Ficha para: The Most Powerful Poison (- ´u`)


Postado


~*~Ficha~*~
"Sou o Metamorfismo Vegetal e Manipulação de Feromônios mais forte do mundo. (Sqn)"

~>Nome Completo.
Merle Arderyn

- Merle é de origem Celta, significa: "Pássaro negro".
- Aderyn é gâles e significa literalmente "Pássaro".

Pequeno detalhe: Muitas vezes apelidado e/ou chamado de Merlin pela pronuncia parecida do nome. Pronuncia-se Merli.

(P.s. Imagine-se chamando ele, em vez de estender a sílaba "Mer" - Meeeeerlin. - Estende-se o "li" - Merliiiiii. - :3)

~>Nacionalidade.
Britânico.

- Ao norte do Pais de Gales.
- Snowdonia.
- Especificamente em Beddgelert. Um lugarzinho fofo que parece estar parado no tempo.

Imagens para ter uma ideia:





~>Idade.
23

- 16 de Setembro.

~>Signo.
Virgem

~>Gênero.
Masculino.

~>Aparência.








Mínima Descrição: Merle e um homem alto, com 1,88 de altura e alguns músculos espalhados pelo corpo. Tem cabelos castanhos chocolate acopanhado de belos olhos negros que mudam de cor dependendo do clima. - Quanto mais frio mais escuro. Quanto mais quente mais claro. - Sendo sua cor mais clara verde cana.
Tem um rosto quadrado com uma barba rala preenchendo a maxilar. - Deixa crescer apenas o suficiente para tampar o buraco que possui no queixo. Apesar de muitos o acharem fofo, e um defeito genético que ele não gosta. - Seu rosto e completado pelo nariz levemente arredondado e os lábios rosados.
Tem preferência em deixar o cabelo solto, - Este que passa levemente dos ombros. - Mas em algumas ocasiões, fazendo uso de muita força de vontade. - E muito gel cola. - Merle deixa o cabelo para trás, dando um ar mais sofisticado e a leve impressão de que esta mais curto.
Suas roupas se compõem de blusas mangas curtas sem nenhuma imagem. Calças jeans porém sempre largas para permitir mais movimento. - algumas vezes usa causas mais apertadas de malha fina, estas que vão ate a metade da canela ou menos. - O máximo de assessórios que poderá usar são seus relógios de couro. - As vezes nem isso, pois odeia ter o pulso "aprisionado" ou ser "enfocado por cordinhas em seu pescoço". - Ou pulseiras nos tornozelos.
Eventualmente estará usando um chilenos de couro ou pantufa de velho, e apesar de gostar muitos de sapatos e pequenas botas ele odeia meias.

~>Personalidade.
(P.s. Me desculpa!! Minha criatividade caiu aqui.)

Merle e uma pessoa serena, nunca se exalta em situação nenhuma. E quando digo nenhuma e nenhuma mesmo. Aos olhos dos outros ele parece um tanto frio, pois ele esta sempre com uma expressão calma não importando a gravidade da situação, ou se alguém ta querendo comprar briga com ele. Merle leva tudo na esportiva, fazendo piadas ou tentando pensar em algo para amenizar a situação.
Um piadista nato, não e um humor impudico ou cruel, e um humor leve e infantil, deliciosamente tolo com algumas piadas sujas. Mas claro, ele não e um babaca, sabe muito bem a situação correta para fazer piadinhas e as situação que deve ficar serio ou apenas calado.
Uma pessoa positiva, bondosa e sincera, ele não fecha os olhos para as coisas ruins, mas sempre esta com frases animadoras, tentando ajudar os outros com grandes esperanças no amanhã. De alguma forma, sua simplicidade nas palavras que usa, ou seus desejos simples e tão.... Não ambiciosos, fazem as pessoas confiarem nele e se deixarem levar por essa animação e inocência.
Não e uma pessoa de luta, na verdade não ha nada que mais odeie do que brigar. E do tipo que fala: "Vamos sentar, tomar chá e conversar um pouco.". Na medida do possível esta as evitando brigas por ai, acreditando que uma conversa pode resolver tudo. Entretanto quando a situação pede ele e sim capaz de lutar, mas certamente vai fazer o possível apenas para imobiliza-la e depois tentar conversar novamente. Então.... Você vai morrer de tédio.
Sempre faz de tudo para proteger quem gosta pois sabe que esta e sua fraqueza, tenha alguém que ele goste e certamente ele fara tudo que você mandar, mesmo sendo contra seus princípios.
Merle da muito valor as palavras, então se ele falar que faria qualquer coisa por você isso se torna uma certeza inquestionável. Entretanto sabemos que nem todos são assim, mas Merle acredita na bondade mesmo que fique desapontado com alguma promessa quebrada, entretanto e um erro que ele não quer deixar de cometer.
Tem um leve TOC com as coisas, costuma ser muito perfeccionista. - Mesmo que a bagunça do seu quarto fale o contrário. - Sempre faz tudo com medidas e obedecendo cada critério da construção, você seria muito cruel se o impedisse de arrumar quadros tortos ou de separar suas balinhas por cor. Sempre obedece horários exatos, chegando exatamente na hora ou exatamente cinco minutos mais cedo, tem a horrível mania de calcular quanto tempo leva para ir a algum lugar ou fazer alguma coisa, claro, ele não vai sair falando esses números.
As vezes e um pouco drámatico por causa disso. - Imagine alguém gritando "Porquê" ai quando você vai ver o motivo e por que o chocolate não quebrou na linha correta. - Mas se recompõe depois de dois minutos e meio pensando na vida.

