Lista de Leitura: Nononenone Lista de leitura

Lista criada por: ~
1 história

Teste do sofá escrita por ~Madneess

Fanfic / Fanfiction Teste do sofá
Terminada
Capítulos 1
Palavras 4.168
Atualizada
Idioma Português
Categorias Naruto
Gêneros Comédia, Ecchi, Hentai, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
— Tenho novidades — murmurou de maneira rouca ao mordiscar o pescoço da outra, fazendo com que essa suspirasse. As mãos dele não se aquietaram, longe disso, estavam famintas demais para explorar aquele corpo cheio de curvas, adorava como ela ficava com roupas, porém Sasuke gostava mais quando ela não usava roupas e em especial estivesse sobre o seu colo.

— O quê? — perguntou um pouco ofegante. Aquele foi o único momento que sua inocência voltou àquela que tinha perdido faz tempo com um Uchiha depravado.

Ele riu um pouco com a pergunta e como ela foi pronunciada, o Uchiha parou um pouco para respirar sentindo o cheiro gostoso de comida quente, era realmente uma pena perder aquilo apenas pelo cheiro reconhecia que Sakura tinha feito seu prato favorito com o objetivo de agrada ló e mesmo se não tivesse dito com palavras a rosada a sua frente tinha conseguido isso, não podia negar que estava com fome mais a fome de possui lá ali mesmo estava bem maior. Apertou a cintura feminina com força deixando uma marca proposital naquela região, não demorou nada para ouvir um gemido mesmo que baixo tinha conseguido ouvir.

— Eu estou com fome — retrucou o Uchiha ao puxar um pouquinho o lóbulo da orelha.

Sakura pensou um pouco, sobre a situação em que se encontrava. Estava com o marido em cima de si, seminu com suas pernas envolta da cintura masculina o que de certa maneira deixava que o contato entre as intimidades fossem maior ela conseguia senti ló mesmo com o tecido da calça estivesse contendo o que Sasuke Uchiha escondia no meio das pernas.

— A comida está pronta — murmurou de volta, uma forma inocente dizendo da comida mesa e não daquela que ele queria devorar agora.

Sasuke percebeu isso e sorriu de maneira libertina, sem esperar ou muito menos sem pedir alguma permissão da mulher a sua frente rasgou a blusa de tecido fino em mil pedacinhos deixando o corpo dela exposto. — Eu estou com fome, e eu quero comer você.
  • 158
  • 4