Lista de Leitura: Short/Longfics hardcore

Lista criada por: ~
10 histórias

Let Me Love You escrita por ~hulia

Fanfic / Fanfiction Let Me Love You
Terminada
Capítulos 17
Palavras 33.359
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Até que ponto chegar para conseguir dinheiro?
Manter-se na faculdade em Seoul é o objetivo e prioridade agora, porém as coisas começam a ficar difíceis. Afundando-se em dívidas, não há para onde correr. Uma proposta atraente e incerta aparece, podendo ser a unica saída. Vale a pena se entregar a um playboy insaciável completamente desconhecido por dinheiro?

Isso se tornará muito mais que apenas um "acordo", muito mais que busca por dinheiro. A atração e desejo surgirão de direções e pessoas diferentes. Qual a escolha certa a se fazer?


longfic • jungkook & taehyung x você [mafia!au/gang!au] romance | violence | hentai | +18
  • 386
  • 147

Heat escrita por ~alexturner

Fanfic / Fanfiction Heat
Terminada
Capítulos 10
Palavras 44.421
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Jungkook não sabia o que passara em sua cabeça ao aceitar a proposta de perder a virgindade com um ator pornô

» taekook | +18 | shortfic «
  • 710
  • 117
Fanfic / Fanfiction Manual do daddy: como ser um bom garoto
Em andamento
Capítulos 10
Palavras 26.403
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drabs, Ecchi, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Yaoi
Em um relacionamento de dominação e submissão, onde se é o daddy de alguém, devem ser estabelecidas regras. E essas regras, se quebradas, resultam em uma punição. E para não ser punido, Jimin teria que seguir o manual de Jungkook.

{DaddyKink | Jikook | 18+ | BDSM}
  • 2.679
  • 311

Adote Um Cara escrita por ~HeeJin_

Fanfic / Fanfiction Adote Um Cara
Em andamento
Capítulos 18
Palavras 71.581
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Aventura, Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Depois de descobrir que o seu ex-namorado está dizendo por aí que ela havia se transformado em uma solteirona, Abby é convencida a contratar alguém para fingir que está saindo com ela usando o site AdoteUmCara.com.
Taehyung, um típico adotado com um humor singular é o seu designado ou simplesmente ajudante, o único problema são os métodos nada convencionais que ele costumava trabalhar.

“Os homens mantinham um perfil detalhado sobre eles, coisas como hobbies e especialidades, um deles até colocou na sua lista de especialidades algo como “Nunca me esqueço de dar ração para o gato” e em seguida na de defeitos “Sempre me esqueço de dar água para o gato”. Que tipo de pessoa sem coração esquecia-se de dar água para o pobre gatinho indefeso? Aparentemente um cara lindo, moreno e... Fora! Homens que matam gatinhos indefesos de desidratação definitivamente não irão para o meu carrinho.”
  • 2.593
  • 1.368

Meu meio irmão escrita por ~Peronni

Fanfic / Fanfiction Meu meio irmão
Terminada
Capítulos 3
Palavras 27.272
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
| yoonseok | +18 | shortfic |

Jung Hoseok é um garoto animado, bom aluno e bom filho, sempre sendo aquele que sorri o tempo inteiro. Sua mãe, anteriormente solteira, arrumou um novo marido e com ele veio o seu filho: Min Yoongi, um garoto grosso, sem papas na língua, que só pensa em dormir ou ir em shows de rap.
Apesar dos dois novos irmãos não terem nada em comum, uma estranha relação surge. Eles não se gostam realmente, quase não se suportam, mas algo em Yoongi atrai Hoseok. E quando Hoseok presencia Yoongi em uma relação mais íntima com outro homem, tudo muda. Mas o que Hoseok não imaginaria era que Yoongi já havia reparado no mais novo antes e não relutaria em brincar um pouco com a mente de seu meio irmão hétero.

"Estou rastejando no seu coração. Virando-lhe, quebrando, engolindo. Sim, eu lhe roubarei e me saciarei. Eu farei você ruir. Esculpido em seu coração, eu quero viver para sempre mesmo depois de morto. Você pode me chamar de monstro." ~ EXO: Monster
  • 224
  • 187

My Daddy escrita por ~daphnebinder

Fanfic / Fanfiction My Daddy
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 3.891
Atualizada
Idioma English
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Gêneros Crossover, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
A foreign girl is struggling financially to keep living and studying in Seul when a friend's suggestion might be her only option to stay. 💼💋💰
  • 103
  • 13

Acordo Sexual escrita por ~Hoseporn

Fanfic / Fanfiction Acordo Sexual
Terminada
Capítulos 16
Palavras 36.742
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Tudo o que Hoseok temia era Min Yoongi, ter que conviver com o primo de intenções nada puras não era o que ele esperava para sua vida. Mas suas ações tolas e completamente irresponsáveis acabaram o obrigando a se submeter às vontades do Min.
  • 1.693
  • 466

Cruel Crown escrita por ~vixxoluxion

Fanfic / Fanfiction Cruel Crown
Terminada
Capítulos 51
Palavras 204.475
Atualizada
Idioma Português
Categorias EXO
Gêneros Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Um corpo perfeito, em vestes claras, luxuosas e límpidas. Sobre a cabeça uma coroa dourada, brilhando seu esplendor, seu poder. Um belo rosto, como feito em marfim, bem como a escultura de uma divindade perfeita, sem falhas, belos olhos, escuros e sedosos cabelos, pele branca, sorriso quente quando queria. Um sonho. Por muitos, comparada a um anjo celestial, uma bênção, algo divino, mas em seus olhos ele só via caos e destruição. Não dizia por dizer, sentia aquilo, sofrera aquilo, sabia daquilo como ninguém: nos olhos de um anjo, via-se um demônio.
Estatura baixa, em vestes escuras, simples e maltratadas. Sobre a cabeça, nada além de um passado nebuloso e triste, escurecendo sua aura. Um rosto belo, talvez, pálido como a morte, traços bonitos, olhos profundos e tentadores, cabelos negros como a noite, tinha um frio e ameaçador sorriso, quando queria, é claro. Um pesadelo. Dita por muitos como um demônio, sem alma, perturbada, mas em seus olhos e seu sorriso ele só podia ver e sentir amor, ternura e proteção. Dizia, tanto em vão quanto em razão, pois sentia, conquistara, sabia daquilo como ninguém: via-se, naquela que chamaram de demônio, a pureza, bondade e tudo que se tem num anjo.
Não era um demônio, nem ao menos um anjo. Não literalmente. Era apenas uma pessoa. A mais bela pessoa do mundo.
A coroa que já estivera sobre a cabeça da amada, agora era entregue nas mãos dele, pela protetora. Coroa Cruel. Por ela o amor de acabara, por ela tanto sofrera. Por ela quase morrera.
Seu anjo da guarda, que muitos julgavam ser algo maligno, algo ruim, o salvara do fatal destino. Antes fadado ao eterno sofrimento, agora era livre, graças a ela e outras bondosas almas. Uma vida pela outra. Muitas vidas por uma só apenas. Isto é amizade, isto é amor. O fim de uma doença, o fim de um vício, atribuído ao poder desta união.
Coroa Cruel, ao fundo do oceano sem fim, jogada. É lá que jazerá, e é lá que para todo sempre ficará.
  • 61
  • 113