~Alipheese - Clan Dragon

Alipheese
Top Snek!
Nome: ♫ [̲̅α̲̅l̲̅i̲̅ρ̲̅н̲̅є̲̅є̲̅ร̲̅є̲̅] ♫ Best da ✩ Boneknapper ✩
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 13 de Junho
Idade: 12
Cadastro:

Ficha :3


Postado

Ficha :3



♪ Nome ♪

Megumi Mochizuki.
✫ Seus apelidos são Gumi, e Megu, mas as crianças que a vêem pela primeira vez costumam chamá-la de "Bruxa".
✫ Megumi significa "Bênção" e Mochizuki significa "Lua Cheia"



♪ Idade ♪

Dezoito anos.
✫ Nascida em 19/11.
✫ Signo de Escorpião.



♪ Personalidade ♪

Megumi era normalmente evitada pelas pessoas por aparentar ser agressiva; pelo menos era assim nas escolas que ela frequentou. Perde a paciência com tanta facilidade quanto recupera sua calma após espancar algo ou alguém. Pode parecer ser fraca, mas seus socos e chutes doem, e bastante.

Mesmo depois de se apegar ou confiar em alguém, continua a mesma no quesito "agressividade". Mas, passa a ser um doce. Adquirir sua confiança significa tê-la grudada em si boa parte do tempo, sendo amorosa e gentil. Mas, não se adquire sua confiança tão facilmente.

Aparenta ser assustadora, o que não deixa de ser verdade, mas seus sorrisos e piadinhas sem graça escondem seu lado sombrio, por assim se dizer. Ela desconfia de qualquer um, não importe o quanto ele pareça ser inocente. Aprendeu com sua vida que nem tudo é o que parece, por isso não acredita muito nas pessoas. Conhece as pessoas e suas façanhas, fora obrigada a aprender com o tempo que nem tudo são flores.

Ela faz o que acha ser certo. Se arrisca, acreditando nos próprios instintos. É orgulhosa o suficiente para não admitir que está errada mesmo quando sabe que está. Até ela mesma tem consciência de que este seu lado é irritante; mas faz parte de si, não há como mudar. A não ser que você seja muito importante para ela, ela não se desculpará na hora, mesmo estando erradíssima. Normalmente, com o tempo, ela acaba cedendo e se desculpando. Mas às vezes o tempo foi o suficiente para que ela não possa mais ser perdoada.

Vive cada dia como se fosse o último. Faz o que quer, quando quer. É um tanto quanto imprevisível, mas é transparente para os que realmente a conhecem. É muito forte sentimentalmente. Odeia chorar, e raramente o faz. E, quando o faz, não gosta de fazê-lo na frente de outros. A não ser que não consiga se conter, ela procurará um lugar onde possa chorar silenciosamente, sem olhares de pena ou consolos que ela considera apenas palavras vazias e sem significado.

É atenciosa o suficiente para perceber a menor das mudanças na aparência, humor ou qualquer coisa. Está sempre atenta a tudo e todos ao seu redor, pela desconfiança, e por ser simplesmente um costume. Ela tem seu lado sombrio, mas seu lado amoroso normalmente é o que as pessoas mais veem. E ela prefere que permaneça assim.

Ela se constrange facilmente quando a coisas são assuntos pervertidos, por assim se dizer. Ela poderia ser comparada a um tomate, quando ouve falarem coisas de duplo sentido ou pessoas se agarrando por aí. Tem a boca suja e odeia que digam coisas como "mocinhas não deviam falar palavrões!". Isso a irrita extremamente. E, não importa o quanto digam, xingar é até um modo de fazê-la manter a calma -apesar de que ela nunca consiga mantê-la por muito tempo-.

Mantém um semblante misterioso e uma aura negativa extrema. Consegue se camuflar com facilidade, quase ninguém nota sua presença até que ela fale algo, quando calma costuma falar baixo, mas quando Megumi quer por fim em uma discursão ou em algo do tipo, eleva sua voz de uma forma que é difícil não se calarem para ouvi-la. Mataria por seus amigos e pelas pessoas que ama, ou até mesmo para conseguir seus objetivos...



