Lista de Leitura: One Direction 🖤

Lista criada por: ~
4 histórias
Fanfic / Fanfiction O Nerd Que Mudou Minha Vida
Em andamento
Capítulos 7
Palavras 8.481
Atualizada
Idioma Português
Categorias Lily Collins, One Direction
Gêneros Ação, Colegial, Crossover, Festa, Fluffy, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Violência
Sempre há pessoas que vemos como exemplos, aquelas que são admiradas pela sociedade ou são seguidas por grupos que desejam um lampejo de sua grandeza. São pessoas que causam em nós aquele frio na barriga. Isso se daria o nome de fanatismo. Os famosos Fandons. Mas que nome você daria a um grupo de uma pessoa que idolatra seu colega nerd de escola? E como você faria para torna isso um segredo? Afinal, não posso me misturar com o Zayn... Eu sou a Milla, e sou Popular.
  • 72
  • 36
Fanfic / Fanfiction Born to Sin - Nascidos para pecar
Em andamento
Capítulos 8
Palavras 18.392
Atualizada
Idioma Português
Categorias Justin Bieber, One Direction
Gêneros Ação, Aventura, Crossover, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência

Nesta vida, somos os demônios num mundo de arcanjos;
Os lobos rodeando cordeiros;
Somos os assassinos em série ao redor de criancinhas indefesas;

Uma história que deveria ter sido muito contada, mas não foi.
a verdadeira história dos rotulados, dos forçados a matar, dos que buscam um final feliz mas não alcançam,
dos nascidos para o pecado.
  • 38
  • 17
Fanfic / Fanfiction O amor vizinho ( Imagine hot com Zayn Malik)
Em andamento
Capítulos 64
Palavras 380.925
Atualizada
Idioma Português
Categorias One Direction
Gêneros Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Se olharmos por uma das nobres janelas da vida e repararmos o quanto somos iguais perceberíamos o quanto nossas complicações são desnecessárias. Talvez o motivo para nos mantermos acanhados sobre a parede com receio de encarar o semelhante que julgamos diferente seja a insegurança causada pelo medo de que podemos encontrar uma coisa melhor para nossos dias, a timidez de encarar uma nova experiência desconhecia vem carregada e embrulhada no orgulho cego que temos de nós mesmos. Criamos nossas próprias decisões criadas pelas pinturas expressas em nossas paredes, pintamos nossos amores, nossas paixões abaixo dos nossos próprios conceitos e acabamos por resmungar disso mais tarde levando a brigas, raiva, tristeza, depressão e a guerra esquecendo de que podemos encontrar um futuro extenso pelos caminhos longos estendidos pela janela que custamos a ignorar. Mas existem os corajosos que acabam por ultrapassar isso descobrindo que o tão desejado amor pode ser encontrado nos lugares mais diversos e julgados diferentes, descobrindo que o certo pode estar muito alem de nossos padrões e que a vida tem muita mais a oferecer do que aquilo que podemos imaginar ou desejar.
Descobrindo que no final de tudo não importa a raça, não importa a linguagem, não importa a distancia ou qualquer outra coisa no final de tudo todos nós somos iguais embrulhados cada um em seu modo divergente.
(Seu nome) (seu sobrenome) sempre soube muito bem o que queria forte, decidida e desimpedia de quaisquer chances de fracasso. Sempre levou seus dias observando o que havia pintado em sua parede para o futuro esquecendo-se do vivenciar o presente.
Zayn Malik um rapaz de temperamento forte, e aura elegante sabia exatamente como vivenciar o presente projetando um passado recheado de historias diferenciadas acabando por se esquecer do modo como o futuro podia ser misterioso.
Vidas distintas, pessoas semelhantes que se chocam obrigando-os decidir-se entre esquecer o modo como levavam suas vidas ou o modo em como poderiam levar uma vida a dois, tendo em mente o quão louco aquilo soava.
Você se entregaria a um amor incerto ou resistiria a ele?

  • 1.001
  • 1.108
Fanfic / Fanfiction Only One .::. In Another Life
Terminada
Capítulos 52
Palavras 134.396
Atualizada
Idioma Português
Categorias Hayes Grier, Justin Bieber, Magcon, Matthew Espinosa
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Only One:

Minha tia dirigia em silêncio e eu apenas dava alguns soluços de vez em quando. Mesmo que quisesse e estivesse fazendo o meu melhor, não conseguia chorar em silêncio. Meu corpo doía e o que mais estava machucado era meu coração. Só de pensar que eles nunca iam me perdoar por isso, era o fim do mundo para mim.

Eles se tornaram meu mundo e agora eu estava os largando.

Sara parou o carro em uma esquina e abaixou o volume do rádio que eu havia ligado, para dar uma disfarçada. Encarei ela confusa, enquanto secava meu rosto completamente vermelho e molhado e ela sorriu torto pra mim, levando a mão até meu cabelo e colocando uma das mechas soltas atrás da minha orelha.

- Vai passar, querida. - assegurou enquanto fazia um carinho atrás da minha orelha. Eu fechei os olhos e respirei fundo, tentando segurar o choro. Sabia que não ia, mas não havia nada que eu poderia fazer, então apenas assenti. Não tinha força pra falar nada.

Ela me deu um ultimo sorriso, tentando me tranquilizar e pisou no acelerador de novo, colocando o carro em movimento. Franzi o cenho quando uma luz forte veio da janela do lado dela, me fazendo olhar para ela. Arregalei os olhos vendo o caminhão vir em alta velocidade em nossa direção e meu coração disparou. Gritei o nome de minha tia em puro desespero segundos antes de sentir o impacto que o carro levou ao se chocar com o veículo maior.

O nosso carro capotou inúmeras vezes e todas elas eu sentia dor aonde meu corpo batia, apesar de tentar me segurar de todas as formas no banco. Apertei meus olhos com força quando finalmente paramos alguns segundos depois, de cabeça pra baixo. Toci seco, sentindo meu pulmão agonizado por estar inalando tanta fumaça. Minha perna, coluna e cabeça doíam tanto que eu não conseguia parar de chorar. Sentia o calor do fogo que envolvia nosso carro e me desesperei mais ainda, virando a atenção para a minha tia, querendo saber se ela estava bem, mas ao fazer isso, meu pescoço estralou e eu gritei de dor.

- Você está bem, Ali. - minha tia tentou me acalmar, ao ver que eu me mexia demais. Ela tinha um corte profundo na cabeça e parecia mais fraca do que eu, mesmo que a fumaça fazia eu ir piscando mais devagar a cada segundo. - você está bem, querida. Tudo vai ficar bem. - sorriu fraco, fechando os olhos devagarzinho.

Tentei me mexer para balança-la, mas mal conseguia respirar direito. Minhas lagrimas ainda escorriam depressa e eu tive mais uma crise de tosse. Senti meus olhos pesarem e aos poucos fui levada pela escuridão.



In Another Life: (Segunda temporada de Only One)

E se em outra vida, tudo fosse diferente?

E se ela, por algum milagre, conseguisse sobreviver ao acidente?

E se ela tivesse a chance de lutar para viver?

Você ficaria do lado dela?

E se você tivesse a chance de salvar a vida da pessoa que você mais ama, mesmo tendo um alto preço, você não aceitaria?

Mais uma vez Alisson e Hayes terão a chance de serem felizes, será que vão aproveitar?
  • 314
  • 804