~AnnieCVF

AnnieCVF
Little Girl
Nome: Hiisa ☆Rino☆ ❀Anne Chan❀ ❤Fuyuzinha❤ ♡Futura Esposa do Igarashi_Ganta♡ ♦Angel♦ ✞Queen Neko Vampire✞
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 14 de Março
Idade: 17
Cadastro:

Sobre mim!


Postado

Sobre mim!


Ohayooo! Vou falar um pouco de mim kkkkkkk pedido do meu Oni-chan Nill!


Meu nome verdadeiro é Ana, conhecida por Aninha ou Annie. Tenho 17 anos, meu aniversário é 14 de Março e meu signo é Peixes!
Tenho dois pais informáticos mega avançados e dois irmãos com problemas...um com problemas mentais e outro com deficiência...


Minhas cores favoritas são azul, vermelho, preto e cinzento ^^ Flor favorita...hm...gosto vários tipos de flores, porque sinceramente, não lembro e.e comida favorita...não tenho '^'


Desde pequenina, eu era garota sorridente! Mega mega sorridente kkkkkkk mas digamos que...no dia do meu aniversário, uma amiga minha morreu na minha frente...fartei de chorar imensamente por ela...digamos que foi aí...que virei dark...mudei de cidade (estava no norte de portugal e lá no norte, o sotaque dá gozo (é zoado).) e fui para o centro, para a capital, porque minha mãe trabalhava lá e estava com curiosidade de conhecer...
Com 7 anos, fui pra lá...fui pra nova escola, nova casa, etc...na escola fui bastante gozada (zoada) pelo sotaque do norte...duvidavam das minhas capacidades (porque lá no norte, fiquei sem professora que me ensinasse a ler e a escrever). Eu ia ás aulas e entendia tudo! Mostrei do que era capaz e se arrependeram.


Meu irmão do meio é 2 anos mais velho que eu e era 1 ano mais velho a nível de escola. O meu irmão mais velho, tem paralisia cerebral, portanto, não pode ajudar em nada...ele nos batia em criança e por isso que meu irmão do meio, Bruno, não gosta nadinha do Diogo, meu irmão mais velho e como boa irmãzinha, tenho que ajudar em ambos...quando fui para o ensino básico, estava ansiosa para conhecer novos amigos! Mas...


Digamos que...não fui nada aceite na turma...para me ferir, usaram facas de cozinha, tesouras e ramos afiados...(difícil de acreditar, eu sei, mas é a pura verdade) Levei bulling desde então...sem saber o motivo exacto. Naquele dia que me faziam bulling, fui conhecida por "Ana, a Dark".


Com 10 anos...ouvi falar do ss por uns meninos...fiquei curiosa...fui pesquisar e soube desse site. Criei a conta e conheci muita gente doutros países...brasileiros, para ser exacta. Naquela altura, divertia-me muito a cena de namorar, trair, tretar, etc. Mas algo mudou-me...


Foi um homem...chamava-se D3m0nid0r, cujo alcunha (apelido) que dei foi Ryuu-kun. Ele era gentil, amável, carinhoso, amoroso, se importava, preocupava-se, divertido, engraçado, sorridente. Ele era especial...ele aguentou meu lado dark...foi ele que fez que mudasse por completo...foi me ensinando como funcionava o Anime Spirit (naquela altura chama-se isso kkkkk) e eu fui lendo o que ele dizia...criamos laços e foi...digamos que aprendi a amar alguém...mesmo longe, fui aprendendo a ter sentimentos. Depois...soube que ele namorava comigo...e com mais uma...foi incomodo.


Enfim, depois um dia, no skype, ele pediu-me em casamento. Achei que era brincadeira...não era. Ele falava a sério...fiquei tão feliz que...no dia seguinte...desapareceu.


Desde então, fui esperando e esperando por ele...sei que ele nunca mais iria voltar...então, segui minha vida. Conheci gente ruim, gente boa, gente falsa, gente verdadeira, etc. Ainda assim...faz 7 anos...que ando por aqui.


