Lista de Leitura: Tae Favs🖤

Lista criada por: ~
7 histórias
Fanfic / Fanfiction Um Conto de Fadas para Chamar de Meu
Em andamento
Capítulos 20
Palavras 80.995
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
HETERO TAEHYUNG | JIKOOK | COLEGIAL | COMÉDIA | DRAMA | ROMANCE | +18
Eu tenho apenas uma pergunta: Você acredita em príncipes encantados?
Porque, é difícil acreditar em contos de fadas quando a vida consegue ser tão dura no ensino médio ou fora dele.
Aos dezessete anos, eu jurava que Taehyung era meu príncipe e o meu final feliz. Mas, a vida acontece para nos mostrar que para conseguirmos o final feliz tão desejado, precisamos lutar todo dia.
Eu sei que muitas coisas aconteceram na vida para me afastar de Taehyung, mas quanto mais obstáculos encontrávamos, mais eu sabia que ele me ajudava a construir e viver o nosso conto de fadas na vida real.
  • 219
  • 349
Fanfic / Fanfiction Campus Of Love - It's Hard For a Bitch - Imagine Taehyung
Terminada
Capítulos 8
Palavras 13.846
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Colegial, Comédia, Romance e Novela
l IMAGINE TAEHYUNG l HÉTERO l
.
"Taehyung abriu a porta e eu tremi de frio. O mesmo se apressou a tirar o casado e colocar em volta de mim. Humm, quentinho.... e cheiroso, muito cheiroso. Passei por ele dando as costa aquela branquela e fui em direção ao carro do Tae a minha frente. Me virei para a porta da casa vendo o mesmo falar algo no ouvido na garota. Ela ficou vermelha, com certeza era algo sacana. Ele lhe deu um beijo demorado e logo correu até mim. Destravou o carro e entrou no mesmo. Fiz a mesma coisa que o garoto me aconchegando no banco. Eu não me incomodava de está pelada, eu amava ficar pelada, não iria ser agora que eu não iria gostar. Como muitos dizem, eu não tenho nada a esconder, não, espera, tinha os meu pornôs e hentais, disso ninguém pode saber.

- Vamos logo, acho que vou congelar - tremi os dentes para o Taehyung que deu um sorriso triangular.

- Quem mandou andar nua por ai - me olhou de lado. - _____ eu já lhe avisei sobre essas suas apostas, isso é vicio -
bufei. Okay, eu gostava de apostar com todo mundo mas, pô, era bom demais quando eu ganhava, o ruim era que a maioria das vezes eu perdia.

- Eu aposto que eu consigo parar de apostar por uma semana - virei para ele, já animada. Ele resmungou algo e eu continuei a encará-lo esperançosa.

- Você quer aposta que consegue parar de apostar - ergueu uma sobrancelha. - Além, de que por uma semana _____ - riu sarcástico. - Você consegue mais - cruzei os braços.

- Okay... - estralei a língua. - Por um ano - ergui uma sobrancelha. Quando eu ganhasse essa aposta, eu iria esfregar isso na cara do Taehyung pelo resto da vida dele.

- Por um ano - ele continuou olhando para a rua em sua frente. - Que tal.. humm - pôs a mão no queixo. - Se você ficar uma semana sem apostar, eu te dou aquele moletom do Harry Potter, mais qualquer quer outro que queira - meu olhos brilharam ao ouvi-lo falar do meu tão amado moletom.

- Original - ele assentiu. - Eu tenho uma ideia melhor - sorri. - Que tal, se você me der o moletom do Harry Potter, e... um uniforme da Sonserina - ergui a sobrancelha. Ele olhou para mim com a boca um pouco aberta.

- Quer me deixar pobre - reclamou. - Pedia logo um iate se fosse assim - ele resmungou algumas coisas.

- Do que está reclamando? Você é podre de rico - exclamei.

- Só por que eu sou rico não significa que eu queria gastar dinheiro - Taehyung continuava com a testa franzida.

- E ai? Vai arregar - o vi rolar os olhos enquanto eu fazia uma cara feliz, ninguém resistia a uma aposta. "
  • 254
  • 41

Adote Um Cara escrita por ~HeeJin_

Fanfic / Fanfiction Adote Um Cara
Em andamento
Capítulos 18
Palavras 71.581
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Aventura, Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Depois de descobrir que o seu ex-namorado está dizendo por aí que ela havia se transformado em uma solteirona, Abby é convencida a contratar alguém para fingir que está saindo com ela usando o site AdoteUmCara.com.
Taehyung, um típico adotado com um humor singular é o seu designado ou simplesmente ajudante, o único problema são os métodos nada convencionais que ele costumava trabalhar.

