~llyrics

llyrics
#navil_lera_?
Nome: ☽°+𝒢irl on 𝐹ire;
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 8 de Abril
Cadastro:

❝ 𝒷𝒶𝒷𝑒;❣mommy ☽*is+ b.a.c.k❞ —.[W.I.N].


Postado

Mostrar Spoiler:

ʜᴇ {ᴍᴇᴀɴ}♫♪.ʀɪɴᴄss


+;ados basico;+




+𝒩𝑜𝓂𝑒;♪.♫
𝒫ark 𝑀yung

a garota realmente gosta de seu nome, acredita que é a primeira coisa que vem na cabeça das pessoas quando pensam nela, além de sua imagem. O sobrenome, Park, vem do lado materno da garota, sendo bem comum na Coréia do Sul (cerca de 15% da população o possui), e, mesmo tentando sempre ser original, a garota o aprecia por este significar mulher nobre. Já seu nome, Myung, foi escolhido pelo pai, pois a menina já carregava a herança familiar da mãe no nome. O mesmo não é assim tão comum, sendo do sexo feminino, significando, simplesmente e docemente, luz.



+𝒟𝒶𝓉𝒶 & 𝐻𝑜𝓇𝒶 𝒹𝑜 𝒩𝒶𝓈𝒸𝒾𝓂𝑒𝓃𝓉𝑜;♪.♫
𝑀yung nasceu no 𝓅𝓇𝒾𝓂𝑒𝒾𝓇𝑜 𝒹𝒾𝒶 𝒹𝑜 𝓆𝓊𝒶𝓇𝓉𝑜 𝓂𝑒̂𝓈 𝒹𝑜 𝒶𝓃𝑜 𝒹𝑒 𝓂𝒾𝓁 𝓃𝑜𝓋𝑒𝒸𝑒𝓃𝓉𝑜𝓈 𝑒 𝓃𝑜𝓋𝑒𝓃𝓉𝒶 𝑒 𝓃𝑜𝓋𝑒 {08/04/1999; 08 de Abril} 𝒶̀𝓈 𝟢𝟪.𝟧𝟪𝓅.𝓂., no horário local, prematura de quase dois meses. Consequentemente, seu signo ocidental é Áries, e o oriental é Tigre.

em áries, podemos encontrar espontaneidade, uma energia que é total impulso e um forte anseio por existir. Este signo tem uma forte tendência a realizações instantâneas, pois vive sua vida no agora.
o signo de tigre representa pessoas inteligente e perfeccionista, que gostam de estar entre pessoas que estimulem ambas características. Costumar ser o centro das atenções, possuindo originalidade para o fazer, sabendo se impor e sobressair, também. Buscam a liberdade, não gostando de rotinas. Para eles, a vida é um constante desafio na busca da verdade absoluta que, por ser uma meta inatingível, determinam o padrão de exigências que eles são capazes de impor a si mesmos.



+𝐿𝑜𝒸𝒶𝓁 𝒹𝑒 𝒩𝒶𝓈𝒸𝒾𝓂𝑒𝓃𝓉𝑜;♪.♫
𝑀esmo possuindo toda a herança asiática, tanto em nome quanto aparência, Myung nasceu na 𝒜𝓂𝑒́𝓇𝒾𝒸𝒶 𝒹𝑜 𝒩𝑜𝓇𝓉𝑒, mais precisamente em 𝐿𝑜𝓈 𝒜𝓃𝑔𝑒𝓁𝑒𝓈.



+𝑅𝐻;♪.♫
𝑀yung faz parte dos 30% da população (RH mais raro) que possui 𝓈𝒶𝓃𝑔𝓊𝑒 𝒪, no seu caso, 𝓅𝑜𝓈𝒾𝓉𝒾𝓋𝑜 {O+}.

apesar de receber apenas do seu próprio tipo sanguíneo, tanto positivo quanto negativo, pode doar para todos os outros, menos para o O negativo {O-}.
algumas pessoas, principalmente orientais, acreditam que o sangue pode refletir na personalidade das pessoas. No caso do O, um líder-nato, tem comportamento confiante, intuitivo e determinado, que pode se refletir de maneira negativa com egoísmo, narcisismo, imprevisibilidade e frieza.



+𝒜𝓁𝓉𝓊𝓇𝒶 & 𝒫𝑒𝓈𝑜;♪.♫
𝑀yung, seguindo os padrões e esteriótipos coreanos, possui corpo alto e esguio, tendo 𝟣,𝟩𝟤 𝒹𝑒 𝒶𝓁𝓉𝓊𝓇𝒶, enquanto pesa 𝟦𝟪 𝓆𝓊𝒾𝓁𝑜𝓈.



+𝒩𝒶𝒸𝒾𝑜𝓃𝒶𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒;♪.♫
𝒫or ter nascido em tal país e ter, até, vivido durante seus primeiros meses de vida [devido ao nascimento prematuro], Myung é, naturalmente, 𝒶𝓂𝑒𝓇𝒾𝒸𝒶𝓃𝒶 𝑒𝓈𝓉𝒶𝒹𝓊𝓃𝒾𝒹𝑒𝓃𝓈𝑒.





+𝒟𝓊𝓅𝓁𝒶 𝒩𝒶𝒸𝒾𝑜𝓃𝒶𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒;♪.♫
𝒜ssim como já citado, Myung nasceu na América do Norte [Los Angeles], mas todos seus familiares são 𝓈𝓊𝓁-𝒸𝑜𝓇𝑒𝒶𝓃𝑜𝓈, além do que ela mesma considerá-se de tal nacionalidade por ter todas as características asiáticas e, também, ter vivido praticamente toda sua vida em tal lugar [tirando os primeiros meses].






+𝐼𝒹𝒾𝑜𝓂𝒶𝓈 𝑒 𝒻𝓁𝓊𝑒̂𝓃𝒸𝒾𝒶 ;♪.♫
𝒜lém do coreano, Myung sabe vários outros idiomas porque sempre teve investimentos dos pais, além de se interessar por outras nacionalidades, por outros lugares do mundo.

;𝒾𝓃𝑔𝓁𝑒̂𝓈: é fluente no idioma, fazendo jus a nacionalidade [mesmo que não concorde com tal, como já citado]. Fez aulas de inglês desde quando começou a escrever e falar, já que os pais tentaram acostumá-la ao idioma, pois, para herdar os negócios familiares, este seria o básico que ela devia saber.
;𝒸𝒽𝒾𝓃𝑒̂𝓈, 𝓉𝒶𝒾𝓁𝒶𝓃𝒹𝑒̂𝓈, 𝒿𝒶𝓅𝑜𝓃𝑒̂𝓈: sabe o básico dos três idiomas, podendo entrar numa conversa com pessoas dessas nacionalidades. Tinha algumas aulas-extras na escola em que podia estudar tais línguas, participando de todas, sempre investindo e aprofundando tal conhecimento em casa.
;𝒻𝓇𝒶̂𝓃𝒸𝑒𝓈, 𝒶𝓁𝑒𝓂𝒶̃𝑜 𝑒 𝑒𝓈𝓅𝒶𝓃𝒽𝑜𝓁: consegue pronunciar algumas palavras e entende algumas frases, mas está num nível quase abaixo do inicial, aprendendo sozinha com ajuda de ferramentos do próprio google, como aulas online's e o tradutor.




+𝒜𝓅𝒶𝓇𝑒̂𝓃𝒸𝒾𝒶
𝐸́ representada por 𝒟𝑜𝓎𝑒𝑜𝓃, ex-integrante da banda I.O.I {Ideal of Idol}, sendo da Fantagio Entertainment.









+;ados secundario;+




+𝒜𝓅𝑒𝓁𝒾𝒹𝑜𝓈;♪.♫
𝒟iferentemente da maioria, Miyung gosta de apelidos, acreditando que estes são a principal forma de ver que uma pessoa é próxima, amiga, de outra, tentando sempre manter piadas internas com cada um próximo a si.

