~bolchevique

bolchevique
— may your god deny you +
Nome: ܟf̤υc̤k̤i̤n̤g ̤m̤e̤s̤s ̤s̤o̤m̤etimes || ̷p̷o̷k̷é̷m̷o̷n̷ τrainer™
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Solidao, Pernambuco, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Hide and Seek: Ficha


Postado

Hide and Seek: Ficha #HouseLannister

『 Nome: 』
Kit Halewell

『 Apelido: 』
Não tem

『 Idade: 』
1116 anos | 04/900

『 Aparenta ter: 』
Em torno dos dezessete anos

『 Aparência: 』







『 Descrição: 』
Kit é um garoto com altura razoável, beirando os 1,78. Não possui tantos músculos, mas também não é corpulento; a genética lhe presenteia com a capacidade de comer o quanto quiser sem passar de seu peso normal, 70 kg. Sua pele é clara, quase pálida, com algumas pintas castanhas pela face e corpo; a única cor que possui no rosto, possuindo lábios pálidos e finos. Kit possui um nariz afilado e empinado, olhos castanhos brilhantes com cílios escuros, espessos e retos. Os cabelos são castanhos, normalmente apenas penteados com os dedos, bagunçados; algumas vezes, ele sequer toca no cabelo, e eles permanecem amassados e revoltos o resto do dia.

『 Sexualidade: 』
Heterossexual

------------------- // ---- // -------------------

『 Raça: 』
Demônio

『 História de Vida: 』
Kit nasceu no primeiro século da Alta Idade Média. O garoto foi o fruto de um terrível e brutal estupro de uma jovem camponesa, realizado por um membro do clero; a mãe de Kit morreu no parto devido a complicações, mas ele nasceu ileso, sem qualquer marca ou doença. O bebê foi encontrado pelo mesmo padre do feudo em questão, e foi levado para ser criado com o senhor feudal, para que assim servisse como servo quando crescesse.
O garoto recebeu o nome de Kaius, e começou a servir o senhor feudal como servo, não como um de seus camponeses. Seu comportamento era estranho desde muito pequeno; saía do quarto de noite e só voltava de manhã; seus olhos possuíam um brilho estranho escarlate quando se irritava por ser castigado — porque não gostava de ir à missa. Kit — chamado Kaius — cresceu e cresceu até se cansar de vez das imposições religiosas, e foi condenado por heresia pelo padre: queimaria na fogueira.
Kit queimaria se não tivesse nascido um demônio. As chamas começaram a lamber seu corpo enquanto o garoto de dezesseis anos gritava por socorro até as labaredas rugirem para cima e explodirem seu arredor, libertando Kit. Assustados, os que assistiam a execução do herege, viram o garoto tomar olhos vermelhos, com a pele queimada e o fogo a rugir atrás de si. Kit entrou num estado de fúria, e começou sua chacina, acabando com todos que assistiam à morte do garoto Kaius, e que viram o nascimento do demônio.
Kit prosseguiu com seu nome atual por várias e várias eras, mantendo a aparência jovem que tinha, com as cicatrizes da fogueira já em outro século. Viu de tudo pelo mundo, e acumulou riquezas durante toda a sua vida, tornando-se o magnata mais novo de todo o mundo em séculos. Estabeleceu-se em Helltown recentemente, e está na cidade há umas semanas, morando numa casa aparentemente grande, sozinho, enquanto estuda filosofia.

