~NEATHER

NEATHER
I am the Psycho White •-•
Nome: Neather McClean Johansson
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Guarulhos, São Paulo, Brasil
Aniversário: 9 de Abril
Idade: 19
Cadastro:

Fichinha


Postado

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖
⬛ ⭐⭐ ИЕАТHЕЯ ⭐⭐⬛
➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖
♦ Nome:
- Lídia Schumacher Hernández

♦ Apelido:
- Lia

♦ Idade:
- 19

♦ Aparência:
- Alice Weggman





♦ Personalidade:
- Ela anda por ai sorrindo abertamente para todos. Suas piadas são sempre de duplo sentido, e as vezes chegam a ser muito maliciosas. Costuma rir de coisas que não tem nem um pouco de graça, ela tem um humor um tanto quanto estranho e sombrio.. Muito irônica e sarcástica, fala tudo oque quer sem medo, ela é uma insensível, nunca pensa antes de falar e por isso acaba machucando as pessoas mesmo sem querer. Pode ser fria, curta e grossa com pessoas que a magoaram ou que magoaram seus amigos, ela não gosta nem um pouco de olhar para cara deles. Não é muito de ficar séria, mais sempre vai depender da situação em que ela se encontrar. Vive por ai abusando os outros por zueira, e ela nunca vai se satisfazer com isso, sempre tem que fazer mais. Se quiser deixar ela triste, é melhor desistir, vai ser uma coisa muito difícil de se fazer já que ela sempre vai estar por ai sorridente. Psicologicamente ela é bem fraca, se irrita facilmente e ela fica um pouco mais frágil quando atingem as pessoas que ela ama. As vezes chega a ser ciumenta e possessiva, mais é só mais uma fase curta porque na verdade, ela é muito fofa e carinhosa..

