~contagiosa

contagiosa
{+weird;;}
Nome: 👽
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 5 de Fevereiro
Idade: 5
Cadastro:

Fichas


Postado



Social Spirit - Lavínia Garcia Hentz


→ Nome: Lavínia Garcia Hentz

Lavínia: Significa “a que banha” ou “a que purifica”.

Ela tinha alguns apelidinhos quando criança, mas agora não vê nenhum que não a deixe com uma cara de criança, então prefere ser chamada apenas de Lavínia.

→ User: @contagiosa

→ Idade: 20 anos | 07/02 | Aquariana

OBS: Se ainda não passou de fevereiro ela tem dezenove certo!

→ Aparência:















Lavínia tem cabelos encaracolados na altura de seus ombros, eles tem um tom preto; suas madeixas por não estarem sendo bem cuidadas estão ficando onduladas, e os fios rebeldes já começaram a atrapalhar! Seus olhos são de um castanho também escuro, que de longe nem se vê as pupilas; seus cílios são longos porém não muito volumosos. Suas sobrancelhas são moderadamente grossas e arqueadas, e possuem um tom negro. Seu nariz tem a ponta até que grandinha, porém é reto e arrebitado. Seu lábio superior é fino e o inferior é grosso.
Sua pele é morena e macia, porém com algumas imperfeições. Seus seios são medianos, já seus glúteos são bem cheios e redondinhos, ambos firmes. Ela mede 1,67 sendo até que bem baixinha, e pesa cerca de 55kg, e é levemente ''cheinha", porém mesmo assim seu corpo é curvilíneo.

→ Personalidade:

Ela sempre foi uma pessoa que sempre tem algo para conversar, e que, inclusive é muito boa de papo. Porém de alguns anos para cá prefere ficar apenas observando as coisas antes de começar a falar o que não devia - não é como se ela fosse tão matraca a esse ponto, mas não custa tomar mais cuidado -. Ela é super observadora, então depois de olhar um tempo a situação ela já descobre se alguém está mentindo, se está nervoso ou coisas do tipo. Sendo assim tem tudo na mão para manipular alguém quando quiser, já que sua lábia é boa e ela é bem perceptiva, porém prefere não manipular ninguém, já que, quando tentam a manipular ela fica até que brava.

Ela apesar de sempre estar conversando com alguém - por motivos de "vamos matar o tédio" -, dificilmente se interessa verdadeiramente pelas pessoas, até porque a maioria - na visão dela - é muito burra, e se divertem com coisas extremamente banais. Mas nem por isso ela deixa de conversar com elas, só apenas não tem muito interesse de saber mais sobre ela, já que pessoas assim ela consegue ler em alguns minutos de conversa. Ela costuma se socializar mais com pessoas com a inteligencia e personalidade próximas a dela.

Mas nem por isso ela deixa de fazer algumas piadinhas com seus amigos ou pessoas próximas, já que, ela não é séria o tempo todo, e certamente não é de pedra, então uma interaçãozinha dessas para quebrar a tensão no local é essencial para ela. Mas com essas brincadeirinhas não espere ela dizendo "gata, você é enem? Então para de ser tão difícil sua linda!", porque isso NÃO acontece. Mas a questão é que ela tem sim um senso de humor, e não se importa de usa-lo, já que para ela, gente que não sorri é muito superficial, é daquelas que querem rir mas estão segurando para manter ''imagem'', sinceramente, foda-se a imagem!

Ela é bastante inteligente, não é preciso de muito para deduzir que ela já participou da turminha dos nerds na escola. Ela tem um entendimento elevado sobre muitos assuntos, e seu raciocínio dedutivo e lógico são muito bons! Ela sempre procura resolver as coisas com soluções lógicas, por achar que resolver tudo na hora com uma ideia qualquer é muito errôneo.Não gosta de ser contrariada - ainda mais por pessoas que ela gosta -. E não aceita regras de ninguém que ela não respeite, porém, quer que todos seus pedidos sejam feitos sem demora. Sem falar que não admite ser xingada, muito menos de "brincadeira", para ela onde falta o respeito a amizade vai pro lixo!

