~atIantiz

atIantiz
»bitch«
Nome: •°•°•nobody's here°•°•°•
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Cabeceiras, Goiás, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Mary


Postado

Espero que goste, e desculpe a demora *-*

"...Hold me in your arms,
Love me like your best friends did,
Promise I won't hurt you kid,
Hold me really tight until the stars look big,
Never let me go..."
Never Let Me Go - Lana Del Rey


Nome Completo: Evans Parker Wilson

Idade e Aniversário:18 anos

Sexualidade: Heterossexual

Aparência:
Evans possui a aparência normal de um adolescente de 18 anos, possui 1,70 de altura, não é muito alto e é menor que a maioria dos seus amigos, incluindo as garotas que quase sempre passam alguns centímetros do comprimento do rapaz. Ele possui cabelos bastante pretos, cortados em um topete, seus olhos são castanhos, variando o tom em relação à posição do sol, possui maxilares bem definidos e lábios relativamente finos.







Personalidade:
Evans tem uma personalidade forte, tem opinião para tudo e não a muda por nada, por mais que todos a sua volta discordem dele, é calmo, sendo bastante raro vê-lo levantar a voz para alguém, mas quando isso acontece ele começa a falar todas as verdades possíveis na cara da pessoa. Evans não é de falar muito, fica sempre na sua e não gosta de se misturar, dirigindo a palavra apenas a quem ele realmente se importa. Mas com seus verdadeiros amigos ele é animado e brincalhão, sendo bastante carismático.
Quase sempre que você o procurar ele vai estar mergulhado em algum livro, eles são sua verdadeira paixão, Evans já leu todos os livros que você possa imaginar, o que o torna bastante inteligente, ele sabe tudo sobre os mais diversos assuntos. É sarcástico e sempre está com alguma resposta na ponta da língua, não tente responde-lo, pois ele irá revidar. Evans é bastante perfeccionista, ele não pode ver nada fora do lugar que procura ajeitar, além de ser bastante exigente consigo mesmo, sempre dando o melhor de si em tudo que faz.
O rapaz nunca foi muito bom em fazer amigos, e sempre se virou melhor por conta própria, ele é aquele tipo de pessoa que prefere fazer tudo sozinho, embora no fundo realmente deseje alguém que o entenda. Evans é corajoso e um pouco insano, odeia ficar parado, e fica entediado com bastante facilidade, embora seja capaz de tudo para sair um pouco da monotonia.
Sempre procura por hobbies novos, sendo bastante hiperativo, já fez de todas as atividades que você possa imaginar, ele tem uma incrível facilidade para apender coisas novas, sendo um garoto prodígio. Uma parte de Evans acredita em seres sobrenaturais, mas a outra parte dele diz que isso é loucura, ele não chega a ter medo deles, mas prefere não arriscar, já em relação à morte o rapaz acredita que é apenas uma parte do ciclo da vida, vai acontecer com todos nós algum dia.

História:
Evans Parker Wilson nasceu no dia 12 de dezembro de 1998, em uma tarde chuvosa. Sua mãe chegou completamente sozinha no hospital e logo foi atendida, mas assim que terminou o parto a mulher desapareceu sem deixar pistas, deixando o pequeno bebê sozinho no berçário.
Uma das enfermeiras mais jovens do local, Miranda Parker, achou o garoto sozinho no quarto, e ela logo deduziu o que tinha acontecido, Miranda sabia que se entregasse o bebê aos médicos iriam levá-lo para o péssimo sistema de adoção do país, a enfermeira também era órfã e tinha sido criada em meio a esse sistema, ela sabia o quão horrível era o local e não desejava isso para mais ninguém, então ela pegou Evans e decidiu adota-lo, embora tivesse idade para ser sua irmã.
Evans então foi criado por Miranda, que nunca conseguiu ter um filho de sangue ou arranjar um marido, os dois vivem felizes em uma pequena casa no centro da cidade. Aos 12 anos Evans foi identificado como um garoto prodígio por seus professore, então foi transferido para uma das escolas mais importantes do país.
Mas o que era servir para ajuda-lo acabou atrapalhando-o, pois o garoto começou a sofrer bullying por ter classe social mais baixa que seus colegas, o que tornou seu ensino fundamental um inferno, diariamente Evans voltava da escola triste e cabisbaixo, isso o tornou alguém mais fechado em relação aos seus sentimentos. Mesmo com todo o preconceito que o garoto sofria ele se formou primeiro que seus colegas, aos 16 anos, e hoje está concorrendo a bolsa em varias faculdades.

Gostos e Desgostos:
Gosta de:

Ler bons livros (principalmente terror)
Desenhar
Correr
Assistir a bons filmes
Frio
Ficar sozinho
Doces
Mar

Não gosta de:
Pessoas arrogantes
Calor
Salgados
Cachorros
Barulho

Medos/Fobias/Traumas:
Acrofobia (medo de lugares altos)
Tem trauma do seu tempo de escola, e odeia se lembrar disso

Manias/Vícios/Habilidades:
Mania de mexer no cabelo quando está pensativo.
É um ótimo jogador de futebol e basquete, sabe tocar violão e piano, é um incrível desenhista, e é um excelente nadador.
Fuma de vez em quando, só para se "divertir".

Par? Sim, Escolhe para mim por favor?

Família:
Miranda Parker Wilson – Mãe (adotiva) – 34 anos

Tem a melhor relação possível, os dois se dão muito bem, o fato de Miranda ser mãe adotiva de Evans faz com ela tenha mais liberdade com ele para conversar sobre qualquer assunto, e embora Miranda insista, Evans acha meio estranho chama-la de mãe, chamando-a pelo apenas pelo nome.


Relação com o par e com os amigos:
Com os amigos Evans é carismático e extrovertido, sempre está rindo e contando piadas, com os mais íntimos ele toma liberdade para falar de assuntos mais sérios. Já com o par Evans seria um fofo, ficaria sempre perto dele apoiando-a em todos os sentidos, mas ele iria demorar um pouco para perceber seus sentimentos.

Trilha sonora do personagem:
Smile – Mikky Ekko
All Of The Stars – Ed Sheeran
Wake Me Up - Avicii

Estilo de roupa:





Tem um estilo simples e despojado, usa camisetas normalmente com casacos, e sempre usa tênis, Evans tem um pequeno problema de visão e usa óculos apenas para leitura.

Só pra confirmar: Você está ciente de que as chances de seu personagem morrer são grandes e promete não me matar caso isso aconteça? Sim, estou ciente e não irei te matar.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...