~RochelleRockBR_

RochelleRockBR_
Quem Dera Casar Com os crush
Nome: Brenda ♠
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 1 de Março
Cadastro:

Convento Maldito!


Postado

Convento Maldito!

_________Ficha-Irmã Junny______



ºNome Completo:
-Junnice Flores Lancaster

ºIdade:
-34(Trinta E Quatro)Anos.

ºHistória:
-Vinda de uma família rica,Junny sempre teve tudo o que desejou;seus pais eram separados,ambos a mimavam,porém ela vivia com a mãe-Clarice-,que sempre lhe ensinou a ser educada e respeitosa.
Na adolescência,aos 15 a 17 anos,ela passou a estudar em uma escola pública;lá,todas as meninas a invejavam,pois além de rica,era muito bonita-e ainda é-e todos os garotos,a desejavam.Ela,aproveitando-se da situação,sempre ia em festas e sempre dormia com um cara diferente,chegando a ter noites com adolescentes de seu mesmo sexo.
Sua mãe sempre soube das ações da filha,e por mais que não gostasse nada,nunca a impediu de fazê-las;seu pai,porém,nunca nem desconfiou de nada,não que achasse que Junny era santa,mas a considerava pura e doce.
Um dia,George-seu pai-descobriu a verdade por trás da filha;ele andava pela rua,conversando com os sócios-já que ele era um grande empresário-e viu a filha sair cambaleando,quase bêbada,de uma casa noturna.
Mesmo não sabendo de toda a verdade,seu pai se alterou.Foi até a justiça,e logo conseguiu a guarda da filha.Colocou-a em uma escola católica para freiras,onde ela ficou por dois-longos-anos.Quando saiu,seu pai a impediu de ir a festas e coisas do tipo.
Ela-obrigada pelo pai-passou a ser babá;ajudava,de graça,todas as vizinhas,amigos e parentes distantes de seu pai.
Quando Junny estava com seus 25 anos,foi lhe dada a notícia da morte de sua mãe-a quem a mesma não via desde que se mudou com o pai-.Havia morrido de depressão,pois estava só,sem ver a filha a muito tempo.Ela estava chocada;desolada;sem mais opções disponíveis,Junny resolveu virar freira.Percebeu que,se não tivesse feito tudo o que fez,ainda estaria com a mãe-que por sua vez,estaria viva-.Assim ela fez,virou freira;aos 31 anos,já estava ajudando em uma pequena igreja das redondezas,até que,seu pai-que já não morava com ela-,de repente,chega dizendo que conseguiu um emprego em um Convento,para a filha.Sendo a "boa mulher" que era,Junny tratou de aceitar.

ºAparência:
-Tem pele branca.Cabelos longos e volumosos,que ficam num tom de castanho escuro-assim como os seus olhos.
Pesa 58kg e mede 1.71 de altura.







ºPosição no Asilo:
-Braço direito do Padre Supremo.

ºPersonalidade:
-É calma,mesmo com o seu passado "divertido".Dedica-se totalmente a ajudar o Padre,claro que também está sempre ajudando os pacientes.As vezes,fala com as prostitutas;diz sobre o seu passado,e as ajuda a entender que há outras escolhas.
Costuma obedecer todas as ordens;não é de se apaixonar,ou amar alguém.Ela acha que isso somente a atrapalharia.
É muito gentil com todos do Convento.




___________Ficha-Courtney Bridget Drake___________



ºNome Completo:
-Courtney Bridget Drake

ºIdade:
-20(Vinte)Anos.

