Gêmeos Blake


Postado

Gêmeos Blake




Katherine Blake


☆ Nome completo:

Katherine Jane Blake

☆ Apelido:

Kate

☆ Idade:

18

☆ Aniversário:

03/08

☆ Signo:

Libra

☆ Gênero:

Feminino

☆ Sexualidade:

Heterossexual

☆ Aparência:

Kate tem uma beleza clássica, seus cabelos são castanhos escuros, longos e naturalmente cacheados, mas as vezes Kate os alisas, eles também cheiram a tulipas vermelhas. Seus olhos são cor de avelã, são muito encantadores. Sua pele é macia e cheira a peônias brancas. Kate é bem baixa tendo 1,61 de altura. Possui seios, glúteos e coxas fartas, magra tem cintura finas. Por onde passa chama a atenção dos homens (para a ira do seu irmão)










☆ Mãe Divina:

Perséfone

☆ Personalidade:

Kate vive praticamente no mundo da lua, nunca presta atenção em nada, aonde tem cofunção pode apostar que ela esta no meio. Autentica odeia ser igual aos outros, por isso sempre vai ter algo diferente nela. Aparenta ser fria e insensível, mas na verdade é muito doce e meiga, é um poço de ciumes e possessividade. Louca faz tudo que vier a cabeça, literalmente. Muito orgulhosa raramente da o braço a torcer. Corajosa não tem medo de ser ela mesma. Teimosa e impulsiva as vezes pode ser difícil de conviver com ela. Sincera ao extremo a primeira coisa que precisa saber sobre ela é que, nunca fale com ela se não aguenta a verdade. Seu irmão fala que ela não tem filtro, pois Kate fala tudo que pensa na lata e sem se importa se isso pode magoar as pessoas ao redor. É uma garota inteligente apesar de tudo, nunca sabe o que está sentindo direito. Ela é uma pessoa muito alegre, engraçada e divertida, por isso poucas vezes vai ver ela triste. Muito direta com ela é assim, ou ela te ama e vai ser a melhor pessoa do mundo ou ela te odeia e vai ser o seu pior pesadelo. Não suporta se sentir presa a algo ou a alguém, adora a sua privacidade e se irrita se alguém tentar invadi-la. Porém Kate é manipuladora, usa e abusa de suas habilidades pra conseguir o que quer. Kate por ser enigmática e saber muito bem esconder o que pensa e o que pretende fazer, pode te surpreender. Agora se vai ser uma surpresa boa ou ruim, isso depende dela. Kate costuma encarar todos seus desafios e perigos, de cabeça erguida e sempre com um largo e belo sorriso sarcástico estampando o rosto. Se ela não gostar de você, fará de sua vida um inferno, só por diversão. Ela vive a vida do jeito que ela quer, quebrando regras, mas sempre se safando das consequências. Sabe mentir e enganar qualquer um, sem nenhum tipo de esforço sempre agindo confiante consegue ultrapassar sua aparência bela e inocente, transparecendo um certo egoismo e superioridade. Kate as vezes é meio infantil. Perfeccionista, não aceita nada que não seja perfeito. Não tem tolerância para aqueles que a desapontam.

☆ História:

A história dela é meio complicada. Perséfone é casada com Hades, mora metade do ano com o marido e a outra com a mãe. Ela estava no mundo inferior, Hades na época estava muito ocupado no Olimpo resolvendo negócios com os irmãos, assim como Hera Perséfone estava entediada, e isso não é nada bom, pois ela resolveu mexer com os mortos o que irritou Hades, sem opção Hades deixou a esposa ficar um tempo no mundo mortal. E lá estava ela, passeado, fazendo compras, tudo estava bom. Mas um dia quando foi ao cinema ela conheceu Steven Blake, os dois logo viraram amigos, porém essa amizade sem querer foi se tornando algo mais. Perséfone tentou, mas estava tão apaixonada por Steven que dormiu com ele em seus pensamentos, ela só não sabia que ele estava pensando a mesma coisa que ela. Dois meses se passaram, Perséfone descobriu estar grávida, confusa não sabia como tinha engravidado, até que ela se lembrou do pensamento que teve com Steven, ela logo tratou de ir ao Olimpo, mesmo não querendo engoliu seu orgulho e foi até Afrodite, quando soube que engravidou de Steven por pensamentos ficou bastante assustada. Afrodite prometeu ajudá-la, Perséfone contou a mãe, Deméter com medo do que Hades poderia fazer com os netos, foi na frente de todos e disse que Perséfone ficaria com ela por dois anos, Hades ficou furioso e vetou a decisão de Demeter, Afrodite sabiamente propos que se Perséfone ficasse 2 anos com a mãe, em troca Perséfone ficaria 2 anos diretos com Hades e Deméter não poderia prejudicar os mortais, mesmo não gostando os dois aceitaram. Perséfone voltou para o mundo mortal, tratou logo de encontrar Steven e contar a verdade, ele se assustou, mas depois aceitou ela e o bebê. Os meses se passaram, Perséfone continuava no mundo mortal, sua barriga era imensa, os deuses continuaram suas vidas normalmente sem desconfiarem de nada, Deméter e Afrodite animadas com a chegada do . Em uma noite no dia 03/08 nasceram dois bebes filhos de Perséfone, era um casal, encantada Perséfone deu o nome de Alexander e Katherine. Perséfone criou eles até os dois anos pois logo o acordo acabou e teve que voltar para Hades deixando Alexander, Katherine e Steven. Katherine cresceu odiando a mãe, sempre teve raiva pela mesma ter abandonado a família, seu pai sempre disse que ela fez isso por amor a eles, mas a garota nunca acreditou. Sempre foi a filha problema, se metendo em confusões para o desespero do pai. Outra coisa que a garota odiava era a cidade que morava, odeia com todas as suas forças Overland a cidade que nasceu no Kansas. Aos 13 anos conheceu Tony (seu sátiro), um garoto estranho, mas divertido. Lá vai Kate e Tony se metendo em confusões, mas um dia enquanto estava em uma festa Kate foi atraída para o quintal por uma fúria, desesperada começou a correr, para a sua sorte Tony apareceu é a levou para casa. Muito assustada foi procurar seu irmão, mas o mesmo estava na rua com os amigos. Foi atrás de seu pai que estava dormindo, depois de o acordar brutalmente perguntou sobre o que ele estava escondendo. Assim que soube que era filha de Perséfone ela ligou para o irmão, mas o mesmo não atendeu. Tony então disse que era um sátiro e o protetor dela e de seu irmão, e que agora que ela sabia a verdade ele deveria levar os dois para o acampamento meio sangue. depois de uma bela discursarão kate aceitou tudo e arrumou as suas coisas e do irmão, depois de muito procurarem eles acharam Alex em um motel com uma garota um tanto estranha, como sempre Kate e Alex começaram a discutir, mas foram interrompidos pois a garota virou uma fúria, Tony pegou um anel prateado com a predá Ônix e deu para Alex, esse o olhou como se fosse louco, Tony mandou Alex virar o anel três vezes e assim Alex fez, o anel virou uma espada. Alex por um instinto inesperado foi até a fúria e começou a lutar com ela, Kate desesperada foi até o banheiro e após misturar várias coisas ela foi até a fúria jogando essa se irada foi atacar Kate, Tony então mandou Alex imaginar três perolas e desesperado assim fez e três perolas apareceram na mão de Alex, Tony pegou duas e mandou Alex pisar em uma e visualizar o portão de casa, Alex seguindo as ordens de Tony se teletransportou para casa. Tony pegou um abajur e jogou na fúria, essa foi atrás dele, depois de dar as mesmas instruções para Kate ele usou a ultima perola e foi para a residencia Blake. Depois de explicar tudo para Alex e os últimos acontecimentos para Kate o trio foi para o acampamento. Chegando lá Kate e Alex foram bem recebidos, mas após dois dias eles foram proclamados filhos de Perséfone tudo mudou, o próprio Hades apareceu na frente dos dois furioso, mas para a sorte deles Perséfone apareceu e pela primeira vez os semi deuses viram dois deuses se enfrentando, Zeus então vendo a ira do casal apareceu e levou Perséfone, Hades, Kate e Alex para o Olimpo. Depois de uma reunião foi resolvido que Perséfone não faria nada com os filhos de Hades desde que Hades não faria nada com os filhos de Perséfone. Kate e Alex voltaram para o acampamento, mas todos agora viam e agiam de maneira diferente com os gêmeos.
☆ Você é:

(x) Veterano - 4 anos e 5 meses

☆ Qualidades:

Autentica
Sincera
Corajosa
Doce
Meiga
Corajosa
Sonhadora
Inteligente

☆ Defeitos:

Ciumenta
Possessiva
Manipuladora
Teimosa
Orgulhosa
Mentirosa
Infantil
Perfeccionista
Intolerante

☆ Gosta:

Flores
Livros
Festa
Bebidas
Garotos
Chocolate
Musica
Dança

☆ Desgosta:

Silencio
Esporte
Inverno
Tédio
Regras
Insetos
Sorvete de passas

☆ Habilidades:

Primavera : Esse poder possibilita aos filhos de Perséfone fazer brotar do chão rosas com espinhos venenosos, podendo controlá-las e usá-las contra o inimigo.

