Notícia Ubisoft recomenda que Sony aja rapidamente e dê 'direção' ao seu PSP


Por: ~




Em entrevista ao site GamesIndustry.biz, Rob Cooper, Diretor Técnico da divisão inglesa da Ubisoft, disse que o PSP não tem direção definida, pois a Sony está incerta de como marketear uma máquina que, para ele, tem preço salgado e é muito técnica para o consumidor de tendência predominante.

"Eu acho que a Sony está desapontada com as vendas e está incerta do caminho a tomar", disse Cooper. A Sony precisa nos mostrar um pouco mais de seus planos para convencer a distribuidora a investir muito dinheiro nela. Especialmente quando você tem o DS vendendo em um ritmo tão acelerado.

"Eu suponho que é técnico demais para o jogador casual, aqueles que estão comprando um DS nesse momento, que querem apenas alguns botões e não muito mais que isso. É tão simples o que [a Nintendo] fez. É lá que eu acho que a Sony foi um pouco complicada demais, eles exageraram nas especificações, o preço é muito alto e eles precisam voltar à prancheta e começar de novo", acrescentou.

Cooper não acha, no entanto, que haja um problema com o preço de software, particularmente a Sony não comunicou às publishers claramente que direção a máquina vai tomar no futuro.



"Eu não considero o preço [do software] um problema", admitiu ele. "Como uma publisher, eu sempre direi que o preço não é o primeiro ponto de convite. Eu não acho que cortar o preço dos jogos vai vender mais produto ou hardware.

"É direção, uma decisão verdadeira e estratégia da Sony de o que ela quer fazer com aquele produto. É uma grande pena que as vendas estejam no nível que estão, porque você tem um sistema que é absolutamente lindo".

A Ubisoft não tem planos de lançar jogo no PSP esse ano, mas Cooper insiste que o formato ainda tem potential, desde que a Sony possa identificar propriamente sua audiência e tirar o sistema da "terra de ninguém".

"Estão ocorrendo discussões com a Sony sobre quais são suas decisões e estratégias, sobre como eles vão prosseguir.

"Certamente, nós ainda o vemos como um formato viável. Mas não estamos desenvolvendo muitos jogos nele até tenhamos alguma direção. Eles têm que decidir o que eles querem fazer com o PSP, e chegar e dizer claramente, 'essa é nossa estratégia, esse é nosso processo e é assim que as publishers se encaixam".

"No momento, eles estão em 'terra de ninguém', eles não têm certeza de como enfrentar a competição do DS e quem é o consumidor do PSP. Eles tem que descobrir isso primeiro", disse ele.

No mês passado,David Reeves, Presidente da Sony CE Europe, admitiu que o PSP vem sofrendo com a falta de jogos. Embora o suporte para o portátil esteja ficando menor na Europa e nos EUA, as vendas do PSP no Japão continuam a disparar. A introdução de modelos em novas cores ajudou a aumentar vendas, e o portátil regularmente supera o Wii e o DS por lá, segundo dados do Media Create.

Gostou da Notícia? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Para ter acesso a todas as funções disponíveis no Spirit, é necessário que você esteja cadastrado no nosso site e esteja logado no sistema.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...