;𝑀𝒾𝑒: é a maneira que a maioria das pessoas costuma utilizar para referir-se a garota. O apelido surgiu a partir da própria garota, que tinha, quando mais nova, a mania de apresentar-se utilizando este apelido, por gostar da maneira fofa que ele soava, apesar de, atualmente, pensar o quão boba era tal atitude. Deriva-se da pronúncia de seu nome, sendo lido/dito como Miê.
;𝑀𝒾𝓃: utilizado apenas por pessoas extremamente próximas a garota, ou, também, em momentos em que alguém quer ser manhosa com ela. Tal maneira foi criada por brincadeira a partir do erro de uma nova colega de classe, que pronunciou seu nome como MINyung, tirando deste nome as iniciais, assim como fez com seu primeiro apelido. Por essas circunstância, Miyung não gosta que quaisquer pessoas a chamem assim, autorizando apenas aquelas que sabem de tal origem. Caso contrário, a garota sairá um pouco do sério, chegando a dizer "apesar de gostar de proximidade, quem lhe deu tanta assim?"
;𝑀𝑒𝒶𝓃 𝒢𝒾𝓇𝓁 ou 𝒢𝒶𝓇𝑜𝓉𝒶 𝑀𝒶𝓁𝓋𝒶𝒹𝒶: o último apelido é utilizado por duas pessoas específicas: seus pais. Pode parecer estranho, mas a relação da garota com estes [explorada ao decorrer da ficha] é tão amigavelmente próxima que estes sentem-se confortáveis chamando a filha assim. Tal maneira foi criada ainda quando a garota era muito nova, quando não tinha nem ideia do que estas palavras significavam, surgindo ao decorrer dos vários momentos que Myung ficava brava, o que ocorria com facilidade. Seu pai criou esta denominação para brincar com a garota nesses momentos, mesmo que apenas acabava irritando-a ainda mais. Com o tempo, sua mãe também passou a utilizá-lo, e, mesmo que Myung tenha mudado com tempo, achando o apelido um tanto quanto fofo por mostrar a forte ligação entre ela e os pais, o casal parece não querer parar de chamar a filha assim, apesar dela saber, agora, o que tais palavras significam.



+𝐻𝒾𝓈𝓉𝑜́𝓇𝒾𝒶;♪.♫


𝒫ark Dan-Bi cresceu sendo filha única, já que a situação dos pais não era muito favorável para que tivessem dois filhos, duas outras bocas para alimentar. Com isso, a garota teve de aprender a conviver com as dificuldades desde sempre, ajudando com a economia da casa desde muito nova. Acabou perdendo a mãe com pouco mais de quinze anos, tendo de se juntar ao pai para repor a falta das mãos maternas no trabalho. Aprendeu a ser forte, já que tinha de ignorar a tristeza de ter perdido sua geratriz, tomando, instantaneamente, seu lugar. Dan-Bi não só amadureceu muito rápido, consequentemente, quanto, também, abandonou a escola no seu penúltimo ano apenas para focar nas suas tarefas como "adulta". Seu pai, apesar de não ser a favor, nunca se mostrou contra tais atitudes, sendo bem próximo da filha, já que ambos conviviam durante quase todo o dia, pois até trabalhar no mesmo lugar, trabalhavam.

;Já Kwon Chin tinha a situação quase contrário. Mesmo vivendo no mesmo país que a garota, seus pais eram ricos, e ele não tinha de sofrer por nenhuma de suas vontades. Mesmo sendo filho único, sempre teve a companhia de milhões de funcionários realizando todas as suas tarefas. Inicialmente, os pais do jovem não ligavam para tal situação, apenas viam o lado positivo: a felicidade do garoto. Entretanto, quando este completou sua maioridade e, consequentemente, formou-se no ensino superior e confessou aos pais que não pretendia fazer faculdade, a preocupação tomou conta: quem, então, tomaria conta dos negócios da família? Desta maneira, os pais tomaram postura mais dura, enviando o filho para uma "viagem" ao redor do país, passando em cada uma das filias para "enxergar a situação" em que estas estavam.

;O destino resolveu cruzar a rota dessas duas pessoas, tão diferentes, mas tão iguais ao mesmo tempo. Chin, nessa viagem que começava a lhe parecer cansativa demais para ser considerada uma atividade de lazer, conheceu, em uma das filias, a funcionária Park Dan-Bi, que apesar de tão nova, já era de tanta confiança, pois trabalhava no lugar há muitos anos. Inicialmente, a beleza da asiática tomou seus olhos, e tudo era para ser uma brincadeira. Chin não achou que ao convidar a mulher para um jantar, ele realmente fosse se interessar pela conversa, que ele fosse se abrir, que ele fosse terminar levando-a até sua casa, sem tentar nada, e que, muito menos, ele fosse querer mais. Mas, surpreendentemente, foi isso que aconteceu. Chin, pouco a pouco, jantar por jantar, conversa por conversa, viu-se completamente encantado por Dan-Bi, que, secretamente, sentia-se da mesma maneira. A data para que o jovem continuasse a visitar outras cidades estava chegando, e, antes que pudessem se dar conta, todas as desculpas já havia sido dadas, e ele teria que partir. A não ser que algo o fizesse ficar. Esse algo foi Dan-Bi: mesmo que nada fora como num filme, o jovem declarou-se a moça, que confessou sua atração e sentimento. Os dois prometeram manter contato, mas não foi necessário, já que vendo o bom exemplo que Dan-Bi seria para o filho, os pais do jovem deixaram-no permanecer na cidade o quanto fosse necessário.


𝒜ssim o romance teve início, mesmo que as pessoas ao redor do casal achassem que Dan-Bi estava interessada apenas nos prós de namorar seu chefe, até seu pai possuindo certa dúvida. Provando contra todos os pensamentos, os dois namoraram durante longos dois anos até que algo grande acontecesse: o pai de Dan-Bi acabou falecendo por uma doença desconhecida que ele não cuidou, assim como os pais de Chin faleceram por culpa de um acidente de carro. Mesmo sendo situações tensas, estas provaram a verdade: eles tinham um a outro. A relação de Dan-Bi e Chin apenas se fortaleceu com isso, portanto, decidiram-se unir completamente, pois aquilo iria acontecer agora ou mais tarde, de qualquer jeito.


;Chin mudou-se definitivamente para Seoul, onde permanecia com Dan-Bi, comprando um apartamento de classe alta no centro da cidade. Teve a iniciativa de promover Dan-Bi, mas a mesma se negou, pois não estava non nível e sabia que havia outras pessoas mais qualificadas que ela. Com isso, mesmo que com mais de vinte anos, a jovem entrou novamente na escola e completou seus estudos, enquanto, ao mesmo tempo, ajudava o marido, como uma secretária pessoal, da empresa familiar, que produz tecidos para exportação, uma das principais do país. Em sua formatura, ela esperava apenas ganhar um diploma e dançar com seu amor, já que seu pai infelizmente não estava presente. Entretanto, o destino resolveu surpreendê-los aí também: não seria mais só os dois, Dan-Bi esperava uma criança.

;Chin nunca havia se mostrado tão ansioso, falando de uma boa maneira. Antes que a própria Dan-Bi percebesse, ele já havia comprado os móveis básicos e também os utensílios, esperando apenas saber o sexo da criança para completar as comprar. Dan-Bi resolveu brincar com o marido: ele não tinha aproveitado quase nada, tinha feito tudo no impulso, então só iriam saber o sexo da criança e conseguir o enxoval após o nascimento. O jovem concordou, já que seria interessante, e eles poderiam aproveitar o restante de tempo sendo apenas os dois na casa. Para o fazer, entretanto, Chin planejou uma viagem a alguns países, como uma lua-de-mel atrasada.

;Já haviam passado por dois países quando embarcaram rumo Estados Unidos, o centro do mundo. Para o primeiro dia, estaria marcado um descanso, pois seria o último lugar antes de voltarem. Entretanto, mesmo com apenas sete meses, Myung resolveu nascer: a menina esperou que os pais fossem jantar, para que suas contrações começassem. Inicialmente, eles acreditavam que não seria nada, apenas chutes de felicidade da criança, mas, quando viram, já tinham um bebê nas mãos.


A criança, nascida no quarto dia daquele mês de Abril, por causa da prematuridade, prendeu a família na América do Norte durante longos três meses, quando enfim puderam voltar a Seoul, na Coréia. Pais de primeira viagem, sem nenhum alguém com mais experiência com bebês para ajudá-los, cada dia era uma aventura, sendo um filme de comédia que passou rápido. Myung cresceu, saudável e bela, sempre muito sapeca, bagunçando cada cômodo da casa, com suas pequenas crises de raivas. A garota não se lembra muito desta parte da infância, mas guarda na memória o dia que seu quarto estava sendo reformado, pois ela já completava os seis anos. Lembra-se de ver os pais abraçados, um pouco emocionados, dizendo que "sua garota malvada havia crescido"....