Hera Infernal: Em tempos antigos, Perséfone era tão temida que mal ousavam pronunciavam seu nome, chamando-a de “Hera Infernal”. Seus filhos darão razão ao nome, aterrorizando somente com um olhar os inimigos. Eles ficarão tão amedrontados que largarão suas armas e fugirão.

Idade imutável : Assim como as plantas que germinam rápido, mas demoram anos para alcançar seu verdadeiro porte, os filhos de Perséfone também envelhecem mais devagar. Até os 18 anos seu crescimento é normal, mas a partir daí eles passam a envelhecer mais lentamente, e mesmo em idades avançadas sempre parecerão jovens. Eles ainda envelhecem, mas ganham o dobre da expectativa de vida que um humano ou outro semi-deus possuem

Comunicação: As plantas e animais podem se comunicar com os filhos de Perséfone.

Germinação: Na presença do filho de Perséfone, as plantas agem com maior naturalidade e muitas se multiplicam pelo solo, estando o mesmo em condições favoráveis para tal. Pode ser usado em conjunto com os poderes ativos que envolvam a natureza, pelo simples da capacidade de estimulá-la através do poder.

Cura Negra : Ao rezar para sua mãe, podem recuperar

Luxúria: Com essa habilidade, o filho(a) de Perséfone torna-se capaz de despertar algum tipo de desejo de uma pessoa do sexo oposto - ou não - apenas com o seu olhar. Caso não encontre um contato visual, também poderá usufruir do toque, tornando a manipular os sentimentos alheios de acordo com o bel prazer.

Mudança de humor repentina : Mudam de humor facilmente, dependendo das estações do ano.

Primavera - Alegres, felizes, amigáveis.

Inverno - Frios, amargos, rudes.

Outono - Bravos, sensíveis , delicados.

Verão - Amorosos, encantadores, charmosos.


☆ Par:

(x) Sim. Eu escolho: Vou dar uma olhada nas fichas, mas se alguém se interessar

() Sim. Você escolhe.

() Não.

☆ Relação com o par:

Ela no começo vai demonstrar apenas o seu lado ruim, mas depois com um pouco de esforço da parte dele ela vai ter confiança nele e vai mostrar o seu eu verdadeiro, vai o amar e protege-lo muito. Kate adora o irritar, muito carinhosa, mas não vai ser fria grudenta e enjoada, ela é um poço de ciumes ela vai sempre ter ataques quando se sentir ameaçada. Ela sempre vai rir dele pois o acha engraçado, gosta de fazer surpresas parara ele. Sempre tenta alegrá-lo pois odeia o ver triste, está sempre lá por ele. Não vai aceitar ser controlada por ele, sempre que for irritada por ele vai tentar o machucar fisicamente, mas arrependida vai pedir desculpas e cuidar dele, vai tentar ser o mais sincera possível com ele, mas se for algo sobre seu irmão não vai pensar duas vezes em mentir para o seu par apesar de ama-lo muito.

☆ Reação ao saber que sua/seu mãe/pai é um deus grego:

Descrente, Kate não acredita que é filha de uma deusa, principalmente da Perséfone a Rainha dos mortos. Mas depois de tudo o que aconteceu ela passa a acreditar, mas isso não faz ela perdoar a mãe pelo o abandono da mãe.

☆ Algo a acrescentar? Nope



Alexander Blake


☆ Nome completo:

Alexander James Blake

☆ Apelido:

Alex

☆ Idade:

18

☆ Aniversário:

03/08

☆ Signo:

Libra

☆ Gênero:

Masculino

☆ Sexualidade:

Heterossexual

☆ Aparência:

Alex tem cabelos curtos, lisos e de um castanho tão escuro que quase chega a ser pretos. Olhos cor de avelã, são encantadores. Magro, possui um belo corpo, cheio de músculos, mas nada exagerado. É bem alto tendo 1,88 de altura. Alex tem um sorriso e um meio sorriso que derrete qualquer garota.











