.ficha


Postado

BLOOD KISS

Nome completo

Elrie Louise.

Idade

18 anos — nasceu dia 19 de setembro — signo de virgem.

Nacionalidade

França.

Aparência & Descrição



Descrição

Elrie é uma garota de corpo ampulheta e peso bem distribuído, seus seios são fartos. Cabelos loiro, lisos e sedosos, com rosa claro em suas pontas. Gosta de deixá-los presos com canetas, lápis ou qualquer coisa que sirva para sustentar seus longos cabelos, provavelmente herdados da mãe, já que o pai tinha cabelos negros, mas normalmente usa seu cabelo preso do lado esquerdo. Sua pele é pálida e suas bochechas são levemente rosadas, seus olhos são verdes como uma tanzanita. Suas coxas são grossas. Seus lábios são carnudos e pequenos, seu nariz também. Bumbum empinado e cintura fina. Raramente usa maquiagem, mas quando usa, surpreende a todos como fica diferente usando-a. Seus trajes geralmente são compostos por peças leves; blusas um pouco transparentes, vestidos soltos, macaquitos e shorts jeans. Adora sandálias abertas e só usa salto quando é extremamente necessário. Tem um cordão com uma concha do qual nunca tira. A loira pesa 44kg apenas, medindo 1,61.

