Allison Carter Rogers - New Vision.


Postado

Allison Carter Rogers - New Vision.

Dados pessoais:

Nome completo: Allison Carter Rogers.

Idade: 17. 16/08

Apelido: Ally, Rogers, Capitã.

Aparência:








Signo: Leão.

Cidade de origem: Brooklyn, Nova York.

Cidade atual: Nova York (Manhattan)

Pais:


Steve Rogers (Pai): Allison e o pai sempre tiveram uma ótima relação, Steve é muito protetor, sempre a tratou como uma princesa, sempre foi assim e sempre será.


Sharon Carter (Mãe): Sharon é mais dura com a filha, sempre exige o máximo de sua capacidade em todos os sentidos da palavra, por ter sido uma a gente, ela tende a ser mais dura e fria com Allison. Mas as duas se amam e isso é nitido nos pequenos momentos entre as duas.

História: Depois da guerra civil, Sharon e Steve acabaram se envolvendo ainda mais, depois de alguns anos de relacionamento, os dois acabaram se casando e construindo a própria vida, meses depois, Sharon engravidou, assim que Allison nasceu, seus pais a levaram para a fazenda de Clint, e eles ficaram lá até o primeiro aniversário de Allison, quando Steve foi convocado pela S.H.I.E.L.D, e eles tiveram que voltar para o mundo real. Allison cresceu no Brooklyn, Steve e Sharon sempre fizeram questão que Allison estudasse em escolas publicas, apenas permitiram que ela fosse para Academia depois de muita conversa. Allison adorou a ideia, ela ama ir a Academia e ficar cercada de jovens como ela.

Personalidade: Allison possui um pouco de seus pais, ela é gentil e caridosa como o pai, forte e corajosa como a mãe. Ela gosta de tratar todos bem, vive a filosofia de 'trate os outros como gostaria de ser tratada', é muito difícil tira-la do sério, ela é muito pacifista, sempre tenta achar o meio termo para deixar todo mundo feliz, mesmo que em algumas decisões ela fique infeliz. Ela é muito justa, não consegue ver injustiça e ficar parada. Ela é meio orgulhosa e odeia esse lado de si mesma, é provavelmente a primeira coisa que ela mudaria em si mesma. Allison é popular, não por pisar nos outros, ela é amiga de todos, participa de praticamente todos os club's estudantis.

Maiores segredos:
-Allison é virgem
-Ela desconta as tristezas chorando a noite.
-Ela não quer ser uma super heroína.

Gostos:
-Chá com leite.
-Escrever musica.
-Tocar violão.
-Dançar.
-Caminhar a noite.
-Chuva.
-As estrelas.
-Chocolate quente.
-Frio.

Desgostos:
-Barulhos repetitivos.
-Musica extremamente alta.
-Pessoas ignorantes.
-Café forte.
-Mentiras.

Hobbies:
-Escrever musicas.
-Ler.
-Dançar de pijamas.

Talento secreto:
Ela é uma ótima cozinheira.

Medos/Fobias/Traumas:
-Solidão.
-Decepcionar os pais.
-Cobras.
-Perder sua família.

Maior sonho:
-Fazer faculdade e viver uma vida normal.

Cinco musicas para o personagem:

-Gabrielle Aplin - Home.
-Gabrielle Aplin - Salvation.
-Fifth Harmony - Bo$$
-Selena Gomez - Kill Em With Kindness.
-Daya - Sit Still Look Pretty.

Maiores Habilidades:
-Força.
-Velocidade.
-Resistência.
-Agilidade.
-Habilidade com armas de fogo.
-Habilidade com o escudo.


Dados complementares:

Relação com os Heróis: Se da bem com todos.

Relação com os Vilões: Tenta se dar bem com todos.

Como costuma se comportar na academia (New Vision): Ela é uma ótima aluna, ostenta um histórico impecável, sem nenhuma mancha, nem mesmo de café.


Uma conversa com um Herói: Steve Rogers.

-Isso é sério? - Sorri encarando o presente a minha frente.
-Você merece - Ele deu de ombros e sorriu da mesma maneira - Você sempre tira boas notas, nunca tivemos uma queixa sua, você fez por onde, por isso pedi ao seu tio Tony para construir ele pra você - Segurei o escudo, praticamente idêntico ao do meu pai.
-Isso é demais! - Mal conseguia sentir minhas bochechas, elas pareciam anestesiadas de tanto que eu sorria.
-Fico feliz que tenha gostado - Meu pai parecia tão feliz quanto eu, seu sorriso acendia as poucas rugas que se juntaram em seus olhos depois de todos esses anos.
-Eu não gostei - Fiquei séria, papai também ficou sério rapidamente, seus olhos se preocuparam. Voltei a sorrir radiante - Eu adorei, muito mais que amei - Me lancei sobre os braços dele, ouvi sua risada e sorri mais ainda.

Uma conversa com um Vilão: Caveira Vermelha.