Ela é muito fechada e não gosta de maneira alguma de expor seus problemas, não faz isso nem mesmo com pessoas na qual ela confia muito. Não acha que deve incomoda-los com seus problemas pessoais. E apesar de não chorar facilmente, seu emocional as vezes se abala com muito pouco. Mas não é como se ela se importasse com insultos de pessoas que ela não gosta, é bem capaz dela rir da sua cara se fizer isso. Os únicos insultos que a atingem são os de pessoas que ela gosta, e sinceramente, a abala demais.

É egoísta até o último fio de cabelo, se ela parar o que está fazendo para te ajudar, pode começar a soltar fogos de artifício! Porque sendo egoísta e possessiva do jeito que ela é, essas raras exceções merecem ter uma comemoração. Sem falar que é muito possessiva com suas coisas, ela não desapega de alguns objetos de maneira alguma, e mesmo que não use mais ela não doa, pois eles acabam criando um certo valor sentimental para ela rapidamente.

Sendo do signo de aquário, o que não poderia faltar na sua personalidade é a sua grande e extraordinária criatividade! Sério, é cada ideia maluca que você seriamente vai achar que ela fumou umas, porém também tem ideias muito boas e inovadoras, sendo assim, já é mais um ótimo complemento para suas histórias! E ela usa e abusa de sua criatividade, fazendo suas histórias ficaram cada vez melhores.

Tem uma calma para fazer as coisas que é invejável, porém seu pavio com certas atitudes não é muito curto, a sorte, é que ela é bastante controlada sobre essas coisas, e o máximo que ela irá fazer quando é irritada ao extremo é lhe dar uma boa resposta e sair andando antes que lhe meta a mão na cara! E só pede desculpas se a pessoa for uma amiga, caso contrário não se arrepende de seus atos.

→ História:

Ao contrário de muitos, Lavínia não nasceu em uma família de professores muito menos com pessoas historiadoras, psicólogas entre outras profissões desse tipo. Sua família é composta de sua mãe uma brasileira, ex-empregada doméstica, seu pai um americano ( que se mudou para o brasil aos sete anos ), que trabalhava em um mercado, e sua irmã mais nova, uma estudante. Sendo assim, sua vida era de classe média, e olhando para a vida de muitos, é até que muito boa!

Desde cedo seus pais a colocaram para estudar muito, para um dia ela se formar em uma faculdade e conseguir um bom emprego para poder comprar suas coisas e ter sua própria família, já que já deixaram bem claro que quanto mais velha ela ficasse mais independente ela teria que ser, então viver nas custas de seus pais já estava fora de cogitação há muito tempo. Então ela começou a estudar muito, sempre sendo uma boa aluna e tirando notas boas, porém não impecáveis já que ela não é nenhuma genia. Porém desde cedo suas professoras de português já diziam a ela como sua escrita era ótima e bem pontuada e acentuada, e que se ela quisesse poderia trabalhar com isso ( não só de português, porém as que mais a influenciaram fora elas ). Então ela passou a escrever em um caderninho algumas historinhas desconexas na época, mas esse foi o gatilho para ela começar a apreciar a escrita, logo, já estava passando horas na biblioteca lendo alguns livros que a ajudaram muito na época.

Ela continuou nesse mesmo esquema, até que, quando ela era uma pré-adolescente cheia de espinhas na cara, uma amiga MEGA NERD dela simplesmente falou desse site, fanfictions, na hora ela olhou com uma cara de "que?", mas logo elas se empolgaram e começaram a discutir sobre esse site, no mesmo dia ela já estava lá criando uma conta nada a ver @_Lalla, sério, isso na época era o melhor nick que ela imaginou. Mas logo já estava escrevendo e lendo sobre várias pessoas. Até quando começaram a elogia-la demais, ela resolveu que criaria uma conta mais besta ainda, então surgiu a ideia de girino dela de criar a nova conta @contagiosa, ela nem sabe ao certo o porque, talvez porque de alguma maneira ela sempre acabava cativando as pessoas com suas histórias, mas bem...