♪Aparência♪

Megumi têm longos, sedosos, e lisos cabelos pretos, que presos chegam até abaixo se seus seios e soltos chegam até um pouco abaixo de sua cintura. Ela geralmente prende seus cabelos em um rabo de cavalo folgado. Seus olhos são igualmente vermelhos cintilantes, que a noite são como lanternas, pois são enxergados de longe. Ela têm a pele extremamente clara (Mas um tanto difícil de ser perfurada), e isso faz suas bochechas ganharem uma coloração rosa adorável. Seu nariz é pequeno e levemente empinado, e seus lábios são feridos e pequenos, possuem uma coloração arroxeada. Seu corpo é pequeno e magro, com algumas curvas. Seu corpo têm os ossos marcados, devido ao seu peso. Suas mãos têm os ossos levemente marcados, e unhas grandes e pontudas. E por último, ela possui uma cicatriz na coxa esquerda, gerada por uma facada. Tem 1,58 de altura e pesa 31kg.






~Aparência de Nao Sadatsuka - Shokugeki No Souma~


♪ Diagnósticos ♪

Reflexos Absurdamente Bons.
✫ Psicose Maníaco Depressiva./Transtorno Bipolar.



♪ História ♪

Megumi antes mesmo de nascer já causava problemas para a sua família, começando com a sua adorada mãe, Naomi. A jovem mulher de vinte e três anos tinha tantos problemas que quando soube da gravidez não planejada acabou desmoronando. A sorte é que Soichiro, seu pai, procurou saber sobre aquela bela mulher, então descobriu que ela carregava um filho seu. Como ele era o futuro herdeiro de uma família muito rica, a única solução que os seus pais acharam era fazer com que eles se casassem imediatamente para evitar escândalos.

E assim foi feito, porém Naomi sempre estava com um olhar melancólico. Três meses depois ela foi diagnosticada com depressão, o que novamente só piorou a situação, pois a qualquer momento ela poderia simplesmente se matar, afinal, ela já não comia direito e já estava começando a surtar, murmurando xingamentos direcionados a pequena e inocente criança que nem havia nascido. Seis meses depois, a pequena Megumi finalmente veio ao mundo, e apesar dos pesares, foi a alegria da família de seu pai, já a sua mãe apenas chorava e pedia para que matassem a criança... Ela estava ficando realmente louca.

Megumi no início, quando tinha por volta de três anos e ainda não sabia de nada, era uma criança super doce, sempre com um sorriso banguela a mostra para a sua mãe que apenas o olhava com ódio. Dois meses após a garota completar seus quatro anos, sua mãe surta de vez e decide que iria matá-la, ela a pega no colo pela primeira vez enquanto segura uma faca na sua outra mão, leva-a para um quarto escuro na casa que não era usado para nada. Então do nada a coloca no chão, se senta junto com ela ainda escondendo a faca atrás das costas enquanto seu semblante é de horrorizar, apenas um largo sorriso psicótico enquanto os olhos estão abertos com as pupilas contraídas. Ela apenas finca o facão na coxa esquerda da pequena Megumi, que logo começa a gritar e chorar, é claro afinal, aquilo havia doido MUITO! Logo seu pai invade o quarto e tenta tomar a faca que novamente estava nas mãos de Naomi, e para piorar a situação da pequena, ela olha profundamente nos olhos dela e... Corta o próprio pescoço, assim caindo no chão como um... Saco de batatas.