-Eu esperei tanto tempo por isso - Sua voz grossa me arrepiou completamente - É ótimo saber que finalmente vou me vingar de seu pai.
-Oque faz você achar que eu sou fácil de se vencer? - Perguntei mantendo minha angustia escondida, todo os anos de teatro valendo a pena cada segundo - Tenho os mesmos genes do meu pai, e você não o venceu, todo o seu exercito perdeu pra ele...
-Você não é como seu pai querida - Ele se aproximou lentamente, sua mão fria acariciou meu rosto - Nós dois sabemos disso, primeiro por que você não tem o gene dele, pelo menos não completamente, sua amada mãe estragou isso... segundo, nós dois sabemos que você não quer isso o suficiente para me matar, ou melhor para tentar me matar... e o ultimo, porém mais importante, eu sou mais forte do que você jamais será.
-Isso é oque você acha... eu tenho algo que você nunca vai ter... - Vi sua expressão mudar completamente.
-Amigos seu babaca - A voz de Trenko me fez relaxar completamente, todos eles estavam ali, a alguns metros de nós, preparados pra briga.

Um momento Hot:

Suspirei tentando manter meus gemidos presos a garganta.

-Não faça isso Rogers - Trenko sussurrou em meu ouvido aumentando o ritmo das investidas - Não segure os gemidos, eles me pertencem, são meus, e eu quero ouvi-los.
-Trenko - Gemi quase alto dessa, senti seu sorriso contra a pele de meu pescoço, seus dentes morderam devagar a minha pele, que estava altamente sensível a ele. Seus movimentos então se tornaram lentos, tortuosos - Isso é maldade - Sussurrei com a voz fraca. Levei as minhas mãos as suas costas o arranhando com força. Ele gemeu fraco.
-Eu quero que você peça Rogers - Sua voz surgiu em meus ouvidos - Quero que você peça para eu te foder com força - Mas uma investida... forte, profunda. Meu corpo inteiro se arrepiou, meus olhos se fecharam com força e a minha coluna arqueou. Filho da mãe.
-Trenko... - Sussurrei manhosa. O garoto apenas estalou a língua algumas vezes - Me fode... - Suspirei mandando todo meu auto controle e vergonha para longe - Por favor Trenko... me fode com força - Gemi alto quando seu quadril se chocou com o meu. Os movimentos voltaram a ser fortes e rápidos. Ah sim.
-Boa menina Rogers...



Uma conversa com o melhor amigo(a):

-Kath... - Suspirei em tom de aviso.
-Nem vem Ally, você se preparou pra isso - Ela colocou suas mãos em meus ombros dando um leve apertão de incentivo - Você consegue.
-Eu... eu não consigo, tem muita gente lá fora - Suspirei nervosa - Eu vou acabar errando, e todos vão rir de mim...
-Ninguém vai rir de você - Ela revirou os olhos - Sabe por que? - Neguei com a cabeça rapidamente - Bom, seu pai é o Capitão América, duvido que alguém tire onda com a sua cara... - Olhei pra ela cética - E também... por que você vai se sair bem lá...
-Posso ter um minuto com ela?

Uma conversa com o par:

-Claro, por favor tente acalmar ela... - Katherine sorriu e se afastou, me virei para Trenko e ele sorriu.
-Não acredito que você esta nervosa Rogerszinha - Revirei os olhos e ele riu - Você sabe que esta preparada pra isso né?
-Não... eu não tô, eu vou errar - Comecei a falar rapidamente, agitando as minhas mãos.
-Allison! - Ele quase gritou, cortando meu ataque de panico, suas mãos seguraram meu rosto praticamente me obrigando a encarar seus olhos - Vai dar tudo certo, você já fez isso antes...
-Nunca para tantas pessoas - Suspirei sem conseguir desviar meu olhar.
-Tudo bem... você não precisar subir lá - Ele suspirou soltando meu rosto - Quem se importa com o fato de que eu tive que ameaçar varias pessoas pra conseguir te encaixar hoje... quem liga para toda a sua família que esta lá fora esperando um grande show... não importa, vamos pra casa e não fazer nada - Bufei, e cruzei os braços. Filho da mãe...
-Eu tô com medo de errar... tem muita gente lá fora, eles vão ficar me encarando... eu vou entrar em panico - Confessei levando minhas mãos ao meu rosto, senti os braços dele se moldando ao redor de minha cintura.
-Não olha pra ninguém naquele teatro... só pra mim - Levantei um pouco meu olhar, encarando o homem que eu amo - Qualquer força que você precisar, tire de mim, vai dar tudo certo.


Estilo:
Ela não usa muito roupas coloridas, esta sempre vestida com tons pastéis ou preto e branco, seu estilo é uma mistura de todos os estilos, tem dias que ela esta vestida como uma boneca Barbie, e tem dias que ela gosta de se vestir como a Morticia Adams.

Detalhes:

Uniforme:


Filosofia de vida: ''Trate os outros do modo como gostaria de ser tratado''

Livro favorito: Hamlet.

Musica favorita: Mercy, Shawn Mendes.

Mataria alguém para salvar outra?
Sim.

Salvar a humanidade ou o amor da sua vida?
A humanidade, mesmo que isso custe o amor da sua vida.

Como se sentiria por ter matado um inocente?
Péssima, desolada.

Viveria com culpa?
Não.

Ama quando?
Fazem carinho nela.

Odeia quando?
Associam a sua aparência, a sua capacidade.

Defina o seu personagem em uma palavra: Corajosa.

Palavra chave: Churros.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...