“Os homens mantinham um perfil detalhado sobre eles, coisas como hobbies e especialidades, um deles até colocou na sua lista de especialidades algo como “Nunca me esqueço de dar ração para o gato” e em seguida na de defeitos “Sempre me esqueço de dar água para o gato”. Que tipo de pessoa sem coração esquecia-se de dar água para o pobre gatinho indefeso? Aparentemente um cara lindo, moreno e... Fora! Homens que matam gatinhos indefesos de desidratação definitivamente não irão para o meu carrinho.”
  • 2.402
  • 1.333
Fanfic / Fanfiction Um vizinho nada convencional
Terminada
Capítulos 17
Palavras 58.430
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Visual Novel
Finalmente chegou o então esperado 3° ano do ensino médio, irei me formar com as melhores notas do colégio e entrar na melhor faculdade de Direito Sul coreana... Esses eram meus planos, minha meta, sonhos do qual pretendo realizar, até que para minha tristeza, meu maior pesadelo apareceu na cidade

Quem é ele? Meu vizinho

O que ele é meu? Bem... Meu vizinho

E qual é o problema? Ele ser meu vizinho

Por quê me incomodo com ele? Essa é simples, aquele ser satânico chamado Kim Taehyung me incomoda todos os dias com qualquer coisa, festas, gritos, conversas altas, risos escandalosos, jogos irritantes, brincadeiras de mau gosto...

Como pode ver a minha vida em diante não será nada fácil
  • 552
  • 337
Fanfic / Fanfiction Just Starting To Live
Em andamento
Capítulos 18
Palavras 33.168
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS), TWICE
Gêneros Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Festa, Fluffy, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Visual Novel
Alice é uma garota coreana de 16 anos, que viveu a maior parte de sua vida no Brasil, pois embora seu pai seja coreano, e ela tenha nascido na terra natal do mesmo, quando a menina ainda era bem pequena, sua mãe (brasileira) resolveu à pedido de sua família que o melhor seria voltar para seu país de origem, seu marido consentiu e assim aconteceu. Até que seu pai recebeu uma proposta muito boa de emprego na Coréia do Sul, e a família decidiu que era a hora de voltar. Agora ela está com a família em Seul, conhecerá pessoas novas, e terá um amigo... digamos, especial pra ela...
  • 355
  • 147
Fanfic / Fanfiction I Need Say Sorry - Imagine TaeHyung
Terminada
Capítulos 3
Palavras 4.692
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
l IMAGINE TAEHYUNG l HÉTERO l

"Olhei o meu ex namorado que estava um pouco longe de mim. Minha boca entortou e eu revirei os olhos com certa raiva. Aquele cretino. Eu tinha pego ódio de Kim TaeHyung. Nesse exato momento eu estava a ponto de dar na sua cara, arrastá-lo pelo cabelo e o trancar no meu quarto pro meu prazer. Okay, nós tínhamos terminados mais não significava que era porque eu queria, não mesmo.

Eu era uma orgulhosa filha da puta, isso era comprovado cientificamente."
  • 284
  • 18
Fanfic / Fanfiction The human and the Vampire (Imagine V - BTS)
Terminada
Capítulos 1
Palavras 1.611
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ecchi, Fantasia, Hentai, Musical (Songfic), Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo
"Acordei com aquela sensação de estar sendo observada, abri os olhos e não encontrei nada nem ninguém. Aquilo me perseguida constantemente sem descanso causando muitas dores de cabeça. Tentei falar com minhas amigas, mas nenhuma acredita de verdade que eu esteja sendo “perseguida”. Dizem que é coisa da minha cabeça e que estou ficando maluca de vez.
Decidi acabar de vez com aquela idiotice. Sensações estranhas dentro de mim como se dissessem “siga esse caminho” se apossavam do meu corpo o controlando até a entrada de uma floresta ali perto da minha casa. Caminhei por um determinado tempo até perceber o quão longe eu estava. Peguei meu celular mas estava sem sinal. Ótimo..."
  • 632
  • 40