☆ Mãe Divina:

Perséfone

☆ Personalidade:

Faz declarações provocativas e tem um comportamento duro, provando sua valentia. Fala o que quer, quando quer e não tem medo de ser considerado rude por isso. Alex usa seu carisma tanto quanto seu poder para conseguir o que quer. Do tipo festeiro, que adora aproveitar o melhor da vida. Tem tendência a espetáculos públicos. Leva seu papel como líder a serio, desde impor regras a cuidar de seus subordinados com carinho e dedicação. É alguém maduro e independente, tendo um espírito livre. Pode ser descrito como super protetor, inteligente, extremamente leal e determinado. Manipulador, ciumento, obsessivo e competitivo, além de ter um pavio curto. Ele nunca volta atrás de sua palavra, mas sempre achando brechas quando lhe convém nos tratos que faz. Pode oscilar rapidamente entre um cavalheiro respeitoso a um maníaco agressivo. Adora quebrar as regras sendo muito atrevido, além de gostar de desafiar os primos. Muito convicto de suas próprias opiniões, não se importando em parecer gentil ou justo. Teimoso, vingativo e extremamente rancoroso. É alguém que sente tudo ao limite, quando sente raiva esta é demais, porém é o mesmo com o amor, o carinho e a dor. Tem sérios problemas com autoridade, se mostrando por vezes rebelde e impaciente. Apreciador das artes e da música, vendo não só o que esta exposto, como também o interior das obras e das pessoas. É alguém fechado, que pode esconder enormes segredos sem despertar suspeitas. Não tem medo de passar pela dor e pelo sofrimento se preciso pra chegar onde quer. Apesar de todos os seus defeitos tem um coração de ouro, corajoso, sedutor, estar feliz sempre, costuma ser o "engraçadinho" do grupo dos amigos, sempre animando seus colegas com suas gracinhas, piadas e frases irônicas, bastante travesso e pervertido, odeia quando os outros julgam-no ou julguem qualquer outro, defendo-os com tudo o que tem. Faz amizades com facilidade. É extremamente sincero, falando na lata e sem se importar com que vão achar, não confia 100% nas pessoas, calmo e sensato sempre pensa antes de fazer as coisas, não gosta de injustiça. É muito malicioso, irônico, sarcástico, um pouco agressivo, curioso, ele é do tipo não mexe comigo que eu não mexo contigo, bastante observador, muito sagaz, é bastante leal, se conseguir virar amigo dele vai encontrar alguém de confiança, que sempre vai estar lá para o que der e vier, é uma pessoa bem desconfiada. Alex vai sempre estar tentando ver segundas intenções desde as coisas que você fala até as coisas que faz, não gosta que o contraírem, teimoso dificilmente dar o braço a torcer, adora um desafio, seja qual for sempre vai aceitar, consegue ser romântico as vezes, carinhoso e muito boca suja. É um verdadeiro mulherengo metido a pose de galã,e o pior é que ele é tudo isso, ele é galinha,nunca quer nada com nada,se for pra se apaixonar que não seja por ele, o que é pouco difícil já que o menino é encantador. Sempre jogando suas cantadas amadoras e ridículas mais que mesmo assim conquistam qualquer um. Forte, habilidoso e ótimo quando você precisa de uma tática rápida. Alex sabe ser muito compreensivo

☆ História:

A história dele é meio complicada. Perséfone é casada com Hades, mora metade do ano com o marido e a outra com a mãe. Ela estava no mundo inferior, Hades na época estava muito ocupado no Olimpo resolvendo negócios com os irmãos, assim como Hera Perséfone estava entediada, e isso não é nada bom, pois ela resolveu mexer com os mortos o que irritou Hades, sem opção Hades deixou a esposa ficar um tempo no mundo mortal. E lá estava ela, passeado, fazendo compras, tudo estava bom. Mas um dia quando foi ao cinema ela conheceu Steven Blake, os dois logo viraram amigos, porém essa amizade sem querer foi se tornando algo mais. Perséfone tentou, mas estava tão apaixonada por Steven que dormiu com ele em seus pensamentos, ela só não sabia que ele estava pensando a mesma coisa que ela. Dois meses se passaram, Perséfone descobriu estar grávida, confusa não sabia como tinha engravidado, até que ela se lembrou do pensamento que teve com Steven, ela logo tratou de ir ao Olimpo, mesmo não querendo engoliu seu orgulho e foi até Afrodite, quando soube que engravidou de Steven por pensamentos ficou bastante assustada. Afrodite prometeu ajudá-la, Perséfone contou a mãe, Demeter com medo do que Hades poderia fazer com os netos, foi na frente de todos e disse que Perséfone ficaria com ela por dois anos, Hades ficou furioso e vetou a decisão de Deméter, Afrodite sabiamente propôs que se Perséfone ficasse 2 anos com a mãe, em troca Perséfone ficaria 2 anos diretos com Hades e Deméter não poderia prejudicar os mortais, mesmo não gostando os dois aceitaram. Perséfone voltou para o mundo mortal, tratou logo de encontrar Steven e contar a verdade, ele se assustou, mas depois aceitou ela e o bebê. Os meses se passaram, Perséfone continuava no mundo mortal, sua barriga era imensa, os deuses continuaram suas vidas normalmente sem desconfiarem de nada, Deméter e Afrodite animadas com a chegada do bebê. Em uma noite no dia 03/08 nasceram dois bebes filhos de Perséfone, era um casal, encantada Perséfone deu o nome de Alexander e Katherine. Perséfone criou eles até os dois anos pois logo o acordo acabou e teve que voltar para Hades deixando Alexander, Katherine e Steven. Alex cresceu sentindo a falta da mãe, nunca contou isso para a irmãs pois sabe do ódio que Kate sente pela mãe. Igual a irmã odiava a cidade que morava, odeia com todas as suas forças Overland a cidade que nasceu no Kansas. Aos 13 anos conheceu Tony (seu sátiro), um garoto estranho, mas divertido. Sempre ia para rachas e festas barra pesadas, Alex sempre que podia fugia para Los Angeles ficar com seus outros amigos. Na noite em que descobriu a verdade ele tinha ido para um racha, depois foi com uma bela, mas estranha garota para um motel. Alex viu que a irmã estava ligando, mas não se importou e não atendeu. Lá estava o garoto se divertindo quando Kate e Tony invadiram o quarto em que estava, como sempre Kate e Alex começaram a discutir, mas foram interrompidos pois a garota virou uma fúria, Tony pegou um anel prateado com a predá Ônix e deu para Alex, esse o olhou como se fosse louco, Tony mandou Alex virar o anel três vezes e assim Alex fez, o anel virou uma espada. Alex por um instinto inesperado foi até a fúria e começou a lutar com ela, Kate desesperada foi até o banheiro e após misturar várias coisas ela foi até a fúria jogando essa se irada foi atacar Kate, Tony então mandou Alex imaginar três perolas e desesperado assim fez e três perolas apareceram na mão de Alex, Tony pegou duas e mandou Alex pisar em uma e visualizar o portão de casa, Alex seguindo as ordens de Tony se teletransportou para casa. Chegando lá ele estava em choque, minutos depois sua irmã apareceu, como Kate não sabia o que dizer os dois ficaram calados, assim que Tony apareceu Alex exigiu uma explicação para a garota do motel. Depois de ouvir tudo Alex riu e não acreditou, mas assim que olhou para os olhos da irmã soube que era verdade, o trio logo foi para o acampamento. Chegando lá Kate e Alex foram bem recebidos, mas após dois dias eles foram proclamados filhos de Perséfone tudo mudou, o próprio Hades apareceu na frente dos dois furioso, mas para a sorte deles Perséfone apareceu e pela primeira vez os semi deuses viram dois deuses se enfrentando, Zeus então vendo a ira do casal apareceu e levou Perséfone, Hades, Kate e Alex para o Olimpo. Depois de uma reunião foi resolvido que Perséfone não faria nada com os filhos de Hades desde que Hades não faria nada com os filhos de Perséfone. Kate e Alex voltaram para o acampamento, mas todos agora viam e agiam de maneira diferente com os gêmeos.



☆ Você é:

(x) Veterano - 4 anos e 5 meses

☆ Qualidades:

Maduro
Inteligente
Leal
Protetor
Determinado
Carismático
Sincero
Social
Corajoso
Compreensivo
Curioso
Observador
Romântico
Justo (por incrível que pareça)
Piadista
Alegre

☆ Defeitos:

Manipulador
Ciumento
Obsessivo
Competitivo
Pavio curto
Impaciente
Teimoso
Vingativo
Extremamente
Rancoroso
Galinha
Teimoso
Boca suja
Desconfiado
Agressivo

☆ Gosta:

Festa
Bebida
Garotas
Peitos
Bundas
Sexo
Bebidas
Drogas
Livros
Carros
Apostas
Desafios

☆ Desgosta:

Frutas
Acordar
Ir a escola
Kansas
Pessoas que se sentem superior
ignorância
injustiça
Traição
Ficar parado

☆ Habilidades: (os dois tem habilidades diferentes)

Respiração subterrânea: Não terão nenhum problema com a respiração em lugares fechados ou de baixa pressão, isso inclui o mundo inferior.

