Ficha para a fanfic: Sweet Toxic


Postado



►Nome:
Mariko Kasai


►Apelido:
os apelidos que gosta
- Mari
- Ka
os que não gosta

- Nana
- Rosada

►Idade:
16 anos
27/10-signo de escorpião

►Aparência
























☀ Mariko tem os cabelos longos de fios delicados suaves e macios ,que vão ate um pouco abaixo da bunda,são lisos e levemente ondulados nas pontas,são na cor rosa,no mesmo tom que as flores das arvores de cerejeira,sua franja é repicada,a parte do meio desce pelo nariz,seu cabelo é cortado no estilo folha,deixando sempre duas mexas a frente do ombro,geralmente com cheiro de chocolate seus cabelos sempre estão presos em um coque como na terceira imagem,com algumas mexas soltas,presas por Kanzashi que são uns enfeites de cabelos ela tem dois(coloco no algo a mais) que ganhou de sua mãe ,seus olhos são azuis como o oceano ,em um tom de turquesa profundos e gelidos,que quando reflete a luz parecem dois diamantes brilhantes,de boca carnuda porem nada grosseiro,em um tom pálido escondido pelo brilho labial em tom de rosa claro,bochechas naturalmente rosadas em tons leves,olhos bem delineado que parece que ela passou lápis de olho ou algo do tipo,seus cílios são longos e volumosos curvados,sua pele é pálida delicada e suave,com o leve perfume de morango ao leite de seus cremes,seu corpo é pequeno e frágil,porem com tudo no lugar,seios fartos e firmes,barriga sequinha,cintura fina e quadril largo,bumbum empinado e durinho,assim como suas coxas fartas e durinhas,pesa 55 kg e tem 1,60 de altura

►Personalidade:
Mariko é uma pessoa sensivel...ate de mais,ela é da quelas que toma as dores da pessoa sabe? ela é uma pessoa muito doce,gentil e delicada,não consegue guardar rancor de ninguém,mas não é dessas de chamar atenção,ela gosta de ser abraçada,não consegue ser grossa com ninguém,mesmo que tente,quando alguém briga com ela,ela apenas abaixa a cabeça,com a educação que recebeu de sua mãe(na historia ira entender) ela é o mais delicada que consegue,na hora de falar,na maneira de agir,é uma flor,muito cuidadosa com suas coisa,tem mania de simetria,tudo tem que estar no seu devido lugar,ela é competitiva sim em bora não tente demonstrar isso a ninguém,ela não gosta de ser deixada em segundo plano,Mariko não é de falar muito,por ser tímida,mas fala muito bem se preciso,ela uma vez ou outra acaba sedendo um pouco e gagueja mas é bem raramente,Mariko sorri para todos a sua volta,ela não é desastrada,porem destraida isso faz com que ela acabe sendo desastrada,mas se deixar ela equilibrando um ovo de pé na cabeça e um no palido de churrrasco ela não deixa cair,consegue ser concentrada,ate de mais,Mariko é muito educada,mas sai da pose rapidinho pois não consegue ser uma dama,ela não da conta de andar de salto e se levar ela a um restaurante chique é passar vergonha,pois ela não da conta de comer um pouquinho,de fato ela é igual a Magali,quanto mais come mais ta com fome,consegue ser engraçada,ela gosta de fazer as pessoas rirem,não gosta de ver ninguém triste,ela é uma pessoa meio apagada na sociedade,é raramente que consegue uma amizade por ser tímida,mas não pense que ela é ingenua,inocente ate pode ser mais ingenua não,ninguém pode brincar com a bondade dela,ela sabe direitinho quem são as boas e as má pessoas,Mariko gosta de J-rock,as pessoas que olha para ela pensa: "ai que gracinha deve gostar de musicas classicas" ai depois que conhece o gosto musical dela "nunca pensei que você fosse assim" ela não é de expressar sua raiva,o Rock a ajuda manter a calma,e escrever as atrocidades que ela queria fazer quando esta com raiva,tudo em um papel,em forma de musicas poesias ate mesmo desenhos,que ela não mostra para ninguém,mais ninguém mesmo!