Personalidade

Inicialmente não se desgasta com palavras, geralmente mantem-se calada, observando o que acontece ao seu redor, para só depois falar algo, geralmente fala a verdade de uma forma bruta, de forma que geralmente magoa a pessoa em questão, não que ela se importe com isso, além disso sempre parece haver algo por trás de cada palavra que sai de seus lábios. Desafia o senso comum, indo ao oposto dele sem se importar, mergulha no desconhecido, não se empenha nem um pouco em analisar quais serão as consequências, afinal de acordo com o que é dito por ela, viver vai além de qualquer compressão , simplesmente se joga neste, aproveitando cada segundo. Sua impetuosidade fica evidente a cada segundo ao lado dela, e basta um semblante irônico para que a mesma demonstre que não gostara de você, ah sim e é claro, ela dirá isso sem hesitar. É difícil decifrar o que ela fará logo em seguida, sendo imprevisível, única a cada momento. Sua “doce amargura” faz com que até mesmo quando tente ser minimamente gentil, pareça amarga, porém isso se dá graças a suas experiências, um pouco de desapego ao passado faria com que ela voltasse a ser aquela garotinha alegre e inocente de anos atrás, que agora é encoberta pela mulher audaciosa que a mesma se torna. Se provar que é merecedor, aceitando os desafios da loira, ela irá lhe recompensar com seu corpo, e talvez a chance de conhece-la um pouco melhor. Teria total condição de dizer na cara de uma garota que roubou o namorado dela, não precisaria ficar se fingindo de vítima. Manipuladora, faz com que tudo seja apenas um jogo, quebrando muitas vezes corações, inclusive o próprio, por mais que negue isso até a morte, fingindo que ele é inquebrável. Apega-se as pessoas, procurando segurança e força nelas, vendo que nunca sentiu que houvesse um lar para ela, porém geralmente essas a deixam restando-lhe apenas sua fúria, ou melancolia. As lembranças são uma das poucas coisas que a mantem forte, mas que também a destroem. As vezes ela pensa que deveria esquecer, as vezes que esquecer a faria ela não ser mais ela mesma, as vezes, que de fato é impossível esquecer. E as vezes o nada, mesmo que isso seja significativo para ela. Comunica-se perfeitamente apenas com olhares ou expressões. Possui um temperamento meio violento, e acredite você não vai querer deixar ela enraivecida, pois entenda ela não medirá suas ações. Teimosa, não importa o que você diga, quando ela mete uma coisa em sua cabeça, com certeza ira faze-la, tendo muitos problemas por causa disso. Capaz de sentir grandes ódios ou paixões violentas, deixa que todos os seus sentimentos amostra, porém nenhum deles por inteiro, pelo menos não inicialmente. Não gosta de relacionamento “sem cor” como ela diz, gosta do sabor intenso das coisas, sempre em exagero, muitas vezes sendo condenada por viver uma vida hedonista. Tentaram mudá-la e forjar uma nova Elrie que não passasse de uma mera marionete da sociedade, porém ela nunca aceitou isso e continuou sendo a Elrie intensa por inteiro, hoje em dia ignorando qualquer tentativa de alguma forma ser mudada para o que nunca desejaria ser. O profano silêncio lhe agrada, é muito capaz de que se em uma sala onde está apenas ela e outro indivíduo a loira faça questão de aproveitar o silêncio, e não dizer nada, e caso este se dirija a ela provavelmente a mesma soltaria um “cala a boca” e iria voltar a se deliciar com o silêncio, que a permitiria pensar com mais clareza, e assim que se cansasse do cenário, saísse do cômodo sem dizer uma palavra se quer. A coragem que possui parece desaparecer totalmente quando precisa enfrentar seus medos, não que não se ache incapaz de enfrenta-los, ela acha simplesmente que não é merecedora de vence-los. Bastante artística, a loira tem pensamentos direcionados para artes, como pinturas, desenhos e canto, além da dança é claro, contudo atuação não lhe agrada por algum motivo. Por mais que a garota as vezes aparente ser frágil como vidro acredite ela não é uma donzela em perigo, sabe muito bem se defender na maioria dos casos pelo menos, bem com exceção de uma única pessoa, ela mesma, sim a mesma sempre foi um dos maiores perigos para si mesma, apesar de na maioria das vezes não reconhecer isso. Entra de cabeça no que acredita, e tem uma opiniões difíceis de serem mudadas. Odeia demonstrar fraqueza, chorar na frente de desconhecidos, e na maioria das vezes até na frente de quem ama, odeia mostrar suas fraquezas, e quando as demonstra caso a pessoa faça uma piadinha inapropriada com tal, a mesma fecha-se totalmente quanto a aquilo novamente. Possui certo a amor por felinos, tanto por pequenos quanto grandes, mas tal não se compara a seu amor por pinturas e histórias. Quando ama alguém ela dedica-se a apoiar a pessoa, mas não é ciumenta ou grudenta, além de tentar fazer com que a pessoa não se preocupe com ela. Contudo é depressiva, e tenta esconder isso por trás de uma máscara, odeia que as pessoas perguntem o motivo de sua tristeza, pois muitas vezes não consegue explicar, como se sua dor e solidão não cabem em uma frase. Bastante engenhosa, sabe muito bem como deixar as coisas mais simples, não precisando ficar enrolando e gastando seu tempo com coisas desnecessárias, além disso é muito criativa. Possui uma grande habilidade chamada: lábia, ou seja convence facilmente as pessoas com seus raros discursos, ganhou grande parte desta em sua venda de ervas. Não pense que ela ira aceitar a primeira proposta que você fizer, seu talento pare negociações, junto a lábia faz com que muitas vezes a loira facilmente convença uma pessoa que ela saiu ganhando, quando na verdade saiu perdendo. Não brinque com o fogo, se não quiser se queimar. É um bom conselho quando se lida com a loira, não pense que se você pisar em cima dela ela irá esquecer e lhe perdoar, deixando com que você pise novamente nela, pode ter certeza que ela é bem violenta quando quer. Possui uma inteligência acima da média, mesmo que a muitos sintam-se impedidos de acreditar nela, porém acredite ou ela vai dar um jeito de você notar que ela estava certa, ou vai esperar que algo dar errado, expor um sorriso irônico e dizer o clássico “Eu te avisei”. Se procura fidelidade, Elrie não é uma boa escolha a se fazer, basta que você a magoar uma vez, que ela irá procurar consolo nos braços de outro homem, ou mulher. Certamente não é uma garotinha inocente, não que chegue a ser uma pervertida que pense em prazeres carnais durante o dia inteiro, mas definitivamente sabe rebater quando alguém lhe provoca. Possui reflexos rápidos, certamente entrando no grupo daqueles que perdem o amigo, mas não perdem a piada. Depois de anos aprendeu a lidar com o fato de que ela tem maldade dentro de si, pode encara-la no espelho, sem tentar encobrir a mesma com um lençol de linho branco, como a maioria faz. Mas entenda, a loira não chega a ser maldosa, não com todos, apenas com quem merece, com outros a loira é bondosa, e outros completamente indiferente. Seu jeito meio indelicado de falar e alguns outros fatores já lhe renderam boas brigas e casos de “segurem a Elrie” e além disso ao invés de parar uma briga ou botar fogo na lenha apenas para observar, a mesma prefere entrar no meio e defender o lado que julga ser o certo, defender as pessoas, mesmo que não goste de algumas delas as vezes. Ao todo diria que Elrie é uma garota complicada, que realmente se importa com as pessoas que ama, mas em geral as pessoas tem dificuldades de conviver e aceitar com ela, tal como ela tem de confiar nos outros. Não lhe apareça com promessas, lágrimas ou palavras vazias, pois tais não colam com ela, a mesma tem facilidade em descobrir mentiras.

