~castor

castor
Loser sense 1998
Nome: {bananinha amassadinha (✿ ♥‿♥) } // Faustosa
Status: Usuário
Sexo: Indisponivel
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

{Ficha de personagem} Fanfic Succession


Postado

"Mon rêve? Vivre heureux alors que je"




Nome:
Camille Herman Bouvier.

Idade:
24 anos.

Aparência:
Dotada de um par de olhos incrivelmente marrons e penetrantes, Camille possui a pele alva mais macia e suave que toda a nobreza inglesa pode conhecer. Seus longos e compridos cabelos possuem a cor âmbar escuro, quase negros como a fria e sombria noite inglesa. E sua voz... Ah... Como é bela! Seria algo semelhante à um coro de anjos cantando uma doce melodia. Pelo menos é o que os rapazes dizem! A atriz que mais com quem Camille mais se parece é a Jenna Coleman:





Seus vestidos são sempre os mais alegres possíveis assim como seu humor. Em sua maioria são das cores vermelha, amarelo e azul, com bastante detalhes em ouro ou prata. Embora a os vestidos, Camille não costuma usar bastante joias.


História:
Camille e seu irmã, Nicollas, tiveram uma infância incrivelmente feliz e curta. Filhos do casal mais nobre daquele feudo, que hoje seria a cidade de Provence, tiveram tudo do bom e do melhor. Mais foi quando tinha apenas 10 anos que seus pais morreram, uma pena... Na época infelizmente ainda não havia uma cura para tuberculose. Devido ・triste ocorrência, os dois se viam obrigados a se mudarem de seu amado reino francês para irem à nublada, fria e esquisita Inglaterra, morar com seu tio, um duque chamado Derek Herman Bradley.

Camille se adaptou rápido à vida inglesa, sentido e talvez fingindo, anos mais tarde, que havia nascido naquele reino. Com a ajuda do tio, a garota também adquiriu um grande conhecimento em ciências se tornando uma das mulheres mais inteligentes do reino.

Por causa da alta casta em que seu tio Dereck se encontrava, Camille se tornou grande amiga da rainha, Rowena, indo sempre se encontrar com a jovem no imenso jardim real. Infelizmente, quando Rowena recebeu a notícia de que o rei inglês estava nas últimas, Camille simplesmente sumiu, por dias aliás, não contando à ninguém sobre seu paradeiro.


Personalidade:
Por um bom tempo, Camille ficou numa profunda tristeza devido é morte de seus pais, mas a partir dos seus 16 anos decidiu que já havia ficado triste por muito tempo. Sendo assim, Camille é uma jovem bastante radiante, alegre, extremamente positiva e principalmente confiante de si mesma.

Camille também é uma pessoa bastante difícil de se lidar, é teimosa ao extremo e não costuma mudar facilmente de ideia. Ela é bastante criativa também, tem ideias malucas a quase todo momento e se d・muito bem com crianças, já que pegou a mania de seu tio de ficar inventando histórias.

Seu maior defeito é ser bastante tagarela, Camille não tem travas na língua, é super sincera devido a esse problema.


Sexualidade:
Heterossexual.

Reino que quer participar:
Inglês.

Posição social no reino:
2ª herdeira do título de duquesa.

Gostaria de um par:
Çin.

Algo mais:
Ninguém mesmo sabe de fato aonde ela foi parar naqueles 5 dias em que sumiu (@castor diz: nem mesmo eu .-.), e toda vez que alguém toca no assunto ela reage de forma estranha, mudando de assunto bruta e rapidamente.

Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem?:
Sim, aliás, se quiser modificar alguma na história dos meus três personagens personagens dessas 3 fichas, sinta-se livre para isso. Digo isso sabendo que apenas 1 dos 3 pode ser escolhido, ou 2 deles, etc e tals...


"Un rêve? Mort à l'Angleterre"





Nome:
Nicollas Bouvier Herman.

Idade:
18 anos.

Aparência:
De cabelos loiros, Nicollas tem a pele extremamente branca e pálida, é possível ver suas veias "trazerem um pouco de cor" para seu corpo. Seus olhos são da cor azul bem claro, diria cinza e sem vida. Assim como seu pai, é um rapaz magro e alto e um tanto desengonçado. O ator que melhor representa Nicollas é Freddie Highmore:






Nicollas em sua grande maioria usa roupas da cor preta, sem muitos detalhes. Quando não está usando preto, usa uma outra cor, mas num tom bem escuro... Quase indo pro preto.

História:
Ao contrário de sua irmã Nicollas não superou a morte de seus pais, nem se adaptou à vida dos ingleses, ao clima daquele lugar, aos horários, o modo de falar... Não se adaptou em nada, basicamente. Mas esconde isso muito bem, deixando transparecer apenas sua indiferença ao tio e seu ódio à Inglaterra. Ele está desenhando a anatomia humana e as dos animais. Desenha órgãos, ossos, tudo basicamente. Consegue isso copiando dos livros que trouxe de sua antiga casa e da biblioteca particular de seu tio. Nicollas é fascinado por corpos desde pequeno. Digamos que ele tem gostos peculiares.