;Entrou na escola, como todas as crinanças de sua idade, indo muito bem, pois é dona de grande inteligência. Vendo isso, que filha não estava sendo desafiada, os pais da garota resolveram aproveitar um pouco da situação econômica alta da família para colocarem-na em todas as aulas e atividades extras que conseguiam, até que ela escolhesse algo que manteria-se. A Myung de oito anos daquela época experimentou aulas de balé, aulas de piano, aulas de esgrima, aulas de natação... E, apesar de manter-se nas aulas de inglês e teatro, apenas uma realmente a fazia ansiosa por cada aula: as de música. Não só aprendia a cantar e, também, a tocar alguns instrumentos, quando sobrava tempo, quanto treinava coreografias que pudessem ajudar nas apresentações. Com isso, mesmo que muito nova, a garota já demonstrava grande habilidade, realmente impressionado algumas pessoas.

;Aos treze anos, durante um vídeo do ensaio de uma das peças teatrais postadas no youtube por sua escola, foi descoberta por um olheiro da BigHit, por quem fez uma audição e passou. Teve quase dois anos como trainee na empresa quando resolveu sair, já que a mesma avisou-a de que, provavelmente, seu debut iria demorar, além de que ela não se sentia tão confortável na empresa, pois todos pareciam dar atenção a apenas uma pessoa, deixando as outras de lado. Entrou para YGE após tal ocorrido, já que, com seus contatos, conseguiu uma audição, aos quinze anos.




+𝒫𝑒𝓇𝓈𝑜𝓃𝒶𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒;♪.♫
𝒜 maioria dos traços de Myung tem origem de pontos principais, como se fossem consequência de pontos mais marcantes em sua personalidade.

;𝒸𝑜𝓂𝓅𝑒𝓉𝒾𝓉𝒾𝓋𝒶: se você desafiou Myung, não sabe onde se meteu. A garota é simplesmente a mais competitiva da Terra, não suportando derrotas e levando tudo para o lado das competições e desafios. Felizmente, tal traço origina sua grande determinação, que não a deixa desistir da coisa facilmente, além de não aceitar um não como responta. Consequentemente e infelizmente, torna-a, também, um pouco orgulhosa, pois faz de cada vitória uma guerra finalizada, e, também, teimosa, pois não costuma aceitar um não como resposta, não desistindo das coisas até que tenha a conseguido. É também dona de uma grande coragem, pois não gosta de demonstrar fraqueza, então enfrenta todos os medos de cabeça erguida como se não fosse nada. Desenvolveu um grande auto-controle, pois, apesar de extrovertida, não costuma se abrir tanto em relação a sentimentos, não demonstrando nenhum. Menos a raiva, sendo seu ponto fraco. Por ser extremamente explosiva, se você tocar na ferida, Myung sairá do sério e se transformará na pessoa mais insuportável do mundo, nem parecendo ela mesma. Tal raiva também pode ser vista por culpa do seus senso de proteção em relação a outras pessoas, parecendo uma leoa com as pessoas que gosta, pois, se machucar uma delas, estará a machucando indiretamente.

;𝒹𝑒𝓈𝒶𝓅𝑒𝑔𝒶𝒹𝒶: tal traço não é um de seus melhores, mas origina a alguns muito presentes em sua personalidade. O fato de ser desapegada a faz com que ela possa ser, até, um pouco manipuladora, utilizando as pessoas por suas vontades, descartando-as logo em seguida, mesmo que não perceba. Entretanto, quando a garota se apega, torna-se a melhor companheiro possível: sua lealdade e honestidade não a deixam mentir, tanto em relacionamentos quanto na vida real, não traindo ninguém. É também muito confiável, sendo a melhor para ouvir segredos, pois vai guardá-los. Sua responsabilidade também é surpreendente, pois tudo o que a mesma prometeu, ela vai cumprir. Mesmo que sua postura forte se sobressaia a seu sorriso e sua risada, a mesma consegue ser a mais compreensível e carinhosa possível, tentando sempre ouvir o que você tem a dizer e, também, demonstrando seus sentimentos quase sempre. Se juntarmos ao seu auto-controle, Myung torna-se muito boa com conselhos, pois sua racionalidade em conseguir separar os sentimentos das ações a faz muito realista em todos os momentos. Além disso, quando se apega, Myung pode se considerada ciumenta, já que não gosta de ver amigos ou parceiro relacionando-se com outras pessoas, pois costuma querer ser única na vida destes.

;𝑒𝓈𝓅𝑒𝓇𝓉𝒶: é dona de grande inteligência, conseguindo aprender coisas novas com facilidade e rapidez. Sua esperteza também a envia um raciocínio rápido, não precisando explicar muito para que ela já entenda. Originado daí, é muito estratégica, gostando de pensar e planejar as coisas, mesmo que em muitas situações não siga tais planos, apenas para se sentir menos ansiosa e mais preparada. Apesar de não ser a pessoa mais indecisa do mundo, costuma seguir, em decisões menos importantes, seus instintos, sendo chamada de impulsiva por causa disso. Entretanto, tudo não passa do fato da garota impaciente ficar pensando no que poderia acontecer se escolhesse cada uma das opções, tendo de ser rápida, todavia. Ao mesmo, quando coloca algo na cabeça, como já citado, só tira quando atinge tal objetivo. Sua sinceridade pode ser confundida com frieza, pois, por cobrar muito de si mesma, acaba cobrando muito das outras pessoas, e, quando é perguntada por algo, sua honestidade não a deixará mentir, falando o que realmente pensa, seja isso incrivelmente mal ou bem.

;𝒶𝓁𝑒𝑔𝓇𝑒: sua alegria pode não parecer muito presente, já que a garota não costuma sorrir muito, sendo considerada, inicialmente, um pouco séria, mas, no fundo, ela só gosta de manter a pose de badgirl. Sua animação e sua ansiosidade andam lado a lado, pois a mesma acaba sendo até um pouco exagerada apenas por não conseguir esperar o momento, sendo, também, impaciente. Seu carisma é invejável, tendo facilidade em conquistar pessoas, gostando de elogiar e ver os outros ao seu redor bem. Acabou tornando-se, com o tempo, bastante desinibida, conseguindo facilmente conversar com pessoas que não conhece, já que a simpatia fá-la facilmente fazer amigos. Apesar de não ser a pessoa mais bondosa do mundo, sua gentileza é presente, e, sempre quando pode, vai dar o máximo para te ajudar. A alegria também lhe dá um ótimo bom-humor, sendo o seu mais próximo do sarcástico e irônico, alvo de vários elogios, já que a mesma consegue tirar-te um sorriso a qualquer momento, pois é piadista e brincalhona, gostando de piadas e de pregar peças. Não é a pessoa mais tagarela do mundo, só que, quando está com outras pessoas, acha o silêncio um tanto quanto constrangedor, então tenta sempre falar algo. É, no fundo, extremamente curiosa, tendo sempre um porquê em sua cabeça. Entretanto, já foi chamada de intrometida e, por isso, acabou guardando tal curiosidade para si mesma, só não conseguindo segurá-la quando está interessada em algo ou alguém. Não que ela seja impulsiva, mas, sim, espontânea. Em momentos mais casuais, não costuma pensar no que falar ou fazer, sendo apenas ela mesma, conquistando muitas pessoas com sua personalidade calorosa.

;𝑜𝓇𝒾𝑔𝒾𝓃𝒶𝓁: sua originalidade a trás criatividade. A mesma é do tipo que gosta de inovar, de experimentar coisas novas, de chamar atenção por sua autenticidade. Consegue ter ideias a qualquer instante, tendo uma imaginação mais do que fértil. Sabendo que, consequentemente, consegue tirar a atenção das coisas fácil, indo para o seu mundo da maionese num picar de olhos, desenvolveu um senso de observação espetacular, conseguindo prestar atenção em todo o seu redor, seja um detalhe que para muitos poderia passar despercebido. Também, é muito atenta, mantendo sua atenção nas coisas mesmo que elas sejam chatas. Sua vontade de chamar atenção e criatividade grande com presenças conhecidas pela garota a tornam relativamente perfeccionista, já que a mesma, confiante como si mesma, sabe do que é capaz e acredita que deve fazer valer a pena todos os talentos e habilidades, fazendo com que, além do fato de prestar atenção nos mínimos detalhes em tudo o que faça, torne-se muito esforçada, dando seu máximo em qualquer coisa, mesmo que esta tenha pouco relevância.