------------------- // ---- // -------------------

『 Personalidade: 』
Kit tem um ar sereno, calmo e leve. Seu andar transmite toda sua tranquilidade e calma que possui seu ar; carrega a expressão neutra na face, por vezes sorrisos mínimos, de canto. Não é uma pessoa tímida, apenas não é muito comunicativo. Gosta de ficar quieto, só; a solidão lhe dá certo conforto. A verdade é que Kit não gosta muito de ficar no meio de muita gente; pode escutar muitas mentes ao mesmo tempo, e a mente que mais gosta de ouvir é a sua própria, o que torna insuportável ficar com muitas pessoas no mesmo local. Aprendeu com o tempo a ignorar os outros por causa de sua capacidade telepática, e não só a ignorar suas mentes como as pessoas.
Não é um bom ouvinte; Kit não gosta de ouvir os outros em hipótese alguma, apenas porque não se importa. Não se importar é o que Kit faz; sua falta de empatia é gritante, e para ele, pensamentos, sentimentos e situações que envolvam outros não lhe importam nem um pouco. Quando alguém começa a lhe contar coisas, ele não hesita em cortar a pessoa, dizendo que não quer saber e que não dá a mínima. Os outros podem fazer o que quiserem, contanto que não o atinjam. Este individualismo, egocentrismo e egoísmo colocam Kit como uma pessoa que só pensa em seu bem-estar e no que pode atingi-lo. Seu egocentrismo faz com que olhe muito para qual caminho deve seguir para a vitória; Kit é um exímio estrategista racional; calcula e mede para que sempre ganhe, e nunca joga se não for para ganhar. Pessoas são degraus da escada da conquista, e ele não tem escrúpulos na hora de manipular e usar para chegar em seu objetivo. Apesar de não gostar de falar muito, sua lábia é fenomenal; convencer e persuadir não é difícil para Kit. Seus artifícios para persuadir são muitos, e ele faz uso de muitos para manipular os outros para o fim que quer. Nada é impossível para ele se pensar corretamente.
Sua expressão neutra faz com que seja literalmente impossível saber o que Kit está sentindo. Amor, raiva, ódio, horror, seu rosto nada deixa transparecer; por isso, não é bom confiar em sua palavra de amizade. Não é recomendado confiar em sua palavra de amizade, mas em sua palavra de vingança é recomendado. Kit tem uma perversa sede de vingança; segue a lei de Talião — olho por olho, dente por dente — com sua alma, por mais que extrapole os limites do cruel em suas vinganças. Algo contra ele, caso seja feito, é melhor correr, se esconder, porque Kit irá se vingar, e se não for na mesma moeda, será pior. Sua raiva quando alguém lhe atinge se torna uma catástrofe; a vingança é planejada com esmero e prazer, sendo capaz de tudo, e Kit irá realizá-la sorrindo. Por alguma razão, admira formas de tortura medievais, e não teme em usá-las.
Kit possui muita experiência com a vida na Terra; já viu e enxergou todo o tipo de gente por cima dela, conhece muitas personalidades, mas tem fraco por garotas de ar inocente, de certo modo, puro e doce; jamais machucaria qualquer garota, e é um fato que não liga absolutamente nem um pouco para o que as pessoas no geral sofrem ou causam, porém não admite que qualquer um fira a inocência, e Kit é capaz de tudo e muito mais caso aconteça.

『 Qualidades: 』
Calmo;
Inteligente;
Persuasivo;
Tranquilo;
Possui boa lábia;
Racional.

『 Defeitos: 』
Apático;
Vingativo;
Rancoroso;
Egocêntrico;
Egoísta;
Apelativo;
Frio — é impossível saber o que está sentindo.

『 Gosta: 』
Inverno;
Gosta de assistir filmes;
Ler;
Gosta da ciência e de seus métodos;
Gosta de música de todo o tipo;
Sua cor favorita é o vermelho;
Seu animal favorito é o lobo;
Gosta muito de beber;
Gosta de café;
Gosta do som do fogo crepitando.

『 Não Gosta: 』
Hipocrisia;
Estupidez humana;
Gatos;
Leite;
Não come carne;
Não gosta de ser menosprezado;
Não gosta muito de anjos;
Detesta amarelo.

『 Bom, Mau ou Neutro?: 』
Neutro

『 Curiosidades Sobre o Personagem: 』
Kit já fez faculdade de física, biologia e química, além de passar na escola duas vezes;
Esta terminando a faculdade de filosofia, e pretende estudar apenas o comportamento dos seres humanos;
Possui uma imensurável fortuna acumulada desde muito tempo atrás;
Kit causa falhas na iluminação de locais quando está por perto, lâmpadas piscam e apagam, em alguns casos, estouram.


------------------- // ---- // -------------------

『 Habilidades Convencionais: 』
Sabe cozinhar bem;
Tem grande habilidade persuasiva;
Tem talento para consertar coisas.

『 Habilidades de Luta: 』
Kit é moderadamente forte e possui um soco forte;
Tem uma mente estratégica, bom em táticas.

『 Armas: 』
Não faz o uso de armas, prefere usar suas habilidades.

『 Poderes: 』
Teleporte — viaja para um lugar muito rápido, instantaneamente, deixando como rastro pequenos trapos de fumaça negra.