Ao contrário de sua irmã, Nicollas tentou ao máximo se afastar de seu tio, "Não sei me misturar com porcos", era como se referia ao tio e também aos ingleses. Detestava aquele lugar com todas as forças, e não havia nada que mudaria isso. Nem mesmo àqueles belos burgueses do reino ao lado.

Em momentos em que se sente desesperado ou sufocado, Nicollas se empenha em caçar pequenos animais, como ratos e pássaros, para seus estudos. Os dissecando e fazendo anotações no seu velho e surrado caderno de anotações. Já perdeu várias pretendentes por suas esquisitices, deixando seu tio um pouco desesperado quanto ao seu herdeiro.

Personalidade:
Extremamente comunicativo, Nicolas consegue ser mais tagarela que sua irmã, mas ainda sim mantém sua arrogância. Fala tanto que quando está só, continua conversando. Sim, Nicollas conversa sozinho quase o tempo todo. Chegou a inventar um personagem para si mesmo, para ter algumas "opiniões" adversas.

É extremamente inteligente, estrategista, frio e calculista. São poucos os seus "bons" traços, ele sabe se comunicar muito bem quando precisa de alguma informação, seduzindo e atraindo aquele com quem conversa. Mas em todo o reino é tachado de louco, graças aos empregados e escravos do castelo que já o pegaram várias vezes conversando sozinho.

Para resumir, Nicollas é um perfeito sociopata.


Sexualidade:
Bissexual

Reino que quer participar:
Inglês.

Posição social no reino:
1º Herdeiro do título de Duque.

Gostaria de um par:
Çin

Algo mais:
Ele prefere as noites do que os dias.

Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem?:
Claro :3



"The greatest human gift is the madness"





Nome:
Derek Herman Bradley.

Idade:
62 anos.

Aparência:
Derek possui a pele branca, os olhos azuis e os cabelos grisalhos. Ele também possui uma barba bem no estilo Imperial. Sempre alternando suas roupas em cores alegres e escuras, isso varia de ocasião à ocasião. O ator que mais se parece com Derek é o Peter Capaldi:





História:
A história de Derek é um tanto trágica, assim como a de seus sobrinhos. Sua esposa morreu de uma doença gravíssima decorrente da gravidez, morrendo ao por do sol de uma primavera sem deixar herdeiros. Foram tempos difíceis. Os aldeões, acostumados com a alegria do duque, ficaram surpresos quando viram que seu governante já não sorria mais, sempre carregando aquela mesma expressão séria e triste em todo lugar que ia.

Mas foi quando soube da notícia de que os seus dois e únicos sobrinhos iriam morar consigo, que as coisas melhoraram. Uma certa alegria voltou a preencher seu corpo dando à ele uma nova esperança. Decidiu que os criaria como seus dois filhos legítimos, e realmente o fez. Com essa notícia, os aldeões puderam ver o duque sorrir novamente.

Ele só não contava com seu sobrinho Nicollas, que fazia de tudo para se afastar do tio. Derek considera Nicollas, seu maior fracasso, no sentido de ser um bom pai para o garoto, é claro. Já com Camille era diferente, se sentia cada vez mais orgulhoso da garota, a cada ano em que a mesma cresce.

Mas deixando seu histórico familiar um pouco de lado, Derek sempre foi um excelente duque, sendo sempre atencioso com seus aldeões, sempre os tratando com respeito e recebendo o mesmo em troca. Quando Derek assumiu o posto de duque do reino, no qual hoje seria a cidade de Liverpool, as pessoas estavam acostumadas a passar fome e esperavam uma má administração, assim como foi com o antigo duque, Joseph, pai de Derek.

As pessoas costumavam chamar Derek de "o milagroso duque", quando conversavam sobre os governos nas rodinhas de bares.


Personalidade:
Derek é um senhor de idade bem feliz e alegre, e bastante bagunceiro para a sua idade. Adora crianças e se diverte indo até a praça contar suas historias mirabolantes e aventuras para aqueles pequenos, ingênuos e inocentes seres.

Embora a alegria, Derek também sabe ser sério. Normalmente quando tem que cuidar de assuntos do império. Ou quanto tem que conversar com Nicollas, sobre alguma confusão em que o garoto se meteu por simplesmente falar demais. Derek odeia dar broncas ou discutir sobre responsabilidades e similares, sente que está adestrando a pessoa, ao invés de deixar a pessoa ser como tem que ser. Mas há certas coisas que Nicollas diz, que simplesmente não tem como serem ignoradas.

Derek também não se recuperou da morte de sua esposa, portanto, de vez em quando, alguns empregados flagram o duque suspirando tristemente, olhando vagamente pelas imensas janelas de seu palácio. Há também aqueles momentos em que Derek se pega chorando sem perceber.

Sexualidade:
Heterossexual.

Reino que quer participar:
Inglês.

Posição social no reino:
Duque

Gostaria de um par:
Não.

Algo mais:
Essa aqui é a linha do tempo que eu fiz para entender melhor os acontecimentos dessa família.

melhor visualização xxx

Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem?:
Claro :3



Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...