Lista de Leitura: VOU LER

Lista criada por: ~
6 histórias
Fanfic / Fanfiction Chocolate (Imagine Jimin - BTS)
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 748
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Artes Marciais, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Amor entre duas origens diferentes, onde nasceu a mistura das duas; Park Ahra. A menina Ahra, filha de S/N com Park Jimin, era uma criança muito especial, nasceu pedindo condições e cuidados especiais, mas aprendeu Artes Marciais, a luta que ela praticava com os homens que devia sua mãe no passado. S/N uma mulher tailandesa, se envolveu com Jimin, um homem coreano e chefe de negócios sujos, mas eles não puderam ficar juntos por ameaças. S/N ficou doente e não tinha dinheiro para pagar tratamentos e remédios, e uma caderneta achada com nomes de pessoas que deviam a mulher, Ahra luta contra eles para conseguir dinheiro para remédios e tratamentos para a sua mãe.
  • 188
  • 14
Fanfic / Fanfiction (re)Nascer — (Incesto - Park Jimin)
Em andamento
Capítulos 14
Palavras 19.831
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Violência
“O mundo lá fora aparenta-me ser tão belo quantos nos livros que já li, mas tudo que tenho direito é a visão da torre onde vivo. Meu maior sonho é ser livre, viver sem represálias, sentir todos os aromas e sabores que existem por aí”.


Longfic || incesto || romance de época || realeza || hentai || dirtytalk || +18

Plágio é crime.


∆ HIATUS ∆
  • 2.164
  • 1.460
Fanfic / Fanfiction Troca de favores — ( shortfic hot - Taehyung)
Em andamento
Capítulos 4
Palavras 3.934
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
"Podemos muito bem nos ajudar, podemos misturar nossas famílias sem que misturemos nossos sentimentos, né?"

Shortfic || comédia || fluffy || hentai || conflitos familiar I| repostando.


Plágio é crime!

∆ HIATUS ∆
  • 675
  • 281
Fanfic / Fanfiction BodyGuard [Hiatus]
Em andamento
Capítulos 33
Palavras 129.595
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ação, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Para todo ser humano, um dia a palavra responsabilidade pesa. As vezes mais cedo do que o esperado, como foi no caso de Park Jimin. Um jovem nos seus 21 anos, que tem um defeito mais que comum; o orgulho. O mesmo viu seu pai abandonar ele e suas duas irmãs a anos atrás, então foi obrigado a tomar as rédias da família. Ser sério e bastante responsável entrou para a rotina. Largou os estudos na adolescência para arrumar um emprego e, além de sustentar a casa, ele juntava dinheiro para o tratamento de sua mãe.

Talvez ter aceitado o emprego de guarda costa de um garoto rico e mimado, que não sabe a existência da palavra responsabilidade, não tenha sido tão mal assim. Jeon Jungkook apronta por prazer a fim de infernizar a vida dos outros, principalmente o seu pai, entretanto ter Jimin ao seu lado irá lhe ensinar lições de vida que ele jamais pensou em ter. Sua vida mudará drasticamente por causa do seu novo guarda-costas.
  • 4.118
  • 2.290
Fanfic / Fanfiction Parker (Imagine Jimin - BTS)
Terminada
Capítulos 13
Palavras 15.414
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Assassino a preço fixo, com o propósito de fazer seus trabalhos parecerem acidentes, suicídios ou atos de criminosos locais. Seguindo regras simples e restritas para terminar seus serviços. Treinado para matar pessoas valiosas e não ter remorsos das vítimas. Num mundo onde todos são controlados por dinheiro, ele terá que cumprir mais uma missão. Erradicar a pessoa que deseja sua morte.

O que ele não contava era que podia se apaixonar pela sua inimiga.
  • 1.529
  • 188
Fanfic / Fanfiction Aleatória (Imagine Kim Taehyung)
Em andamento
Capítulos 15
Palavras 32.670
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Colegial, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Muita gente deve pensar, assim que me vê desse jeito, que eu estou apenas com frescura, que é apenas uma fase ou que sou uma aborrescente, algo normal pra minha idade. Porém, na minha cabeça, isso é apenas uma calúnia, e das grandes.

Ultimamente, um sorriso vale muito mais do que valia antigamente para mim. Ele apenas surge em minha face para pessoas que convivo o tempo inteiro, ou seja, escola e afins. Porém, as verdadeiras pessoas que viveram comigo desde que nasci, meus pais, parecem não merecer mais o meu sorriso.

Aprendi esses tempos na aula de Química que, para que uma molécula de certa substância possa se locomover, é preciso certa quantidade de energia. O mesmo acontece com um sorriso meu, ele precisa desse mesmo valor de energia, porém convertido em uma simples palavra: amor. E, de uns tempos para cá, não é exatamente isso o que está acontecendo com meus pais e até mesmo outros familiares. Mesmo na escola, onde me divirto e rio sem parar, muitas vezes quando sorrio, é falso, porque sinto a energia mentirosa e/ou estou triste.

Sinceramente, adolescência é um saco... Um pé no saco.

[...]

"A propósito, sou o V."

Assim que ele me manda isso, fico completamente triste. Isso é um nome por acaso? Um menino tão lindo assim poderia ser chamado por uma simples e insignificante letra?

"V de Viado ou de Vadio?"

Pergunto, tentando ser um pouco irônica. Logo, recebo sua mensagem.

"É V de Viril mesmo... Brincadeira. É meu apelido que criei para o aplicativo... Sabe, eu estava cansado de ficar tentando e tentando arranjar um user válido, daí quando eu me irritei, acabei colocando V."

Sorrio. Ele parecia ser fofo, e não apenas por seu rosto.

"Já que é assim... Pode inventar um apelido pra mim. Acabei pegando as sugestões, e agora eu sou a amiga003."

Envio e subo um pouco a conversa para admirar sua foto novamente, porém tenho de descer tudo de novo para ver sua mensagem nova.

"Posso te chamar de Aleatória? Afinal, você realmente foi uma escolha aleatória..."

Dou risada de sua resposta e fico encarando aquela simples mensagem novamente, subo para ver seu sorriso angelical, e logo o respondo.

"Ok, mas só porque não temos outra opção..."
  • 590
  • 221