~queenzone

queenzone
[babe/1999]
Nome: Isa[+bela] ❥ Boyfriend - @Bad_daddy
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

- Elizabeth D'or Academy -


Postado


EU POSSO ENTRAR NA E.D.A


Nome:
Henri Lorenzo Brant.

Apelido:
Geralmente costumam apenas chama-lo por seu primeiro nome; Henri.

Data de aniversario:
Vinte e três de fevereiro de mil novecentos e noventa e seis (peixes).

Idade:
Dezenove anos.

Aparência:
Henri é um adolescente que já passou por muitas transformações em sua vida, tanto em aspectos de personalidade quanto em aspectos físicos. Quando criança era aquele típica nerd de filmes para o público teen. Já usou óculos de graus até seus dezesseis anos até começar a aderir lentes de contatos.

Hoje em dia, ele não usa mais lente de contato, mas, de vez em quando, muito raramente, usa óculos de grau (isso apenas quando vai forçara ler). Possui os olhos azuis tão claros que, por vezes, ficam cristalinos, quase transparentes. Os cabelos são naturalmente negros e nunca foram pintados, e Henri pretende mantê-los assim. O tom de sua pele é claro, e salpicado por algumas sardinhas espalhadas por seu rosto, as quais ele não faz nenhuma questão de esconder.

Normalmente, ela costuma ficar facilmente vermelha, isso graças de ter prático alguma atividade que requeira esforço, ou, simplesmente, por estar corado – algo que acontece com facilidade. Suas sobrancelhas são escuras e falhas; seu nariz é levemente arrebitado e sua boca naturalmente fina e rósea. Muitos duvidam que ele possa ter dezenove anos – prestes a completar vinte – apenas por seu tamanho que, mesmo ele não gostando de admitir, não passa de um metro e cinquenta e cinco. Seu corpo é esguio e suas costas levemente curvadas, mas isso de longe o faz menos bonito.


Photoplayer?
Asa Butterfield

Orientação Sexual:
Isso é algo que ele nunca parou para pensar direito. Henri já se sentiu atraído, tanto por homens e mulheres e, até mesmo, um transexual que morava na frente de sua casa, mas ele nunca se envolveu, romanticamente ou fisicamente falando, com ninguém. Ele não si importaria com o fato do sue possível parceiro seja um homem ou uma mulher, até porque a aparência seria a coisa menos relevante no relacionamento deles.

Quer par?
Não faço questão, mas caso alguém queira ser par dele é só falar comigo.

Personalidade:
Embora algumas coisas tenham mudado em sua vida, a menos afetada foi a sua personalidade. Henri continua sendo o mesmo garoto inteligente e simpático com uma estranha fixação para arte de seus dez anos. Mas, só que agora com costumes diferentes; coisas que ele antes não gostava começaram a ser suas preferidas, e coisas que ela gostava começaram a deixa-lo enjoado.

E, um desses exemplos é o fato de que, quando mais novo, Henri era colecionador de quadrinhos, mas hoje ele os substitui por livros de romances e mistério.

Lorenzo é uma pessoa de fácil convívio e carismática, mas isso não quer dizer que ele é ingênuo. Na verdade, quando tem que ser, Henri sabe ser perspicaz. Alguns costumam dizer que ele é um mongo, apenas pelo fato de viver mais no mundo da lua do que no mundo real e, eventualmente, ser um pouco mais lerdo do que é considerado “normal”.

Henri é um garoto quieto e, muitas vezes sensível. Geralmente costumam criticá-lo dizendo que o mesmo possui uma personalidade passiva, apenas pelo fato dele não reagir mesmo á situações de terríveis ofensas. Não é do tipo de costuma guardar rancor, mas ele possui uma memoria fotográfica que o faz lembrar até mesmo das coisas que ele pretende esquecer. E isso, muitas vezes, prejudica em sua “sociabilidade”, visto que ele não é do tipo que consegui filtrar as coisas com muita facilidade, deixando assim, não só suas emoções transparentes, mas também não conseguindo impedir que o que ele está pensando, sejam proferidas.

Lorenzo é do tipo de pessoa que preferi fazer as coisas com calma e paciência (o que irrita alguns) por isso que ele é bastante indeciso e em alguns casos, inseguro.

Porém, algo que contradiz em sua personalidade, é o fato de que um Henri irritado é um Henri reclamão, arisco e de boca suja. Irritá-lo a esse ponto extremo, é algo difícil, mas não impossível, até porque ninguém é feito apenas de rosas e do perfume delas, mas se não dos espinhos também.

Henri é uma pessoa tímida, mas nem por isso introspectiva. Ele faz amizade facilmente, embora seja mais do tipo que espera as pessoas virem falar com ele do que ele próprio tomar a iniciativa.