~>História.
Merle sempre foi um garoto de grande coração apesar das falhas constantes. Não era tão inteligente quanto seu irmão, e não sabia controlar suas habilidades tão bem como sua prima. Não fazia os exercícios tão bem como sua mãe ensinava, e nunca fez um trocadilho melhor do que o seu pai. Mas esta de boas, era apenas uma criança e queria se divertir.
Na pequena escola onde ele estudava fingindo ser humano seus professores o odiavam. O retratavam como um garoto com defet de atenção que futuramente viraria um delinquente. Mas quem ligava? Temos tempo ate amanhã, então relaxa, concertarei meus erros no futuro.
Aos quinze anos viajou com o pais, o irmão, a prima para os Estados Unidos. E um lugar tão luminosos para alguém que não conhecia nada mais que a mata e bosques...... Era um inferno. Sheila, sua prima e mãe, entendia essa dor. - Na época ela tinha doze anos. - Alguém com habilidade ligadas a natureza sofria em uma "floresta" de cimento. Porém, era uma chance de seu irmão ir para as melhores faculdades do mundo apenas com 15 anos. - O garoto era mais que um gênio por culpa de suas habilidades. - E seus familiares não poderiam deixar de dar apoio para ele.
Mas naquele lugar horrível de pedra, onde quase nenhuma arvore existia e os animais eram tão ariscos, Merle achou um pequeno parque com a iluminação amarelada, era um pouco escuro, mas era longe de tantos barulhos horríveis e da poluição causadas por monstros mecânicos. Um pequeno pedacinho da mata, insignificante, mais o suficiente.
Uma noite em que Merle saio para seu insignificante paraíso, ele foi sorrateiramente perseguido por Sheila. Claro, ele deu uma baita bronca nela, dizendo que era perigoso e coisas do gênero antes de puxa-la para o hotel... Já era tarde.
Em uma esquina escura eles foram cercados por três homem..... Segui-se gritos de Sheila.
Mesmo com suas telas de proteção ainda não era o suficiente para se proteger de armas de fogos..... Merle apanhava.
Suas ultimas memorias era sua mão estendida para prima.... Estava tão longe.... E depois apenas gritos e mais gitos de muitas pessoas.
Quando acordou estava em seu quarto, seus pais lhe explicaram o ocorrido. Pelo visto ele havia devastado uma quadra inteira, mas Sheila estava bem.
Por isso tiveram que sair as pressas antes que o notassem, e seu irmão perdeu a chance na faculdade, mas não culpou Merle por isso e todos prometeram que tudo voltaria a normalidade.
Mas então... Por que essa promessa não foi cumprida? Todos ficaram tão distantes.... Apenas Sheila estava bem, ela continuava como sempre, e isso o fez recuperar o humor e seguir em frente.
Mas ai, aos seus 18 anos seu irmão se mudou. De alguma forma, parecia que aos poucos todos se afastavam. Ele não sabia o que fazer, então continuou agindo normalmente, se juntou com Sheila na ideia de uma lojinha, e hoje trabalha em um pequeno chale com Sheila.

