Destiny²


Postado

Destiny²

( ) Mocinho (X) Vilão

Nome:
Nathan Daniel Forks

Apelido:
Normalmente o chama de Nathan ou Forks, mas ele aceita ser chamado pelas poucas pessoas que são íntimas á ele de Natt ou Dan.

Idade:
20 anos

Aparência:







Muitos podem se confundir com a aparência angelical do garoto. Nathan tem a pele clara e cabelos rebeldes e negros, seus olhos azuis são extremamente encantadores e seu rosto é parcialmente fino. Tem 1,74 de altura e pesa 64kg, tendo um corpo escultural porém discreto.

Photoplayer:
Logan Lerman

Personalidade:

Nathan é extremamente inteligente e com um raciocínio rápido. Nathan costuma sempre estar com a expressão facial fechada e sério, falando com as pessoas ironicamente e sarcasticamente. Não costuma confiar completamente em uma pessoa, apenas parcialmente. Está sempre de mal-humor e costuma ser bastante frio e calculista. Ambicioso, age como se o mundo girasse ao seu redor. É extremamente raro você vir Nathan sorrir porque achou algo engraçado ou gostou, normalmente seu sorriso é sínico e maldoso. Não se importa muito com o que as pessoas acham ou sentem, e não tem medo de ninguém. Não gosta de demonstrar seus sentimentos, e pode-se afirmar que ele apenas ama a sua mãe.

Pais:
Malévola — Mãe



Uma mulher de altura mediana e com um corpo magro. Sua pele é extremamente pálida e seus olhos azuis, assim como os de Nathan. O "chifre de diabo" é algo estranho, mas Malévola é uma mulher elegante. Seus lábios vermelhos se destacam contra a pele branca. Conhecida por ser má, Malévola sempre foi uma pessoa mais afetuosa com o filho, mas sempre deixa transparecer o orgulho ao ver que o filho está seguindo seus passos, mesmo sabendo que o "lado bom" seria mais seguro para ele. Amaria-o de qualquer maneira, independente de suas escolhas. Ela costuma ceder á tudo que Nathan pede e ele é a pessoa que ela mais ama, do modo dela, mas ama.

P.S: Não vou colocar o pai porque a Malévola não tem um marido em específico.

Família:
Aurora — "Prima Torta"



Uma mulher alta e magra, com longos cabelos dourados e olhos azuis. São "primos-tortos" porque Malévola acabou se tornando madrinha, mesmo contra a vontade dos pais de Aurora, para amaldiçoa-lá quando era bebê. Nathan não a conhece, mas pelo o que a mãe lhe contou uma vez, é uma pessoa de quem ele não gostaria, já que ela é boa e doce.

Relação com a família:
Nathan e Malévola se amam, do modo deles, mas se amam. Não são de demonstrar afeto, mas costumam passar bastante tempo juntos, já que a mãe o ensinou a dominar sua magia e a treinar novos feitiços.

História:
Nathan cresceu em um castelo com a mãe, escondido, ele começou a observar a sua mãe. Por algum motivo, Nathan tinha orgulho da mãe. Aos 6 anos, Nathan pediu para que Malévola o ensinasse sobre magia e aos 16 anos, Nathan já controla muito bem a sua magia. Tudo o que Nathan sabe foi por causa de livros e de sua mãe. Quando atingiu 18 anos, Nathan estava determinado á literalmente acabar com todas as pessoas boazinhas. Quem ninguém teria poder sobre ele. Quer ser temido e respeitado, quer que as pessoas façam tudo que ele queira.

Romance: (X) Sim ( ) Não

Sexualidade:
Heterossexual

Reação ao ouvir que o filho da Bela e da Fera se tornou vilão:
Ficou extremamente contente, já que era um bonzinho á menos para "poluir" o mundo.

Mataria alguém se corresse risco de vida:
Sim

Gostos:
• Magia
• Noites
• Florestas
• Livros
• Jogos de tabuleiro
• Chá e café
• Waffles
• Filmes e séries sobre magos, bruxos, vampiros, mitologia, etc
• Que o obedeçam

Desgostos:
• Pessoas boazinhas
• Afeto
• Que toquem nele, principalmente sem autorização
• Que se achem melhor que ele
• Refrigerante
• Verduras

Animal de estimação:
Tem uma coruja-das-neves chamada Atena.



Algum medo:
• Se apaixonar
• Que a sua menor vontade de se tornar bom acabe se tornando maior e ele resolva mudar de lado
• Perder a mãe
• Sua determinação de acabar com as pessoas boas não for maior que a sua bondade e compaixão, que ele esconde á sete chaves dentro de si

Estilo de roupas:







Ocupação:
Irônico e sarcástico.

Poderes:
Magia, tanto negra como branca


*O que você acha do amor?
Perda de tempo, uma besteria qualquer. Só serve pra atrapalhar a vida das pessoas, te fazer ficar vulnerável e fraco.

*E do poder?
Desde que a pessoa saiba usá-lo, que mal tem? Saber usá-lo, eu quero dizer, para se aliar á mim e destruir os bonzinhos.

*Entre um livro, uma faca, um saco cheio de um esquisito pó perto de uma clareira fadas e uma maçã envenenada, qual deles você escolheria?
Livro, tenho a minha magia para me defender e não tenho pena de usá-lo. (sorriso sínico)

*Criatividade, sagacidade, frieza ou emoção?
Frieza.

*O que você acha do vilão e suas escolhas?
Gosto deles, eles sabem o que querem e não estão nem aí, se quiser te matar, vão te matar. Eu gosto disso.

*O que você pensa do Destino?
Algo incerto. Pode mudar com as nossas ações.

*E de profecias?
Algo fascinante, de alguma maneira, elas te dizem o seu futuro.

*Se o livro com a história de sua família sumisse e, você fosse ameaçado de ser apagado da história (literalmente), o que você faria para recuperá-lo?
Faria de tudo, nem que para isso eu tivesse que matar pessoas. Ninguém chega perto da história da minha família ou deles.

*Mudaria de lado por amor?
Claro que não, não sou um babaca.

OBS: Ele mudaria.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...