►História
☀antes de começar a falar da Mariko é preciso falar de seus pais.
a mãe de Mariko,Chiyo Kanagawa era um geisha,e na quela época geishas era uma especie de prostitua sutil,não era dessas que ia para cama,mas divertiam os homens mostrando seus talentos,os servindo-os de maneira delicada,mostrando ser frágil e indefesa,uma mulher quando deixa de ser uma Maiko (aprendiz) e vira a Geisha ela troca de nome,e se tornou Sayuri,um dia na casa de chá ela conheceu um homem,que passou a ir todas as noites nessa casa de chá ver Sayuri,esse homem se disse amigo dela,e acabou sendo o primeiro homem da vida dela (se é que me entende) e depois foi embora casado com outra mulher,para Sayuri isso foi de mais,ela quis se matar,mas uns dias depois veio a noticia que esperava um filho(na verdade ela desconfiava disso)com medo de contar para sua chefe,guardou isso só para ela,uns dias depois veio um homem que ficou totalmente apaixonado na beleza de Sayuri,ele a "comprou" e casou-se com ela,ela fingiu que o amava,e depois de uma noite,esperou alguns dias para dizer que esperava um filho,e que era dele mas não era,Sayuri voltou a se chamar Chiyo Kasai,e teve seus filho,um casal um menino e uma menina chamado o menino se chama Aoi Kasai,e a menina Mariko Kasai,Aoi é 2 dias mais velho que ela,pois os dois fetos cresceram juntos,e Aoi atrapalhou o desenvolvimento de Mariko,e ela não estava pronta para sair,esperou-se dois dias no hospital e finalmente ela nasceu,com medo do mundo Chiyo implorou para seu marido que fossem morar longe,e então foram morar no alto de uma montanha,numa da quelas casas tradicionais Japonesas
e no alto de uma montanha,lá tinha um lugar plano na qual eles construiram,o lugar era bem amplo,e Chiyo plantou várias arvores de cerejeira,Chiyo não queria que a filha passasse a mesma coisa que ela,e escondeu da filha que era uma Geisha que ela era filha de um outro pai,Mariko cresceu em um lar que nunca lê faltou amor carinho,cresceu sendo educada como uma princesa,delicada educada gentil,seu irmão foi educado pelo pai,aprendeu a ser forte e tals,mas sempre se derretia com a fofura da irmã,os dois sempre brincavam juntos,subiam nas arvores,era a família perfeita,e um dia o pai deles morreu,e nesse enterro Chiyo encontrou o pai verdadeiro das crianças,isso deu um panico tão grande nela,ele a reconheceu e começou a conversar com ela,ela não podia demonstrar nada a ele,mas ele sabia que ela tava gravida,e queria conhecer os filhos,mais Chiyo não deixou,ele a ameaçou de que se quando ele encontrasse a casa dela e ela não tiver contando quem era o pai das crianças,ele ia tomar os filhos dela,ao chegar em casa no mesmo dia,Chiyo reuniu os dois filhos e lê contou toda a historia,Mariko foi compreensiva,mas seu irmão não,brigou com a mãe e saiu de casa isso deixou Chiyo muito trite,ela não dormia por 3 dias,ate que Aoi retornou,mas nesses 3 dias Chiyo adoeceu e ficou muito doente Mariko dedicava-se a cuidar dela,porem ela aguentou só mais um ano e faleceu deixando Mariko e Aoi sozinhos,sendo dois dias mais velho que ela,ele arrumou um emprego e Mariko cuidava da casa,os dois iam a cidade e eles pensavam que os dois era um casal,e na cabeça de Aoi foi se formando essa ideia de ele e Mariko precisavam ficar juntos,e ela passou a ter medo do seu irmão,quando ele brigava com qualquer pessoa que olhasse para ela,um dia eles lembraram que tinha um tio,e foram visitar,mas o tio achou errado os dois estarem vivendo juntos sozinhos,achou perigoso para Mariko,e quando ela fez 16 anos ele tomou a guarda dela e a fez morar na casa de um amigo(Karl) politico desse tio,ela não queria ir,não queria deixar seu irmão já que ele não sabia nem como fritar um ovo!
mas foi arrastada pelo tio para essa casa!
(desculpa sou péssima para fazer histórias)

►Personagens que fazem parte da história (nome, idade, aparência, personalidade e relação com sua Oc):

mãe:
Chiyo Kanagawa(ou Sayuri)
37 anos quando morreu
sempre foi uma mulher delicada de voz delicada,sempre muito carinhosa com Mariko,era sua melhor amiga,e não era diferente com Aoi,ela era a única com quem Aoi se abria,e depois que ela morreu,Mariko ficou no lugar dela





irmão:
Aoi Kasai :

17 anos(ele faz aniver primeiro que ela)

é um verdadeiro esquentadinho,se irrita muito fácil,chega ser infantil por isso,muito ciumento quando a questão é Mariko,é um garoto esforçado que sente de verdade a falta da mãe e do pai,ele se sente culpado por não pedir desculpa a sua mãe,sempre que precisa de consolo ele se aquece no colo de Mariko,ele não sabe fazer NADA! nem fritar um ovo,quanto mais cuidar da casa!