~>Família.
Mãe
Nome: Daisy Arderyn Erban
- Daisy é de origem britânica, significa: “Olho do dia”, ou “Flor”.
- Já Erban e de uma origem distante, Alemã, e significa: "Misericórdia."
(P.s. Pronuncia-se Erb.)

Idade: Atualmente com 46 anos.
- Nasceu no dia 7 de Agosto.
- Signo: Leão.

Mutação: Metamorfismo Vegetal e Manipulação de Feromônios.

Descrição da aparência: Daisy é uma mulher bela, aparentando ser mais nova do que realmente é, cabelos castanhos claros com leves fios brancos - Que não parecem nada mais que algumas luzes. - Olhos verdes e possui leve sardas nas bochechas.
Seu rosto é fino, e é ainda mais acentuado pelo rabo de cavalo deixando apenas uma franja ate o queixo cair pelas lateais do rosto. Geralmente gosta de usar um boné.
Seu nariz é pequeno e lábios um pouco grossos sempre com algum batom de cor vinho.
Seu corpo e esbelto, tem 1,67 de altura, seios medianos e poucas gorduras na cintura. Por estar sempre se exercitando tem alguns músculos que não a deixam ficar flácida e mantem sua aparência juvenil.

Relação: Daisy sempre foi um tipo de mãe rígida, aquelas que pegam no seu pé para estudar, comer bem, fazer exercícios etc. Não costumava impedir de fazer as coisas, apenas avisava com a pose de "Estou sempre certa." Mas claro que não deixava de ir correndo ate o filho quando este se machucava.
Tinha uma maneira peculiar - E por que não gentilmente violenta? - De mostrar afeto. Mantia uma expressão fria mais o abraçava e o enchia de beijos quando estava com problemas.
Mas na maioria do tempo estava sorrindo e contando aquelas histórias engraçadas ou piadinhas simples. Depois do ocorrido ela se tornou um pouco mais fria, passou a focar mais em treinos para que Merle tomasse controle de suas habilidades.

Pai
Nome: Chester Arderyn Arestio
- Odeia ser chamado assim, pois Chester e uma região da Inglaterra. Foi onde ele nasceu.
- Prefere ser chamado de Arestio. Este do gales significa "Preso".

Idade: Atualmente com 48 anos.
- Nasceu no dia 25 de Dezembro.
- Signo: Capricórnio.

Mutação: Super Velocidade e Regeneração celular.

Descrição da aparência: Este possui cabelos negros sem problemas na cor - Apesar de estar ficando um pouco careca. - e olhos caramelo. Rosto quadrado com aquele buraco no queixo qual sempre deixa sempre a mostra - Deixando a barba crescer apenas nas laterais do rosto. - Seu cabelo sempre esta jogado para trás em um penteado formal, porém com alguns fios desalinhados.
Possui 1,90 de altura com vários músculos na pele bronzeada.- Por causa disso a criatura e apelidada pelos conhecidos de "monstro vovô. - Os músculos são apenas por carregar pesos, por isso a pele e um pouco flácida. - Porém ninguém percebe pois sua regeneração a ajuda a se manter "nova". - Também pensam que ele e mais novo.

Relação: Chester sempre foi o típico pai brincalhão, que de uma maneira estranhamente divertida, ensinava os filhos serem maduros mais sem deixar de se divertir em algumas situações.
Esta sempre tentando ser mais engaçado do que sua esposa, porém suas piadas eram um lixo. - O tipo de homem que pergunta "E pavé ou pá come?" - Mas nunca se deixando abater. Era um ótimo exemplo de determinação.
Nunca ficava bravo pra valer, - Pois só o olhar serio já dava um medo. - é tinha sempre um sorriso fino, valorizando sempre os melhores momentos e não se deixando abater pelo pessimismo.
Depois do ocorrido Chester passou a ser mais atencioso e de alguma forma, aos poucos, foi perdendo o ar brincalhão.

Irmão
Nome: Ryan Erban.
- Ryan e de origem irlandesa, significa "Pequeno rei."

Idade: Atualmente com 23 anos.
- Nasceu no dia 16 de Setembro.
- Signo:Virgem.
(P.s. São gêmeos)

Mutação: Super inteligência.

Descrição da aparência: Ryan e Merle compartilham a mesma altura e físico. Porém Ryan tem cabelo preto e curto, preferindo deixar ele em um moicano. Seus olhos são caramelo, possui as poucas sardas da mãe e sua pele é levemente bronzeada como a do pai. Seu queixo não possui o buraco, mas mesmo assim ele deixa a barba crescer um pouco para ele parecer mais velho.
Suas roupas são um estilo rock, gosta de jaquetas de couro e botas de cano alto. Além disso gosta de correntes finas e relógios, sem falar das duas argolas na orelha direita e um brinco de estrela na esquerda.