Após isso Megumi fora levada rapidamente para o hospital, afinal, sua coxa estava sangrando muito, porém por sorte não havia sido nada sério, apenas ficaria a cicatriz, que marcaria aquela noite para sempre na memória da pequena.
Seu pai então resolveu se mudar para um outro bairro, levando da outra casa apenas a garota, na esperança de que essa lembrança ruim fosse apagada da mente dele. Mas isso claramente não aconteceu, Megumi nunca mais sorriu tão abertamente, na verdade, ela só sorria na presença de seus melhores-amigos, mas além disso nem mesmo falava, apenas observava as pessoas vivendo uma vidinha feliz enquanto passava a mão na cicatriz na sua coxa. A pequena garota passava a maior parte do tempo observando a vizinhança pela janela com seu binóculos, vendo constantemente espancamentos, assassinatos e coisas relacionadas ao vivo! Tudo aquilo era como um circo para Megumi, onde ela era a telespectadora.

Com seus belos sete anos começou a por em prática os planos que rondavam sua cabeça, como por exemplo... Ela testava sua capacidade de manipulação com as pessoas, entre várias outras coisas, sem falar que o vocabulário dela já era muito extenso, afinal, passava grande parte do tempo mexendo em seu computador, pesquisando várias coisas que uma pessoa normal não iria nem querer saber. Ela até começou a investigar algumas pessoas...

Ela havia se tornado uma garota agressiva, que mataria uma pessoa só com seu olhar mortífero. Vendo isso seu pai, tentou de diversas formas contê-la, mas nada funcionou. Então ele teve que mandá-la para a CIJED, o que foi sua última alternativa.



♪ Família ♪
Mãe: Naomi Mochizuki.
✫ Pai: Soichiro Mochizuki.



♪O que gosta ♪

Chuva.

✫Pular em poças de água.

✫Flores.

✫Plantas.

✫Espadas.

✫”Brincar” com seus Suntetsus¹.

✫Ler.

✫Ser desafiada.

✫Comer.

✫Morangos.

✫Pintar e desenhar.

✫Lendas.

✫Observar as pessoas e suas fraquezas.



♪O que não gosta♪

Muito calor.

✫Cactos.

✫Comidas muito amargas.

✫Pimenta.

✫Trovões e relâmpagos.

✫Aranhas.

✫Traições.

✫Mentiras.

✫Ser chamada de perdedora.



♪ Comida Favorita ♪

Torta de Frango.


♪ Bebida Favorita ♪

Milk Shake.


♪ Par? ♪

Nope.


♪ Classificação na Escala do Assassino ♪

A.


♪ Informações sobre seu Assassinato ♪

Ela costuma matar apenas quando se sente ameaçada, ou algo do tipo.

✫Primeiro, Megumi tenta passar uma boa impressão para quem vai matar. Assim pode manipular a pessoa como bem entender.

✫Segundo, ela afasta o selecionado das demais pessoas, e o apunha-la geralmente por trás, com seus suntetsus¹.



♪ Preferência de Armas ♪

Prefere armas brancas de curto alcance.


♪ Já matou alguma vez? ♪

Sim. Megumi matou duas pessoas, na época que ainda estava testando suas habilidades e fazendo algumas “Experiências” sobre o comportamento das vitimas antes de morrer.


♪ Já sentiu vontade de matar alguma vez? ♪

Sim. Várias vezes.


♪ Apresenta Sinais quando sente o Impulso de Matar? Se sim, quais? ♪

Ela pressiona com força o dedo indicador contra o canino, ou ao invés disso morde o lábio inferior com o olhar focado.

♪ Algum animal representa seu estilo de Assassinato? Se sim, qual? ♪

O Açor ( Que até parece um pouco com a Megumi, hihi) que quando se sente sob perigo, ataca sem aviso e mata.


♪ Alguma cor o representa? Se sim, qual? ♪

Azul Marinho.


♪ Alguma Frase? ♪

“Por trás das máscaras, rostos sofrem de solidão."


¹: A suntetsu é uma arma branca japonesa formada por uma haste de metal com mais ou menos 6 polegadas de comprimento e uma ponta extremamente afiada. Na metade da suntetsu existe um anel onde o dedo médio do combatente é inserido para o manuseio da arma. O grande benefício de utilizar esta arma é o impacto causado na hora do golpe. Por possuir um tamanho compacto sua utilização era muito mais simplificada, bastando apenas apunhalar o inimigo.



Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...