~brianamc

brianamc
Life's a bitch!
Nome: Thay | taurina teimosa | shippadora compulsiva | viciada em interativas
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Apucarana, Paraná, Brasil
Aniversário: 6 de Maio
Idade: 24
Cadastro:

[FICHA] Empire


Postado


I'm tired of trying to be normal
I'm always over-thinking
I'm driving myself crazy
So what if I'm fucking crazy?
"I'm Gonna Show You Crazy" by Bebe Rexha



𝓘'𝓵𝓵 𝓫𝒆 𝓽𝓱𝒆 𝓺𝓾𝒆𝒆𝓷

Nome
Valentina Agnese Bertolazzi
O nome Valentina é a variante feminina de Valentim, Valentino, que tem origem no nome do latim Valentinus, um diminutivo de valens, valentis, que quer dizer “valente, forte, vigoroso, cheio de saúde”.

Agnese é a forma italiana de Agnes, que significa "pura", "casta" ou, ainda, "dócil como um cordeiro".


Apelido
Val - É o apelido mais comum e mais usado.
Agnes - é o diminutivo de seu segundo nome, sua irmã costuma chama-lá assim.
Tinny - Seu irmão a chama assim, ela não gosta muito, mas ele continua a usar o apelido para irrita-lá.

Idade
20 anos | Nascida dia 31 de outubro, sendo do signo de ♏ Escorpião ♏

Aparência
[𝒟𝒾𝒶𝓃𝓃𝒶 𝒜𝑔𝓇𝑜𝓃]



Valentina tem uma beleza simples, mas que chama a atenção por onde a garota passa. seus cabelos são loiros, dourados como o sol e levemente ondulados com comprimento até a altura de seus seios, seus olhos são amendoados e expressivos possuindo uma incomum coloração verde, as vezes confundida com tom de mel, os cílios são grandes e espessos como se ela sempre estivesse com várias camadas de rímel.
A pele é branca, delicada e sem imperfeições como porcelana, o rosto é oval, porém seu maxilar é levemente marcado, mas nada que tire a delicadeza de suas feições.
Tem os lábios rosados e delicados, que escondem perfeitos dentes brancos e alinhados. O nariz é afilado e levemente arrebitado, o que confere um ar um tanto esnobe a garota.
É considerada pequena já que não chega nem a 1,70 m de altura, mas tudo é proporcional em seu corpo delicado, tem curvas medianas bem distribuídas em seus 52 kg.




Nacionalidade
Italiana - Nascida na cidade de Florença, capital da região da Toscana



Casta
Casta 5 - Fotógrafa



Personalidade

A aparência considerada frágil de Valentina esconde sua verdadeira face, é uma garota impulsiva, do tipo que tem grande tendência a se meter em problemas, devido ao seu desdém por regras e convenções sociais.
Ela não presta atenção em coisas que não lhe interessa, por isso tem fama de egoísta, esnobe e má, porém não é bem assim, bem não muito, ela prefere definir-se como geniosa, mas não má. Orgulhosa e cabeça dura não volta atrás em suas decisões por mais que saiba que as coisas podem dar muito errado no futuro, e quando quer alguma coisa não desiste até conseguir, sua teimosia é algo que parece estar em seu sangue. Não tente mandar nela, porque a técnica dos “homens das cavernas” não funciona, não nasceu para ser mandada e odeia receber ordens e ter que obedecê-las, sem contar que ela abomina qualquer um que tente aprisioná-la.
Odeia sentir-se fragilizada, devido ao seu problema de saúde sempre foi mantida sob vigilância, mas ela ama ser livre, sem esta liberdade para vasculhar as coisas em busca de novos conhecimentos, ela não é nada.
Quando resolve ser sarcástica é capaz de tirar qualquer um do sério, fazendo com que percam as estribeiras e partam para a agressão, é nessa hora que ela mostra seu dom para confusão.
É extremamente falante, do tipo que chega a incomodar as pessoas ao redor por não permanecer nem por cinco minutos em silêncio, e essa característica só piora quando ela quer de fato irritar alguém, o que é bastante comum.
Nunca espere que Valentina peça perdão por ter irritado ou ofendido alguém com palavras ruins, porque ela não pede desculpas por nada que quis fazer.
Quando se trata de ciúmes ela é pior do que se pode imaginar,mas ela não vai lhe demostrar isso com facilidade, as pessoas que a conhecem vão perceber pelas expressões irritadas em seu rosto. Também não tem o costume de consolar ou ajudar as pessoas com problemas pessoais, não por egoísmo, mas por simplesmente não saber o que fazer, tem medo de dizer algo indevido ou insensível e piorar tudo, o que costumava acontecer entre suas amigas na escola, já que lidar com os sentimentos negativos de pessoas – inclusive com seus próprios problemas - nunca foi exatamente um talento.
É extremamente fiel e devota no que diz respeito às amizades, os amigos que são merecedores de seu afeto sempre poderão contar com sua ajuda.
Mas não queira ser inimigo dela, pois seu lado calculista e vingativo aflora com uma força desigual e sem duvidas quem cruza seu caminho com a intenção de derruba-lá, acaba ferido.


