¢Sccar

Sccar
.s.
Nome: Ankhy ღ
Status: Capista
Sexo: Feminino
Localização: Curitiba, Paraná, Brasil
Aniversário: 7 de Março
Idade: 17
Cadastro:

Ficha Valerie Agliardi — Kingdom


Postado

Ficha Valerie Agliardi — Kingdom











NOME
Valerie Agliardi




APELIDO
Val, Vallie




IDADE E DATA DE NASCIMENTO
07/03
17 anos




NACIONALIDADE
Amsterdã. Holanda




ORIENTAÇÃO SEXUAL
Bissexual





Valerie cresceu num ambiente familiar agradável, repleto de artistas e rodeada por todo tipo de pessoas diferentes. Nascida na Holanda, na populosa cidade de Amsterdã e criada por Jean e Raul, seus pais adotivos. Val não conhece sua verdadeira origem, sabe apenas que foi levada à adoção quando era apenas um bebê, sendo adotada com 5 anos de idade pelo casal. A pequena ainda não tinha um nome, as governantas do orfanato pouco se importaram em lhe dar um e assim que foi adotada, foi batizada como Valerie, nome favorito de Raul.

Raul e Jean são pintores, pouco conhecidos, mas muito talentosos com uma galeria pequena de arte. Criaram a garota com todo o amor que puderam dar, lhe ensinando a respeitar tudo e todos a sua volta. Ela cresceu como uma garota calada, mal abria a boca para falar algo. Jean foi o primeiro a perceber isso, no começo ficou preocupado mas depois de algum tempo, percebeu que Val era uma menina diferente das outras.

Não tinha o menor interesse em bonecas, seu passatempo era observar os pais pintando e os ricaços que iam até a galeria e saíam sem comprar nada. Gostava de ler tudo, literalmente. Desde o livro de culinária até as pesadas enciclopédias do armário empoeirado da biblioteca municipal. Passava a maior parte do tempo com Jean, um homem amável, de cabelos dourados e olhos grandes e azuis que moldou a paixão por plantas da garota.

Foi uma criança calada, nunca deu trabalho algum aos pais até crescer e virar a garota que é hoje.

Com 8 anos, Valerie passou a frequentar a escola de seu bairro por insistência dela mesma que se sentia cansada das aulas em casa. Tendo a personalidade complicada e o jeito quieto, Val não fez muitas amizades na escola, as poucas que conquistou logo foram tiradas dela assim que as outras crianças cresciam.

Com 13 anos, a ruiva aprendeu o que era se sentir sozinha. Passava horas trancada no quarto, o que preocupava aos pais que sempre buscavam ajuda de psicólogos. Mas isso tinha uma razão. Com o passar dos dias, Val viu que as diferenças não eram muito bem aceitas na sociedade, o que a fazia um alvo fácil para humilhação na escola mesmo com liberalismo do Estado. Ela tentava manter-se indiferente com as críticas e xingamentos como sempre fez, mas era muito para a garota aguentar sozinha e calada.

Assim, a solidão virou sua melhor amiga, a garota passou a fugir. Seu rumo? Ela não tinha um. Costumava andar pelas ruas da bela Amsterdã, passear de barco pelos pontos turísticos e principalmente esgueirar-se pelos becos escuros à procura de aventura ou apenas por um pouco de paz interior.

Quando souberam do que a filha passava na escola, Jean e Raul a tiraram de lá, fazendo a garota voltar a ter aulas em casa.

Isso não foi de todo ruim; de certo modo, Valerie sentia-se mais segura em casa do que fora dela e consequentemente, mais confiante. Durante sua estadia em casa, trabalhou com os pais na galeria e isso foi o suficiente para fazer com que a garota ame arte.

Durante sua estadia em casa, Val arranjou um emprego na floricultura de seu bairro. Foi aí que descobriu seus poderes. Notou que sempre que estava desanimada com algo, as plantas e flores do lugar murchavam e isso consequentemente levou seu chefe a achar que ela não cuidava bem das plantas o que lhe rendeu longos sermões. Nos dias em que estava animada, o lugar ficava resplandecente e a loja passou a faturar mais, as flores eram encantadoras. Com o passar do tempo, Val treinou seus poderes como ninguém, passou a procurar coisas relacionadas na internet mas tudo era muito vago, o único jeito era manter em segredo. Até mesmo dos pais.