Relação: Os dois se gostavam bastante quando eram crianças, Ryan dizia ter inveja dos poderes do irmão e Merle tinha inveja de sua inteligencia. Mas não importava, ambos estavam felizes assim. Junto com Sheila faziam o trio dinâmico, passavam horas fazendo trilas, brincando em lagos ou com piadas infantis.
Mas depois daquele ocorrido Ryan se tonou distante e assustador. "Acharei um método..." Repetia essa frase quebrada varias vezes. Quando fez 18 anos se mudou e Merle nunca mais o viu.

Prima.
Nome:Sheila Ceart.
- Sheila tem origem irlandesa, significa "Cega", "Dos céus" ou "Setembro." A tradução varia pela raiz da origem.
- Ceart do irlandês significa "Correto" ou "Direito."

Idade: Atualmente com 20 anos.
- Nasceu dia 23 de Novembro.
- Signo: Sagitário.

Mutação: Campo de Força e Lingüística Animal.

Descrição da aparência: Sheila tem uma aparência bem infantil, tanto que muitos duvidam se ela tem realmente 20 anos.
Possui cabelos acima dos ombros, cobre e ondulados. Seus olhos são azuis, e variam de acordo com o humor. - Quanto mais calmas mais leve as cores, como azul ou verde. Quanto mais nervosa ficam negros ou ambar. - Tem um rosto arredondado cheio de sardas e lábios finos naturalmente rosa.
Seu corpo e pequeno e sem curvas, possui 1,60 de altura. Gosta de usar vestidos de cores claras e soltos, geralmente os que pedem um sinto para realçar a cintura.

Relação: São de fato, juntos, duas crianças, não a parede de hospício que os segure. Ele gosta muito dela, pois esta e a única que continuou o tratando com indiferença apos o ocorrido. Os dois vivem de jogos infantis, sempre conversam muito alto - Conversas que se resumem em piadas idiotas e rizadas. - Fazendo qualquer um olhar e pensar: "Mas que merda esses dois estão fazendo."

~>Gostos
- Temperatura amena com leve chuva.
- Usar pulseiras de couro ou colares de linhas em seu tornozelo.
- Chás, seus preferidos são de canela e hortelã.
- Flores, suas preferidas são os lírios, lavanda e balsam.
- Boas ações, pessoas agradáveis.
- Livros, prefere contos e poesias.
- Pessoas gentis.
- Doces e azedos.
- Sucos naturais e comidas caseiras.
- Jogos de tabuleiro.
- Rios, lagos e ambientes naturais.
- Talhar na madeira.

~>Desgostos.
- Dias extremamente quentes ou extremamente frios.
- Metal. Na verdade tem alergia a metal, não importa qual seja ao entrar em contato com sua pele este enferruja deixando sua pele descascando.
- Pulseiras ou colares. (P.s. Usa-las em seus devidos lugares.)
- Descargas elétricas.
- Temperos muito fortes.
- Odeia utilizar suas habilidades, assim não tem muito controle sobre estas.
- Violência ou pessoas violentas.
- Pessoas rudes, grossas, ou sem ´ética.
- Massas e salgados.
- Sucos ou comidas industrializadas.
- Que mandem nele.
- Praias. Pela areia e água salgada.
- Frutos do mar.
- Meias.

~>Qualidades.
- Possui tato, paladar, e olfato muito apurado. Tanto que pode conhecer qualquer planta pelo cheiro, textura, ou sabor.
- Bastante paciente.
- Conhece medicina natural. Uso de plantas para remédios e antídotos.
- Uma pessoa bondosa.
- Rápido e resistente. Mas não gosta de lutar.
- Para ele e muito fácil confortar alguém. Claro, só quando quer.
- Sincero.
- Sabe fazer boas gambiarras.

~>Defeitos.
- Leva tudo na boa. Até demais.
- Dificilmente luta. Apenas em situações de vida ou morte.
- Por não lutar não sabe utilizar muito bem seus poderes.
- Um dia sera morto por causa de seu sarcasmo, ou por causa de suas piadas ruins.
- Reclama muito de comida, pois sua maioria tem muito tempero e o incomoda por seu paladar sensível.
- Ingenuo, por isso facilmente manipulável.