História


O encontro entre dois artistas, sempre pode trazer coisas boas, no caso da bailarina Carlota Fabbri e do violinista Agnelo Bertolazzi, surgiu uma paixão que ia além dos palcos, o casal de amigos que inicialmente trabalhavam juntos em suas apresentações, deixou-se levar sentimentos e não demorou muito para que estivessem com os pés no altar. Pouco mais de um ano de casados, veio ao mundo o primeiro filho, Lorenzo. A alegria de ambos era imensa, apesar de Carlota ter abandonado a dança tão precocemente.
Logo a mulher descobriu-se grávida novamente, fora um misto de alegria e medo, pois a situação financeira dos nascidos na casta 5 não era das melhores, mas quando viu o rosto da pequena Michela, esqueceu-se dos problemas que poderiam surgir.
Passou a ajudar o marido como podia, quando tinha com quem deixar os filhos, ainda podia apresentar-se a ganhar algum dinheiro para ajudar em casa.
Mas logo veio a noticia da terceira gravidez, uma gravidez de risco segundo o diagnostico médico, os meses de gestação foram sofridos e aos sete meses mal completados, nasceu Valentina. A pequena exigia maior atenção, pois tendo nascido prematuramente foi acometida por uma síndrome chamada DPOC - doença pulmonar obstrutiva crônica -, o que causava crises de tosse e falta de ar.
Assim, Agnelo passou a trabalhar cada vez mais, precisava de dinheiro para cuidar do problema da filha, mas o homem estava tornando-se cada vez mais famoso e tinha esperança de conseguir subir de casta, caso se tornasse uma celebridade e isso o deixava confuso e dividido.
Passava cada vez menos tempo com a família, Carlota já não podia acompanha-lo nas viagens devido aos cuidados com os filhos ainda pequenos. Até que após uma viagem para a Espanha, o homem parou de dar notícias, ele havia abandonado a família sem o menor remorso.
A mulher entrou em desespero, mas manteve-se forte perante os filhos, mesmo tendo que explicar para eles o sumiço do pai. A situação financeira era precária, todos ainda eram muito jovens e a mãe buscava alternativas para sustentar a casa.
Quando tinha idade suficiente, Lorenzo pode começar a trabalhar, por sorte o garoto mostrou talento com a música e sempre tocava em bares para ganhar alguns trocados. Michela desenhava como ninguém, mas ainda era muito jovem para trabalhar, então ajudava a mãe fazendo ilustrações que a mulher passava para a tela e posteriormente eram vendidas.
Valentina, mesmo pequena ajudava no que podia cuidando da casa, teve que aprender a ser responsável muito cedo, mas isso só fez com que ela não tivesse medo de enfrentar o que surgisse de dificuldades. Sua saúde não era das melhores, não podia brincar com as outras crianças na rua, devido seu problema, então sua distração era ler os velhos livros que seu avô paterno havia deixado.
Com o dinheiro que ganhou com os primeiros quadros que foram vendidos, Carlota conseguiu pagar todas as contas atrasadas e logo depois deu a Valentina uma câmera fotográfica de presente, pois assim a menina teria uma distração que não precisaria de muito esforço físico.
Finalmente as coisas pareciam dar certo para todos, todos estavam bem e trabalhando com as coisas que amavam fazer, as condições permitiam que a menina fizesse um tratamento adequado para seu problema de saúde e agora era possível para ela e Lorenzo que viajassem a trabalho para as cidades vizinhas. A calmaria era incomum para eles, até que a Seleção foi anunciada, sua irmã disse que se inscreveria, mas para isso teria que terminar seu namoro que mal havia começado, então Valentina informou a todos que se inscreveria, e por mais que os outros não concordassem, ela bateu o pé e ninguém conseguiu faze-lá mudar de ideia.