Telecinese — manipula objetos e pessoas através das mãos ou com o próprio poder da mente


Imortalidade — basicamente, ele não pode morrer


Telepatia — pode ler os pensamentos das mentes que o cercam; não é um poder com gatilho, ou seja, Kit passa o tempo todo ouvindo as mentes de quem está ao seu lado, e é por isso que na maioria das vezes, ignora os pensamentos alheios para que tenha paz.


------------------- // ---- // -------------------

『 Par?: 』
{ } Sim. { } Não
{ } Eu escolho
{x } Autora escolhe.
{ } A personagem da Autora.
{ } O personagem do co-autor.

『 Cenas de Sexo?: 』
{x } Sim.
{ } Não
{ } Claro! Pode caprichar.
{ } Nem Fudendo

『 Como age com... 』

» Outros Sobrenaturais:
Com os outros sobrenaturais, ele é meio seletivo. Não conversa muito com eles, porém evita contato com vampiros e lobisomens, que são mais previsíveis e violentos, chatos na sua visão. Com os outros demônios, ele não procura contato, não gosta de ficar perto deles apenas por desconforto, mas sabe que vai se dar razoavelmente bem com eles.

» Humanos:
Não gosta deles, acha que são estúpidos, porém não nega que são interessantes. Quer estudar sua filosofia e suas ideias, por mais que evite contato com eles por serem muito teimosos e cabeças-duras.

» Par:
Ele gostaria da garota por sua personalidade inocente e doce, e irá protegê-la. Sente que não quer estragá-la, mas talvez sua paixão faça isso, e será a pior coisa tirar dela essa característica. Kit pensará o tempo todo que ele ficará para sempre e que ela irá embora, morrerá com o tempo, e por isso, será bom para que pelo menos a vida dela valha a pena. Kit não tem o ar romântico e meloso dentro de si; sempre foi muito fechado, sem demonstrar muito, muito leve e sutil, sua sutileza é o mais visível no relacionamento, por mais que sua paixão seja intensa.

» Rhiannon:
Não quer feri-la. Ela não lhe fez nada, e não é motivo para Kit odiar a garota. Sorriu para ela uma vez, mas sua personalidade não agrada a Kit do jeito que ele gosta; ela parece ser mais independente, mais corajosa, e isso faz com que ele a admire, de certa forma, por ser assim num mundo tão terrível.

» Jake:
Sabe que quer dar uma surra no garoto, quer machucá-lo. Odeia sua face, sua pseudo-força, e qualquer deslize de Jake, Kit está pronto para acabar com ele. Ouve seus pensamentos sempre que está perto dele, e cada vez se enfurece mais, porém não explode, apenas espera que Jake o faça; espera que Jake exploda, enfurecido com Kit por qualquer razão.

------------------- // ---- // -------------------

『 Como Reagiria Se... 』

» Estivesse apaixonado por um Humano?
Já lidou com isso algumas vezes. Para ele, não é um problema; a paixão é normal, e lidaria normalmente. Tentaria proteger a pessoa dos males do mundo, por mais que saiba que possa ser em vão.

» Descobrissem que você é um Ser Sobrenatural?
Depende da pessoa; leria sua mente para ver suas intenções com isso; se fossem intenções perigosas, ele mataria a pessoa. Se não tivesse intenções suspeitas, tanto faz.

» Perdesse o controle de seus poderes?
É difícil de acontecer, mas caso acontecesse, iria tentar descobrir o porquê e parar isto o mais rápido possível. Talvez se afastasse das pessoas para não descobrirem-no.

『 Mataria Alguém?: 』
Sim, sem hesitar.

『 Torturaria Alguém?: 』
Sim

------------------- // ---- // -------------------

『 Sonhos: 』
Não é uma pessoa de sonhos

『 Fobias/Medos: 』
Kit tem medo de gatos;
Também tem medo de cair de alturas grandes, mesmo que saiba que é imortal.

『 Traumas: 』
Não tem

『 Manias: 』
Lamber os lábios enquanto pensa;
Coçar a nuca enquanto analisa alguém.

『 Costumes: 』
Vestir-se conforme está seu humor, por exemplo, caso esteja num mau dia, usará roupas escuras, e caso esteja num dia bom, roupas mais claras.

『 Vícios: 』
Tem um vício em álcool, de preferência whisky.

『 Algo Mais?: 』
Não


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...