~_danysiilva

_danysiilva
Nome: Dani Silva
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Jundiai, São Paulo, Brasil
Aniversário: 25 de Agosto
Idade: 17
Cadastro:

Um certo talvez


Postado

Um certo talvez

Ás vezes eu penso “Talvez, o pior erro seja amar.” Mas será mesmo? Será que em meio a tantos devaneios e loucuras o amor não é, talvez, a salvação? Sou dessas que me entrego de corpo e alma, não gosto de amores pela metade e tão pouco não sou intensa. Julgo o amor como um sentimento inestimável e é uma tremenda lástima ele não o ser para você, meu amor.

Sou só eu ou você também possui essa insegurança dentro de você sobre nós? Sinto-me tão pequena nessa terra de gigantes, incapaz de tomar uma decisão sequer sozinha, e ainda tenho que lidar com esse medo e paixão que me consomem dia após dia. Em um momento sinto você junto a mim, sinto que estamos em plena sintonia e que nada, nada pode nos abalar. Mas essa sensação logo se esvai ao receber um “Não poderei ir hoje. Reunião vai acabar tarde”. É bobagem minha se eu disser que às vezes você me joga para escanteio por pessoas que você sequer conhece há seis meses?

Lembra-se com quem estava no nosso aniversário de um mês de namoro? Caso não se lembre, não foi comigo. Já lhe perdoei inúmeras vezes pelas burradas que cometeu, e sempre fico pensando: serei capaz de perdoar mais um erro seu? E chego à conclusão que talvez sim. Porque o amor que tenho em mim, por você, grita mais alto que a razão.

Não me importo se você não me dá flores como os namorados das minhas amigas fazem, se você, de vez em quando, é seco comigo por SMS, ou se as vezes se atrasa para ficarmos juntos, porque você, mesmo com tantas imperfeições, consegue ser a pessoa que faz meu riso mais feliz e que em meio a tantos erros consegue ser a minha cara metade. O amor que sinto por você, consegue sim, ser a salvação para os meus dias infernais e só ele me traz aquela calmaria de que tanto preciso. Talvez amar seja isso, se jogar em um abismo de incertezas, em que a possibilidade de se machucar é gritante, e não ligar para as consequências que se seguirão. Afinal você não se apaixona apenas pelos detalhes da obra, mas sim pelo conjunto dela.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...