~Time-Lady

Time-Lady
Oh hell no!
Nome: ☾❁ Fool
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 31 de Agosto
Idade: 16
Cadastro:

Twenty Nine Files


Postado


{ ̶L̶o̶s̶t̶ ̶f̶i̶l̶e̶s̶ }



Nome
Amélia Slattery


Apelido
Amy

Idade
26 | 23/10 | Signo de Escorpião | ♏

Sexualidade
Homossexual | Ela sempre soube, mas apenas “saiu do armário” aos doze.

Cidade e país de origem
Banff, Canadá

Profissão
Enfermeira

Aparência







Aos próprios olhos Amélia não se acha bela, achismo este que já havia sido confirmado por pessoas maldosas em seus tempos de escola. Havia (claro) pessoas que diziam ao contrário, mas isso grudou em sua cabeça e desde então ela se acha estranha.
Ela é possui uma pele delicada, corada, e castanhos. Suas madeixas são lisas (levemente frisados) e seguem numa cascata até a altura de seus seios.
Seus olhos são azuis, possuem uma aura séria e constantemente concentrada. Seus lábios são cheios e tem uma tonalidade avermelhada.
Ela tem a estatura media beirando os 1,78, é magra, possuindo 56kg. Tem cintura fina e curvas bonitas, com seios médios, coxas grossas, pernas que são longas e belas, assim como seus braços


{ Elizabeth Olsen }

Personalidade
Com ela tudo é oito ou oitenta! Embora seja um tanto radical, é uma garota sensível, inteligente, forte e também enigmática, misteriosa e honesta. Compreende a alma das pessoas, tem uma mente poderosa e analítica, que vai a fundo em tudo o que procura entender. É seletiva com as amizades, mas quando se torna amiga de alguém, é amiga de verdade e faz tudo para defender essa amizade, mas se a pessoa pisar na bola, o melhor a se fazer é sair correndo. Amélia pode facilmente revelar um lado vingativo. Tem uma força de vontade incrível e uma grande capacidade para lidar com situações difíceis. Deve tomar cuidado para não ser muito controladora ou tentar manipular as pessoas. Prefere analisar cuidadosamente todos os lados da questão e não correr o risco de cometer uma injustiça. Suas atitudes são reservadas, concentradas e energéticas. Mais intuitiva que racional; porém fiel à realidade.


História
Nascida em um pequeno (e frio, diga-se de passagem) município no Canadá. Sua história não é o que pode ser chamada de incrível ou excepcional:
Morou praticamente metade da sua vida na casa de seus tios, pois os pais pareciam viver por seus trabalhos. Eles estão vivos, isso é verdade, mas desde sempre seus verdadeiros pais (ao menos em seu coração) são os seus tios, chamando então seus pais biológicos por seus nomes próprios (Nathan & Rose). Estudou a maior parte de sua infância em uma escola com péssimos professores, que poucos se importavam se ela (ou outro aluno) estavam ali ou comendo cola. Por ter sido filha única e ter sido uma criança tímida, Amélia teve uma infância no mínimo solitária. E sua adolescência não havia sido muito melhor. Ela possuiu uma namorada (Alice) aos dezesseis anos, mas a relação mantida por ambas não parecia real. Pareciam mais duas melhores amigas do que um casal. Ambas se conheceram nas aulas de química (onde faziam dupla).
Amélia se formou em medicina na Universidade de Columbia (N.Y.), seus anos na faculdade foram extremamente simples e sem muita emoção. Alice continuou sendo sua amiga, mesmo depois de tantos anos e se formou em direito, ambas dividiram um quarto nos dormitórios da universidade.
Hoje ela vive em pequeno e simples (porém aconchegante) apartamento no Harlem (Alice voltou para o Canadá, mas mantém constante contato). Trabalha no Harlem Hospital Center como enfermeira.


Gostos
Completamente viciada em café (este que a ajuda a fazer horas extras no hospital). Prefere refrigerantes (coca-cola) a água, salgado a doce, calor a frio, chocolate amargo a chocolate ao leite. Apaixonada por flores (principalmente cerejeiras). Adora livros de fantasia (como Senhor dos anéis e Alice no país das maravilhas) e é completamente fissurada no gênero terror. Não existe um gênero de música especifica o qual ela prefere, mas sua banda preferida é “The Beatles” e a sua música preferida (que ironicamente não é dos beatles) “Hey there Delilah”.

Desgostos
Detesta música alta e lugares cheio de gente. Apesar de vir de um lugar com um inverno extremamente rigoroso, ela detesta frio. Não é a maior fã de legumes, mas os come; nem é muito fã de televisão, prefere livros.

Manias
Morder o lábio, é algo que faz sem pensar, seja quando está concentrada, quando está nervosa.

Hobbies
Ler livros

Vícios
Café (preto/puro, sem açúcar ou adoçante)

Fobias
Automatonofobia — medo de bonecos de ventríloquo, criaturas animatrônicas, estátuas de cera (qualquer coisa que represente falsamente um ser sensível);
Catoptrofobia — medo de espelhos;

Significativo
Sua pequena gata Skylar. Ela ainda é nova, com quatro meses de idade. É uma criaturinha calma e carente; foi encontrada em uma caixa no beco ao lado do prédio de Amélia, sozinha e no frio, completamente abandonada. A atenção de Amélia foi chamada quando chegou em seu prédio após o trabalho, estava com frio e era noite, mas os miados era tão altos e desesperados que ela foi ver, e se apaixonou pelo pequeno bichinho.



Curiosidade
Tem transtorno de ansiedade

Quer par?
Yep

Se sim, quem?
Não sei...



Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...