História:
Henri nasceu em Holmes Chapel, um pequeno vilarejo de Londres, dentro de um ambiente agradável na medida do possível. Ele sempre soube que havia nascido num momento inesperado, surpreendendo sua mãe e seu pai.

Sua mãe se chama Suzy e seu pai ele nunca conheceu, justamente por ele ter sido apenas um caso de uma noite com a mesma. Embora não tivesse sido desejado, Henri não sofreu nas mãos de Suzy ou algo do gênero, longe disso! A mulher sempre fez o possível para que ele tivesse tudo do bom e do melhor – mesmo que sua condição financeira não fosse uma das melhores. Lorenzo sempre a vista como uma heroína, e melhor amiga, por isso, quando a mesma disse-lhe que estava namorando outro cara, Henri não fez drama ou algo do tipo.

Na verdade ele a apoiou, claro que não tentou – só tentou, mesmo – perder a chance de intimidar o namorado da mãe, Joseph, com as seguintes palavras: “E eu posso saber quais são suas intenções com a minha mãe?”.

O relacionamento não foi tão duradouro, como Henri imaginara, mas fora tempo o suficiente para sua mãe engravidar uma segunda vez. Após descobrir-se gravida – e abandonada –, Suzy resolveu que tentar encontrar uma oportunidade de emprego e vida melhor em Londres fosse melhor do que viver naquele pequeno ponto que era vilarejo.

Família
Suzy Brant – Mãe – Trinta e oito anos – Enfermeira no hospital público da cidade.

Relação: Suzy é mãe solteira, o que, consequentemente, a faz tomar o lugar tanto de pai quanto de mãe, e isso instiga a admiração de Josh. Os dois possuem uma relação compassiva e cheia de cumplicidades.

Cléo – Irmã mais nova – Doze anos – Num faz nada da vida além de estudar.
Relação: Talvez ele si irrite com ela, às vezes, mas só às vezes, quando ela inventa em acordá-lo sete horas da manhã em pleno sábado, mas isso não vem ao caso. Cléo é uma garota bastante energética e cheia de energia para gastar, o que é diferente do seu irmão que está tão distraído em suas próprias fantasias. Cléo costuma chama-lo de Super-Henri! (sim, assim mesmo acompanhado de uma exclamação).

Curso:
Pintura – Sandra Payne

Professor(a) Favorito(a)?
Além de sua professora de pinturas, Henri simpatiza bastante com Ryan Reynolds, professor de desenho e Julia Holmes, professora de canto.

Porque quis entrar na Elizabeth D'or Academy?
Em questão que envolve seu talento, Henri pode parecer um tanto inseguro, mas nada que venha a lhe atrapalhar em suas atividades. Geralmente, sempre que ele termina alguma tela, é possível vê-lo com o rosto parcialmente sujo de tinta e suas roupas também.

Aprendeu a dominar seus talentos que foram descobertos desde muito cedo. Era perceptível que Henri era um garoto diferente; enquanto a maioria das crianças acreditava em princesas, fadas e cavalheiros, Henri acreditava que o mundo poderia ser mais colorido bastava apenas dar-lhe um balde de tinta que ele poderia pintar o céu de rosa se quisesse. E foi com isso que ele passou a ter mais fé e afeto por seu trabalho; além do fato de sua mãe incentivá-lo bastante.

E isso contribuiu para que ele tivesse coragem o suficiente para se arriscar em alguma coisa uma vez na vida.

Porque acha que é um modelo de aluno da E.D.A?
Ter total certeza que ele é o modelo perfeito de aluno da E.D.A Henri não tem, mas ele acredita que, se você quiser alguma coisa na vida, você terá que batalhar por ela. Henri é uma pessoa esforçada, e acredita que isso é o suficiente para ser considerado de aluno na media.

O que mais odeia em uma pessoa?
A forma de como algumas são estereotipadas, e vazias por dentro | A forma como algumas mudam rapidamente de opiniões, deixando as outras pessoas manipularem suas mentes | Hipocrisia, embora Henri prefira mentir pra fazer alguém feliz, do que falar a verdade e deixa-la triste.

O que mais gosta em uma pessoa?
Audácia é algo que Henri realmente admira numa pessoa, embora ele não seja do tipo que toma a iniciativa e, sim, do tipo espera alguém se arriscar, para ver as consequências | O sorriso de muitas | A simpatia | E, principalmente, o fato de como algumas pessoas são esforçadas.

Como vai tratar:

Amigos:
São amigos, isso já explica muitas coisas.
Henri faz mais a linha “bom ouvinte do que bom falante” costuma estar ao lado dos mesmos, até nos momentos mais difíceis; não é bom conselhos e palavras de incentivo, mas, sempre que necessário, tentar reanima-los.