Visão aguçada: Os filhos de Perséfone enxergam perfeitamente em lugares escuros.

Aura Apaziguadora: Ao seu lado, todos se sentem mais calmos e confiantes. Brigas são raras quando os filhos de Perséfone estão por perto. Os inimigos hesitam na hora do ataque.

Idade imutável : Assim como as plantas que germinam rápido, mas demoram anos para alcançar seu verdadeiro porte, os filhos de Perséfone também envelhecem mais devagar. Até os 18 anos seu crescimento é normal, mas a partir daí eles passam a envelhecer mais lentamente, e mesmo em idades avançadas sempre parecerão jovens. Eles ainda envelhecem, mas ganham o dobre da expectativa de vida que um humano ou outro semi-deus possuem.

Flores Venenosas: Nesse nível você pode encantar com veneno qualquer flor ao seu redor, seja criada por você, um inimigo, ou já presente no ambiente.

Doce Persuasão: A rainha do Submundo sempre intercedeu a favor dos heróis mortais. Em muitos desses casos, era preciso dissuadir Hades em suas ideias, convencendo-o a fazer o que desejava. Seus filhos herdaram esse dom, tendo lábia e criatividade para persuadir quem queira

Reconhecimento: Domina e classifica diversas espécies de venenos, sabendo reconhecer até mesmo os mais raros. E, dessa maneira, com os ingredientes certos, conseguindo criar seu antídoto.

Pérolas de Perséfone: Acreditava-se que o único modo de entrar e sair do submundo era através de pérolas que a Deusa Perséfone espalhava pelo mundo em busca de novos visitantes. Seus filhos tem portanto o poder de criar até três pérolas que quando quebradas, pode transportá-lo para o lugar mentalizado.

☆ Par:

(x) Sim. Eu escolho: Vou dar uma olhada nas fichas, mas se alguém se interessar

() Sim. Você escolhe.

() Não.

☆ Relação com o par:

Alex provavelmente vai conhecê-la é dando em cima dela. Ela vai o dispensar o que vai fazer ele ficar determinado em conquistá-la, por causa disso ele vai acabar a conhecendo de verdade e se apaixonando pela mesma. O segundo problema que vai ter vai é mostrar para ela que a ama de verdade, depois de conseguir o seu maior e verdadeiro problema vai ser sua irmã, sim a Kate. O problema é que Kate pode aceitar o irmão saindo com umas vadias, mas ele apaixonado não, pois na mente da garota se ele se apaixonar e começar a namorar Alex vai abandoná-la assim como a mãe fez, por isso Kate faz de tudo para os dois não ficarem juntos. Depois de Alex mostrar a irmã que não vai a deixar Alex e o par finalmente ficam juntos. Alex se monstra um verdadeiro cavaleiro, sempre a tratando feito uma princesa, mas não pense que eles não brigam, quando eles brigam Alex muita vezes explode e acaba sem querer quebrando algo(Mas ele nunca toca em um fio de cabelo dela, apenas quebra um objeto ou uma parede), tenta guardar comentários maldosos para ele, mas as vezes alguns acaba escapando e ele logo depois pede desculpas. Muito ciumento não costuma deixá-la sozinha, sempre está ao lado dela, não a controla, mas se algum cara ficar dando em cima dela ele vai logo ir "marcar território".


☆ Reação ao saber que sua/seu mãe/pai é um deus grego:

Ele de primeira não acredita, mas quando vê que é verdade Alex fica feliz de novamente vê a mãe (O que irrita Kate), Alex se torna muito ligado a mãe, está sempre fazendo uma oferenda, rezando, conversando e poucas vezes ao lado da mesma. Alex diferente da irmã compreende que a mãe só os deixou para os proteger da ira do marido, por isso a perdoou e fica feliz de ser filho de Perséfone.


☆ Algo a acrescentar? Sim

Tem duas tattos no braço direito


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...