Com 17 anos, Val se viu obrigada a voltar à escola e ela o fez. Estava mais segura do que nunca, todas as conversas que tivera com os pais adotivos a tinham transformado em uma adolescente “como qualquer outra”. Conheceu Colin, Damon e Circe. Mantêm uma amizade forte com os três garotos até hoje. É claro, omitindo seus dons.






allie é conhecida principalmente por ser cercada por uma aura misteriosa. Dificilmente se abre com pessoas estranhas em relação a seus gostos, tudo o que eles sabem é o que ela permite que saibam e nada mais. Pode ser considerada uma garota introvertida e tímida mesmo com as pessoas mais próximas que sempre insistem para que ela seja mais “aberta”.

ua real personalidade ainda continua sendo mistério, até para si mesma. Valerie é do tipo que observa e pensa bem antes de agir ou falar, não age por impulso mesmo nas piores situações. É indecisa, ainda não decidiu se prefere violeta ou laranja, cabelos curtos ou compridos, pagaria alguém para tomar todas as suas decisões se fosse possível. Se observar com muita atenção, verá que muitas vezes ela parece distraída e olhando para o nada, pensativa. É, ela pensa muito.

ensa nas várias consequências que suas ações podem causar, no futuro que terá e, principalmente, no passado. Valerie carrega todos os sentimentos nos olhos, profundas e grandes orbes verdes que sempre denunciam seu estado emocional.

alerie nunca pede por amor ou carinho; acha que essas são coisas que, se não são dadas por livre e espontânea vontade, não vale a pena ter. Em vez disso, ela se torna silenciosa e indiferente. Mesmo que sofra por dentro, ela prefere esconder os sentimentos com medo de se machucar ou criar confusão.

esmo que pareça fria e distante, Vallie é no fundo uma pessoa meiga, somente prefere manter-se neutra na maioria das situações. Mas, você somente terá a chance de conhecê-la melhor se conquistar a confiança dela, o que não é muito difícil. Você só precisa ter a qualidade que ela mais preza em uma pessoa: lealdade.

alerie tem uma alma de criança, encanta-se com a natureza e principalmente com flores e arte, em especial o expressionismo que esteve presente em sua vida a maior parte do tempo por ser filha de pais artistas. É quieta mas dona de um bom humor e otimismo invejáveis, raramente ela estará zangada ou triste com algo. Caso esteja, não deixa que esses sentimentos ruins perdurem, prefere resolver tudo de uma vez só do que prolongar o sofrimento.

ão pense que só porque Valerie é uma pessoa calma que não se exalta em alguns momentos, isso é somente com menos facilidade. A principal coisa que a tira do sério é ver injustiças por onde passa, ela com certeza não ficará calada se ver uma situação como essa.

al é uma romântica incorrigível; mas isso somente com quem ama de verdade. Não poupará poemas, palavras e demonstrações de amor quando se sente confortável ao lado de alguém. Assim, se tornando muito ciumenta mas esse sentimento sempre pode ser evitado com pedidos de desculpas ou um carinho. É uma pessoa que absorve tudo ao seu redor tanto energias positivas e negativas, sendo uma pessoa extremamente empática com os problemas alheios.

la é uma garota de pensamento rápido, consegue entender e aprender coisas com muita facilidade, principalmente na área de humanas. Nunca a subestime, ela fará de tudo para mostrar que pode fazer qualquer coisa, a fazendo parecer orgulhosa e competitiva. E ela o é, e muito.

m poço de sentimentos e emoções. Carrega tudo o que sente e o que os outros sentem. Vê pêlo em ovo, consegue farejar uma mentira de longe e sentir quando algum problema está por vir e mesmo assim, é sempre pega de surpresa.

É tão profunda quanto o oceano, te deixará mergulhar e construir seu cais, porém, saiba que nunca chegará ao fundo.





É naturalmente ruiva, possui sardas bem claras que só podem ser vistas bem de perto na pele rosada. Olhos grandes e verdes, que podem ser confundidos com azul facilmente de acordo com a luz. Tem lábios não muito cheios nem muito finos, de uma cor rosada e que estão sempre machucados por serem alvo de seu nervosismo ou ansiedade. Com 1,65 de altura e 52 quilos, Val é uma vaidosa com sua aparência. Em relação a maquiagem, prefere não usar no dia-a-dia, apenas em ocasiões muito especiais.










