeiramente unidas.
– Você sabe que não sei gritar com ninguém. – torci o nariz, batendo a ponta do lápis em meu caderno.
– Regra número dois. – ele ficou de costas para mim novamente, voltando a escrever no quadro negro. – Aprenda a gritar.”

Katniss não tinha ideia do quão crucial seria a permanência de Peeta Mellark em sua vida, e só soube daquilo, no momento em que ela mais precisou se libertar dos sentimentos ruins que a assombraram durante tantos anos.
“– Eu te disse que quando quisesse ficar sozinha, poderia ficar sozinha ao meu lado. – Peeta disse assim que abri a porta. Seus braços rodearam minha cintura, puxando-me pra fora do apartamento, enquanto ele me aninhava contra seu peito. – Eu não preciso que você me fale nada. Eu só quero cuidar de você.
Meu rosto estava escondido contra sua camisa branca, e ali eu fiquei por alguns segundos, antes de finalmente erguer meus olhos inchados por culpa do choro, para olha-lo.
– Na verdade, eu quero conversar. – murmurei mordiscando o lábio inferior nervosamente.
– Então eu estou aqui para ouvir. – Peeta abriu um de seus sorrisos tortos.”

E foi a partir dali que ela soube.
“– Você é como se fosse um sol em meio à tempestade. – falei baixo, erguendo a cabeça de seu peito para olha-lo.
Peeta sorrio, parando sua mão na base da minha coluna.
– Como assim? – questionou curioso.
– Minha vida sempre esteve em uma constante tempestade. – comecei a explicar. – Você foi o sol que surgiu no meio dela, trazendo mais alegria para a minha vida. – conclui, sentindo as bochechas esquentarem.
Seu sorriso se alargou, enquanto sua mão voltava a acariciar minhas costas.
– Se é assim que você me vê, é assim que continuarei tentando ser. – ele repousou seus lábios contra minha testa.”

Era com isso que Katniss contava. E ela torcia para que nada fosse capaz de tirar o radiante sol que Peeta Mellark se tornara em meio a sua tempestade particular.
  • 145
  • 673

If You Stay escrita por ~katyyxliss

Fanfic / Fanfiction If You Stay
Terminada
Capítulos 1
Palavras 7.330
Atualizada
Idioma Português
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Gêneros Colegial, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Orgulho era o seu nome, medo o seu sobrenome. Ele nunca achou que isso acabaria influenciando sua vida, ou a destruindo. A partir do momento em que aqueles olhos tempestuosos cruzaram com os seus ele sabia que algo havia mudado, mas não ousou se pronunciar. O orgulho e o medo mesclados numa barreira que só desmoronou quando era tarde demais. Agora, sozinho, se via obrigado a continuar. Mesmo que ela não ficasse.
  • 7
  • 1