;𝒷𝒶𝒹𝑔𝒾𝓇𝓁: finalizando, sua personalidade é muitas vezes comparadas a de uma badgirl, ou mean girl, porque, decorrido do fato de ser desapegada, não costuma manter contato ou se abrir com várias pessoas, fazendo com que estas conheçam apenas os pontos mais superficiais de sua personalidade. Por tentar se segurar e não demonstrar seus sentimentos, mantendo apenas seu sorriso sarcástico no rosto, as pessoas podem a descrever como cínica, além do que o fato de ser muito sincera acaba fazendo com que fale sua opinião sem dó nem piedade como se não significasse nada. A determinação, competitividade e coragem também desmentem a aparência fofa e inocente da garota. Por isso, mesmo que seja uma brincadeira e que ela demonstre o lado mais "colorido e vívido" de sua personalidade, as pessoas gostam de focar no lado mais "preto e branco", apenas para irritá-la, já que elas sabem o quão alegre e divertida Myung é.


+𝒢𝑜𝓈𝓉𝑜𝓈 & 𝒟𝑒𝓈𝑔𝑜𝓈𝓉𝑜𝓈 ;♪.♫
𝐸́ facilmente agrada, tendo uma lista de gostos extensa. Ao mesmo tempo, seus desgostos não são tantos, pois a garota tenta se afastar de coisas e pessoas antes que uma opinião completamente ruim se forme.


;𝑔𝑜𝓈𝓉𝑜𝓈: bebidas quentes, comidas salgadas, sabores cítricos, cheiros doces, livros novos, filmes, desenhos animados, animais, elogios, surpresas, vitórias, sorrisos, sua família, seus amigos, chuva, frio, inverno, esportes, piscinas, cores, músicas, artes, matemática, problemas lógicos, astrologia, astronomia, originalidade, carinho, confiança, chamar atenção, liberdade, decoração, arquitetura, moda, maquiagem, organização, limpeza, cobertas peludas, acrobacias, piadas;

;𝒹𝑒𝓈𝑔𝑜𝓈𝓉𝑜𝓈: temperos fortes, calor, animais/pessoas grudentas, críticas, preconceitos, desrespeitos, derrotas, erros, infantilidade, arrogância, cheiros ruins, coceiras, doenças, médicos, acidentes, altura, química, clichês, bagunça, sujeira, dúvidas, pesadelos, barulhos altos, ser deixada de lado;




+𝑀𝒶𝓃𝒾𝒶𝓈 & 𝐻𝒶́𝒷𝒾𝓉𝑜𝓈 ;♪.♫
𝒜pesar de não serem tantas, as manias e os hábitos de Myung são presentes, podendo ser listados por uma pessoa mesmo que seja seu primeiro convívio com ela.

;𝓂𝑒𝓍𝑒𝓇 𝒸𝑜𝓂 𝒶 𝓁𝒾́𝓃𝑔𝓊𝒶: costuma não manter sua língua dentro da boa, quando está em silêncio. Umedece os lábios, morde o inferior, passa-a pelos dentes, morde-a... O que muitos podem considerar a garota sendo "sexy" é apenas uma de suas manias.

;𝒻𝒶𝓏𝑒𝓇 𝒸𝒶𝓇𝑒𝓉𝒶𝓈: o que a ajuda, também, a ser chamada de malvada é o fato dela reagir utilizando as expressões faciais, também, algumas até exageras.

;𝓇𝑜𝑒𝓇 𝒶𝓈 𝓊𝓃𝒽𝒶𝓈: antes que perceba, ela vai ter parado de batucar nos lugares e levado a mão na boca, para mexer com as unhas.

;𝒹𝒶𝓃ç𝒶𝓇: além de hábito, consideramos o "dançar" um hábito por Myung o fazer até mesmo quando parada, nunca ficando realmente quieta no lugar. Apenas para não se sentir um peso morto, a garota costuma treinar as coreografias quando parada, de um jeito tímido para não chamar atenção.




+𝐻𝑜𝒷𝒷𝒾𝑒𝓈;♪.♫
𝒯enta não seguir uma rotina, mas possui algumas ações que não consegue concluir seu dia sem fazê-las, além da música, que é praticamente sua vida.

;𝑒𝓍𝑒𝓇𝒸𝒾𝓉𝒶𝓇-𝓈𝑒: é ativa e não gosta de se sentir inútil, então exercitá-se além do que já faz nos treinos, de todas as formas possíveis, seja que uma ginástica no sofá, um jogo de vôlei contra a parede ou uma caminhada ao redor da casa.

;𝓁𝑒𝓇: tem a meta de ler pelo menos um livro por semana, gostando de variar os estilos, mesmo que seu favorito sejam os de suspense.

;𝒶𝓈𝓈𝒾𝓈𝓉𝒾𝓇 𝒶 𝓉𝑒𝓁𝑒𝓋𝒾𝓈𝒶̃𝑜: para ela, não há nada menos do que finalizar o dia assistindo a um filme ou começar um fim de semana de folga com seus desenhos animados.

;𝓉𝒾𝓇𝒶𝓇 𝒻𝑜𝓉𝑜𝓈: desde com o celular, até modelando, a garota ama fotografia. Costuma ter um olhar crítico em relação a fotos, preferindo tirar fotos de lugares a pessoas, possuindo relativamente poucas fotos suas.

;𝒸𝑜𝓏𝒾𝓃𝒽𝒶𝓇: apesar de não ser assim tão boa, a garota aprendeu com a mãe algumas técnicas, e acredita que quando cozinha, o ambiente desse cômodo, a lembra da família, então tenta fazer pelo menos uma refeição diária por si só, mesmo que este for simples.




+𝐻𝒶𝒷𝒾𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒𝓈 𝑒 𝒯𝒶𝓁𝑒𝓃𝓉𝑜𝓈 𝐸𝓈𝓅𝑒𝒸𝒾𝒶𝒾𝓈;♪.♫
𝒜lém de destacar-se na música como um todo (vocal, rap, dança), a garota sempre mostrou grande habilidades em várias áreas.

;𝓉𝑒𝒶𝓉𝓇𝑜: uma das aulas em que se manteve fora as de teatro, pelas quais se tornou uma ótima atriz, conseguindo atuar em momentos que seriam difíceis para muitos, além de até ganhar certo "talento" para mentir, consequentemente.

;𝑒𝓈𝓅𝑜𝓇𝓉𝑒𝓈: sempre mostrou talento em todos eles, praticando vários e não sendo ruim em nenhum. Por ser animada, ativa e elástica, consegue destacar-se até nos que é a primeira vez praticando. Chama bastante atenção com as habilidades de ginástica e natação.

;𝑒𝓈𝒸𝓇𝒾𝓉𝒶: por ler bastante, ganhou grade talento para escrever, seja compor músicas, poemas ou histórias, pois a criatividade consegue a ajudar nesses momentos, também. Costuma mostrar tal habilidade em momentos que está sentindo algo diferente, uma emoção a flor da pele, conseguindo se comunicar melhor por este meio.

;𝒻𝑜𝓉𝑜𝑔𝓇𝒶𝒻𝒾𝒶: a pratica leva a perfeição A garota nunca teve contato formal com a fotografia, como ter aulas, mas, por sempre tirar fotos das coisas, desenvolveu um fotografar muito bom, digno de fotógrafo, vendo momentos perfeito como muitos fazem, além de conseguir fazer magias com uma câmera, se formos comparar a realidade com a imagem que ela tiraria.

;𝓂𝑒𝓂𝑜́𝓇𝒾𝒶: de todos os tipos, a garota destaca-se por conseguir lembrar-se até dos mínimos detalhes, seja do que for. É ainda melhor na visual, já que seu senso de atenção e observação a ajudam nesse quesito.



