~bolchevique

bolchevique
— may your god deny you +
Nome: ܟf̤υc̤k̤i̤n̤g ̤m̤e̤s̤s ̤s̤o̤m̤etimes || ̷p̷o̷k̷é̷m̷o̷n̷ τrainer™
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Solidao, Pernambuco, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Comiℕgs: Ficha


Postado

A place where everything is possible

『 Nome: 』
Bernard James Kingsleigh

『 Apelido: 』
Ben – Um clássico apelido que é uma forma curta de seu nome (e que faz com que achem que seu nome é Benjamin). Sua mãe gosta de chamá-lo por esse apelido por ser mais fácil do que Bernard.
Benny – Ele fica levemente irritado quando usam esse apelido. Não sabe exatamente o motivo de detestá-lo, mas também não reclama. Quando chorava por causa de pesadelos, sua mãe costumava consolá-lo chamando-o de Benny.

『 Idade: 』
Dezesseis | 15/03| Peixes

『 Aparência: 』





『 Descrição: 』
Ben tem a altura de 1,67, estando “na média” para a idade, mesmo que seja considerado bem pequeno perto dos outros. Não possui quase nenhum excesso de gordura no corpo, sendo até que saudável. Suas feições são ainda infantis perto do que os outros garotos de dezesseis anos carregam, mas ele acredita que isso não tem muita importância. O rosto possui bochechas macias e não muito rechonchudas, mas que dão o ar pueril a Ben. O queixo é largo, mas não muito, e o maxilar tem um formato mais ou menos afilado. Seus cabelos de brilho dourado – louros que pendem ao castanho – quase tocam os ombros e cobrem as orelhas, os quais possuem leves e eventuais ondulações nas pontas e/ou na franja, que cai sobre sua testa; normalmente, a franja fica sobre a testa, mas Ben também a usa para o lado. Eles também contribuem para que pareça mais jovem. Seus lábios são róseos e finos.
Possui olhos acinzentados que dão a impressão de serem azuis-acinzentados ou ainda verde-acinzentados. Os cílios são suaves e castanhos, e suas sobrancelhas são claras e finas.

『 Sexualidade: 』
Heterossexual

『 Descendente: 』
Alice Kingsleigh

『 História: 』
Nasceu em Oxford, inglaterra. Criado pela mãe – porque seu pai viajava muito, já que era/é um grande empresário –, Bernard obteve boa criação e excelente educação desde criança. Vivia numa grande casa cercado de empregados, que de certo modo, ajudaram a formar sua educação, visto que sua mãe também trabalha na área de negócios e que não podia ficar o tempo todo em casa.
Sua infância foi bastante tranquila na alta sociedade. Aprendeu esgrima com onze anos e a tocar violino, sendo essas suas maiores habilidades até então. Sendo filho de Alice Kingsleigh, Bernard teve sua experiência no País das Maravilhas assim como a mãe, mas só esteve lá uma única vez. Era realmente muito jovem quando, distraído, caiu num buraco por acidente, terminando por parar lá. Teve uma agradável tarde do chá com a Lebre de Março e o Chapeleiro, para só então acordar e descobrir que tinha sido um mero sonho.
Sua mãe ficou sabendo do sonho sete anos depois, quando Ben contou a ela, e apenas por uma medida de precaução, matriculou-o numa escola para descendentes, e Bernard, além de ansioso, ficou realmente empolgado.

