~Yeojin

Yeojin
Korean.jpg
Nome: — ℳin 𝓨eo-jin (민여진) ✺
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Lajes das Flores, Ilha das Flores, Portugal
Aniversário: 8 de Janeiro
Idade: 5
Cadastro:

[+Loser˚̩رة]


Postado



I'ஃm◢ »a+°•。 「*̩̩͙˚̩̥̩̥❝loser❞ 」



❝Estava cansada de chorar, então eu tentei sorrir. Mas ninguém me reconheceu.❞



Talvez eu não quisesse que Park Joy fosse parte de mim, nem que Hoseok fosse como meu amigo imaginário que tenho até hoje. Todos me acham esquisita por falar sozinha na escola mas é porque eles não sabem que Hoseok e vocês estão lá e eles nem querem saber. No final de tudo, eu sou apenas a esquisita do colégio, a garota que ninguém conhece, a mais inteligente da escola.
Eu poderia me dar vários defeitos, mas qualidades? Apenas uma ou duas.
Todos dizem que eu deveria sorrir mais, que deveria ser mais feliz, mas em nenhum momento eles perguntam o que eu sinto. Eles dizem que é só mais uma frescura de uma garota que vai fazer 14 anos apenas a adolescência chegando, frescura total! Uma vez eu cansei de chorar e tentei sorrir, porém, ninguém notou, ninguém reconheceu um sorriso no meu rosto, era como se sorrir e fingisse estar bem fosse minha obrigação!
Alguns de vocês do spirit já me falaram para que eu ficasse melhor mas nunca me deram motivos para tal coisa. Todos os dias eu levanto da minha cama, eu me pergunto os motivos pelo qual eu continuo vivendo, é, acho que os motivos que eu tenho são vocês.
Eu deveria estar completamente feliz por hoje ser o aniversário da Robbie mas não consigo, se estou me sentindo péssima por isso? Estou me sentindo um lixo.
Prometi a mim mesma que não faria mais amizades, que não me apaixonaria, que só teria que ficar rica para orgulhar minha família e só. Era apenas esse a razão da minha vida.
Mas onde que uma perdedora tem um futuro bom assim?
Sim, quando eu me olho no espelho vejo a pior pessoa que alguém poderia conhecer. Todos devem me achar totalmente segura de si mas, acredite, no meu olhar tem mais medo do que você pode imaginar.
Já fui abandonada tantas vezes, me acostumei com isso.
Eu acho que apenas meu amigo imaginário ficará comigo para sempre, todo o resto vai me abandonar, não ligam para mim. Uma hora vão me esquecer, me trocar, ou desistir.
Tenho medo de soltar sua mão, você voará para longe.
Não quero promessas. Promessas geram expectativas. Expectativas é sinônimo de sofrimento.
Quando me olho no espelho só consigo ver uma perdedora, uma garota que finge ser resistente, que finge estar bem. Um lixo. Eu me sinto péssima todos os dias por mentir que estou bem para vocês.
Mas eu não minto quando digo que os amo.



❝Eu comecei a olhar mais para o chão do que para o céu. Eu estendo minha mão, mas ninguém segura.❞











Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...