~Ravenheart

Ravenheart
Nome: Alguém
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Florianopolis, Santa Catarina, Brasil
Aniversário: 20 de Junho
Idade: 21
Cadastro:

Eric Turner - Zombie War World


Postado

Eric Turner

Nome:
Eric

Sobrenome:
Turner

Idade:
18

Personalidade:
Eric é aquele tipo de cara que se pode categorizar como um troublemaker, apesar do fato de ele causar mais problemas para si mesmo que para os outros. Misterioso, rebelde e audacioso, ele tem uma terrível inclinação para autodestruição, embora não o faça de propósito. Pelo menos não conscientemente. Acontece que Eric é viciado em adrenalina. Não que ele injete nas veias ou algo assim, mas o rapaz não resiste a uma boa situação de perigo e emoção. Ainda mais quando há velocidade envolvida. Não existe algo que o deixe mais empolgado que o ronco do motor de um carro prestes a arrancar para um racha em plenas avenidas e estradas. O câmbio e o volante em suas mãos, os pés gingando da embreagem ao acelerador... Tudo isso desperta nele um sentimento de alegria selvagem.
Para com seus amigos íntimos, Eric mostra-se extremamente leal. Possui um humor negro afiadíssimo que usa como defesa a maior parte do tempo. Isso combinado a máscara de arrogância que criou para si mesmo faz com que muitas pessoas pensem que ele é apenas mais um idiota que gosta de importunar os outros. No entanto, se você o observar bem verá que tudo isso é apenas um muro, algo para deixa-lo no controle da situação. Ele não age de forma agressiva deliberadamente. Suas atitudes sempre possuem uma motivação. Principalmente e quase sempre, quando se trata de defender aquilo que ama. Seja um parente, amigo ou mesmo o orgulho que possui de si mesmo e de suas coisas, Eric não pensa duas vezes antes de entrar totalmente num estado defensivo meio agressivo. Seus amigos o impendem de se meter em brigas a maior parte do tempo, mas nem sempre é possível.
Por baixo de toda essa atitude, encontra-se um lado sensível que dificilmente demonstra, mesmo entre as pessoas que mais ama. Na verdade, não é algo que ele tenta esconder, apenas aflora em momentos raros. Seu carinho, cuidado e paixão estão sempre por trás dos seus olhos e aparecem quando as pessoas menos esperam, e se esvai tão rapidamente que alguns podem até mesmo se perguntar se realmente existiu.

História:
O pai de Eric lhe ensinou tudo o que ele sabe. Sobre carros, cobre correr, sobre lutar, sobre a vida. Seu pai era seu mentor, seu melhor amigo, seu guia. Possuía com seu irmão mais velho uma leve competitividade, apesar de isso nunca ter evoluído para algo sério. Eles lutavam juntos, corriam um com o outro e buscavam estar sempre se superando. Eram um trio relativamente inseparável, sendo que o paradeiro da mãe de ambos nunca foi conhecido. Tendo um pai tão presente e esforçado, eles sentiam certa falta mas não era algo que modificava muito em suas vidas. Eles cozinhavam juntos, faziam suas próprias bagunças e passavam fins de semana comendo pizza e jogando videogames. Infelizmente, quando Eric tinha 16 anos e seu irmão acabara de completar 21 o pai veio a ser morto num assalto qualquer. Foi um choque para os dois. Em muitos casos, esse tipo de acontecimento acaba por juntar as famílias e estreitar os laços de amor que possuem uns pelos outros. Com eles, foi diferente. Eric e Joe, seu irmão, viam um no outro os reflexos do próprio pai. Era como se cada um deles tivesse uma parte dele e isso tornou-se insuportável de viver com, para ambos. Eric ficou sob a guarda do irmão que seguiu carreira política e eles acabaram por se afastar cada vez mais. Quanto mais Eric se metia em problemas de transito, brigas de rua e conflitos escolares, mais Joe afastava-se dele e tentava encobrir tudo isso para não ter problemas em sua profissão. Eles dividiam apartamento, mas simplesmente não compartilhavam uma refeição, uma conversa, se quer uma briga. Assim, os irmãos Turner se afastaram completamente quando Eric decidiu juntar a grana que possuía para simplesmente pegar o seu carro e sair de casa. Ele não tinha um rumo, não tinha planos ou qualquer coisa assim. Sabia que teria que parar em algum lugar, mas com seus 18 anos e muito dinheiro para gastar, não achava que seria tão logo.
Com o surto do vírus, muitas vezes Eric pensou em voltar para a cidade onde vivia para encontrar-se com o irmão. Ele crescera em sua carreira e era um político respeitado, mas não havia o que ser feito. O que ele diria, afinal? O quanto sentia falta dele? Das risadas, das lutas e que o fato de que Joe era sua única família comprimia seu peito todos os dias..? Apesar disso, permaneceu na sua peregrinação, decidido a encontrar um lugar ou alguém a quem pertencesse realmente.