Gosta

• Inverno;

• Comidas apimentadas;

• Lutas;

• Neve;

• Armas;

• Chuva;

• Desafios;

• Games [horror survival];

• Vencer;

• Doces;

• Outono;

• Nadar;

• Irritar as pessoas;

• Noite.

Não gosta

• Verão;

• Perder;

• Errar;

• Flores;

• Insetos [não tem medo, apenas não gosta];

• Barulhos altos.

História

Nasceu em uma cidade pacata na França, Albert foi o tipo de homem que trabalhou duro para alcançar uma boa posição social e crescer financeiramente sem o apoio dos pais. Criou Elrie sozinho até os 12 anos da garota, sem fazer ideia do paradeiro da mãe dela. A filha era muito apegada ao pai, moraram sozinhos pelos 12 anos e apesar de ter uma vida bastante corrida, Albert sempre arrumava um tempo para passar com a filha. Elrie quase entrou em depressão após a morte do pai quando tinha 15 anos. Ele morreu por parada cardíaca, deixando-a aos cuidados madrasta, Laura, e seus dois meio-irmãos gêmeos.

Não se sabe muito sobre Camille, pois a própria fazia questão de não mencionar muitas coisas sobre seu passado. Albert apaixonou-se por ela em uma festa, passando a cortejá-la desde então, indo contra a vontade de seus pais, que não aprovava o relacionamento deles. Após descobrir que estava grávida, Camille quis abortar, mas Albert não deixou, resultando em um abandono logo após Elrie nascer. O pai costumava contar que ela havia morrido no parto, mas isso não explicava a antipatia que os avós de Elrie tinham em relação a ela. A avó, principalmente, fazia questão de demonstrar a infelicidade em ter a garota na família, chegando até chamar sua mãe de prostituta.

Laura — antiga secretária de Albert. Namoravam mesmo antes de Elrie saber, se mostrava um doce na frente do homem, mas na verdade sempre achou que a garota era uma intrusa em seu caminho, na família que pretendia criar. Após se mudar para a casa deles, Laura ficou grávida meio ano depois, dando a luz aos gêmeos Julian e Jacob. Quando Albert faleceu, a mulher mudou de cidade para uma casa menor, trocando os filhos e Elrie de escola, e a partir dai, começou a tratar a enteada com bastante indiferença e arrogância, criando uma certa rivalidade entre as duas. Já que Elrie não tinha nenhum responsável para ficar na época, Laura foi obrigada a ficar com sua guarda.

Julian & Jacob — Meio-irmãos de Elrie. Com apenas 6 anos de idade, os gêmeos começaram a seguir o exemplo da mãe, e muitas vezes tratavam mal Elrie, embora Jacob fosse o mais sensível deles e sempre corresse para o quarto da irmã para se desculpar escondido do irmão. Jacob é o mais doce dos gêmeos, e o único da família que a garota sente mais simpatia. Julian é mais travesso e costumava pregar peças na irmã.

Hobbies

• Cozinhar;

• Meditação;

• Jardinagem;

• Observar pássaros ou animais;

• Pintar;

• Tocar instrumentos [violino e piano].

Medo | Trauma | Fobia

Elrie possui apenas fobias.

• Acarofobia: É um medo anormal e exagerado de ácaros, insetos pequenos, ou vermes que causam coceira.

• Acousticophobia: É um medo exagerado ou irracional de ruídos e sons, incluindo um seu próprio som.

• Acrofobia: É um medo extremo ou irracional de altura.

• Agorafobia: É um medo irracional de lugares lotados.

Habilidades

• Sabe lidar muito bem com armas e espadas;

• É flexível;

• É ágil sempre.

Objeto especial


[usa sempre quando é necessário, guarda isso na cintura, dentro da saia]

Segredo

A morte de seu pai.

Par

Shuu Sakamaki.

Relação com o par

O xinga, ignora, e discute com o mesmo várias vezes. Sempre diz que o odeia, mesmo não sendo verdade. Faz de tudo para irritar o rapaz, mas muitas vezes o ajuda e o apoia. Defende o mesmo, mas depois voltam a brigar, fazendo ela se apaixonar cada vez mais por ele.

Algo a mais?

Temperamento

É uma garota calma e muito paciente. Observadora, não gosta de chamar atenção. É extremamente insensível e pessimista, sempre acaba estragando os planos de alguém. Muitas vezes fala ou age sem pensar, ou seja, é impulsiva. E muitas dessas vezes, acaba machucando ou afastando alguém.

Concorda com todos os termos?

Sim.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...