É uma amante do estilo vitoriano, ama estampas florais, laços e babados. Tem um estilo próprio, gosta de deixar sua marca em tudo o que faz.
CASUAL




SOCIAL








Arte
Valerie é uma admiradora assídua de arte, adora desenhar, escrever e principalmente pintar. A arte é uma forma que ela usa para se expressar.



Primavera
Além de seus poderes terem mais efeito durante essa estação, Vallie gosta da mesma pelo clima quente e da alegria natural que ela exala.



Literatura
A literatura dramática é sua preferida mas isso não a impede de ler qualquer coisa como terror, sendo seu escritor preferido desse gênero o poeta Edgar Allan Poe. Val tem um enorme vocabulário de livros que já leu, sendo em sua maioria de drama e romance.





Poluição
Valerie sempre foi ensinada a respeitar tudo e todos a sua volta, em especial o meio ambiente e o mesmo, obviamente, tem muito peso em seu poderes.



Egoísmo
Sendo uma pessoa empática, Val sempre tenta dar o melhor de si para ajudar o próximo. O que a tira do sério é ver falta de empatia de algumas pessoas diante de variadas situações.



Pessoas escandalosas
Valie é fã do silêncio, pessoas excêntricas e que gritam o tempo todo é uma das coisas que mais a irrita.




(✗) Herói ( ) Humano





Manipulação de plantas





No começo, Valerie tinha muita dificuldade em controlá-los, principalmente quando estava de mau-humor ou desanimada. Com o esforço e passar do tempo, seu poderes foram aperfeiçoados por ela mesma com muito treino. Hoje, Valerie consegue ter total controle sobre eles mesmo que suas emoções atrapalhem um pouco no desenvolver dos mesmos, por isso, é importante que ela esteja concentrada e calma para usá-los.





Valerie é somente funcionária de uma floricultura. Seus pais não são artistas altamente reconhecidos, têm uma fama considerável em Amsterdã com sua galeria. Na escola, Val costuma fazer parte de diversos clubes, inclusive de teatro, seu preferido. A garota não pretende ter um cargo em qualquer divisão.




Tripofobia




x




Pintura escrever culinária jardinagem




Cafeína




Roer as unhas quando está nervosa

Mexer nos cabelos distraída

Colocar fones de ouvido quando lê

Suspirar quando se sente ansiosa

Balançar os pés compulsivamente quando está entediada






Insegurança
Por mais que tente não transparecer isso, Val é insegura, sofre com o medo de decepcionar alguém e isso muitas vezes é um empecilho para que ela faça novas amizades.



Ciúme
É extremamente ciumenta; ela pode não admitir isso mas você saberá quando ela te responder rudemente ou até lhe ignorar.



Instabilidade
Sentimental, Val tem seus sentimentos a flor da pele. Não os expressa, prefere os guardar consigo e isso só torna tudo mais instável, fazendo a transbordar de emoções.





Controle

Não somente controle sobre o poder, mas também sobre as emoções. Valerie é do tipo que sente demais, mas sabe controlar seus sentimentos muito bem, não se deixando levar pela emoção em situações que precisa usar a razão.



Otimismo

É uma pessoa otimista apesar de tudo, gosta de pensar que para tudo tem um jeito, mesmo que pareça impossível.



Pensamento rápido
Valerie consegue aprender coisas com uma facilidade incrível, tem o pensamento rápido mas isso pode mudar quando se trata de ciências exatas. Números nunca foram seu forte.




Ter sua própria galeria de artes.




Val costuma ter apelido especial para cada um que conhece. Sendo Circe, Cece. Colin, Linni e Damon, Damy.
Adora abraçar, em especial Circe que sempre retribui seu carinho.




Castiel




Valerie e Castiel são de personalidades e visões de mundo bem distintas, são os antônimos um do outro. Castiel custa a entender toda a calma e leveza com que Valie lida com os problemas, tendo a ira como seu principal defeito. Já Valerie fica irritada com a arrogância do garoto, porém, consegue driblá-la com seu senso de humor natural. Antes de mais nada, os dois são amigos. A base de todo relacionamento é a amizade e isso não é diferente com eles, são amigos antes de tudo.

