~ChelePlushie

ChelePlushie
Nome: Rochele Watterson
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Esteio, Rio Grande do Sul, Brasil
Aniversário: 25 de Fevereiro
Idade: 24
Cadastro:

♦ Angels and Demons | Aurora Meilhan ♦


Postado

♦ Angels and Demons | Aurora Meilhan ♦

"Há mais coisas entre o céu e a Terra, do que pode imaginar nossa vã filosofia"

(William Shakespeare)




Música de Fundo
https://youtu.be/iriiZOeInDg?t=1




Aurora Meilhan



Aury | Sereia



19 anos | 09 de novembro


Escorpião


La Rochelle



Aurora é muito conhecida por seu carisma e seu otimismo. Sempre com um sorriso largo no rosto e uma piada ruim na ponta da língua, ela tentará achar uma solução para qualquer problema, sempre com alegria e bom humor.
É muito extrovertida e consegue fazer amizade fácil, mas são poucos os que realmente ganham seu coração e sua confiança. Não gosta de expor sua vida e sua intimidade a qualquer um, pois sua desconfiança é algo marcante.
Não sabe controlar bem suas emoções, sendo muito intensa com seus sentimentos, oras explodindo em raiva e oras em lágrimas por ter se magoado. Ela é o tipo de pessoa que ou ama ou odeia alguém, não existe um meio termo. Ciúmes e possessividade são algo que estão sempre presentes, mas ela tenta ser sutil ao demonstrá-los.
Tende a ser observadora e extremamente perceptiva. Coisa difícil é conseguir mentir sem que ela perceba. E se ela perceber, saia de perto ou enfrente sua fúria! É muito teimosa e dificilmente desiste das coisas, não leva desaforo para casa e enfrenta o que for de cabeça sempre erguida. Preguiçosa como só ela sabe ser, adora dormir e seu cochilo da tarde é quase “sagrado”. Tem um raciocínio lógico excelente e é muito boa com cálculos, adora resolver enigmas e ser desafiada, por isso seus passatempos favoritos são Sudoku e Xadrez.


Olhares é o que não faltam para ela por onde passa. Aurora possui uma beleza notável e sabe muito bem disso. Afinal, adora usar deste fato para causar inveja em outras mulheres.
Alta, com a pele branca levemente bronzeada, sardas sutis e um corpo nas medidas certas — nem tão magra, nem gorda — era um colírio para os olhos de qualquer um. O rosto oval combina perfeitamente com as maçãs do rosto bem delineadas e o nariz empinado. Os dentes são brancos e alinhados, junto aos lábios um pouco carnudos e rosados, contribuem para seu sorriso memorável. Seios e quadris médios, cabelos castanhos que iam até um pouco abaixo de seus ombros, caindo em ondas desajeitadas e volumosas. E um pouco abaixo da clavícula, subindo até o ombro, uma tattoo com a constelação do signo de Escorpião.
E por fim, seus olhos azuis eram sua marca e maior orgulho. Com eles, conseguia prender a atenção de quem quer que fosse sem muito esforço, pois era impossível não ficar hipnotizado em seu olhar intenso.





____



____
(Alexandra Daddario)


O passado de Aurora sempre foi muito confuso e nebuloso. Desde que se lembra, fora criada por seu tio Cornelius, um homem de meia idade, sério, preocupado e gentil. Moravam em uma casa simples, na atrativa La Rochelle — uma conhecida comuna portuária da França e também uma das cidades mais bonitas da Costa do Atlântico.
Quando pequena — e até os dias atuais — Aurora presenciou situações estranhas acontecerem consigo. Mais de uma vez, conversou com estranhos na rua ou na escola e depois ouvia as pessoas dizendo que ela estava falando sozinha. Parecia um imã para acidentes, desde os mais leves aos graves, mas graças a seus reflexos extremamente ágeis (quase anormais), conseguia se salvar e evitá-los. Constantemente tem o mesmo sonho durante a noite, com penas negras e brancas caindo do céu, em um cenário escuro e nublado. Nunca entendeu o que isso significava, chegando até a visitar uma cigana em busca de respostas. Mas após ser bruscamente expulsa da casa da mulher, sendo xingada em uma língua estranha, Aurora acabou desistindo de evitar os sonhos, acostumando-se a eles.
Cornelius Meilhan se tornou a figura paterna de Aurora e muitas vezes, a garota o chamava de “pai”, mesmo sabendo que ele era apenas seu tio. No entanto, sempre que Aury tentava saber mais sobre seu passado ou quem foram seus pais, Cornelius a forçava a desistir disso, alegando que não era necessário ela se preocupar com algo que já aconteceu, mas sim com o futuro.
Foi pensando dessa forma, que a inscreveu na Université Allê Vountre, na interiorana Annecy, uma das cidades mais belas da França. Lá ela poderia explorar melhor o hobbie que tanto amava e aprender mais sobre outras áreas ligadas a isso.