+𝒫𝑜𝓃𝓉𝑜 𝓅𝑜𝓈𝒾𝓉𝒾𝓋𝑜 & 𝓃𝑒𝑔𝒶𝓉𝒾𝓋𝑜;♪.♫
𝒮eus pontos positivos vão desde a determinação até seu bom-humor, mas, mesmo que possa parecer surpreendente, a garota considera seu 𝒶𝓊𝓉𝑜-𝒸𝑜𝓃𝓉𝓇𝑜𝓁𝑒 seu maior ponto positivo, pois, com ela, ela acaba não demonstrando seus sentimentos, e as pessoas nunca consegue saber se a magoaram ou a irritaram, por exemplo. Já, entre seus pontos negativos, que também são vários, como da curiosidade até a timidez, o principal seria a 𝒸𝑜𝓂𝓅𝑒𝓉𝒾𝓉𝒾𝓋𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒 𝑒𝓂 𝑒𝓍𝒶𝑔𝑒𝓇𝑜, pois apesar de muitas vezes ser boa, acaba fazendo originando a maioria de seus defeitos, além do que não a deixa suportar uma derrota, tornando-a irritante ao ganhar, além do que fá-la uma pessoa ruim para se competir, já que, mesmo sendo boba, ela dará seu máximo como se estivesse lutando numa guerra.




+𝑀𝑒𝒹𝑜𝓈 & 𝐹𝑜𝒷𝒾𝒶𝓈;♪.♫
𝒫or ter tamanha coragem, a garota não possui tantos medos já que acaba superando quase todos eles apenas por não querer assumi-los.


;𝓂𝑒𝒹𝑜𝓈: ficar num mundo em que ninguém a queria bem; ser abandonada; ser esquecida; passar uma grande vergonha em público; ser traída; ficar doente ou ver pessoas que gosta ficando doentes; perder sua família; perder seus amigos; altura; palhaços; anelídeos; fantasmas e/ou outras coisas paranormais (apesar de não parecer); ladrões e/ou qualquer tipo de crime comum; acidentes;

;𝒻𝑜𝒷𝒾𝒶: aicmofobia; fobia de coisas afiadas — no caso da garota, tem apenas uma grande aflição a objetos afiados perto de seus olhos.


+𝒜𝓁𝑔𝓊𝓂 𝓋𝒾́𝒸𝒾𝑜?;♪.♫
𝒞𝒶𝒻𝑒́ pode ser considerado um vício no caso da garota, pois a mesma toma uma caneca a cada período do dia, não passando nenhum dia sequer sem pelo menos uma gota de tal bebida. Além disso, caso haja 𝒷𝒶𝓁𝒶𝓈 𝒹𝑒 𝒾𝑜𝑔𝓊𝓇𝓉𝑒 no local, melhor esconder de Myung, pois se ela comer uma, vai acabar comendo todas.


+𝒜𝓁𝑔𝓊𝓂𝒶 𝒶𝓁𝑒𝓇𝑔𝒾𝒶 𝑜𝓊 𝒹𝑜𝑒𝓃ç𝒶?;♪.♫
𝒩ão tem nenhuma alergia, mas apenas evita levar 𝓅𝒾𝒸𝒶𝒹𝒶𝓈 de abelhas ou mosquitos com ferrões mais doloridos porque parecem demorar para curar as feridas, além de do local permanecer sensível. Já em relação a doenças, apesar de nunca ter procurado ajuda profissional, acredita que seus "sintomas" batam com os de um "portador" da 𝓈𝒾́𝓃𝒹𝓇𝑜𝓂𝑒 𝒹𝑜 𝓅𝒶̂𝓃𝒾𝒸𝑜. Por raramente se envolver com sentimentos, quando isto acontece ela acaba não lidando muito bem, possuindo faltas de ar e chegando até a quase desmaiar.





+;elaçoe;+




todas as idades citadas são ocidentais
+𝐹𝒶𝓂𝒾́𝓁𝒾𝒶;♪.♫

𝒫ark 𝒟an-𝐵i;♪.♫𝟦𝟥 anos;♪.♫𝒸o-𝓅residente da Rose'e
[fábrica de tecidos da família]


;𝑀ãe e filha são extremamente próximas, tratando-se mais como amigas, sem tantas formalidade como a maioria. Conhecendo-se como ninguém, possuem uma relação relativamente maravilhosa, podendo falar sobre qualquer coisa sem que fiquem como uma atmosfera estranha, consequentemente, sentem-se confortáveis para se abrir uma com a outra. Além de tudo, confiam mais do que tudo, sendo sua mãe a primeira pessoa para quem pede um conselho. Pode pedir ajuda a qualquer momento, além de mulher conseguir perceber quando há algo de errado com ela apenas com um olhar. Apesar de tudo, Dan-Bi é um pouco fechada em relação a decisões e atitudes diferentes da que ela acha correto, por isso nem sempre concorda com Myung e sua possível futura carreira na música, mas, ao mesmo tempo, nunca deixou-se de apoiá-la, pois sabe do que a filha é capaz, sempre ensinando-a a dar seu máximo nas coisas que faz.



𝒦won 𝒞hin;♪.♫𝟦𝟦 anos;♪.♫𝓁idera o negócio familiar
[Rose'e, a fábrica de tecidos da família]


;𝑀ais do que um pai, Chin é um ídolo que Myung leva para vida, tendo orgulho do pai que tem e de toda a trajetória de vida do mesmo. Não são tão próximos assim como é com a mãe, já que normalmente, por serem de sexos opostos [é óbvio, né] acabam não entendendo sobre os mesmo assuntos nem sabendo como ajudar em relação a determinados problemas. Entretanto, sempre que está triste, Myung busca a presença do pai por este lhe parecer proteger do mundo quando está perto, além do que o bom-humor do homem é um dos únicos que a consegue fazer rir com tanta facilidade. Ele também costuma ser o primeiro nome que passa por sua cabeça quando precisa de ajuda, pois o homem, por seu jeito um pouco mais liberal, acaba não se preocupando com os detalhes, pensando apenas no bem da filha. Por isso, sempre que se metia em alguma confunsão, ele é o primeiro a quem busca apoio, pois sabe que este irá apoiá-la defendê-la seja quaquer o caso. Finalizando, costumam se abraçar sempre que se veem, pois, tirando isso, raramente demonstram seus sentimentos e o quão amam um ao outro, apesar de já saberem sobre tal coisa.



+𝒜𝓂𝒾𝑔𝑜𝓈;♪.♫
— 𝒶𝓅𝑒𝓈𝒶𝓇 de conhecer muitas pessoas e ser querida, também, por várias, o conceito que tem como amigo é de alguém que faria de tudo por, que confia e sabe que pode se abrir sem medo com, desta maneira, sua lista de pessoas que realmente se encaixam como "amigos", os mais próximos, é relativamente curta em relação ao número de pessoas com quem convive com;


𝐼m 𝒥ennie;♪.♫𝟣𝟫 anos;♪.♫𝓅rimeiro ano de contabilidade;
;𝒜ssim como a maioria de amigos que possui, conheceram-se durante as aulas de música. Entretanto, diferente do que ocorreu com a maioria, Jennie e Myung realmente ficaram próximas, mantendo a amizade que inciou quando ambas eram ainda muito jovens até hoje em dia. Podemos considerar a garota uma irmã de outra mãe, confiando na mesma, conhecendo-na mais do que conhece a si mesma, além de estar sempre pronta para ajudá-la. As duas são bem parecidas, tendo muitos gostos em comum. Apesar de não se verem pessoalmente com tanta frequência, costumam sempre falar entre si por longas horas, além de, quando se encontram, parecem duas crianças, brincando pulando e, até mesmo, fazendo joguinhos bobos para saber das "novidades", como perguntar se a algum boy novo na vida. Uma das coisas que mais marca a amizade das duas garotas é o fato delas tentarem introduzir uma para sue próprio mundo: por fazer contabilidade, Jennie vive mostrando a Myung contas novas e fórmulas que podem ajudá-la em problemas na escola, pois a mesma gosta de exatas, assim como Myung costuma mostrar músicas novas e dar dicas para melhorar nas coreografias, pois sabe que Jennie também aprecia muito esta área da música, sendo a primeira que a apoiou e sempre disse que ela conseguiria, muito menos de Myung saber que iria ser trainee.