ºHistória:
-Courtney,uma garota orfã.Ela foi deixada na porta de um orfanato,pelos pais-os quais nem as freiras do lugar,conheciam-;ficou no orfanato até os 13 anos,depois disso,fugiu.Segundo ela,estava um saco ter que aguentar as "boas moças virgens"-Freiras-e as "puras almas inocentes"-Crianças de cinco anos,ou menos.-.
Ela fugiu,mas não tinha onde ficar,o que comer,o que vestir,ou seja,nada.
Sem mais opções,resolveu ficar vagando pelas ruas frias,esperando que uma nobre alma lhe ajudasse,pois para ela,era horrível ter que "implorar" por ajuda.
Passou,dois anos,vivendo só de pouca ajuda que lhe davam.Aos seus 15 anos,foi "adotada" por um casal.Eles eram doces;ajudavam-lhe em tudo.Ela passou a ter aulas em casa;ela passou a ter uma vida "luxuosa",digamos assim.
Um anos e meio após ser adotada,Mary-sua mãe adotiva-faleceu,por conta de um câncer,o qual ela nunca disse nem para o marido,nem para a nova filha.
Marcos-o seu pai adotivo-havia mudado muito.O homem estava diferente;ela pensou em comentar,mas achou que só deveria ser a saudade da esposa.
Passado um ano,Marcos começou a beber.O homem bebia muito;chegava em casa,cheirando a bebida barata.Saia de casa,cheirando a bebida barata.Ficava em casa,cheirando a bebida barata.Algumas vezes,o homem quebrava copos e pratos,além de falar coisas totalmente sem sentido.Não podemos negar,Courtney estava apavorada com tudo isso.Mal sabia que isso era apenas o começo.
Seu "pai",um dia,chegou em casa a tarde,umas 17:00 horas.A essa hora,Courtney estava assistindo televisão,assim como em todos os outros dias.
Marcos,de repente,adentrou no quarto da filha,abrindo a porta com muita força.A garota se assustou,mas Marcos somente sorriu e foi em sua direção.Ele chegou,e somente a agarrou pela nuca;a beijou intensamente.Courtney se debatia,mas de nada adiantava.Logo,o homem,sem delongas,despiu a filha,que usava um vestido florido.Ele,rapidamente,tirou a calça e a cueca,seguidos um do outro.Ele,com o membro ereto,simplesmente penetrou a filha.
Ele havia estuprado a própria filha,e não pensem que ela não chorou,tampouco não gritou.Mas isso,estava constante.Não havia sido erro de uma vez.Ele a estuprava há meses.Sete meses,para ser exata.Courtney,prestes a fazer 18 anos,não aguentando mais aquela situação,fugiu de casa,sem pensar duas vezes.
Ela não estava na rua há nem cinco minutos,e já havia sido abordada por uma mulher.Ela dissera que a garota podia realizar seus sonhos.Courtney,tão boba,acreditou.Seguiu a mulher.Ela havia ido parar em um prostíbulo.A tal moça,havia oferecido um grande emprego para a garota.Uma hora,350 reais,sendo apenas 50 da "casa".Ela,com medo,por tudo que havia passado,negou,logo indo em direção a saída;a mulher havia lhe dado um cartão com o telefone e endereço do local.
Passados alguns dias,Courtney,com fome,frio,sono,voltando a viver o que viveu aos 13 anos,resolveu ir atrás da mulher.Ela,pensando um pouco,aceitou trabalhar de prostituta;algo que durou somente um ano,pois foi encontrada pelo "pai"-se é que aquilo poderia ser chamado de pai-,o mesmo,com raiva da garota,começou a cupá-la pela morte da esposa,e mesmo sabendo da maioridade da "filha",logo a levou para casa-e podemos ter certeza de que ele não a levou "por bem"-e rapidamente a internou em um Convento.




ºAparência:
-Ela tem pele branca.Cabelos finos,médios e castanhos claros.Seus olhos estão em um tom de castanho escuro.
A garota tem os traços do rosto,finos.Pesa 50kg e mede 1.64.







ºPersonalidade:
-Teimosa;essa é uma palavre que a define muito bem.
Ela é corajosa,não que goste de se arriscar.Algumas vezes,engraçada,mas muitas,irritada e impaciente.
Com toda certeza,paciência é algo que lhe falta muito.
Adora uma briga,ou melhor,um barraco,para ela,não tem nada melhor,gosta até de participar,mas presenciar alguma briga,é sem igual,para ela.

ºComo foi parar no Convento?
-Ela,pensando um pouco,aceitou trabalhar de prostituta;algo que durou somente um ano,pois foi encontrada pelo "pai"-se é que aquilo poderia ser chamado de pai-,o mesmo,com raiva da garota,começou a cupá-la pela morte da esposa,e mesmo sabendo da maioridade da "filha",logo a levou para casa-e podemos ter certeza de que ele não a levou "por bem"-e rapidamente a internou em um Convento.



Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...