Manias

| Estalar os dedos quando está nervosa |
| Morder o lábio inferior enquanto observa algo que lhe interessa |
| Sorrir involuntariamente, sempre que está fotografando |
| Encarar as pessoas sem perceber |

Hobbies

Fotografia

Passatempos

Adora cantar e jogar Sudoku ou Xadrez

Sua personagem passará a morar nos dormitórios, escolha uma personagem do jogo para ser sua colega de quarto (Podendo ser também uma personagem de uma das leitoras que farão a ficha, mas lembrando que eu QUERO que escolha uma do jogo do mesmo modo):

Amanda Brown | Violette




Comida: Peixes, cookies, churrasco
Estilo de música: Pop e Rock
Artista/Banda: Adele/McFly
Cor: Ciano
Livro: Outlander – Diana Gabaldon
Bebida: Suco de maçã
Animal: Gato, Lobo
Estação do ano: Outono


Comida: Manga e comidas apimentadas
Estilo de música: Eletrônica
Artista/Banda: Skrillex
Cor: Vermelho
Livro: Bíblia Sagrada
Bebida: Qualquer tipo de bebida alcóolica
Animal: Abelhas e Cavalos
Estação do ano: Inverno



Kentin


O paquera
Aurora e Kentin tem uma relação engraçada, pois ambos são diferentes, mas ao mesmo tempo parecidos também. Ele, calmo e paciente, enquanto ela, é intensa e explosiva. São muito inteligentes e apaixonados pela área de exatas, o que resulta várias vezes em discussões amigáveis entre os dois. Ambos adoram biscoitos e sempre brigam para ver quem fica com o último cookie do pacote. Aurora é mais extrovertida e por isso, fazia amigos com mais facilidade que Kentin, o qual era muito tímido e inseguro com tudo.
Graças a este fato, a garota se diverte e abusa da timidez dele, provocando-o com insinuações ou cantadas ruins, que são retribuídas sempre com o comportamento desastrado do rapaz e um par de bochechas rubras.
Sem que percebesse, Aurora passou a ver Kentin de outra maneira e mesmo tendo vários rapazes da universidade aos seus pés, só tinha olhos para um deles.
O garoto mais doce e com os olhos verdes mais belos que ela já vira.



____

Amigos
Se seus amigos precisarem de auxílio para qualquer coisa, ela irá parar completamente o que estiver fazendo e dará um jeito de ajudá-los. Para ela, os amigos são como sua segunda família, portanto, os valoriza como tal. Ela representa muito aquele ditado que diz “Mexeu com um, mexeu com todos”, e sempre irá arriscar-se ou intrometer-se quando se trata de defender um amigo.

Família
Sempre foi muito apegada ao tio, e faria o que for preciso para vê-lo feliz. Mesmo sendo péssima na cozinha, ela tenta ao máximo ajudar seu tio com as tarefas da casa e com o que mais precisar, sem reclamar. Não se lembra de nada sobre seus pais, tampouco sabe algo sobre eles, mas sente falta de ter uma família e já imaginou muitas vezes como seria se eles ainda existissem.

Inimigos
Aurora é o tipo de pessoa que você não gostaria de ter como inimiga. Escorpiana de raiz, é muito intensa e vingativa, chegando muitas vezes a ser extremamente calculista em suas vinganças. Não costuma aceitar afrontas ou levar desaforo para casa, usará de argumentos inteligentes e sempre dará a última palavra.

Professores da Universidade
Sempre foi muito tranquila com a maioria deles, apenas costuma se estressar quando insistem para que ela copie ou anote os conteúdos, pois possui uma memória fotográfica muito boa e mesmo sem anotar uma palavra sequer em seu caderno, ela consegue ser uma das alunas com as notas mais altas de seu curso.

Seu personagem acredita em Deus? No Paraíso e no Inferno?
Se sim ou não, por que?

Aurora não é ligada à nenhuma religião, pois desde sempre, seu tio nunca falou muito sobre o assunto. Mas ao chegar na adolescência e pegar gosto pela leitura, descobriu novas culturas e crenças, passando a acreditar na existência de vários deuses. Não sabe dizer se o Paraíso ou o Inferno são reais, mas respeita quem acredita e segue essa doutrina.



Canta?
Sim! Ela adora cantar e faz isso sempre que pode, muitas vezes, inventando canções com as ações que estiver fazendo no momento.

Dança?
Não. Se acha desastrada demais para dançar e o único tipo de dança em que é boa, são em vídeo games e máquinas, como a Pump It Up ou a Dance Dance Revolution.

Desenha ou pinta?
Gosta muito de desenhar lugares ou arquiteturas.

Faz algum esporte?
Natação e gosta de jogar xadrez

Fala alguma língua?
Francês, Inglês e um pouco de coreano.

Outros
Tem ótimos reflexos e uma boa pontaria.

Qual a reação da personagem ao descobrir que Anjos e Demônios existem?
Fica perplexa e sem conseguir acreditar que realmente o que leu nos livros e viu em filmes, fosse verdade. Leva algumas horas para conseguir assimilar a informação e digerir bem a ideia, mas após refletir e ver que é verdade, sua curiosidade é o que mais predomina. Sua sede por respostas é algo insaciável e ela faz de tudo para descobrir o máximo que puder sobre o assunto.

Qual o curso que ela faz parte na Universidade?

Produção Audiovisual


Tem alguma alergia? Doença? Não.

Algum medo ou fobia?
Tem muito medo de abelhas e cavalos. Quando ambos estão perto dela, é capaz de saltar ou correr para longe o máximo que conseguir, sem preocupar-se com as chances de se machucar ao fazer isso.

Como é conhecida na Universidade?
A Sereia, pelo fato de cantar bem e atrair os olhares de muitos rapazes


Demônio


Assistindo: Medabots

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...