~ChickenPoop

ChickenPoop
Rainha da camuflagem
Nome: Gabriela
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 26 de Fevereiro
Idade: 12
Cadastro:

Benjamin Kaufman


Postado

Benjamin Kaufman

.: Ficha :.

• Nome — Benjamin Kaufman/ Ben

• Idade — 17 anos ▪ câncer ▪ 22/6/1999

• Orientação Sexual — heterossexual

• Aparência & Descrição —



Os olhos de um tom de um azul frio, profundos, podendo desconcentrar qualquer um. Cabelos castanhos, que por mais que tente, não consegue o deixar arrumado por muito tempo. A pele clara, tem 1,83m.

• História — Ben sempre foi o orgulho do pai, todos sabiam que ele faria medicina, cuidaria da direção do hospital quando seu pai se fosse. Basicamente falando, ele é considerado o menino prodígio, o genro que toda socialite quer ter, dês de pequeno. Isso porque não conheciam seu verdadeiro eu. A partir dos treze anos começava a questionar se queria ter o mesmo destino que o pai. Ele não queria fazer medicina ou dirigir o hospital, aquilo parecia tão chato. Ele também nunca se identificou com a classe alta, não gostava de ver as garotas com seus uniformes de escolas particulares ou os garotos que exibiam seus brinquedos de última geração, tentando ver qual era o melhor. Preferia mil vezes tocar violão com os filhos dos empregados da sua casa, mas sua mãe sempre achava um jeito de o tirar de perto, não querendo "contaminar" seu filho com pobreza.

Aos seus 15 anos já tinha uma vida dupla, de dia era o filho perfeito, jogava no time de lacrosse e tinha uma das melhores notas da turma, o sonho de muitas garotas e também de muitos pais que não aguentavam mais seus filhos indiciplinados. Já a noite, tocava em pubs do Brooklyn, não muito cheios, junto com amigos que moravam por essa zona. Fazia as maiores loucuras para não ser reconhecido quando alguém de seu bairro ou da escola aparecia por lá, procurando por um lugar diferente para se divertir.

Seu pai, vendo que as notas do filho caíram de A+ para B+ (nem um pouco dramático), colocou a culpa no colégio, logo depois tirando o filho da escola, o enviando para St. Jude's School for Boys, parceira da Constance.

• Personalidade —
Direto, se precisa falar algo fala rápida e diretamente. Perto do pai e de seus amigos ele tenta ser o mais educado com todos os companheiros do hospital e suas esposas. Na escola, tenta ao máximo ser educado com os seus colegas, tentando conversar o menos possível, por não aguentar a voz nasalada das garotas, ou as conversas idiotas dos garotos. Um bom mentiroso, consegue fazer com que as pessoas acreditem nas mais doidas histórias.
Leal, se é confiado um segredo a ele, o mesmo não vai contar. Longe do Upper East Side, ele é animado, sarcástico, se diverte quando canta no Brooklyn, se sente em casa. Não gosta de relacionamentos sérios, acha muito problemático, prefere só ficar.

• Qual a sua classe? —

(🔷) Classe alta — Upper East Side.
( ) Classe média alta — Upper East Side.
( ) Classe média — Upper East Side.
( ) Classe média baixa — Brooklyn.
( ) Classe baixa — Brooklyn.

• Atividades extracurriculares —

( ) Artes Manuais.
(🔷) Lacrosse.
( ) Cheerleading — Cinco vagas femininas.
( ) Hipismo.
( ) Artes Mecanizadas.

• Filiação —


Nome: Jessica Beatrice Kaufman
Parentesco: mãe
Idade: 46
Emprego: nenhum
Relacionamento: não se falam muito, mesmo morando na mesma casa. Ela está sempre lá para julgar a aparência do garoto. Muitas vezes se faz de boa mãe, mas na maioria das vezes ou ela quer algo ou tem uma platéia.


Nome: Eobard Kaufman
Parentesco: Pai
Idade: 50
Emprego: dono e diretor do Coler-Goldwater Specialty Hospital
Relacionamento: Tem muito orgulho do filho, mais como um cão que obedece suas ordens do que como um filho, ele acha que preparou bem o terreno para passar o hospital para o filho.


Nome: Octavia Woodward
Parentesco: segunda mãe
Idade: 45
Emprego: empregada na casa dos Kaufman
Relacionamento: Se Ben tivesse que escolher entre Jessica e Octavia, com certeza escolheria a empregada. Ela já está a anos na casa, uma empregada de confiança para os pais de Ben, mas para ele é uma segunda mãe. Melhor que a primeira, considerando que ela é a única a saber das atividades noturnas dele.

• Atuais situações —

Problemas familiares –
Seu pai já trai sua mãe a anos, mas ela nunca se defendeu por causa do dinheiro que estaria em jogo, já que tudo está em nome dele, inclusive quem paga os advogados dela é o marido.

Segredos - Como já leu ele tem uma vida dupla, e já tem uma lista imensa de segredos com sua família, como os cigarros e suas idas para o Brooklyn.

• Gostos — Música sempre foi sua paixão e sabe que vai seguir carreira. Adora apostas, não consegue ficar fora de uma. Vingança, ele sabe que é imatura e sem sentido, mas nunca deixaria de fazer alguém pagar pelo que fez. Café, a qualquer momento, adora um pouco de café. Um bom rock, o que ele mais toca é esse gênero venerado. Depois do treino de lacrosse ele sempre vai para o Hard Rock Cafe que fica na Broadway, adora os pratos prontos.

• Desgostos — essa hierarquia no colégio o da nojo, nunca achou algo tão infantil. Pessoas que cuidam da vida dos outros. Garotas oferecidas, é algo que ele não tolera, não tem nem um desafio. Pessoas que não conseguem ser diretas, que fazem suspense por nada.

• Manias — quando está nervoso, começa a cantarolar, tenta se concentrar na letra da música e na melodia, faz ele se acalmar. Também passa muito a mão nos cabelos, para tentar se acalmar.

• Vícios — cigarros, a nicotina o acalma depois de alguma das reuniões que seu pai faz para exibir sua casa e sua família de comercial de margarina.

• Relação com —

– Blair Waldorf.
R: não gosta dela, só consegue ver uma garota manipuladora.

– Serena van der Woodsen.
R: não falam muito, Ben tem uma certa antipatia por ela. Adora a chamar de Célia.

– Chuck Bass.
R: já se falaram algumas vezes, acha Chuck um mimado.

– Nate Archibald.
R: o acha um idiota por ter namorado Blair gostando de Serena.

• Irá querer algum relacionamento?  Sim. E não, ele não é virgem

• Estilo —

Com os pais:


O verdadeiro:


• Opinião sobre a GG — não a conhece, mas toma 100 vezes mais cuidado para não ser pego por ela quando foge de casa de madrugada para tocar no Brooklyn, se soubessem o que faz estaria perdido, não pode ser deserdado, não agora.

• Algo mais? — não


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...