~obrienn

obrienn
; tulipa
Nome: ♡* nami ─ ナオミ ─ namkim goals ✧
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 21 de Março
Cadastro:

~obrienn - Histórias

3 histórias

Half Bloods - Interativa escrita por ~dorkyeoI e ~obrienn

Fanfic / Fanfiction Half Bloods - Interativa
Em andamento
Capítulos 19
Palavras 43.283
Atualizada
Idioma Português
Categorias AOA, B.A.P, Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO, F(x), Girls' Generation, Got7, IKON, Infinite, Monsta X, Red Velvet, Seventeen, Topp Dogg, TWICE, UNIQ, UP10TION, VIXX
Gêneros Colegial, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Fluffy, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Depois de muito tempo pensando, enfim o CEO da BigHit decide debutar um grupo misto, com o conceito diferente dos outros grupos. Half Bloods (하프 블러드), abreviado para HBLD, este sendo a sigla do nome em coreano, é inspirado em semideuses, filhos dos 14 deuses da mitologia grega. Em uma junção de personalidades, Half Bloods foi marcado como o próximo EXO no mundo kpop.
| Vagas Fechadas |
  • 49
  • 121

Payphone escrita por ~obrienn

Fanfic / Fanfiction Payphone
Terminada
Capítulos 1
Palavras 2.805
Atualizada
Idioma Português
Categorias EXO
Gêneros Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico)
Meu namorado me largou, fui demitida, minhas notas não chegaram nem na metade e perdi minha bolsa. Como fiquei sem dinheiro, não consegui pagar as contas do aluguel do apartamento.
O que me resta é voltar da estaca zero.
  • 7
  • 2

Dust and Gold escrita por ~obrienn

Fanfic / Fanfiction Dust and Gold
Em andamento
Capítulos 2
Palavras 3.244
Atualizada
Idioma Português
Categorias Chandler Riggs, Norman Reedus
Gêneros Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
“Ele esta de volta.”
“Essa notícia veio junto com lágrimas, berros e pessoas jogadas no chão.
Claro, eu sabia que não me livraria daquilo. Eu iria carregar aquele fardo até o fim da minha vida, que parecia próximo. Assim que meus pais saíram do quarto, levantei os olhos para o teto sujo do hospital, em uma prece silenciosa. Então fiz a bobagem de olhar para a janela que tinha vista para o corredor, vendo minha mãe gritar, meu pai empalidecer e minha tia se apoiar na parede. Meu meio irmão estava sentado, a cabeça apoiada em suas mãos. E foi ai que percebi. Nunca escaparia daquilo.”

Katherine Reedus é normal. Tirando o fato de que quando tinha cinco anos de idade foi diagnosticada com leucemia. Depois de muito tempo fazendo tratamentos, assustada com o que podia acontecer a si mesma, ela consegue superar e vive uma vida normal. Ela não esperava que seu câncer voltasse e quando esta desmaiou na escola, o mundo pareceu desabar. Kath ignorava os sinais, achando que era bobagem, que estava bem e por isso, o câncer avançou rapidamente.
Agora, ela tem de morar com seu pai para conseguir fazer o tratamento em casa, já que se recusa a ficar no hospital. Ela melhora, mas mesmo assim, suas esperanças já estavam mortas. Katherine sabia que ia morrer. Por isso ela prometeu a si mesma que aproveitaria ao máximo o resto de tempo que tinha. Iria realizar todos seus sonhos. Conhecer o mundo, virar uma artista plástica e se apaixonar.
  • 15
  • 11