Então ao longo dos anos ela foi melhorando sua escrita e suas histórias, logo, até que uma ou duas de suas histórias já estavam na primeira página das mais populares da categoria "originais", e ela ficava realmente muito feliz, saia pulando e fazendo dancinhas da vitória toda vez que a elogiavam, não importava quem fosse, ela realmente agradecia a todo comentário que era direcionado a ela, de criticas construtivas até aqueles pequenos comentários de "adorei, continua!", cada um dele a motivava sempre mais a continuar contando suas histórias!

Porém os anos foram passando e cada vez ela ia ficando mais velha, então logo ela já estava fora da escola, precisando de um trabalho, e como não tinha NINGUÉM que ela conhecia para lhe dar uma oportunidade de ser escritora, ela usou uma bolsa de faculdade que ela ganhou - obviamente por ser uma nerdona! - para se formar em psicologia, já que é algo que ela também gostaria de ser, sem falar que ajudaria ainda mais a ela escrever suas histórias na qual ela nunca abandonaria!

→ Escrever é?:

Até o momento um de seus hobbies, porque ela infelizmente não arrumou uma maneira de ganhar dinheiro escrevendo.

Porém escrever significa muito para ela, é assim que ela consegue expressar várias coisas que sente e que pensa. Sem falar que criar histórias completas e bem feitas que agradem o seu público já a da uma satisfação imensa! Ela escreve não só por ela mais também por quem gosta de suas histórias malucas e cheias de reviravoltas, ou até mesmo seus romances descritos exatamente como é na vida real. Ela gosta disso, e se pudesse viveria apenas de escrever.

→ O que fará com o dinheiro do concurso?:

Irá primeiramente dar uma quantia ao seus pais, porque se não fosse por eles, ela nunca teria chegado até onde chegou, eles que a colocaram para estudar e se esforçar para ser alguém. E com o que sobrar, certamente irá realizar um sonho de publicar um livro por conta própria ( já que pelo que eu entendi na fanfic irá postar de uma história que ela já fez ), não irá escrever sua trajetória até lá, mas sim irá trabalhar muito para escrever O LIVRO! Certamente irá demorar mas ela quer que fique perfeito, já que não é qualquer um que ganha um concurso desses e muito menos tem uma oportunidade de tentar concorrer, então ela irá se esforçar não só por ela mas por todos que a apoiaram, será como uma pequena forma de agradecimento a todos, até mesmo para seus professores, que também pegaram no pé dela, será como um grande obrigado a todos!

→ É trapaceiro?: Não, nunca trapacearia para sair ganhando. Se ela ganhar é realmente porque foi boa o bastante para chegar até onde chegou. Porém sempre fica atenta para ver se querem trapacear com ela, não é como se ela perdoasse uma atitude dessas.

→ Palavra-chave? I'm a Bitch ( Ui, bem, normalmente não é, mas bem... Nunca se sabe. )

→ Algo a mais?

Ela tem uma mania de ficar roendo as unhas quando está distraída.

Fica passando as mãos no cabelo toda hora, por achar que ele está sempre desarrumado.

Seus gêneros de música preferidos são rock e indie, apesar dela gostar de um pop e as vezes ouvir um sertanejo. Sem falar que as músicas abrem bastante a sua mente e a dão muita criatividade para iniciar uma nova história.

Sem falar que ela é viciada em chocolates! Não vive sem um por dia, e mesmo assim não é diabética.

Seus gêneros preferidos de se ler são yaoi, sobrenatural, e shoujo ( que são os romances ). E apesar dela escrever de tudo mesmo, gosta mais de escrever romances, daqueles que realmente expressam o que se passa na vida real, cheio de conflitos e momentos bons também.




Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...