Valerie sabe que pode confiar em Castiel quando o assunto é desabafar sobre seus sentimentos, mesmo que suas respostas sejam um tanto grosseiras na maioria das vezes, o garoto se torna um bom ouvinte quando quer, arriscando alguns conselhos. Quando o assunto é irritar, Castiel faz isso e muito bem, sabe o quanto Val é calma e irritá-la lhe rende boas risadas.

Há uma série de qualidades opostas entre Valerie e Castiel e, estranhamente, essas diferenças contribuem para que haja harmonia entre os dois. Castiel gosta de ser o centro das atenções, diferente de Valie que prefere ficar calada, o que torna o ruivo seu alvo de carinho e amor. Valerie é introvertida, o que pode colidir com o jeito extrovertido de Castiel que por vezes pode magoá-la ou ser rude com a garota.

Castiel se esforça para entender o lado da ruiva, sabe que ela não é de falar muito sobre os próprios sentimentos e muitas vezes se enrola nas palavras, acaba por ficar confusa. Valerie tem o dom de se perder nos próprios pensamentos e Castiel tem o dom de fazer a garota ficar mais perdida ainda.

Por muitas vezes, Valie se recusou a acreditar que estava apaixonada por Castiel e por seu jeito arrogante de ser, entretanto, depois de muito refletir, percebeu que não podia comandar seu coração. Estava apaixonada e mesmo que seja um amor complexo e instável, Valerie sentiu-se disposta a amar tão arriscadamente.







Sendo calada a maior parte do tempo, Valie não tem muitas amizades, parte é motivo de seu silêncio e outra parte é por desinteresse da própria garota. Ela não faz esforço para fazer amizades, apenas se a pessoa realmente mostrar interesse. Os amigos que tem, Valerie os tenta manter por perto e morre de ciúmes de cada um.
Val não é a pessoa mais simpática do mundo, vai ser sua amiga somente se ir com a sua cara mas isso vai depender de você. Ela gosta de pessoas decididas apesar de não ser nem um pouco assim, e principalmente de pessoas carinhosas, que ela sabe que pode contar a qualquer momento.
Ela não é de cobrar atenção ou carinho, gosta de ter seu próprio espaço e quando quer companhia, terá de perceber isso pois ela nunca admitirá que está carente.
É uma péssima pessoa para aconselhar alguém, entretanto, é uma boa ouvinte e um ombro amigo para todas as horas.

Colin
Colin aproximou-se de Valerie furtivamente, sempre teve uma certa curiosidade de saber o que a garota escondia debaixo de todo aquele silêncio. Foi uma tarefa difícil arrancar algo de Val, toda vez que Colin puxava algum assunto, a ruiva apenas balançava a cabeça ou murmurava algo, desinteressada. Quando realmente viu o esforço de Colin e toda a insistência do garoto, Valie finalmente confiou nele, vendo nele sua fuga da carência.
O jeito descontraído de Colin rende a Val boas risadas e momentos juntos. Com o jeito carinhoso e protetor do moreno, Valerie se sente protegida, sabe que sempre terá os braços calorosos do rapaz para se esconder quando precisa.
Colin é uma das únicas pessoas que Valerie não se incomoda que invadam seu espaço, o tornando uma pessoa muito especial para ela.





Jean Agliardi

Jean é um verdadeiro artista, respira e vive a arte desde pequeno. É doce e muito carinhoso com o marido e com a filha, sendo tão ciumento quanto a garota. Val e Jean são como melhores amigos, a ruiva confia em nele mais que em qualquer pessoa. Se identifica muito com o jeito empático e cuidadoso do pai, sendo mais próxima dele que de Raul.

Raul Agliardi

Raul é um homem sério mas está longe de ser mau-humorado. É alguém que fica a maior parte do tempo calado, assim como Valerie, o que faz a garota ter um certo receio de aproximar-se do homem. Entretanto, é muito amoroso e Valerie sempre o procura quando precisa afastar-se do mundo real. É para a garota, um refúgio.





Agradecimentos: Minha nossa senhora, tenho tanta gente pra agradecer mas enfim, resumindo:
Obrigada @Muun e @Ankhy que me ajudaram pra caralho, eu amo vocês. Obrigada @susanowo por me dar uma ideia de última hora que salvou minha vida, literalmente. Ela não vai ver isso mas obrigada Bells, minha beta maravilhosa que sempre me ajuda quando eu preciso e obrigada deus por eu ter terminado essa ficha. Sashay, away.



® Sccar

Comendo: Bolo
Bebendo: Café

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...