『 Personalidade: 』
Ben anda com os passos silenciosos, numa caminhada onde os olhos vagueiam timidamente pelo ambiente em que se encontra. Sua combinação envolve introversão e timidez, e ele não consegue conter suas estruturas quando é o centro das atenções em algum determinado momento ou lugar; fica com vergonha e até mesmo constrangido, mesmo quando se destaca por alguma conquista ou ação positiva. É o tipo tímido que fala e articula e se expressa com desenvoltura e habilidade, mesmo que esteja com as mãos tremendo de vergonha. Não gosta de tremer ou de que os olhares se voltem para ele, então só se expressa quando é solicitado ou quando está num meio de amigos.
Seus sorrisos tímidos são reservados apenas para seus pensamentos uivantes em sua mente barulhenta; os pensamentos vão e vêm na cabeça de Ben, sempre quieto e de ombros encolhidos com uma cabeça inquieta. Ainda, os raros, leves e acanhados sorrisos do garoto podem se voltar aos amigos, com os quais cultiva uma amizade de forma lenta e gradual. Os sorrisos para os outros são raros ou usados para causar uma primeira impressão positiva.
As relações de Ben com as pessoas são, muitas vezes, inexistentes. Ele procura ficar sozinho porque não se sente bem num meio de pessoas, tudo culpa de sua introversão. Contato com os outros é quase uma coisa fora do normal para Ben; sua timidez jamais permite que ele chegue nos outros para fazer amigos, e isso ocasiona em seu infeliz isolamento. Porém, não enxerga as boas intenções com um olhar cético; a perspectiva é um notável dom no garoto, além de sua percepção e esperteza. Logo, sabe diferenciar as boas das más intenções alheias. Para isso, precisa pensar, e Ben pensa demais; sua esperteza, combinada com a percepção, faz com que ele enxergue muitos e muitos caminhos pelos quais pode seguir, seguindo sempre o que pode/poderá beneficiá-lo de alguma maneira. Ou seja, se está jogando, joga para ganhar; com uma boa estratégia e ambição, seu sucesso é certo, e se percebe que não irá ganhar, sequer tenta. O individualismo é automático, e a parte péssima de ser individualista, para Ben, é que ele sequer tenta mudar; ele sempre pensa em si antes dos outros.
Por sua educação e hábito de causar uma primeira impressão realmente positiva, Ben arruma amigos sem procurar, mas constrói relações lentamente por pensar bastante. Ri, compartilha piadas e pode estar disposto a ajudar nos estudos, além de compartilhar seu conhecimento de mundo com os amigos; revela-se, daí, que Ben é um típico nerd. Ele não se orgulha disso, e acha que não tem fundo no orgulho, muito menos num rótulo, mas omite essa ponta de desgosto por ser tachado de nerd. A verdade é que ama estudar e ler; seu conhecimento é vasto e a inteligência é tamanha. Valoriza seu estudo e procura revisar uma matéria até onde der; a perfeição é um objetivo que Ben gosta de chegar perto ou alcançar. Nota-se o lado insatisfeito do garoto. Nada está bom, e suas crises de reclamações e críticas jamais se cessarão até que tudo pareça perfeito aos seus olhos, e normalmente nada parece estar bom ao seu ver – e então reclama, reclama, reclama... –, seja uma cadeira fora do lugar, o jeito como está seu cabelo, uma mosca voando...
As coisas que esconde dentro de si são infinitas. Nunca demonstra seu afeto, ódio ou qualquer tipo de felicidade com o meio em que está inserido, reservando seus sorrisinhos para coisas que pensa ou para passar uma boa impressão de primeira; e jamais demonstrará, principalmente amor. Não diz que ama ou que odeia, esconde tudo e qualquer coisa. Não que seja contra a violência, ele sabe que alguns bem que merecem uns tapas ou serem ofendidos com tudo o que ele tem para falar, mas sua timidez não permite que ele esbraveje. O mesmo ocorre com o amor; coisas melosas enchem sua paciência até a tampa, e por mais que ame, Ben irá reprimir e esconder.
Tem suas próprias opiniões acerca das coisas, e só consegue formá-las após analisar o todo – assim como em suas ações e caminhos que tomará. Fica longe, porém, de debates ou de discussões; por mais que seu instinto argumentativo seja forte, a timidez o atrapalha – ou o salva – a entrar numa conversa a qual seja contrária ao que ele pensa. Grita, xinga e expõe o que quer apenas em sua cabeça, ficando calado e reprimindo a vontade de entrar chutando o balde num debate.

『 Qualidades: 』
Mente aberta;
Dotado de perspectiva;
Racional;
Esperto;
Capaz de se expressar com desenvoltura;
Argumentativo;
Calmo;
Perfeccionista;
Ambicioso;
Inteligente.

『 Defeitos: 』
Introvertido;
Tímido;
Competitivo;
Pessimista;
Individualista;
Egocêntrico;
Perfeccionista – também uma qualidade;
Frio – pessoa que não demonstra seus sentimentos, portanto, é impossível de saber o que está sentindo.

『 Gosta 』
Vegetais;
Gosta muito de livros de fantasia épica medieval;
Apaixonado por coelhos;
Gosta de chá;
Gosta de música;
Estudar;
Neve;
Tocar violino;
Ler;
O som de um relógio.

『 Desgosta: 』
Não gosta de
Detesta bacalhau;
Não gosta de melancia;
Não suporta roupas apertadas demais;
Odeia moscas;
Detesta ser obrigado a fazer coisas;
Não tolera estupidez humana;
Que soprem fumaça em seu rosto;
Ser acordado muito cedo.

『 Mocinho ou vilão: 』
Mocinho

『 Curiosidades sobre o personagem: 』
Bernard toca violino desde os dez anos;
Ele só foi ao País das Maravilhas uma única vez;
Tem alergia a gatos.

--------//---------//--------

『 Habilidades Convencionais: 』
Aptidão para arte, especialmente escrita de contos;
Talento para violino.

『 Habilidades de luta: 』
Sabe manejar uma espada como ninguém;
É muito ágil.

『 Poderes: 』
Não tem

『 Possui alguma arma?: 』


A espada vorpal de sua mãe que passou para Ben por ele ser seu filho.