Por que se inscreveu na Seleção?
O principal motivo é ter a chance de ajudar sua família que sempre passou por grandes dificuldades.
Mas não são apenas motivos nobres que sustentam a vontade de Valentina, a alguns meses atrás, a garota teve um encontro com o príncipe Markus Santini, não um encontro romântico, mas algo casual e totalmente causado pelo destino. Valentina estava trabalhando na ocasião, mas isso não impediu o príncipe de dar em cima dela. Obviamente sentiu-se lisonjeada por receber atenção do belo príncipe, mas não demorou muito para der esquecida e ter a atenção roubada por uma bela moça que chegara ao local onde estavam, a famosa modelo da casta 2 agora era o alvo do príncipe.
Valentina sentiu-se humilhada de certa forma, sabia que não era feia, mas não era o suficiente para o rapaz.
A partir daquele dia ela decidiu que um dia ainda estaria do outro lado, seria ela quem o rejeitaria, faria o príncipe rastejar aos seus pés a qualquer custo.

Família

Carlota Bertolazzi | 43 anos | Casta 5 | Ex- bailarina, atualmente é pintora | Mãe | Carlota é o tipo de pessoa que sempre tem uma palavra boa a dizer, e foi dela que Valentina herdou o otimismo e a força. Apesar dos conflitos, a menina sabe que sua mãe sempre estará ao seu lado e mesmo que não concorde aceitará suas decisões futuras.
Kate Winslet


Lorenzo Bertolazzi | 23 anos | Casta 5 | Músico | irmão | É extrovertido e brincalhão, adora fazer piadinhas de tudo e todos, tem um coração enorme e gosta de ajudar as pessoas, tem um enorme instinto protetor em relação aos irmãos.
Ele e Valentina são grandes amigos, possuem grande afinidade e ela sempre o procura quando precisa desabafar. Lorenzo faz questão de cuidar de todos e deixa bem claro que mesmo que consiga a fama, jamais os abandonaria.
Ryan Kwanten


Michela Bertolazzi | 22 anos | Casta 5 | Ilustradora | irmã | Como todas irmãs, as duas brigam muito, mas no momento seguinte estão conversando e brincando como se nada tivesse acontecido. Foi a primeira a concordar com a inscrição de Valentina na seleção, e quem convenceu os outros que seria algo bom.
Bridgit Mendler


Manias/ Fobias/ Medos/ Traumas

Manias
Valentina costuma revirar os olhos quando escuta algo que não concorda ou que ache idiota.
Tocar a ponta do nariz quando está pensando.


Fobias
Tripofobia - É o “medo de buracos”, condição que faz com que indivíduos sintam desconforto como coceira e arrepios e até ataque de pânico ao observar imagens com vários pequenos buracos, círculos, rachaduras ou outras formas assimétricas.

Catsaridafobia - Medo de baratas. Valentina lembra-se até hoje do dia em que ficou presa dentro do armário acidentalmente e que sua companhia foram algumas malditas baratas que insistiam em passear por suas pernas, desde então a garota não pode nem ver o pequeno inseto que entra em verdadeiro estado de pânico.

Medos
Perder sua família | Voltar a ter crises devido sua doença | Deixar sempre seu espírito vingativo tomar conta de si e nunca conseguir viver um relacionamento saudável

Qualidades e Defeitos

[Q]
Leal | Intensa | Animada | Determinada | Intuitiva | Audaciosa

[D]
Desconfiada | Dramática | Obsessiva | Rancorosa | Vingativa | Teimosa

Gostos e Desgostos

[G]
Olhar as estrelas | música clássica | animais, em especial gatos | livros clássicos | dançar | dias frios | conversar com os amigos | filmes de ação | festas | flores | crianças | café | ser elogiada | ter seu talento reconhecido

[D]
ser contrariada | sentir-se desprezada | frutos do mar e amendoim (ela é alérgica) | calor | ficar perdida ( no sentindo de não saber o que fazer em determinadas situações) | comidas apimentadas | chorar

Hobbies
Cozinhar - Apesar de ter que cozinhar em casa por obrigação, nunca se incomodou com isso, e sempre que pode arrisca-se a fazer algum prato diferente.

Ler - No período em que ficou doente, sua distração eram os livros, a menina tomou gosto pela leitura e até hoje tem o hábito de sempre estar com a leitura de algum livro em andamento.

