~BiahGrace

BiahGrace
Gab's
Nome: Albuqerque
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 6 de Novembro
Idade: 16
Cadastro:

Unobtainable Love


Postado

• Nome: Gabriela {Hebraico}

• Sobrenome: Albuquerque {Latim}]/i]

• Idade: [i]19, Sim.


• Aniversário: 06/11 {Escorpião, Ascendência em Aries u.u}

• Aparencia:













• Etnia: Ela possuí etnias Inglesa, Judaica, Francesa, Escocesa, e Irlandesa por parte dos avós e bisavós. A mesma é britânica e possui um sotaque com um toque escocês devido a um curto período que residiu no país. Ela lida muito bem com suas características e tem orgulho de suas origens.

• Altura: 1,68. Quando pequena tinha o sonho de se tornar ginasta, mas devido sua altura ela resolveu que se tornaria modelo ou algo relacionado com a mídia.

• Peso: 50kg. Sua genética é naturalmente magra e alta, as vezes ela pode parecer doente, sendo chamada de bulímica ou anoréxica, e sempre acaba tendo que explicar e convencer as pessoas que isso vem de sua genética.

• Sexo/Reprodução:

Não, ela não é virgem, mas também não é uma bitch arrombada, apenas uma bitch, mas não arrombada, ela já fez sexo algumas vezes, com o ex namorado, mas só.

• Gênero: Ela é Bi. Bom, basicamente, sendo que metade da população mundial é constituída por homens e a outra metade por mulheres isso faz com que ela possua 7 bilhões de pretendentes.

• História: Seus pais sempre a apoiaram em seus sonhos, lutavam para que a filha fosse feliz e a ensinaram a correr atrás de seus sonhos, mas sem nunca prejudicar a ninguém. É uma garota de personalidade forte e sempre teve muitos amigos, provavelmente o maior trauma em sua infância foi a morte de sua avó, isso a marcou muito, pois eram muito próximas.

• Saúde: Ela tem sérias enxaquecas, isso é um problema crônico, mas foi piorando com o tempo, devido ao seu alto nível de stress. As vezes ela chega até a chorar de dor, e costuma apelar para drogas injetáveis e remédios para dormir, ela odeia estar perto de pessoas quando isso ocorre, pois o mínimo barulho é como uma martelada em sua cabeça. Ela não tem nenhuma doença respiratoria, mas o problema dela a faz ter de sempre que sacrificar certas coisas em prol da sua saúde, por isso pode ter vezes que você não a vera frequentando as aulas, mas ela costuma sempre dar um jeito de entregar trabalhos e pesquisas já que seus professores sabem do seu problema.

• Inteligência: seu QI é 100, ela não se considera um gênio mas também, nunca ficou de recuperação e sempre tirou boas notas na escola. A inteligência dela, vai além de níveis acadêmicos, ela também se formou em "malandragem".

• Educação: Ela estudou em escola pública devido a condição financeira, ela não quis ir atrás de bolsas, pois achava o ensino de sua escola bom, e além do ensino, ela convivia com pessoas de realidade totalmente diferente oque a proporcionou outras formas de pensar e enxergar o mundo.

• Cultura: Ela acredita em Deus, e também acredita que está devendo muito a ele, não costuma ir a igreja, parte por sua rotina e parte por ter medo/vergonha, mas de vez em quando, quando está no carro, ou correndo, ela ora, por mais idiota que possa parecer. Ela possui um gosto bem eclético relacionado a quase todos os aspectos da vida, música, estilo, forma de pensar, isso deve ser devido as referências que teve em sua vida.

• Comida/Alimentação: Ela come bastante comidas caseiras, gosta daqueles restaurantes, self service, já que são o mais aproximado de uma boa refeição, evita ao máximo fast foods, e guarda as besteiras para o final de semana.

• Noturno: Sim,devido a falta de sono, ela acabou por criar uma rotina noturna, costuma sempre frequentar festas ou lojas 24 horas. Quase no amanhecer costuma sempre ir numa Starbucks que fica perto do campus. Quando está afim de ficar sozinha, costuma fazer corridas noturnas pelos entornos da cidade, ou até a Starbucks mais perto.

• Família: Lealdade e humildade, podem ser descritos como os pilares da família Albuquerque. Sua mãe descobriu que possuía uma deficiência que dificultava a gravidez, antes de Gabriela nascer sua mãe teve dois abortos e uma natalidade, depois que a filha nasceu, como um milagre, ela decidiu não tentar ter mais filhos. Mesmo sendo filha unica, sua familia era grande, sendo, apenas por parte de mãe, 7 tios e 16 primos, sempre foram uma familia grande e unida. Quase todo final de semana se encontravam e riam, conversavam, a maioria de seus primos eram homens, com exceção de Ana, sua prima e melhor amiga, por esse motivo, sempre foram brutas na brincadeira e no jeito.