--------//---------//--------

『 Par?: 』
[x] Sim [ ] Não
[x] Você escolhe. [ ] Eu escolho.
[ ] Melanie Hatter.

『 Aceita cenas de sexo?: 』
Se for realmente necessário sim, mas não faço questão.

『 Como age com... 』

• Mocinhos:
Trata-os como trata qualquer um. Respeita nos limiares do possível e prefere manter distância se for alguém de quem não goste. Depende muito da primeira impressão que teve deles; caso seja positiva, Bernard irá se sentir confortável e irá tratá-lo como um amigo, mas caso seja negativa, Ben manterá distância.

• Vilões:
Para ele, é na base do tanto faz. Desde que não o incomodem, para ele está perfeito. Sabe que, na maioria das vezes, tendem a ser detestáveis, e não passam uma impressão positiva. Sendo assim, detesta puramente o que fazem ou como agem, nunca consegue enxergar aspectos positivos nas figuras. Qualquer coisa que façam, deixam Bernard irritado, e se fizerem qualquer movimento para cima dele, será respondido na mesma moeda. Caso sejam bons como pessoas e Ben saiba que tenham boas intenções, serão tratados com respeito, mas nunca sem um pé atrás.

• Melanie:
Olha para ela e a acha uma garota realmente atraente, mas não vê possibilidade alguma de se tornarem algo além de amigos. Possuem uma ótima relação, apesar de ser um tanto quanto vazia. Tratam um ao outro com bastante gentileza e simpatia, e Bernard não vê más intenções dela com relação a ele, portanto, sente-se seguro perto de Melanie.

• Par:
Primeiramente, Bernard detesta coisas melosas. No começo, aprecia conversas de todo o tipo; sabe que quer ficar perto da pessoa, mas não ousa falar isso para si mesmo. Faz questão de mostrar e contar coisas para o par, normalmente sempre trazendo algo novo; também faz questão de fazer brincadeiras bestas apenas para ver um sorriso no rosto, mas pode ser difícil confessar que realmente está gostando dela. Normalmente é uma questão de tempo para começar a andar com o relacionamento.

• Diretora:
A respeita tanto quanto os professores. Acha uma mulher incrível e a admira bastante. Tenta não manter amizade com ela, no entanto, mas é uma relação respeitosa.

• Professores:

Seu respeito pelos professores é notável. Ben nunca deixou de admirar cada um deles pelo que fazem pela escola e pelos alunos, além de achar uma profissão muito importante. A relação com eles é sempre de respeito, até porque o garoto tenta não aprofundar uma amizade com eles.

• Pais:
A melhor relação possível. Sua mãe, para ele, é uma pessoa excelente. A pessoa que mais o compreendeu e compreende até hoje, sem dúvidas, é Alice. Gosta de passar o dia com ela e de saber o que aconteceu em seu dia. para ele, é sua melhor amiga.

--------//---------//--------

『 Medos/Fobias: 』
Tem medo do escuro;
Medo de ter pesadelos.

『 Vícios: 』
Não tem

『 Sonhos: 』
Sonha em ir, de verdade, ao País das Maravilhas.

『 Manias: 』
Segurar a franja enquanto está sentado para que ela não caia sobre seus olhos;
Fechar portas entreabertas;
Lamber o lábio inferior.

『 Costumes: 』
Colocar três colheres de açúcar no chá;
Guardar as chaves de qualquer coisas que lhe pertença no bolso detrás e ficar mexendo nela.

-----------//-------------//-----------

『 Roupas: 』

•... Cotidiano:


•... Formal:


•... Pijama:

•... Praia:


•... Academia:


•... Festa de Gala:


•... Baile á Fantasia:


•... Baile de Formatura:


•... Passeios:


•... Encontros:


『 Algo á mais?: 』
Não

-----------//-------------//-----------

『 Animal de estimação?: 』
Sim

『 Nome: 』
Tic-Tac

『 Idade: 』
Quatro anos

『 Foto: 』


『 Personalidade: 』
Tic-Tac é um coelho branco muito falastrão, cético e cínico. Ele é muito sério e parece viver para fazer piadas sarcásticas a respeitos dos prováveis fracassos de Ben, e não perde uma oportunidade de debochar de qualquer um. Apesar disso, é um excelente conselheiro. É um coelho preguiçoso e que não se importa com os outros além de si mesmo.

『 Gosta: 』
Tirar sarro de Ben;
Dormir ao lado de Ben;
Comer, especialmente alface;
Lugares silenciosos.

『 Não gosta: 』
Barulho muito alto;
Festas;
Quando alguém lhe dá uma cortada que não sabe rebater.

『 Fala?: 』
[x] Sim
[ ] Não
[ ] Sim. Por telepatia

『 Poderes?: 』
Não tem


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...