Notícia Curiosidades Coreanas - 7


Por: ~


Curiosidades Coreanas - 7

Não é mais novidade se deparar com fãs de k-pop no Brasil. É possível ver que tal estilo musical tem crescido e o número de fãs também. Muitas bandas têm ganhado prestígio, assim como os próprios ídolos. Entretanto, o que muitos fãs veteranos sabem, outros novos desconhecem e muita gente que não é fã sequer já ouviu falar é que nem tudo é um mar de rosas no k-pop. Antes de alcançarem a fama, muitos integrantes de bandas passam por um treinamento, sendo chamados de trainees, que é um caminho longo e difícil. Você sabe como é esse caminho?

O período de treinamento de um trainee é incerto. Podendo ser de 2 a 7 anos, durante o processo eles recebem aulas de treinamento vocal, dança, etiqueta, atuação e várias outras técnicas que possam ajudar no crescimento. O ritmo das aulas é intenso, podendo durar o dia inteiro. Sendo assim, muitos abandonam o colégio para se dedicar somente ao treinamento. Não pense que é algo comum: na Coreia, a educação é muito valorizada. Dessa forma, os pais sequer cogitam a possibilidade dos filhos falharem caso abandonem os estudos em busca da carreira musical. Eles precisam alcançar seus objetivos, já que abandonaram a escola justamente para isso.

Muitos começam desde cedo, ainda crianças, outros começam durante a adolescência. Fato é que, nos dois casos, o treinamento é árduo e difícil. Podendo durar o dia todo e tendo pouco tempo de descanso, muitos não aguentam o ritmo e podem acabar desistindo. Além disso, há forte concorrência. Apesar de existirem vários grupos e trainees por aí, a indústria musical é limitada e a pressão é forte.

Ao fim, quem pensa que quando um trainee consegue o almejado sucesso está livre do sofrimento está enganado. Nem sempre é assim. O ritmo de treinamento dificilmente muda, isto é, eles continuam se exercitando diariamente. Além disso, as agências nem sempre são um mar de flores com as bandas, não sendo difícil se deparar com notícias que expliquem sobre desentendimentos de determinadas bandas e agências por aí. Se duvida disso, basta procurar relatos de ex-trainees e verá que há uma similaridade entre eles: justamente a relação conturbada entre a empresa e os músicos.

Essas foram algumas curiosidades sobre a vida de um trainee, compondo um lado do k-pop que gera controvérsias entre fãs e faz as pessoas se questionarem sobre a própria indústria musical e seu impacto na sociedade. Todo esse treinamento e a pressão são realmente necessários? Encontrar um equilíbrio que agrade as bandas, a indústria e os fãs é difícil, mas geraria bons frutos para todos. E você? O que acha sobre isso? Já tinha ouvido falar sobre os trainees? Deixe sua opinião nos comentários!

Fonte: kpopnow, kpopnow (créditos da imagem para o mesmo site).


Gostou da Notícia? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Para ter acesso a todas as funções disponíveis no Spirit, é necessário que você esteja cadastrado no nosso site e esteja logado no sistema.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...