Talento
É inegável o talento de Valentina com as câmeras, a garota é capaz de fazer a mais sem graça das paisagens parecer algo encantador quando capturada por suas lentes. Sonha em ter seu talento reconhecido e um dia poder montar uma exposição com suas fotografias.

Outro talento da menina é a dança, parece ter herdado de sua mãe os genes com tal capacidade, mesmo não dedicando-se ao balé, é capaz de encantar a todos quando arrisca-se em alguns passos.

Príncipe, coroa ou outro?
Apesar das circunstância, ela quer o príncipe.

Príncipe escolhido
Markus Santini



Relação com

Reis
Tem um pouco de receio de se aproximar dos reis, pois o jeito sério de alguns dá a entender que eles a enxotariam do castelo após a primeira palavra que ela pronunciasse. Mas por outro lado, a alguns que parecem ser pessoas ótimas e bem humoradas, como é o caso do rei da Espanha, e do rei da Dinamarca que ela acha um gato que é sem dúvidas o seu favorito. Mas ela fará questão de ser sempre simpática com os que ela mais detesta, pois desse modo os mantém em uma "zona" de observação, é assim que faz com as pessoas que não confiam.

Rainhas
Tem muito respeito por todas e as enxerga como exemplos para outras mulheres. Tentará se aproximar delas na intenção de absorver todos os ensinamentos que puderem lhe oferecer, pois acha que a melhor maneira de se aprender a ser uma rainha, é observando uma, ou várias delas. Mas como é de se esperar, sua simpatia não será a mesma por todas, como é o caso da rainha Caterina, que lhe passa a impressão de ser muito mais autoritária que o próprio rei. Mas assim como em relação aos reis, tentará passar a melhor imagem que conseguir.

Príncipe escolhido
Intensidade. Essa palavra define a relação entre Markus e Valentina, pois se estão juntos para se divertir, com certeza farão o programa mais divertido que houver e terão lembranças para comentar por dias, mas se começarem a discutir e teimar um com o outro, sem dúvidas será um embate épico, cheio de indiretas e ânimos muito exaltados.
Por mais que a menina concorde em algo com ele, fará questão de discordar apenas para provoca-lo e provavelmente o contrário também acontecerá.
Porém em meio a todas as turbulências, Valentina não conseguirá evitar sua paixão pelo rapaz, por mais que tenha jurado a si mesma que não cederia. O magnetismo que os une parece ser bem maior do que o bom senso.

Outros príncipes

Noah
Valentina não vê problemas no comportamento do príncipe, inclusive agradece por ele não ser tão falante e consequentemente invasivo como as outras pessoas que estão no castelo. Não tem nenhuma teoria maluca sobre o comportamento dele, apenas enxerga um jovem que tem tudo, menos o principal que é amor e carinho de seus pais.
Sente-se confortável em não precisar trocar palavras com ele apenas por educação, mas gosta das conversas que surgem espontaneamente e de seu humor refinado.

Bernard
Para ela, Bernard é uma das melhores surpresas da seleção, o príncipe francês a cativou desde o início quando ela soube que ele é um grande defensor dos animais, assim com ela. Não se sente intimidada em puxar conversa com ele, pois diferente de Noah, ela não sente que está invadindo o espaço pessoal do príncipe. Identifica-se com o espírito aventureiro do mesmo, e sem dúvidas toparia participar de alguma aventura junto a ele.

Tomás
Valentina ama o jeito divertido do príncipe espanhol, sabe que se tiver momentos triste durante a seleção, poderá procurar por ele, que em poucos minutos seu bom humor estará restaurado. Assim como Tomás, ela adora festas e lembra-se de te-lo encontrado em boates italianas algumas vezes, e do príncipe ser sempre muito simpático e galanteador. Caso ele procurasse uma companhia para "causar" nas festas no castelo, ela seria a primeira a se oferecer.

Christopher
Apesar de simpatizar com o príncipe grego, ela prefere não lhe dar muita intimidade, pois sabe que não resistiria ao charme do mesmo, pois lembra=se do poder de sedução de Christopher nas vezes em que o viu junto a Tomás pelas noites de festas italianas.
Sempre tem conversas cordiais com ele e consegue achar graça em seu comportamento de "galanteador barato". Acha que o que falta para o garoto é uma paixão daquelas que fazem qualquer um perder o rumo.

