~IzzyLewis

IzzyLewis
Nome: Tente de novo @@
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Vicente, São Paulo, Brasil
Aniversário: 8 de Maio
Idade: 16
Cadastro:

Violencia contra a mulher


Postado

Abuso sexual não se refere apenas ao estupro e também a atos indevidos e não consentidos como também ao abuso verbal.
Em primeiro lugar eu gostaria de dizer que isso não é um daqueles posts feministas. Eu não sou feminista, eu não poderia ser não concordo com muitas coisas que elas dizem, eu tenho uma opinião própria e não preciso ser colocada em nenhuma categoria.
Em segundo lugar quero deixar claro que tudo dito abaixo aconteceu comigo.
Eu queria desabafar com alguém e DING DONG vocês foram escolhidos. Eu passei por uma situação assustadora mês passado e é contando isso que eu vou começar esse jornal. Eu tinha saído quarenta e cinco minutos mais tarde que o habitual da escola e já estava escurecendo, um cara ficou me chamando na rua (que por acaso para a minha sorte estava deserta) e sabe quando você tem aquela sensação ruim? O primeiro pensamento na cabeça de qualquer mulher sempre vai ser 'fudeu ele vai me estuprar' e eu comecei a andar mais rápido, era a rua da minha casa porra, eu não olhei pra trás, e ele disse 'não adianta andar mais rápido, bonitinha eu vou te pegar de qualquer jeito' eu meio que tropecei mas não parei de andar, quase em frente a minha casa tem um barbeiro e eu só consegui me acalmar um pouco quando cheguei ali, eu acho que nunca abri o portão tão rápido na minha vida. No fim das contas eu não sei se ele estava fazendo aquilo pra me assustar ou se ele realmente ia fazer uma coisa.
Acontece que eu depois eu passei por mais episódios assim, quinta feira eu fui a feira de ciências da escola onde meu pai trabalha e qual não foi minha surpresa quando eu estava me divertindo assistindo uma das apresentações numa sala escura um garoto deu um tapa na minha bunda. Com força. E ele ainda teve a audácia de me chamar de vadia, como se eu tivesse feito de algo de errado. Nem roupas provocativas eu usava (não que isso devesse ser levado em consideração, mas você entendeu) em todas as três ocasiões eu estava de calça comprida e blusa de manga cumprida. E hoje aconteceu mais uma vez, eu fui passear com a minha cachorrinha e com a minha mãe, a gente só foi até o final da rua e eu nem mesmo queria ir, mas quando eu cheguei na esquina um cara passou de carro, gritou e mandou beijo, como se eu fosse uma prostituta.
A questão é, eu tive anorexia por quase dois anos e nada disso tinha acontecido comigo. Nunca. Quando eu finalmente desejei deixar aquilo para trás, eu engordei 11 quilos e cheguei aos 52, eu não tenho nenhum corpo de atriz de filme pornô, eu nem ao menos tenho um corpo feminino totalmente desenvolvido e já passei por isso. Eu só tenho 15 anos, o que vai acontecer quando eu for mais velha? Eu tenho que andar pelas ruas com medo das sombras?
Era isso, provavelmente isso não faz sentido algum, mas eu só queria desabafar.
Adeus.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...