Passar uns anos, com 14 anos, estava no fim do 8º ano e início de 9º. Descobri que meu coração batia anormal e que eu quase morria só de fazer exercício físico forçado...quando fui para o hospital, por ter comido um bolo coberto de amendoim (meus pais até tiraram mas sobrou restos pequenos de amendoim), descobriram que a nível de alergia no amendoim, podia ter morrido. Descobriram que meu coração batia bem fraco e que minha respiração era muito pouca. Doença tem como nome de QT Longo. Não sei explicar exacto mas sei que a nível de batimento cardíaco, é anormal.


Com isso, continuei minha vida de estudante. Na secundária (ensino médio), batiam-me sem razão...ou dava inveja por ser avançada, ou era educada, nunca soube mesmo...sei que a turma, aproveitou da minha doença. Um dia, levei um aparelho que ligava ao meu peito todo e fui com aquilo na escola (24 horas por dia então, tinha que andar com ele). Minha turma viu e tentou arrancar...




Conheci uma pessoa aqui, que pensava que iria o amar para sempre. Chamava-se Will. O conheci na época que conheci Kuro, meu irmãozinho. Ele avisou-me bem que ele era o cara que iria me abandonar logo...não dei ouvidos e é o que deu. Essa altura, conheci um homem no face chamado Josh.
PS: Imagens estão por ordem que eu escrevi os nomes


Ele entendia da minha situação do coração e me apoiou. Brenda, minha irmã do face, estava naqueles dias (sabem do que falo '-') e deitou isso tudo em cima de mim. Josh, como alcunha de Kuro (havia dois mas sabia quem era quem e.e), foi me defender. Falou com a Brenda que ela não devia fazer aquele tipo de coisa, que devia valorizar-me e tals...desde aí...pensei que...ele iria concordar...foi importante quando ela mostrou o que ele disse...


Quando estava a namorar com o Will, Josh soube disso e ficou muito chateado...sei que sentia algo por ele e ele por mim...vivemos em segredo. Mas...não suportou e abandonou-me...não o vi depois de 2 anos...


Esses 2 anos, foram passando ao longo do tempo, cada vez que estava com o Will, lembrava do Josh...ficava pensando nele e eu tentando o esquecer...nunca saiu da minha cabeça...Will nunca deu-me atenção e nem estava me ligando mais...então tentei arranjar outro que me amasse...mas...ninguém é como o Josh. Mesmo ele sendo bruto, grosseiro, distante de todos, que magoava as pessoas, comigo...via-se que ele era...carinhoso...amoroso...ele só queria alguém que o entendesse e ficasse com ele mesmo...


Soube de uma pessoa...uma "prima" do Josh, que ele...ainda me amava. Que pensava ainda em mim e que queria estar comigo...por um lado...chorei de dor e de saudade dele...por outro...corei e sorri por ele ainda sentir o mesmo que eu. Ela passou a conta dele como John Dagmar, nome verdadeiro dele. Fiquei esperando e esperando...mas...


Este ano...Will acabou tudo comigo. Não sei realmente o porquê mas sei que eu e ele acabamos de vez...sei que chorei muito por ele..e minha mãe de off também...ambas sofremos muito por ele. Mas...certa hora, John apareceu...na hora que chorava muito...


"O q houve com vc? Pq tá chorando...? Quem te machucou...?" disse ele preocupado
"Ninguém...apenas o will terminou tudo comigo..." disse de maneira muito triste...
Sei que ele abraçou-me bem forte e disse que tudo iria ficar bem...para acalmar...
"Se fosse ele, nunca faria isso com vc...jamais iria acabar com uma garota especial...como vc.." disse ele de maneira bem fofa
Apenas sorri para ele e o agradeci!
Sei que na hora...ou não...(sei que foi num dia 26) ambos declaramos um ao outro e estamos juntos. Nossa relação está mais forte que nunca...nunca brigamos nem nada. Entendemos tão bem que não há brigas kkkkkkk porque conto isto tudo?


Porque ele é o motivo de conseguir sorrir, de não desistir tão fácil, de confiar e sentir segura...e obviamente...ele foi o motivo da existência..sem ele..não seria nada.
Irei provar a todos que namoro a distância há um fim e há um início de uma relação a sério em off depois de duas pessoas se encontrarem! É perigoso mas...quero muito o ver...quero ele muito. Podemos ambos sentir que vamos nos perder um ao outro mas...nós nos apoiamos.