Richard
Pode se dizer que Richard é o "crush" dela, a menina nunca escondeu sua admiração pelo príncipe da Dinamarca, mas como não pode se inscrever na seleção dele, se contenta em ser amiga do mesmo, conversando e trocando ideias, apesar de não entender muita coisa de política, gosta de ouvi-lo falar sobre, e o admira muito por ele sempre ajudar as pessoas de castas menos favorecidas.
Quando fica estressada, sabe que apenas alguns minutos próxima a ele, já a fazem voltar a normalidade, pois ele consegue acalma-lá como nenhuma outra pessoa foi capaz até hoje.

Guardas
Apesar de odiar se sentir vigiada, ela os trata bem sempre os cumprimentando, pois sabe que estão fazendo o trabalho deles. Mas ela será do tipo que vai tentar perturbar a ordem apenas para vê-los em ação e sem dúvida seu passatempo favorito no castelo será observa-lós exercitando-se.

Outras candidatas
Procura ter uma boa convivência com elas, mas não vai fingir simpatia por ninguém apenas para se dar bem ou ficar com uma boa imagem perante os outros. Pretende fazer amigas, pois sabe que não suportará os dias no castelo sem ter com quem conversar informalmente, mas sempre terá um pé atrás e nunca revelará o que pretende fazer.

Jornalistas
Não é o que mais lhe agrada na seleção, mas não vê problemas em falar sobre sua vida e sobre as coisas que acontecem no castelo, inclusive adoraria falar algumas verdades sobre o príncipe escolhido por ela.

Criadas

Alison Johnson | 24 anos | Cuida dos horários e da arrumação do quarto | Kat Graham

Alison é de poucas palavras, mas é sempre sorridente e educada. Costuma não se pronunciar sobre as atitudes de Valentina na Seleção, mas sempre dá algumas dicas do que seria benéfico para a menina.

Marisa Stewart | 27 anos | Estilista e Cabeleireira/Maquiadora | Amber Riley

É uma garota desinibida, falante e sempre alegre. A empatia entre elas foi instantânea, Marisa ajuda Valentina em absolutamente tudo que a menina pedir, desde uma ideia de roupa ou um conselho mirabolante de como seduzir o príncipe.

O que acha da Seleção?
Valentina tem duas visões sobre a Seleção, se for olhar racionalmente, é algo incrível tanto para as selecionadas que tem a oportunidade de mudarem de vida, como para a realeza, já que isso os aproxima de certa forma do povo.
Mas também há o lado que envolve os sentimentos, como é possível encontrar um amor verdadeiro dessa forma? Todos ali estão sendo forçados a criarem algo que deveria surgir espontaneamente.

Como reagiria a um ataque rebelde?
Se fosse permitido ela os enfrentaria, mas como sabe os riscos tentaria achar um lugar seguro para se esconder, mas não sem antes ajudar as pessoas que estima.

Prejudicaria alguma outra selecionada para seu benefício?
Ela acha errado prejudicar as pessoas por qualquer motivo que seja, mas devido as circunstancias nas quais entrou para a seleção, é bem provável que faça algo contra alguma selecionada que a seu ver esteja em vantagem.

Sua personagem já namorou antes? É virgem?
Valentina sempre foi livre, portanto já ficou com vários rapazes, mas nunca namorou por não ter paciência para relacionamentos. Apesar de ser desapegada de certas convenções sociais, ela ainda é virgem.

Bebe coisas alcoólicas? Se sim, apenas socialmente? Ao ponto de ficar bêbada?
Sim, bebe socialmente, mas sabe os limites, apesar de ter ficado bêbada algumas vezes
.
Duas músicas que definem a relação com o par

Starving - Hailee Steinfeld ft. Zedd


Prey - The Neighbourhood


Wonderwall - Oasis


Don't Be a Fool - Shawn Mendes


Objeto especial?
Roupas
O estilo de Valentina é bem básico sendo na maioria das vezes composto por jeans e uma t-shirt com estampas fofas, pois ela adora coisas do tipo. Gosta de usar vestidos fluídos quando vai trabalhar em algum evento mais informal. Dificilmente ela usará algo mais ousado com decotes ou de comprimento mini, pois é bastante agitada e acha que não saberia se portar com roupas assim.
Nos pés, ela sempre está com sapatos confortáveis, como tênis, sapatilhas e seu inseparável coturno.
Prefere cores neutras, entre elas o branco, preto, azul marinho e verde militar, mas quando quer algo mais ousado opta pelo vermelho.

Algo a mais? Não.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...