~HindeenWolf

HindeenWolf
A diferentona! *-*
Nome: ∆ Indy ∆ Bah ∆ Wolf ∆ Malvada ∆ Boa Menina ∆ Muffin ∆ Wolfinha ∆ Fofa ∆ Delight Bah
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Canoas, Rio Grande do Sul, Brasil
Aniversário: 6 de Fevereiro
Idade: 12
Cadastro:

Amor ridículo.


Postado

Amor ridículo.

Não sei mais o que fazer em relação a você. Você é minha perdição,meu vício,a coisa na qual acordo pensando. E me odeio por isso. Me odeio por estar gostando tanto de você, a ponto de não te tirar da cabeça.
Sabe quando você quer muito uma coisa,e não sossega até consegui-la? Bom,é assim. Acho que até te ter,completamente eu não vou conseguir parar. Não aguento mais ter que esconder o que sinto.
Por que vai ter uma hora em que vou chegar a um certo ponto,que vou gritar para todos saberem. Não importa,quem estaja ouvindo,eu vou gritar. Tão alto que não conseguiram escutar nada além. Para saberem que lá no fundo,bem escondidinho,você é meu.
Por que eu não suporto te ver com outra garota,e não suportaria te ver namorando. Mas sei que se não estiver namorando,estará com outras e isso parte meu coração. Por que nunca consegui ser assim com ninguém,aí chega você e estraga tudo.
Eu te odeio por me fazer sofrer,e por fazer me apaixonar. Maldito dia foi aquele em que te conheci. Não era pra ser assim. Mais não escolhemos por quem nos apaixonamos. Agora eu estou aqui,fazendo esse maldito jornal enquanto você está ai fora pelo mundo,fazendo sei lá o que, com sei lá quem.
Nos últimos dias eu não pensava mais em você,parei de me iludir e de sofrer por um amor ridículo. Fiz uma promessa de que não falaria com você,não me importaria,nem nada. E eu estava sendo fiel a isso. Mas foi só você sorrir que eu já esqueci de tudo o que havia prometido. Foi como a primeira vez que conversei com você,palavras desinteressadas mais lá no fundo,um interesse em saber quem era você. Em saber como você era.
Você acha certo fazer isso comigo? Fazer eu me apaixonar por você,para que você fizesse o mesmo,que fez com todas? Parabéns. Seu plano idiota deu certo. Por que aqui estou eu,abrindo meu coração nesse jornal ridículo,falando o quão apaixonada estou por você,e você ai rindo da minha cara,nem lembrando quem sou. Suas saudades são atoa,suas palavras dispensáveis,mais você insubstituível. E é isso que eu não entendo.
"Estou brava com você,por ser tão fofo,e mudar meu humor,e alterar minha grosseria.
E eu não estava tentando,derreter esse coração de ferro,mas o jeito que você me segura faz o antigo eu sumir". Você me faz rir e chorar com apenas um toqui. Arranca suspiros,e sorrisos bobos quase toda hora. E isso me irrita. Tentei ser dura,te tratar mal,ser mais grossa do que normalmente sou,mais não consigo,por que você começa a ser fofo e isso me deixa com um ódio enorme... Eu acho que te amo,e... Não sei o que fazer,eu estou dividida e você ocupa o maior lado,do meu coração. Te odeio,por ter tirado algo de mim,que não terá mais como eu ter de volta. Te odeio por me fazer,ser tão ridícula a esse ponto. Te odeio por me fazer escutar músicas românticas e pensar em como seria se você morasse perto. Mas...te amo,por me proteger e ser o causador da minha felicidade,era pra mim odiar isso mais eu realmente gosto,e não posso evitar,foi mal.

Bom eu vou parar por aqui,pq se não já viu né. Espero que tenha ficado claro meu amor e ódio por você querido. <3 Bye,bye.

Escutando: Flume - Drop the game ft. Chet Faker

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...