𝑀in 𝒮ook;♪.♫𝟤𝟢 anos;♪.♫𝓈egundo ano de artes cênicas;
;𝒟iferentemente de Jennie, Sook conheceu Myung durante as aulas de teatro. Por ser mais velha e até que bem madura para a idade que tinha na época, a amizade entre as duas teve inicio quase ao mesmo tempo em que Myung começou com as aulas de teatro, pois Sook já as fazia há muitos anos, sendo a melhor da turma e, consequentemente, estando disposta a ajudar aos novos alunos, dentre eles, Myung. A partir de uma dupla que fez com a garota, quando ela tinha pouco mais de oito anos, as duas acabaram por se tonar próximas, apesar de ver em Sook uma irmã mais velha, uma segunda mãe, já que a mesma sempre age muito responsavelmente. Podem não parecer próximas pois, quando justas, não costumam falar muito entre si, mas, ao mesmo tempo, é o completo oposto: o silêncio parece as ligar de uma maneira que as palavras não conseguiriam, conseguindo se comunicar apenas por um olhar. Tentam sempre se encontrar em algum café ou restaurante, conversando calmamente sobre as novidades semanais. Apoiam-se completamente, Myung ainda sonha ver a amiga famosa, assim como a mesma tem certeza que Myung tornará-se uma cantora de muito sucesso antes que ela possa imaginar.



𝐿ee 𝒩ayeon;♪.♫𝟤𝟢 anos;♪.♫𝓈egundo ano de artes cênicas;
;𝑀yung não tem a mínima ideia de como tornou-se amiga de Nayeon. Pouco a pouco, as duas pareciam estar completamente próximas, não conseguindo imaginar sua vida sem a amizade uma da outra. Nayeon também era da turma de teatro de Myung e, assim como aconteceu entre ela e Jennie, Nayeon precisou de ajuda, e Myung ofereceu-se. Após apenas um encontro, quando esta já completava seus treze anos, as duas se pegaram conversando abertamente, como não faziam com pessoas que conheciam há muito mais tempo. No dia seguinte, as coisas não pareceram mudar e, de uma hora para outra, Nayeon já tinha se introduzido no curto círculo fechado de amigos extremamente próximos da garota. Ela, apesar de ser a menos próxima a ela dentre as outras duas citadas, é a que mais mantem contato, pois Myung parece realmente ser sua única amiga, visitando a garota quando pode, mesmo que seja um lugar de treinos um pouco fechado. Quando juntas, costumam falar sobre coisas aleatórias, assuntos que nem mesmo elas sabem como conseguiram chegar até lá, além de, também, conseguirem se opinar sem medo, pois o respeito sempre fala mais alto entre elas.




𝒦im 𝒯aeyung;♪.♫𝟤𝟢 anos;♪.♫𝒸antor (BTS);

;𝒜 amizade entre os dois é facilmente definida por uma característica: fofura. Os dois se conheceram no período em que Myung foi trainee da BigHit, na época em que Taeyung também treinava. Durante tal período, entretanto, a garota tecnicamente conversava com todos os outros membros, então nada parecia ser de grande destaque. Entretanto, após sua saída da gravadora, o único que realmente pareceu se importar em manter contato com a garota foi V, o que fez Myung perceber o quanto o mesmo estava sendo um bom amigo durante todo o período anterior. Consequentemente, Myung deu seu máximo para ser a boa amiga que ele sempre havia sido para si. Os dois se tenta se ver todas as sextas-feiras a noite, para passarem a noite juntos conversando, como se não fossem pessoas de sexos opostos que podiam ter a amizade vista como uma desculpa. Ignoram todas as hipóteses e comentários, abraçando-se em público, além de demonstrarem o carinho que sentem com outras carícias, também. V é uma das melhores pessoas, se não a melhor!, que ela conheceu devido a carreira na música, confiando muito no mesmo, conhecendo-no também como se convivessem juntos desde sempre, sendo capaz de tudo pelo mesmo, além de saber que este também sente e faria o mesmo por ela.



+𝐼𝓃𝒾𝓂𝒾𝑔𝑜𝓈;♪.♫
𝒦im 𝐻yerin;♪.♫𝟣𝟪 anos;♪.♫𝑒studante;

;𝒮abe aquela caloura que entrou na escola de nariz em pé se achando a dona do pedaço? Foi esta a primeira impressão de Myung com Hyerin. A garota simplesmente não foi com a cara da menina, mesmo que essa nunca tenha a feito nada. Com o decorrer do tempo, esta começou a perceber do desgosto de Myung em relação a si, também aderindo a certo sentimento em relação a Myung. As duas podem nunca ter trocado uma palavra, nem pretendem. Não são o tipo de "inimigas declaradas", apenas pessoas que tentam se evitar. Ainda estudam juntas, mas, mesmo que a formatura pareca estar perto e o debut de Myung também, não parece que a relação entre elas irá melhorar.







+;referencias + curiosidade;+





+𝒯𝒾𝓅𝑜𝓈 𝒹𝑒 𝓅𝑒𝓈𝓈𝑜𝒶𝓈 𝓆𝓊𝑒 𝑔𝑜𝓈𝓉𝒶 𝑒 𝒹𝑒𝓈𝑔𝑜𝓈𝓉𝒶;♪.♫
𝑀yung prefere não ter um tipo de pessoa preferido e outro odiado, pois sabe que exceções existem para tudo. Entretanto, se pudesse escolher exatamente o tipo de pessoas que gostaria de ter por perto, seriam as 𝒸𝑜𝓂𝓅𝓇𝑒𝑒𝓃𝓈𝒾́𝓋𝑒𝒾𝓈 e 𝑒𝓃𝑔𝓇𝒶ç𝒶𝒹𝒶𝓈, que, além de fazerem-na rir, seriam boas companhias, já que conseguiriam ouvi-la e entendê-la, mesmo que não costume se abrir com as pessoas. Também, se pudesse manter certas pessoas longe de si, escolheria ficar bem distantes das que são 𝒾𝓃𝓈𝑒𝑔𝓊𝓇𝒶𝓈, 𝓆𝓊𝒾𝑒𝓉𝒶𝓈 e 𝓂𝒶𝓃𝒽𝑜𝓈𝒶𝓈 demais. Mas, como já citado, de acordo com Myung, para tudo existe uma exceção...



+𝒞𝓊𝓇𝒾𝑜𝓈𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒𝓈;♪.♫

;É uma das que tem menos aegyo, mas os que tem são um dos mais fofos entre as garotas;
;De pouco a pouco, aprendeu a tocar violão e guitarra, estando num nível profissional. Também sabe o básico do piano/teclado e flauta transversal;
;Tem um corpo incrivelmente elástico;
;Não segue dietas porque se exercita bastante;
;Nunca teve um animal de estimação, mas, se tivesse, o chamaria de "momo", independente do sexo e espécie do mesmo;
;Facilmente decora coreografias;
;Sabe dançar a grande parte de músicas de k-pop da atualidade;
;Enquanto assiste á televisão, o controle remoto tem de estar na sua mão ou próximo de si;
;Seu banho é relativamente curto, não durando mais de cinco minutos. Entretanto, quando resolve lavar o cabelo, o tempo sobre para quase meio-hora sob o chuveiro;
;É boygoup stan, demonstrando seu lado army, exo-l, igot7 e aroha em premiações e encontros com estes grupos;




+𝐹𝒶𝓋𝑜𝓇𝒾𝓉𝑜𝓈;♪.♫
;𝒸𝑜𝓇: apesar de gostar da combinação entre preto e branco, ela tem certa tendência a variedade de cores vívidas, sendo sua preferida o vermelho;
;𝒸𝑜𝓂𝒾𝒹𝒶: tem certo vício em relação a balas de iogurte, mas prefere comidas salgadas, gostando, principalmente, de massas, sendo o macarrão com queijo que sua mãe faz sua preferida;
;𝓅𝓇𝑜𝑔𝓇𝒶𝓂𝒶 𝒹𝑒 𝒯𝒱: não tem um específico, mas gosta das competições e shows de variedade, principalmente os com senso de humor e crítica;
;𝓂𝓊́𝓈𝒾𝒸𝒶: novamente, não há muitas especificações, gostando de todos os estilos e sendo bem aberta nesse quesito, mas confessa ter ceda queda por músicas com batidas, consequentemente, as mais animadas acabam agradando-a mais;
;𝒾𝒹𝑜𝓁: nunca parou para pensar, até porque não costuma seguir tanto as músicas só de seu pais, mas ela realmente gosta da banda Girl's Generation, não tendo uma preferida dentre elas;
;𝒞𝐸𝒫: gosta de outras nacionalidade, interessando-se muito na cultura indiana, mas, ao mesmo tempo, se pudesse escolher para que lugar viajaria, provavelmente seria para Rússia (por causa do clima) ou para a própria América do Noite, já que, mesmo tendo nascido ali, ela nunca voltou para lá;
;𝑒𝓈𝓉𝒶ç𝒶̃𝑜: tanto por ter nascido durante esta estação quanto por causa do clima e de suas características, o outono é eu período favorito do ano;
;𝒻𝒾𝓁𝓂𝑒: costuma dizer que seus preferidos são o de ação e aventura, mas, em segredo, gosta bastante dos romances. Entre todos, entretanto, o seu preferido é o "Miss Simpatia", por juntar quase todas as suas coisas favoritas num só;
;𝒹𝑒𝓈𝑒𝓃𝒽𝑜: gosta de todos, desde que sejam animados. Tem certa paixão, principalmente, por "Três Espiões de mais" e "Super poderosas";
;𝓇𝑜𝓊𝓅𝒶: em relação a peças, gosta de saias e camisetas, desde que sejam mais largas e nem tão grudadas. Prefere roupas de cores lisas, principalmente se o contraste for entre preto e branco.
;𝒷𝑒𝒷𝒾𝒹𝒶: não há como negar, gosta de todas, mas não conseguiria se imaginar seu café.
;𝒶𝓃𝒾𝓂𝒶𝓁: se interessa mais pelos selvagens, mas acha os gatos incríveis;