~>Medos;
- Instintivamente, tem medo de fogo.
- Raios. (P.s. Raio: A eletricidade que se produz entre uma nuvem eletrizada e a terra. Não o estrondo causado - Trovão. - ou a claridade. - Relâmpago.)
- Atravessar uma ponte de madeira e cordas em um lugar alto.
- A ideia e meio clichê, mas perder a família lhe faria fica com ideias suicidas.

~>Fobias.
- Automatonofobia: Medo de bonecos de ventríloquo, criaturas animatrônicas, estátuas de cera ou qualquer representação bizarra de seres vivos e sensíveis.
- Cacorrafiofobia: Medo de fracasso ou falhar, no seu caso, e o medo de não conseguir cumprir uma promessa. Palavras valem muito para Merle.
- Enosiofobia: Medo de ter cometido um pecado ou crítica imperdoável, no seu caso, com alguém que ele se importe.
- Ptesiofobia: Medo de viajar de avião ou qualquer outro meio que não use o chão. (P.s. Não e medo de altura, e sim de não ter os pés no chão).

~>Segredos.
- Seu maior segredo e ter colado em uma prova de geografia.
- Costuma manter em segredo emoções muito fortes para que não saia do controle novamente, mas isso que lhe faz mal.

~>Par romântico.
( ) Eu escolho.
(X) A autora escolhe.

~>Relação com o par.
Sempre uma pessoa de boa, não e de brigas nem causar tempestades por causa de um pouco de ciúmes. Seu par pode o achar muito frio e indiferente por causa disso, por isso em uma relação tende a ser um pouco possessivo mesmo que ele não consiga simplesmente se prender a alguém. Apenas pesa "Se ela estiver bem, então tudo bem. Se ela quiser ir, então poderá ir." Realmente e bem indiferente mesmo que negue isso. Mas a verdade e que esse amor e o mesmo que ele sente por todos seus amigos.
Merle a capaz de amar verdadeiramente alguém? Provavelmente não, ele inveja aquele que conseguem amar profundamente alguém, fica triste por não conseguir fazer o mesmo... Oh, talvez faça, mas sempre acha que, afinal, seu par esta melhor com outra pessoa.
Ele ama? Sim. Mas não consegue ser egoísta para lutar por alguém aparentemente feliz.

~>Relação com minhas personagens.
Dependendo da personalidade delas ele pode ate se dar bem. De qualquer forma, esperarei você posta-las.

~>Relação com os outros mutantes.
Miga... Me explica uma coisinha, e para fazer a relação em base nas outras fichas? Ou para pegar os poderes e fazer a relação do que você pensa ser a personalidade de mutantes com tais poderes? Desculpa não responder isso mas.... Eu realmente quero saber.

~>Como é quando está dominado pela raiva?
Já ouviu falar da regra numero 1 da tempestade? Apenas acaba quando o problema esta resolvido.
Com Merle e algo parecido: Fica fora de controle perdendo a própria consciência do que esta acontecendo, pensa apenas em destruir tudo e todos que esta na sua frente ate que suas forças acabem e ele caia inconsciente.

~>Como é quando está dominado pela paz?
Esta sempre dominado pela paz. De bom humor e inocente, sempre ajudando quem precisa.

~>Usaria os poderes pelo bem ou o mal?
Nenhum dos dois. Para ele o "bem" e o "mal" são a mesma coisa, sua opinião não conta diante as maldades do mundo, ele não entende por que a sociedade e tão cruel.
Mais ai você pergunta: Se e assim, de que lado ele estaria?
Simples: Merle seguiria cegamente o lado que tem menos mortes, o lado que ninguém se importaria de não vingar pessoas que já morreram, o lado em que as escolhas são simples e ninguém se complica com tantos argumentos inúteis.

E então, conseguiria convence-lo?

~>Irá comentar nos capítulos?
Miga, vou tentar, qualquer coisa deixo um aviso. Caso não deixe e pq algo muito, MUITO grave ocorreu.

~>Favoritou?
Agorinha :3

~>Sabe que agora seu personagem é meu, e pode acontecer algo com ele?
Saiba que é cruel dizer isso moça (- TTnTT)

~>Está ciente que essa fanfic terá muita violência, estupros e canibalismo?
To me arrependendo de te-lo feito assim. (* ç.ç)


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...