~Codinome_EBA

Codinome_EBA
Desafios de fanfics (k-pop)
Nome: Codinome E.B.A
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

RESENHA: "Coração eletrônico" por Sekai_Mato


Postado

Título: Coração eletrônico
Autora: @Sekai_Mato
Categoria: EXO Couple: SeKai
Número de palavras: 12.071
*Esta resenha contém spoilers.

Nota: No início, eu tinha tudo na ponta da língua dos dedos, pronta para digitar uma resenha quilométrica. Só que depois veio o bloqueio porque, embora eu já tivesse começado a resenha, nenhum dos elogios que eu escrevia pareciam bons o bastante. Espero ter conseguido, dessa vez.


Homem e máquina: a polêmica do amor robótico

O que é um coração pra você? Para alguns é apenas um órgão, para outros é o símbolo do amor. Enquanto as pessoas continuam criando novas representações para o coração, Sekai_Mato surpreende seus leitores ao trazer às suas linhas um coração eletrônico. Haviam porcas, parafusos, silicone e tantas outras peças que, juntas, formavam o ser mais perfeito que o ser humano já criara! Foi esculpido com maestria pelas mãos de seu único criador, sofreu alterações ao longo da trama e, como se não bastasse, ainda foi sequestrado. Sehun, o androide, não tinha direito a resgate.

A fanfic chama atenção não só pela criatividade e sagacidade da autora para criar um projeto de robótica do zero, incluindo o pseudo laboratório pessoal de JongIn, nosso inteligentíssimo criador, que ficava num dos quartos de seu próprio apartamento; mas também pela principal polêmica da trama: pode um criador amar sua criação? E ser amado por ela?

Coração eletrônico conta a história de um amor proibido entre um homem e uma máquina. JongIn a criou com afinco, focado em ganhar dinheiro e reconhecimento em cima de um projeto ao qual ele deu vida sozinho. Ao lado de seu melhor amigo, Park ChanYeol, finalmente dá vida ao androide, à princípio sem nome, que demonstrava inocência e interesse - era curioso de “nascença”, já que sua memória artificial era semelhante à de uma criança. Ele não sabia como as coisas funcionavam e tudo era novo, claro, e explicar as pequenas coisas à ele tornou-se tarefa de JongIn e Chanyeol, logo agindo como cúmplices para manterem a existência de Sehun, o androide, em segredo. O pai e chefe de JongIn exigia que ele terminasse logo o projeto, mas JongIn já havia terminado - e estava apaixonado por sua criação.

Assim, JongIn passa a lidar com suas próprias questões. Dividido entre entregar Sehun ao pai ou se render ao sentimento novo e atordoado ao lembrar-se de que ele era uma máquina, Sehun o surpreende com um pedido: queria poder chorar. Então tomou sua decisão: não deixaria que seu pai fizesse o que bem entendesse quando ele já estava completamente apaixonado e, com a ajuda de Chanyeol, trama uma fuga.

Há incontáveis motivos para esta fanfic ter alcançado o primeiro lugar e um deles foi simplesmente a superação pessoal da autora, que veio progredindo na escrita ao longo de algumas edições do Concurso Artes Insanas, do Belas Artes e agora do Codinome E.B.A. Isso sem falar nos detalhes, que chegam a dar vontade de reler só pra apreciá-los mais uma vez (o que me gerou um ciclo vicioso de releitura).

Assim, Sekai_Mato apresenta ao leitor uma trama fiel ao gênero de ficção científica apresentando os fatos com maestria e explicando o funcionamento maquinário sem dar espaço para a prolixidade. Debate temas como amor, certo e errado, inteligência artificial - que exigiu certa pesquisa - e ganância, lançando ao leitor uma experiência única e empolgante do início ao fim - e que fim!

Mais do que recomendada, Coração eletrônico alcançou o primeiro lugar no EXODUS SeKai do Codinome E.B.A e a autora já promete repetir o feito em histórias futuras.


Se interessou? CLIQUE AQUI e divirta-se!


Tay~

Escutando: Guns n' Roses - Paradise City <3
Lendo: Meus resumos de resenhas e matérias da faculdade </3
Bebendo: Litros e mais litros de água

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...