~LiaHyuuga

LiaHyuuga
Little Fickle Girl
Nome: ...
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 6 de Setembro
Idade: 16
Cadastro:

Antigo Refúgio


Postado

Antigo Refúgio

Queria que você estivesse aqui.

Por quantas vezes eu já disse isso? Por quantas vezes desejei te ter por perto de mim? E por quantas vezes você não esteve lá quando eu mais precisava?

Você era meu refúgio, me acolhia e me entendia. Você era o único com quem eu desabafava, você me dizia que tudo ficaria bem, sem sequer saber se realmente ficaria tudo bem.

Eu acreditava nessas palavras, me agarrava a elas como se fossem as únicas que pudessem me fazer continuar seguindo em frente. Acreditava nelas porque queria acreditar, não porque eu tinha certeza da verdade delas. Porque eu não tinha certeza.

Aliás, nunca terei.

Mas você me fazia sentir tão bem... Sempre que eu tinha algum problema, você me acalmava com suas palavras singelas e com seus abraços acolhedores.

Queria que você estivesse aqui.

Por quantas vezes você já ouviu essas palavras? Por quantas vezes almejei sentir teus cabelos negros e fitar teus olhos azuis? Eu queria tanto te tocar e viver contigo feliz para sempre...

Eu sofria por nunca te ter por perto realmente. Você até podia estar lá, comigo, me acalentando, mas nunca seria o suficiente pra mim. Eu precisava de mais. Eu precisava de você. Mas você estava a quilômetros de distância de mim.

Nós poderíamos ter tido tudo, mas você estragou-se e pisou em suas palavras. Você me fez sangrar. Me fez ter falsas esperanças.

Por que se estragar assim? Por quê?

Foi difícil, eu ainda te queria. Você era meu sonho.

E quando nos encontramos novamente, você fingiu que não havíamos tido nada, agiu como se eu fosse tola por ter te procurado de novo.

Mas não tivemos tempo de nos despedirmos! Nós havíamos nos equivocado, nos enganado, feito coisas erradas!

"Nós começamos errado." - disse você
"Não deveríamos nem ter começado." - revidei. E foi com essas palavras que finalmente nos despedimos. Como se não tivéssemos nos relacionado tanto como o fizemos no passado. Que idiotice da sua parte!

Você ria como se não houvesse dito aquelas palavras boas pra mim, como se não tivesse me acolhido e me consolado quando eu mais precisava.

E eu chorava mais uma vez, como fazia sempre que sentia sua falta, chorava mais uma vez como o faço agora. Porque, mais uma vez, eu sinto sua falta.

Queria que você estivesse aqui.

Eu tenho asco de você. Nojo. Repulsa. Mas ainda sim queria sua presença. E não só isso. Eu queria poder viver novamente um momento como os que eu vivia com você. Mesmo que durasse pouco tempo como o que durou entre nós. Queria poder estar dentro de um abraço compreensivo como os seus eram.

Eu não preciso mais de você. Não preciso mais das nossas conversas de todo domingo à noite. Mas palavras acolhedoras costumavam me fazer sentir bem melhor. Como as suas. E eu sinto falta disso.

Queria que você estivesse aqui.

Escutando: Wish You Were Here - Avril Lavigne

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...