+𝒫𝑜𝓈𝓈𝓊𝒾 𝓇𝑒𝒹𝑒𝓈 𝓈𝑜𝒸𝒾𝒶𝒾𝓈?;♪.♫
𝑀yung nunca foi uma jovem muito ligada a redes sociais, mas tem várias que, na maioria das vezes, só utiliza para ler e ver as novidades em relação a outras pessoas;
; @MiePark seu instagram tem praticamente apenas uma foto sua sozinha, sendo o resto uma mistura de fotos de paisagens, comidas, livros ou dela com os amigos. Não costuma atualizar com tanta frequência, acreditando que uma foto por semana está de bom tamanho, mesmo que ela demore muito mais para atualizar.

; @ParkMyung seu twitter, podemos dizer assim, é a rede que mais podemos ver a real face de Myung, pois ela costuma postar seus pensamentos e frases que vem em sua cabeça sem nem relê-las ou pensar duas vezes. Ao mesmo tempo, a maioria nos faz rir, sem critica ninguém. Não posta fotos suas, apenas atualizações sobre outras coisas, como, por exemplo, o "programa".

; possui redes sociais privadas, sendo todas com o nick @ParkMG só as utiliza para conversar com os amigos, quando estes a chamam.



+𝒮𝑒𝓍𝓊𝒶𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒;♪.♫
𝐻eterossexual, sem nunca ter se sentido atraída por alguém do mesmo sexo, respeitando e exigindo respeito a todas as outras sexualidades publicamente.



+𝒯𝒾𝓅𝑜 𝐼𝒹𝑒𝒶𝓁;♪.♫
𝒩ão gosta de criar um "homem perfeito" em sua cabeça, pois, provavelmente, isto nunca acontecerá. Mas, assim como as pessoas gostadas e desgostadas, se ela pudesse escolher, acharia alguém que, aparentemente, estivesse satisfeito consigo mesmo e não ligasse para a aparência das outras pessoas, mas, sim, para seu conteúdo. Psicologicamente falando, acha rapazes tímidos fofos, desde que, ao estarem mais próximos, este consiga se abrir e, também, mostrar um bom-humor. O seu homem dos sonhos também seria dono de grande determinação e coragem, além de constantemente demonstrar seu sentimentos em relação a ela, seja com carinho, ciúmes ou meiguice.


+𝑀𝒶𝒾𝑜𝓇 𝑜𝒷𝒿𝑒𝓉𝒾𝓋𝑜;♪.♫
𝒫ode parecer clichê, mas Myung deseja, mais do que tudo, 𝓈𝑒𝓇 𝒻𝑒𝓁𝒾𝓏, seja da maneira, que for com quem for, onde for... Ela só quer conseguir acordar todo dia e se alegrar pela vida que tem, independente de como esta seja, mesmo que bem diferente do que ela viva atualmente.



+𝒮𝑜𝓃𝒽𝑜𝓈;♪.♫
;𝑒𝓃𝒸𝑜𝓃𝓉𝓇𝒶𝓇 𝓈𝓊𝒶 𝒸𝒶𝓇𝒶-𝓂𝑒𝓉𝒶𝒹𝑒: apesar de dar uma de "não-romântica", a garota acredita em amor e espera encontrar o seu;
;𝒹𝒶𝓇 𝑜𝓇𝑔𝓊𝓁𝒽𝑜 𝒶𝑜𝓈 𝓅𝒶𝒾𝓈: um dos motivos por ter permanecido na música e nos treinos é o fato de querer fazer valer a pena o esforço dos pais, dando orgulho, seja da forma que for, a eles;
;𝓋𝒾𝒶𝒿𝒶𝓇 𝓅𝒶𝓇𝒶 𝐿𝑜𝓈 𝒜𝓃𝑔𝑒𝓁𝑒𝓈: no caso, seu sonho seria viajar, mas, por esta ser sua cidade natal, a garota espera ir até lá pelo menos uma vez em sua vida, ter memórias em tal lugar;


+𝐼́𝒹𝑜𝓁𝑜𝓈?;♪.♫
𝒟iferentemente, Myung nunca foi de ter uma famoso como ídolo. No caso, o seu sempre foi e sempre será seus pais. Acredita que seu pai é um exemplo vívido de que as pessoas mudam, enquanto a mãe é a mulher que ela mais se orgulho e deseja parecer no futuro.






+;G Entertainmen;+





+𝒞𝑜𝓂𝑜, 𝓆𝓊𝒶𝓃𝒹𝑜 𝑒 𝓅𝑜𝓇 𝓆𝓊𝑒̂ 𝒹𝑒𝒸𝒾𝒹𝒾𝓊 𝒻𝒶𝓏𝑒𝓇 𝒶𝓊𝒹𝒾ç𝒶̃𝑜?;♪.♫
𝑀yung entrou na empresa por meio de uma audição que fez por possuir certos conhecidos que sabiam de suas habilidades com a música, após sua saída da BigHit. A mesma, além de querer ainda orgulhar os pais com a música, achava que já era tarde demais para desistir, então, após descobrir que provavelmente nunca debutaria se continuasse na BigHit, apenas saiu de lá em busca de outro lugar para treinar.




+𝒪 𝓆𝓊𝑒 𝒻𝑒𝓏 𝓃𝒶 𝒶𝓊𝒹𝒾ç𝒶̃𝑜?;♪.♫
𝒜 jovem de apenas quinze anos se esforçou, compondo uma música especial para a audição, além de ter produzido a própria melodia e coreografia. Sua audição foi muito boa, por sua idade: a garota começou cantando apenas no lírico, acompanhado de acordes no violão. Ao decorrer da evolução da batida, a mesma acabou parando de tocar para que a melodia criada fosse solta, e ela continuasse a cantar, só que, desta vez, dançando. Finalizou, então, com o rap, no qual, sem querer, destacou-se ainda mais.


+𝒥𝒶́ 𝓉𝓇𝑒𝒾𝓃𝑜𝓊 𝑒𝓂 𝑜𝓊𝓉𝓇𝒶 𝑒𝓂𝓅𝓇𝑒𝓈𝒶?;♪.♫
𝒜ssim como já citado, Myung foi trainee dos treze aos quinze anos da gravadora BigHit, saindo após estes dois anos pois não acreditava ter futuro na produtora.


+𝒮𝒶𝒾𝓊 𝒹𝒶 𝑒𝓂𝓅𝓇𝑒𝓈𝒶 𝑜𝓊 𝒻𝑜𝒾 𝓇𝑒𝒸𝓇𝓊𝓉𝒶𝒹𝒶 𝓅𝑒𝓁𝒶 𝒴𝒢?;♪.♫
𝒟eixou a gravadora BigHit aos quinze anos, fazendo a audição, para qual passou, e, unindo-se, consequentemente, a YGE logo após.


+𝒞𝑜𝓃𝒽𝑒𝒸𝑒 𝒶𝓁𝑔𝓊𝓂 𝒾𝒹𝑜𝓁 𝒹𝒶 𝑒𝓂𝓅𝓇𝑒𝓈𝒶?;♪.♫
𝒞onhecer, de já ter visto e trocado algumas palavras, sim. Na realidade, quase todos. Mas não mantém contato com nenhum deles.