Não é graças a ele que sou feliz...é graças a minhas filhas, Ayame e Livia; minha sobrinha Ágata, Meliodas, David, Nathayla, montão de gente kkkkkkk adoro vocês. Obrigada por existirem!


O que odeio em mim, são:
Teimosia - porque eu teimo tanto numa coisa/pessoa que eu chego a ficar com raiva
Bondosa - porque consigo até ser bondosa para quem não merece e isso é algo...que odeio.
Sensivel - porque tem vezes que qualquer palavra que digam, já afecta.
Sentimental - porque tem vezes que exagero a nível de sentimentos e por isso que chegam a abandonar.
Ser inútil - porque peçam ajuda a mim e eu nem sequer consigo por morarem longe...
Pedir desculpa - porque peço desculpa toda a hora e isso odeio...
Ser bruta - porque fico bruta na hora que nem quero...
Ser demasiada ciumenta - porque né...chego a ser chata.
Ser tímida - porque realmente, em off, sou bem tímida e nem consigo dizer algo de jeito...
Ser insegura - porque não sinto aquela segurança forte...e muitas das vezes, sou insegura...
Ser desconfiada - porque é algo que quase ninguém gosta.
Discussões feias - porque cada vez que alguém vem tentar brigar/discutir comigo, fico logo mal e com muitas dores...


O que odeio nas pessoas (mesmo que queira que mudem, não o farei isso):
Interesseiras - dizem que ficam comigo, ou que falam comigo e depois é zero.
Palavrões - nunca gostei nem nunca irei adorar nem direi uma única vez.
Grosseira - Tem pessoas grossas todos os dias e levo grosseira por ter feito nada
Frieza - Pessoas frias se tornam cruéis. Magoa ver pessoas assim...
Xingamentos/Ofensas - nunca gostei que me xingassem/ofendessem por algo que fiz nada
Má educação/Falta de respeito - Sou pessoa bem educada e detesto faltas de respeito e má educação.
Drama - Odeio quando dramatizam tanto, sobretudo, odeio quando digam isso a mim quando nem sequer dramatizei.
Ignorância - Não gosto nada que me ignorem de propósito.
Mandões - Acharem que mandam em mim, é uma coisa que nem gosto.
Acharem certinhos - Acham que eu sou a errada, sempre errada. Não gosto.
Palavras frias - do tipo "és uma chata", "és insuportável", odeio isso.
Falta de confiança - Sempre descubro tudo sozinha e isso irrita! Não confiam em mim para contarem-me das coisas, saiam da minha vida.
Fazerem de fortes - Ninguém é forte. Porque serem fortes se há máscara?
Xingarem com alguém que me defende nas brigas - Acham que se xingarem quem realmente gosta de mim, faz alguma diferença. Vão é estragar minha vida.
Mentirosas - Porquê que mentem se depois eu descubro a verdade da boca de outra pessoa não é mesmo?

O que odeio ser chamada:
Moça/Moçinha - Não sou BR para chamarem-me isso.
Baixinha/Pequena - Eu já sei que sou baixa mas isso chega a ser irritante se for dito muitas vezes.
Falsa - Quando eu for falsa, eu aviso. Agora uma pessoa que me conhece á muito tempo, sabe bem que não sou isso.
Traidora - Admito que fui no passado mas eu mudei. Se eu for chamada disso, eu tenho provas. Então calem a boca.
Dramática - Sou dramática mas quando falo verdades, detesto isso. Se a pessoa não gosta ouvir, vá se embora.
Revoltada - Só porque ou estou chateada ou triste, me chamem isso. Vão se ferrar que não sou isso.


O que adoro em mim? Ui...pergunta bem difícil...hm...não sei o que adoro em mim em concreto.
Maior defeito de uma pessoa, não o direi porque depende e na maior qualidade, igual. Depende da pessoa.


Como reago no ciúme? Hm...tem vezes que fico fofa no ciúme. Faço bico de propósito. Mas tem vezes que viro uma yandere total.


Como fico quando estou irritada? Hm...fico bastante mal...como vos contei, tenho doença no coração grave e não posso nem irritar, nem nada.


Bom...tenho mais nada a dizer...se quiserem saber mais de alguma coisa, digam!
Sayo~


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...