~freeziegirl

freeziegirl
It's a cruel joke on me.
Nome: Beatriz Rodriguez
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 9 de Agosto
Idade: 13
Cadastro:

Ficha - The Last Of Us - Interativa.


Postado

☆ "I love everthing you do
When you call me fucking dumb for the stupid shit i do." ☆



》 ☆ Clarisse Sophie Burnier ☆ 《
》 ☆ Sobrevivente número 21 || Aquário || 12/02 ☆ 《

☆ Nome: Clarisse Sophie Burnier ☆
☆ Apelido: Clari ☆
☆ Orientação sexual: Bissexual ☆
☆ Idade: 16 anos, apesar de ter a aparência parecida com a de uma pessoa de 13, e a maturidade também. ☆
☆ Alcunha: White Swan ☆
☆ Aparência: Clari é uma garota com uma aparência infantil. Tem pele alva sem imperfeições, cabelos dor de areia e olhos castanhos claro. Seu corpo é magro, tem coxas finas e não tem bumbum nem peitos. A menina não liga muito para isso, acha que seu corpo é bom do jeito que é. Tem um nariz arrebitado, lábios finos e rosados e um nariz vermelho, como se estivesse gripada, mas não exageradamente. ☆



☆ Personalidade: Clari é, como dizem, "esquentadinha". Não tem a mínima paciência para nada. Ás vezes é bipolar, o que irrita muitos á sua volta. Tem déficit de atenção, e extrema hiperatividade. Não consegue parar um tempo quieta, sempre está fazendo alguma coisa, odeia ficar parada. Clari foi criada como uma dama pelos pais, que pelo caso, são ricos. Nunca gostou muito das viagens frequentes que eles efetuavam, mas ficava feliz, pois sabia que Margott, sua melhor amiga, estaria lá, junto á ela. Para sua tristeza, a amiga havia desaparecido, e não conseguiam encontra-la. Clari mudou um pouco de personalidade, mas digamos que para "melhor". Ela acabou sendo uma pessoa apenas um pouco mais otimista, e continuava á ser esquentadinha, e também, muito sarcástica. Gosta muito de cozinhar, apesar de algumas vezes perder o foco e acabar queimando a comida.
☆ História: Clari foi criada na frança junto com seus pais. Sua mãe é uma norte-americana e seu pai um francês. Clari puxou um pouco da personalidade esquentada do pai. Que nem o mais velho a menina dava patadas nas pessoas e era sempre muito direta e sincera, sem esconder o que pensava, ou sentia. Como a mãe, Clari era sarcástica e fazia piadas sujas com os amigos.
Clari sempre foi criada com muita mordomia. Tinha tudo aos seus pés, o que os pais não gostavam muito, pois pensaram que a menina iria crescer mimada, mas sua avó insistia tal coisa. Era uma mulher dócil, mas apesar de tudo, pegava no pé da garota, falava que ela não sabia se comportar e que precisavam coloca-la em aulas de etiqueta. Como sempre, sua mãe ignorava os comentários da sogra, e continuava a deixar que a filha se sujasse toda de tinta quando ela tentava á ensinar á pintar como ela. Sua mãe era fotógrafa, e o pai, um advogado. A menina gostava muito de seus pais, eles eram pessoas muito boas.
Com o passar do tempo, como ficaram muito conhecidos, os Burnier foram atacados. Muitos assaltantes invadiram sua casa e ameaçaram mata-los. A avó de Clari não guardava rancor, e falou poucas e boas para os assaltantes, que acabaram matando-a. O pai de Clari entrou em extrema depressão, e afim de esquecer tudo aquilo, os Burnier mudaram-se para uma pequena fazenda, no Kansas, como uma família feliz.
Então, novamente, um desastre. Notícias começaram á surgir. Notícias horríveis sobre mortes de gados e de outros animais de fazenda que foram atacados por seres com dentes que perfuraram a pele deles. Eram dentes humanos, o que assustou todos, mas não havia como um humano fazer isto... havia?
Depois de alguns meses o boato finalmente chegou até a fazendo dos Burnier. Atacou todos seus animais, e quando amanheceu, o pai de Clari entrou em desespero ao ver aquilo, acordando sua mulher e filha. Eles tentaram ignorar aquilo e á noite, no meio da madrugada, a fazenda foi atacada. Stalkers á atacaram, invadindo a casa deles e causando transtorno. Clari consegui escapar, mas sem perceber, foi mordida. ☆
☆ Roupa: ☆
Casual:



Inverno:



☆ Arma: Clari possui um machado que encontrou em uma pequena loja de caça perto de sua fazenda, na hora da fuga e usou para se defender. Hoje já é mais equipada e possui um arco profissional que é muito útil. ☆

Machado:



Arco e flecha profissional:



☆ O quê gosta:
Praticar arco e flecha.
Grafitar.
Desenhar.
Fotografar.
Bolo. ☆
☆ Desgosta:
Coisas amargas.
Pessoas metidas.
Quando toquem em pessoas que são "suas".
Quando seu grafite ou desenho fica feio.
Ter ataques de bipolaridade.
Quando a chamam de "esquentadinha". ☆



☆ Hobbies:
Grafitar
Desenhar
Praticar arco e flecha ☆
☆ Habilidades:
Bola planos rapidamente.
Corre em extrema velocidade.
É ágil com o machado.
Tem uma boa mira. ☆
☆ Família: ☆
Victoria Katherine Burnier



☆ Victoria é uma mulher determinada, um tanto sarcástica e sempre pensa na necessidade da família e amigos primeiro. É uma ótima mãe, tanto que ensinou á Clari á chutar o saco de um garoto que á provocasse aos 5 anos. Odeia ser corrigida e é fluente em francês, assim como Clari. tem uma personalidade um pouco bipolar como a da filha, é sarcástica e também protetora demais. Tem o corpo definido, cintura fina, bumbum médio, peitos cheios e pele alva como a da filha, sem imperfeições. Tem bochechas rosadas, um nariz vermelho como se estivesse gripada, lábios nem tão carnudos e nem tão finos avermelhados e lindos olhos azuis cintilantes. ☆

☆ Gustav Logan Burnier ☆



☆ Gustav é um homem brincalhão, que adora dar as famosas "patadas" nas pessoas. Já deu muitas até em Victoria. É um homem que leva os negócios á sério, e que ama muito a família. É muito protetor com sua única filha, Clari, e ameaça os amigos meninos dela á morte (é apenas uma brincadeira, mas ele realmente não gosta dos olhares deles em sua pequena Clari). Tem um corpo definido, pele alva, cabelo de cor da areia que vai até um pouco acima do pescoço, olhos castanhos claro e lábios finos. ☆
☆ Imune ou não imune: Imune, mas nem ela mesma sabe disso. ☆
☆ Nacionalidade: Francesa. ☆
☆ Trabalha? Não. É uma das qualidades de ter infectados atacando todas as cidades, não precisa trabalhar. ☆
☆ Já foi mordido? Sim, mas nem notou tal coisa. ☆
☆ Medos/Fobias/Pavores:
Abissofobia - Medo de abismos, precipícios. ☆
☆ Algo á mais? Não. ☆





☆ "You seem to replace your brain with your heart
You take thing's so hard and then you fall apart" ☆


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...