Lista de Leitura: Originais Gays ❤️

Lista criada por: ~
2 histórias
Fanfic / Fanfiction Inimigos de infância (romance gay)
Em andamento
Capítulos 32
Palavras 39.044
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Survival, Universo Alternativo, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Liam Martin e Ethan Reed desde criança sempre nutriram uma rivalidade entre os dois, mas que nunca passava de implicância ou até mesmo insultos. Até que certo dia Liam resolve tirar satisfação com Ethan durante o intervalo da escola por causa de uma fofoca que Ethan havia seduzido sua namorada, Ashley, numa festa no sábado passado. Mas diferente das outras vezes, os dois acabam brigando, o que leva o diretor da escola de uma vez por todas à acabar com essa rixa, e para isso ele propõe que os dois virem amigos em até duas semanas ou percam algo importante para eles.

"Eu não lembro quando ou porque minha rixa com Ethan Reed começou.Mas ela sempre existiu. Ou pelo menos desde do dia que ele se mudou para casa de frente a minha. " - Liam.
  • 706
  • 626
Fanfic / Fanfiction Bela Chama (Fallen Reimaginado)
Em andamento
Capítulos 17
Palavras 98.826
Atualizada
Idioma Português
Categorias Fallen
Gêneros Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
(ESTA HISTÓRIA É UMA REIMAGINAÇÃO GAY DE "FALLEN", DE LAUREN KATE)

Os pais, o psiquiatra, o conselheiro da escola, sua melhor amiga e até mesmo o investigador criminal da região; todos tentaram arrancar de Luckhart Price a verdade. Mas nem ele próprio sabe se pode acreditar no que viu. Afinal, talvez estejam certos. Talvez esteja louco. Talvez seja, de fato, perigoso. E deva ficar preso. Era uma explicação mais aceitável e, para a surpresa de Luck, a menos pior em seu limitado leque de possibilidades.

Porém nada disso importa quando o juiz lhe sentencia á passar o último ano do ensino médio no reformatório Sword & Cross. Deixando toda a vida que conhecia para traz, Luck dá adeus á melhor amiga e aos pais angustiados. Logo ele se vê em um antro hostil, um lugar onde celulares são proibidos, câmeras vigiam cada canto e brigas de refeitório são resolvidas com canivetes e socos ingleses. Nada parece fazer sentido. Nada lhe dá o mínimo de euforia... Ele parece afundar dentro de si mesmo á cada dia.

Até que ele conhece Daniel.

Retraído, misterioso e intimidador. Características que deixariam Luckhart de cabelo em pé, principalmente se tratando de um reformatório de segurança máxima. Mas não é isso que acontece quando ele conhece Daniel. Com apenas algumas semanas, o garoto se vê completamente atraído pelo rapaz, que não se inibe em deixar bem claro o seu desinteresse, dispensando-o sempre que tem a oportunidade. Porém, não contente com isto, Luck também se aproxima do misterioso e ameaçador Ícaro Rouxell, que além de ser o total oposto de Daniel - ou qualquer rapaz pelo qual ele teria a mínima chance de sentir uma mera sombra de interesse - desperta no garoto uma sensação de acalento e familiaridade.

Após a tragédia, Luck prometeu a si mesmo manter distância de envolvimentos amorosos por um bom tempo - principalmente com tipos como Grigori e Roux -, mas o fascínio pelos enigmáticos estudantes lhe leva a dar cabo á uma investigação insana. E não apenas por uma paixãozinha superficial ou um desejo físico qualquer. Luckhart tem absoluta certeza de que já os conheceu conheceu antes. Assim como suspeita do paradoxal envolvimento de ambos com as sombras que sempre o perseguiram, nas lembranças desconexas e "alucinações" que o acometem cada vez mais frequentemente.

A loucura parece segui-lo de perto. Mas também uma verdade pela qual Luck não pode mais esperar. Uma lembrança. Algo que ele perdeu no dia do acidente. Algo que Daniel e ícaro sabem.

Movido pela curiosidade, o garoto ignora o perigo letal que o rodeia para descobrir segredo que os dois escondem tão desesperadamente. Algo que pode matá-lo de novo.

Ou talvez para sempre.
  • 44
  • 26