Inimigos:
Talvez o motivo para Henri ter inimigos, seja o fato dele ser bastante paciente, ou o fato de nunca – ao menos na maioria das vezes – retrucar alguma ofensa.
Ele, geralmente, tenta evitar um confronto físico, pois acredita fielmente que violência, só gera mais violência. Então ele apenas ignora, fingi que está ouvindo a pessoa, mas, na verdade, ele está apenas distraído em seu próprio mundo criado por sua mente hiperativa.

Autoridade:
(fiquei confusa agora, mas kay...)
Henri não tem problemas com os mesmos. Não é do tipo que costuma ir para diretoria por motivos de brigas ou desordem, até porque na maioria das vezes, quando não está com os amigos, está em algum lugar confortável o suficiente para deixa-lo com inspiração para pintar (claro que a inspiração não vem de uma hora para outra, por isso ele preferi lugares mais silenciosos e calmos).

Professores:
Henri costuma tratá-los com respeito, mas, sempre existem aqueles com quem temos mais afinidades e, é com esses, que ele se permite fazer algumas brincadeiras.

Elizabeth D'or:
Henri pode sentir-se, no começo, um pouco perdido, levando em conta que a escola é enorme e o fato de que Elizabeth D'or é um lugar bastante frequentado, mas ele tentaria se adaptar em torno dela a sua maneira.

Par:
Pode parecer um pouco tímido e fechado no começo, mas a verdade é que Henri ainda estará se habituando ao fato de ter uma pessoa para chamá-la (o) de companheiro (a).

Ele é uma pessoa que se apaixona mais pelos pequenos gestos do cotidiano. De um sorriso, um bom dia... Não gosta de paixões loucas ou passagearias, sendo que na verdade Henri procura por uma estabilidade emocional, alguém que possa ser sua ancora, e alguém que ele possa ser a dela(e).

Minha personagem:
Vou mentir noa’: os dois seriam ótimos como melhores amigos. Compartilham alguns pontos em comum, como o fato de estar disposto a dar a vida por alguém que ama, mas também possuem alguns pontos onde podem acabar colidindo: enquanto ela puxa para o lado mais “eufórico” da vida, Henri preferi algo que o dê segurança e o mantenha pé no chão.

-----------------

Vicios:
Além de doces, no geral, ele não possui nenhum. Mas, caso venha a ter, seria cigarros para se desestressar da rotina academia.

Situação Financeira:
Henri é um bolsista.
Não é uma das melhores, mas também não é uma das piores. Henri e sua família tem o suficiente para conseguir mantê-los dentro de um lar, partilhando de alguns prazeres da vida.

Segredos:
Nenhum...

Emprego:
Todos os dias, após sair da academia, Henri vai para um Starbucks no centro de Londres “Caffee anda Tea” onde trabalha como caixa, atendendo aos clientes.

Uma palavra que define seu(a) personagem:
Insegurança/Sonhador.

Uma musica que defina seu(a) personagem:
https://www.youtube.com/watch?v=e12KryuLcbs ♦ The Vamps - Wake Up
So wake up
Your sleeping heart
I know sometimes we'll be afraid
But no more playing safe, my dear
So wake up
Your sleeping heart
And we will dream a dream for us
That no one else can touch, my dear
I'm here
So wake up


Favoritos:
Em questão de gostos musicais, Henri é uma pessoa bastante eclética e possui várias fitas de vários cantores e bandas não muito conhecidas | OutKast, sua banda preferida | Oasis | The Vamps | Rock, especialmente os clássicos.

Musica favorita:
https://www.youtube.com/watch?v=bx1Bh8ZvH84 ♦ Oasis – Wonderwall.
And all the lights that lead us there are blinding
There are many things that I would like to say to you
But I don't know how

Because maybe
You're gonna be the one that saves me
And after all
You're my wonderwall


Celular:
Apple iPhone 5 - 16GB (Branco)


Capinhas:


Medos:
Morrer afogado | Água em grande proporção | Altura.

Traumas:
Aos doze anos ele quase morreu afogado em um riacho no sitia de sua vó.

Fobias:
Hidrofobia | Medo irracional e ilógico de água em grande proporção.

Sonhos:
Além de ser pintor, Henri pretende se formar em arquitetura.

Redes Sociais:

Instagram: @HenriB
Twitter: ---
Facebook: Henri L. Brant.
Snapchat: ---
Periscope: ---
Tumblr:
Music.ly: ---
Vine: ---
We Heat It: @LorenzoBL
Flickr: ---
Pinterest: @LorenzoBL

Roupas:

Casual | Verão:


Inverno:


Formal:



Pijama:


Banho:
---

Emprego:


Se eu precisar mudar algo em seu personagem esta de acordo?
Sim.

Algo mais?
Não que eu me lembre...


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...