♦ História
- Quando criança, ficou fascinada pela ciência quando viu seu pai e Tony Stark fazendo experiências com algumas armaduras dele. Sua curiosidade foi a seguindo desde seus 7 anos, ela chegou a quase explodir a sua classe inteira por ter se empolgado na aula de biologia, infelizmente ela foi expulsa, porque além dela ter destruído a sala, ela faltava muitas aulas e se metia em muitas brigas na escola.. O seu pai foi a buscar e ela acabou levando bronca do mesmo dizendo para ela esquecer toda essa história e viver a vida real como uma criança normal, isso fez com que a pequena Lia ficasse um tanto quanto triste, afinal, tinha ouvido isso de uma pessoa que ela praticamente considerava um herói em sua vida. Certo dia ela tentou provar o contrário, tentou provar que podia ser que nem seu pai ou até mesmo como o Tony, ela foi até o laboratório de seu pai e começou a misturar várias coisas e substâncias, a fim de fazer algo histórico. Até aí tudo bem, mais ela resolveu ir mais fundo.. Ela pegou seu cachorro como cobaia e começou a inserir várias coisas nele para ver no que dava, entre essas "coisas", uma delas se mostrou dar certo por alguns segundos, mais logo depois a sua cobaia faleceu. Oque fez com que ela ficasse mais empolgada e ao mesmo tempo triste por ter perdido seu animal de estimação predileto, mesmo assim ela não se abalou e continuou tentando escondida desde então, ela pegou as substâncias, os matérias e os seu relatórios prometendo a si mesma acabar aquela experiência que para ela, seria "histórica". No seu aniversário de 15 anos ela recebeu um hamster, ela ficou feliz mais não por ter recebido um animal extremamente fofo, mais sim por causa da sua experiência.. Eram 00:30 todos em casa dormindo, menos a Lídia, que estava estudando no seu quarto enquanto bebia litros de cafés e também tentava se entreter de todas as formas, fazendo de tudo pra não dormir. Quando ela não acabava em sua casa ela tentava acabar no colégio, mais ao mesmo tempo se dedicava a escola para não ter que ir a um internato depois. Demorou mais ela conseguiu terminar a substancia que ela chamou de "RIP John" em homenagem ao seu cachorro que tinha morrido pela experiência. Ela então pegou seu hamster e injetou a seringa no mesmo, ela fechou os olhos esperando os gritos do animal, mais não ouviu nada. Quando ela abriu seus olhos viu que o hamster ainda estava vivo, mais os olhos do mesmo tinham um brilho diferente.. Estavam verdes um pouco cintilantes, ela tentou outras vezes com outras substâncias mais só aquela tinha dado certo. Ela fez suas anotações e foi dormir.. Mais acabou acordando na mesma hora porque novamente ela tinha passado o dia acordada com sua ciência. No dia seguinte ela decidiu então usar cobaias humanas, mais claro que ela não encontrou ninguém.. Então a única pessoa que tinha foi sobrado foi a sua mãe, ela não gostava muito dela já que a mesma trazia seus namorados todo dia para casa e dizia que era dela por direito. Ela sequestrou sua mãe a levando para um lugar totalmente deserto, a amarrou e injetou no braço da mesma, no começo ela ficou gritando de dor e implorando pra parar mais depois ela só se contorceu um pouco e ficou encarando o céu com a cabeça um pouco inclinada pro lado. Lídia achou aquilo fascinante mais foi logo ver se a sua mãe ainda estava viva, felizmente ela estava mais ela tinha perdido boa parte de sua memória e alguns órgãos internos junto. Bruce descobriu tudo e acabou a colocando de castigo por meses sem poder fazer experiência ou ter contato com alguma tecnologia. Mais Lia era extremamente esperta e tinha guardado um de seus relatórios dentro dela mesma com um mini "remédio".. Ela continuou com suas experiências até ela ficar completamente empolgada e injetar em si mesma, ela sentiu todo o seu corpo mudar, suas veias foram ficando verdes e muito claras, sua pele mais branca, os olhos agora totalmente negros com algumas veias verdes ao seu redor e seu corpo mais forte. Ela tentou chamar por ajuda mais ela pensou que seu pai iria a mandar para um internato e que depois que descobrisse que foi ela que fez aquilo com a própria mãe ela iria ser presa e depois de um tempo morta lá mesmo.. Pensando nisso ela pegou uma boa quantia de dinheiro do seu pai, fugiu pela janela, e tentou começar a vir novamente. Aperfeiçoou seus poderes em dois anos, criou seus equipamentos em mais um ano e tentou esquecer do passado em mais um ano, desde então ela vive nas sombras escondendo sua identidade de todos.

♦ Família:
- Bruce Banner (Hulk)
- Mãe Desconhecida

♦ Poderes:
- Radiação


- Toxinas


- Veneno


♦ Habilidades:
- Ela consegue soltar veneno pelas mãos em forma de rajadas.
- Ao ser atingido, a pessoa além de se machucar ficará sem puder usar o local atingido por um tempo e se for atingindo em excesso é bem capaz de perder o local atingido.
- Ela é muito resistente fisicamente e tem um QI alto apesar de sua personalidade.

♦ Equipamento:
-

-

- Essas luvas podem fazer ela atirar como quiser por elas, também serve como protetor, esta ligado ao corpo de Lídia e se ela retirar as luvas, os seus poderes poderão ultrapassar os limites.
- Já a mascara serve mais como proteção e para esconder o rosto dos outros já que ela vive nas sombras.

♦ Tem Veículo? Qual?
-
- Ela tem uma Harley Davidson Chopper vermelha.

♦ É Herói Atuante?
- Não.

♦ Codinome Do Herói:
- Toxic

♦ Sexualidade:
- Homossexual
- Tanto faz ser ativa ou passiva pra ela

♦ Par? Quem?
- Sim, deixo você escolher :)

♦ Gosta:
- Ciência
- Estudar
- Treinar
- Correr
- Lutas Que duram Muito
- Fazer as pessoas ficarem con vergonha
- Anotações

♦ Não Gosta:
- Relembrar seu Passado
- Atrapalhem seus estudos
- Atrapalhem seus treinos
- Não a deixem ler
- Abusem de sua paciência
- Deem em cima de seu par

♦ Hobbies
- Criar Experiências
- Fazer Anotações
- Testar Equipamentos ou Armas
- Meditar


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...