• Dinheiro: Seus pais não são ricos, sseu pai é zelador do prédio de onde moram, por isso eles tem uma boa condição de vida. Sua mãe trabalha como boleira e tem seu próprio negócio,que mesmo sendo pequeno, é bem movimentado. Eles sempre lutaram pela educação da filha, investindo em cursos preparatórios e tudo que ela precisasse.

• Estrutura corporal: Ela tem um andar natural de modelo, apesar da perna torta, e dos diversos tombos que já levou, aprendeu a manter a postura. Ela se preocupa bastante com sua postura e tenta ao máximo estar sempre com a coluna ereta. Ela possui flexibilidade e agilidade herdadas da época em que fazia aulas de ginástica artística, mas parou aos dez anos, mesmo assim sempre costuma, fazer alongamentos e esportes para manutenção.

• Defeitos : Ela costuma afastar as pessoas, já fez muitas amigas chorarem, já maguou muita gente, ela costuma se estressar fácil, muitas vezes devido as enxaquecas ou privação do sono, é como uma forma dela aliviar a dor. Ela costuma ser muito sincera e pode acabar magoando as pessoas com oque diz. Ela é mazoquista, já provocou um cara num beco para levar uma surra😌😏😓👼🌚.

• Idiossincrasias: Ela não consegue não usar as mãos para falar. É naturalmente afetiva, cumprimenta as pessoas com abraços, beijos, sempre puxa assunto do nada. Ela pede bênção para os pais{Ué?!}.

• Ambiente: Ela odeia cemitérios, UTI's e funerais, simplesmente não consegue entrar, ela não vê motivos de ter de ir a um cemitérios, a úncia vez que foi, foi quando sua avó morreu e foi uma pessima experiência. Em relação a pacientes terminais, ela não gosta de estar perto, pois ela se sente impotente como quem não pode fazer nada para mudar a situação.

• Objetivos: Seu objetivo maior é alcançar o sucesso na carreira, em sua mente a úncia forma de fazer isso é com esforço, e se por algum acaso não estiver dando resultados é porque não se esforçou bastante.

• Sonhos: Por mais vaca que possa ser, ela sonha em ajudar os outros, sejam eles colegas, desconhecidos, parentes, ela quer fazer algo pelas pessoas. Ela sonha em dar a melhor vida que seus pais podem ter, praticamente bancalos, ela vê isso como uma de suas maiores metas, fazer algo para quem fez tudo por ela.

• Trauma: Ela se culpa pela morte de sua avó, estava com ela quando morreu. Ela era uma mulher de cama e doente, tinha que tomar remédios periodicamente, sua situação só piorava e Gabriela estava encarregada de cuidar dela, naquela noite ela estava muito cansada e acabou pegando no sono. No dia seguinte seus pais a acordaram, eles disseram que não era culpa dela, mas ninguém nunca provou que se sua avó tivesse tomado os remédios sua morte poderia ter sido evitada. Ela costumava ter pesadelos com aquele dia, e sempre acordava assustada. Ela passou a tomar cafeína e outras drogas e passar o máximo de tempo fora de casa, longe de tudo e de seus pensamentos, até que isso se tornou um hábito.


• Talento: As palavras, sempre disseram a ela que daria uma boa psicóloga ou advogada, que ela deveria passar uma mensagem para as pessoas. Ela sempre sabe oque dizer a uma pessoa, sempre sabe como manipular, sempre sabe o conselho certo a se dar, mas não consegue aplicar oque diz em sua própria vida. Ela pode fazer com que você se sinta a Beyoncé em Crazy in Love mas também pode fazer com que você se sinta o Justin quando descobriu oque as belibers queriam dizer e fazer com "Jerry/Bieberconda".

• Vícios: Tem vícios em remédios para dores e energéticos como cafeína e guaraná puro, as vezes até apelando para as drogas.

• Fobias: Claustrofobia {A claustrofobia é a fobia que se caracteriza pela aversão ao confinamento. Pessoas com claustrofobia costumam evitar elevadores, trens ou comboios e aviões. A claustrofobia também pode se manifestar no meio de multidões.}
Somnifobia
{Pessoa que tem medo exagerado ou irracional de dormir. Devido a alguma razão crônica ou traumas que as atormentam em sonhos}

• Faculdade: Cinema {Ela prefere a área de produção, gosta de atuar, mas sua paixão é produzir}

• Qual biuxan quer como par?
( )Louis
( )Liam
()Harry
(X)Outro? Qual? Jasten Beiber



Dragui mi doun


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...