Família:
Hugh Turner – Pai – Como mencionado na história, Eric e o seu pai tinham uma ótima relação. Eles faziam de tudo juntos e ele era um homem muito compreensivo e liberal. Não deixava de se rígido quando preciso, mas a primeira vez que Joe bebeu, por exemplo, foi junto do seu pai. Ou seja, ele não era super protetor ou bravo demais, mas ensinava aos seus filhos os melhores caminhos a seguir e a arcar com as consequências ao fazer as escolhas erradas.
Joe Turner – Irmão mais velho – Quando menores, eles possuíam uma competitividade terrível: por brinquedos, por atenção, por comida. Na adolescência isso já passou para algo mais amistoso, como quando eles lutavam juntos para ficarem mais fortes e praticavam no videogame (quase matando um ao outo) e nos esportes.

Imune Ou Não Imune?
Vocês que decidem sabe.. O que for melhor para a história Xd

Arma:




Estilo De Sobrevivência:
Eric tenta não ficar nervoso e acertar uns bons tiros na cabeça de quem ou o que vier tirar sua paz. Ele não gosta muito de correr, mas sabe que muitas vezes essa é a única coisa a se fazer. Ele também não se importa de ter que roubar de alguns lugares ou pegar coisas de quem já morreu para sobreviver.

Sexo:
Masculino

Preferência Sexual:
Bissexual

Aparência:
Eric mantém seu corte de cabelo bem curto, rente a cabeça. Seus fios são de um castanho claro que fazem contraste com seus olhos de ônix. Seus lábios são bem definidos e as maçãs do rosto levemente proeminentes. Sua pele não chega a ser bronzeada, embora ele não goste de ficar com aspecto pálido por tempo demais. É alto e levemente magro, não chegando a ser fraco ou leve demais.



Photoplayer:
Anton Lisin

Habilidades:
Eric é em primeiro lugar um ótimo motorista. É capaz de fazer manobras incríveis em alta velocidades, arrancar em saídas dramáticas e fazer seu carro girar num cavalo de pau barulhento e intimidador. É também um bom lutador, herança do seu pai e irmão mais velho que sempre o incentivaram a saber defender a si mesmo. Sabe os melhores pontos do corpo humano a que atingir para atordoar o inimigo com mais facilidade, causar dor e coisas do tipo. Não que isso possa ser considerada uma habilidade, mas Eric tem certa facilidade para lidar com animais. Eles parecem ficar mais calmos e mansos na presença dele, o que faz com que seja mais fácil conquistar a confiança destes.

Par:
Podem escolher :3

Fará Aliança?
Com certeza.

Qualidades:
Sua coragem, audácia e lealdade a cima de tudo.

Defeitos:
Muitas vezes sua coragem pode se tornar em imprudência, o que é bem ruim.

Hobbies:
Jogar basquete (ele é muito bom), ouvir música, dirigir, lutar.

Doença?
Não

Fobia/Medo/Trauma:
Eric teme qualquer coisa que possa tira-lo do controle da situação. Ele não gosta de se ver cercado, sem saída, sem opções.

Música Tema:
Let the sparks fly - Thousand Foot Krutch

Algo Mais?
Não >_<


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...