+𝒯𝑒𝓂 𝒶𝓂𝒾𝓏𝒶𝒹𝑒 𝒸𝑜𝓂 𝒶𝓁𝑔𝓊𝓂 𝒾𝒹𝑜𝓁?;♪.♫
𝒟a empresa, não. Mas, da sua antiga gravadora, Myung é realmente próxima de V, com a relação já explorada anteriormente [nas "relações"].

+𝒬𝓊𝒶𝓁 𝒶 𝓅𝓇𝒾𝓂𝑒𝒾𝓇𝒶 𝒸𝑜𝒾𝓈𝒶 𝓆𝓊𝑒 𝒻𝑒𝓏 𝒶𝑜 𝑒𝓃𝓉𝓇𝒶𝓇 𝓃𝒶 𝑒𝓂𝓅𝓇𝑒𝓈𝒶?;♪.♫
𝒩ada fora novidade, pela mesma já ter sido trainee de outras empresas. Como era jovem e ia pra escola, ainda, tinha menos tempo, então tentava aproveitar, inicialmente, para conhecer cada lugar da gravadora, tentar conhecer os nomes da maioria de pessoas ao seu redor, enquanto se acostumava com as novas rotinas.


+𝒜𝓁𝑔𝓊𝓂 𝒾𝒹𝑜𝓁 𝒹𝒶 𝑒𝓂𝓅𝓇𝑒𝓈𝒶 𝑒́ 𝒹𝑜 𝓈𝑒𝓊 𝓉𝒾𝓅𝑜 𝒾𝒹𝑒𝒶𝓁?;♪.♫
𝒜pesar de achar todos eles [até as garotas] maravilhosos, tanto de aparência quanto o pouco que os conhece mentalmente falando, nenhum idol da YG é seu tipo ideal.

+𝒢𝑜𝓈𝓉𝒶𝓇𝒾𝒶 𝒹𝑒 𝒻𝒶𝓏𝑒𝓇 𝓅𝒶𝓇𝓉𝒾𝒸𝒾𝓅𝒶ç𝒶̃𝑜 𝒸𝑜𝓂 𝒶𝓁𝑔𝓊𝑒́𝓂 𝒹𝒶 𝒴𝒢?;♪.♫
𝒮e pudesse, Myug faria participação com as garotas de BLACPINK, mais especificamente, Rosé seria a primeira pessoa que escolheria caso pudesse fazer uma participação com apenas um idol da gravadora.





+;.I.N +perguntas extra;+




+𝒬𝓊𝑒 𝓂𝓊́𝓈𝒾𝒸𝒶𝓈 𝓆𝓊𝑒𝓇 𝓅𝒶𝓇𝒶...;♪.♫

;𝒹𝒶𝓃ç𝒶





;𝒸𝒶𝓃𝓉𝑜/𝓇𝒶𝓅


[sim, a mesma música >,<]

[tanto o rap, quanto o vocal]

[tanto o rap, quanto o vocal²]


+𝒱𝑜𝒸𝑒̂ 𝑒́;♪.♫

;𝒱𝑜𝒸𝒶𝓁 𝒫𝓇𝒾𝓃𝒸𝒾𝓅𝒶𝓁;
[não tem guia?]
;𝒞𝒶𝓃𝓉𝒶 𝓈𝑒𝓂𝑒𝓁𝒽𝒶𝓃𝓉𝑒 𝒶̀:




;𝒟𝒶𝓃ç𝒶𝓇𝒾𝓃𝒶 𝒫𝓇𝒾𝓃𝒸𝒾𝓅𝒶𝓁
;𝒟𝒶𝓃ç𝒶 𝓈𝑒𝓂𝑒𝓁𝒽𝒶𝓃𝓉𝑒 𝒶̀:



;𝑅𝒶𝓅𝓅𝑒𝓇 𝒫𝓇𝒾𝓃𝒸𝒾𝓅𝒶𝓁
[não tem líder?]
;𝐹𝒶𝓏 𝓇𝒶𝓅 𝓈𝑒𝓂𝑒𝓁𝒽𝒶𝓃𝓉𝑒 𝒶̀:




+𝒬𝓊𝒶𝓁 𝒽𝒶𝒷𝒾𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒 𝒾𝓇𝒶́ 𝓂𝑜𝓈𝓉𝓇𝒶𝓇 𝑒𝓂 𝑔𝑒𝓇𝒶𝓁?;♪.♫
𝒩o geral, todas. Mas, por preferir e se sentir mais confiante e confortável, focará sempre na dança.


+𝑀𝓊𝒹𝒶𝓇𝒶́ 𝒶 𝓅𝑒𝓇𝓈𝑜𝓃𝒶𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒 𝑒𝓂 𝒻𝓇𝑒𝓃𝓉𝑒 𝒶̀ 𝒸𝒶̂𝓂𝑒𝓇𝒶𝓈?;♪.♫
𝒜penas se for para boas consequências, como em momentos que ela está mal/brava/triste e prefere esconder do público, mas em todas outras situações manterá sua verdadeira personalidade, mesmo que algumas pessoas não gostem da mesma, já que, para ela, ser idol não quer dizer ter de mentir sobre seu verdadeiro eu.


+𝒯𝑒𝓂 𝒻𝒶𝒸𝒾𝓁𝒾𝒹𝒶𝒹𝑒 𝓅𝒶𝓇𝒶 𝓈𝑒 𝓂𝒶𝒸𝒽𝓊𝒸𝒶𝓇?;♪.♫
𝒞om grande frequência se machuca, já que exercitá-se bastante e não conhece seu próprio fim. Entretanto, quase nunca reclama dos machucados, deixando que eles sarem sozinhos. A maioria deles não é ralados ou que envolvam sangue, mas sim mal jeitos e dores musculares.


+𝒞𝒶𝓈𝑜 𝓊𝓂𝒶 𝓂𝒾𝓈𝓈𝒶̃𝑜 𝒹𝑒 𝓅𝒶𝓇𝓉𝒾𝒸𝒾𝓅𝒶ç𝒶̃𝑜 𝑜𝒸𝑜𝓇𝓇𝑒𝓈𝓈𝑒, 𝓆𝓊𝑒𝓂 𝒾𝓇𝒾𝒶 𝓆𝓊𝑒𝓇𝑒𝓇 𝓅𝒶𝓇𝓉𝒾𝒸𝒾𝓅𝒶𝓇?;♪.♫
𝐸la com certeza participaria e, se tivesse de trazer alguém, traria, sem pensar duas vezes, V, de BTS, pois são bem próximos.
[não entendi direto a pergunta]


+𝒯𝑒𝓂 𝒶𝓁𝑔𝓊𝓂 𝓉𝓇𝒶𝓊𝓂𝒶/𝓂𝑒𝒹𝑜 𝓇𝑒𝓁𝒶𝒸𝒾𝑜𝓃𝒶𝒹𝑜 𝒶𝑜 𝒞𝐸𝒪? ;♪.♫
𝒩ão, nenhum. Na realidade, nem o conhece tão profundamente assim, tentando, até, se aproximar mais do mesmo, já que, como conviverão por um longo período, tem de, pelo menos, conhecerem-se.







+𝒫𝑜𝓈𝓈𝑜 𝒻𝒶𝓏𝑒𝓇 𝒶𝓁𝓉𝑒𝓇𝒶ç𝑜̃𝑒𝓈 𝓃𝒶 𝓅𝑒𝓇𝓈𝑜𝓃𝒶𝑔𝑒𝓂?;♪.♫
𝒫eço para me avisar antes, só para eu saber se terei de mudar a "ideia" que tenho da personagem na minha cabeça ou não.

+𝒬𝓊𝑒𝓇 𝓋𝑒𝓇 𝒶𝓁𝑔𝓊𝓂𝒶 𝒸𝑒𝓃𝒶 𝑒𝓃𝓉𝓇𝑒 𝒶𝓈 𝓂𝑒𝓃𝒾𝓃𝒶𝓈?;♪.♫
𝒮eria muito bom ver a relação entre elas <3

+𝒜𝓁𝑔𝓊𝓂𝒶 𝒶𝒹𝒾ç𝒶̃𝑜?;♪.♫
𝒮ó gostaria de me desculpar por ter escolhido tudo "principal", mas é que não tem as opções líder/guia e eu não consiga decidir entre o vocal ou rap dela -qq Desculpe pelos erros e pela demora, também!


+https://spiritfanfics.com/historia/win-who-is-next--interativa-8064707





Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...