~Azu--chan

Azu--chan
Waiting...
Nome: ★ Luíza || Azu ★
Status: Usuário Veterano
Sexo: Feminino
Localização: Governador Valadares, Minas Gerais, Brasil
Aniversário: 28 de Agosto
Idade: 21
Cadastro:

Limpando a vida


Postado

Limpando a vida

Tem um tempo que eu venho tentando fazer um tanto de coisa ao mesmo tempo. Achei que, como estou sem fazer nada mesmo, só esperando o ano que vem chegar pra voltar a estudar, eu poderia aproveitar o tempo de sobra pra tentar expandir minhas experiências em outras áreas.

Não deu certo.

Minha vida psicológica está um caos há bastante tempo. Não sei se é alguma tentativa subconsciente de provar pra mim mesma que eu posso ser útil a alguém, ou se é simplesmente uma euforia passageira de tentar algo novo que eu sempre admirei. O problema é que eu não consigo me dedicar simultaneamente a mais de uma coisa. Se hoje eu escrevo fanfics e quero sempre melhorar minha escrita, escrever capítulos cada vez melhores, eu preciso me dedicar a isso. Só que se, paralelo a esse hobby, eu decido fazer outra coisa, eu e meu perfeccionismo seríamos obrigados a dar 100% de nós naquilo TAMBÉM. E isso me desgasta de um jeito que vocês não têm ideia.

Pois é, não posso dar muitos detalhes, mas nessas últimas semanas eu me dediquei pra caramba a outras coisas além da vida de ficwriter e, por conta disso, fiquei tão, mas tão cansada e psicologicamente atormentada, já que não conseguia dar o meu máximo em nenhuma das coisas que eu estava fazendo, que acabei dando um bug muito louco e entrei numa crise de não querer fazer nada. Nem aquela coisa nova que eu comecei há muito pouco tempo, nem escrever. Nada. Tudo que eu queria era ficar na cama, olhando pro teto, o dia inteiro. Sério, não tô nem brincando. A única coisa que me fazia sair do quarto era o meu enorme amor por comida.

Depois de um tempo pensando nesse assunto, eu percebi que o meu sonho mesmo, desde que descobri o gosto pela escrita, é fazer uma história tão boa, mas tão boa, que se eu fosse disponibilizá-la num formato físico, muita gente iria querer. Eu nem sonho mais com um livro, livro mesmo, do tipo de mandar pra milhões de editoras e rezar pra alguma aceitar publicar. Hoje em dia o reconhecimento que a gente tem na vida virtual é enorme, e acho que isso pra mim já bastaria. Aquela vontade de construir um enredo fantástico, que consiga fazer muita gente ficar ansiosa pro próximo capítulo, que seja capaz de emocionar de verdade, fazer doer lá no fundo da alma, arrancar sorrisos bobos, gargalhadas verdadeiras de quem está lendo... É isso que eu quero. É isso e ponto. O resto é só um hobby secundário que pode esperar. E é por isso que eu decidi focar única e exclusivamente nas fanfics e histórias. Tanto na que eu estou postando atualmente, quanto nas próximas que virão.

Por isso, dei uma excluída em várias coisas. Não vou mais usar o twitter, vou "fechar" o blog, só vou postar um vídeo novo no meu canal do youtube quando tiver um microfone bom, e não vou tentar nada novo que passar pela minha cabeça.

Como é uma coisa que não acontece sempre comigo - essas crises loucas que me deixam muito tombada e com vontade de hibernar -, achei que deveria escrever um jornal sobre isso. Talvez sirva de ajuda pra alguém que leia.

A moral que consegui tirar dessa situação foi: não se sobrecarregue. NUNCA. A gente tem um limite, SIM. Não dá pra fazer tudo ao mesmo tempo. Dá pra fazer tudo, claro que dá, mas uma coisa de cada vez. E se tiver dúvida do que fazer primeiro, faça o que for mais importante. Seja um trabalho da escola, uma semana de estudos ou a dedicação ao seu sonho. Animes e séries podem esperar. Aquela sua curiosidade sobre tal coisa também. Não se destrua por dentro, já tem tanta coisa do lado de fora querendo fazer isso... Preserve seu interior, deixe-o forte, pra que nada que vier de fora consiga te abalar.

Espero, de coração, que esse relato tenha sido útil pra alguém.

Obrigada por ter lido e até a próxima!


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...