Tio

Hiro Yamamoto
45 anos

é um homem muito serio,porem evita responsabilidades,por isso pegou a guarda da Mariko e depois a mandou morar com seu amigo,não que ele não gostasse de Mariko,mas sempre que olha para ela,lembra-se de Chiyo a mulher que ele invejava por seu irmão tê-la conseguido! e não gosta de Aoi por ele sempre ter desconfiado que ele não é filho do seu irmão,e depois de confirmado passou a gostar menos ainda
nunca foi grosso com Mariko,mas evitava olhar para ela,pois não queri alembrar de sua mãe


pai adotivo:
Ren katsumoto

42 anos
não é lá muito de se confiar é altivo e manipulador,é mulherengo trai sua esposa com toda mulher que acha bonita,mas Chiyo foi especial para ele,por isso quer a guarda dos seus filhos,ele não interage com seus filhos,pelo contrario olha de longe,e de longe ele sabe de tudo sobre os dois


- como foi parar na mansão:
- seu amado tio pegou sua guarda,não querendo responsabilidades a mandou para casa de um amigo,e esse amigo deveria ser Karl,porem deu o endereço errado e ela foi parar na casa dos filhos dele.
►Gostos:

- doces acima de tudo

- dançar,ela dança qualquer coisa

- gosta de cuidar das flores

- de ler livros de romances

- de filmes de romance e aventura

- de cantar

- Rock

- de tocar guitarra

- de escrever musicas e melodias

- de tocar violino

- de passear em lugares bonitos durante a noite

- de ir aos museus

- de ir a festivais

- kimonos

- de chá

-biscoito com gostas de chocolate

- Wagashi (é um docinho muito fofo )

- Daifuku

-flor de cerejeira

- de abraços




►Desgostos:

- que briguem com ela

- quando pisam no seu pé

- quando tem algo bagunçado

- de acordar com o cabelo parecendo uma juba

- de ter que desembaraçar seu cabelo quando ele ta uma juba

- de se machucar

- quando não cuidam das flores direito

- de café



►Manias:

- bater os pés quando esta ansiosa

- organização



►Obsessões:

- organização

ela fica doida quando tem alguma coisa bagunçada



►Habilidades :
- seu corpo é muito frágil devido ao seu mal desenvolvimento quando estava sendo gerada,mas ela tem um equilibrio perfeito,ela consegue ate andar na corda bamba

►Qualidades :

- ela é uma boa amiga,sempre ira fazer de tudo para te ajudar

- é bondosa,e ajuda aqueles que DE VERDADE precisa da sua ajuda


►Medos/Fobias/Traumas:

- medo:
escuro! ,sei que é um medo infantil,mas ela sempre dorme de luz acesa,sabe aquela sensação de que algo vai te pegar durante a noite,e vai sair de baixo da sua cama? então é ela durante a noite

-fobias:
funeral,ela não gosta de funerais,sente medo,e principalmente os cemiterios

- Trauma:
nem um ate agora


►Frases:

" ser gentil não faz de mim uma boba,mas deixa as pessoas felizes por achar que sim "

" não me faça sofrer se for minha(o) amiga(o) de verdade"

►Par:

Subaru Sakamaki

►Relação com o par:
Quando ela chegou na casa chegou sendo gentil com todod mundo,mas quando ela foi dizer oi para ele,recebeu um gelo total,mas ela simplesmente saiu de perto,fez sua parte,como sua mãe lê ensinara,foi percebendo que Subaru era um grosso,rude e esquentadinho,isso a fazia lembrar do seu irmão,e ela não sabe o porque,ela lembrava de quando seu irmão estava bravo ela sempre levava um copo de chá para acalma-lo,tentou fazer isso com ele,mas ficou assustada com sua reação,ficou mais irritado ainda,e ela saiu correndo.
Subaru a achou muito...como dizer...boba,achando que chá iria acalma-lo,há ele a quebraria em segundos se quisesse mais não queria,Subaru sempre a via etertida com livros,e sempre os livros de romance,achava graça disso,"não passa de contos de fadas! por que acredita nisso?" ele bradava com ela,se irritava de ver aquele olhar doce e cheio de esperança quando ela lia os livros,se irritava do simples fato dela ser tão "doce" com as pessoas,ate mesmo com ele,na visão dele,ela era uma idiota que sonha com principes encantados,ele sempre passava pelo quanto dela e via a luz acesa e ela dormindo,começou a zombar dela por ela ter medo de escuro,e claro que ela ficava triste e cabisbaixa
ela sempre ficava triste com o fato dele ser cruel com ela,nas mordidas e nas palavras tão feroz que a fazia desacreditar de tudo,ele falava que quando ela chora,ele fica feliz,mas que tipo de ser é esse,ela se perguntava,tão desagradavel ficar na compania dele,ela não brigava nem discutia com ele,"por favor" ela pedia que ele não a machucasse tanto,mas sabia que ele precisava mesmo é de um ombro amigo,sempre que ele estava com raiva ela pensava no melhor jeito de acalma-lo ate que achou,em não era um jeito de acalma-lo mas o deixava surpreso e o fazia parar,ela o abraça forte,mesmo que seus braços não de uma volta completa,por ela ser baixinha,e depois ele sempre brigava com ela,mas uma vez ele perdeu a paciencia,e lá foi ela arriscar seu pescoço pra tentar chegar perto dele,quando ela o abraçou,ele simplesmente a abraçou de volta,levantando-a na pontinha dos pés(eu: onti que amorzinho/Subaru: sua morte ta marcada rapariga dos infernos) ela que ficou supresa pela atitude de Subaru,mas a tanto tempo não era araçada,que ela fechou os olhos e ficou parada ali mesmo,mas nem tudo é rosas no outro dia tava ele brigando com ela,mas ele passou a ser mais "cuidadoso" (jeito cuidadoso do Subaru não existe) já tentava se controlar perto dela,mas sempre a observava de longe,brincando com as flores,desejando não ser tão bruto para poder cuidar dela,era como se fosse um objeto de vidro,que ele só olhava da vitrine,sentia ciumes quando alguém estava com ela,mas para ele,ela é algo que não se pode ter por completo,só quebrado.
mas ela vê diferente,sente que Subaru precisa dela,e ela quer cuidar dele,mas ele sempre a afasta de perto,e brigando com ela,mas ela sempre esta por perto quando ele esta ...bem descontrolado,ela arriscaria tudo para que ele deixasse ela cuidar dele.

►Relação com os vampiros

Shu:
Não conversam muito, ele quase não levanta do sofa,mas é só ela organizar alguma coisa que ele vai e bagunça e é claro que ela chama atenção dele, e ele a chama de chata!

Reiji -
tenta sempre se comportar quando esta perto dele,parecer uma dama ajeitada,mas ele sempre chama a atenção dela por ser tão desajeitada,ele a acha delicada educada,mas não o bastante quer que ela seja perfeita! e isso causa medo nela,muito medo

Ayato-
tem medo nele,e ele se acha por isso,sempre que ela dorme de luz acesa,ele vai e desliga e fica fazendo barulhos na parede só para assuta-la,acha engraçado o jeito que ela se encole na cama e fica rezando

Kanato-
ela gosta dele,acha ele um fofo,já viu ele estérico,mas tirando isso ela fica de boas com ele,ele a trata como se fosse uma de suas bonecas,ela faz de tudo um pouco para não vê-lo irritado e esterico,mas não consegue evitar que ele fica assim,e quando isso acontece é pernas para que te quero!

Laito-
ela não gosta dele de jeito nem um,não gosta de quando ele a chama de Cadelinha do Subaru,por ela sempre estar perto dele,ela fica muito vermelha e Subaru vira o Hulk!
ele ama ficar provocando vermelhidões em seu rosto,falando coisas que a deixa muito sem graça

Ruki-
ela o acha muito misterioso e fechado,mas não nega ama a voz dele,a voz dele trasmite calma para ela,ela gosta de quando ele lê para ela,porem ele sempre fala um curto e grosso não! mas ele insiste tanto que ele acaba lendo,mas isso não quer dizer que ele seja gentil com ela,ele rude curto e grosso mas de um jeito sutil

Kou-
gosta de mais dele,acha ele divertido pra pakas,eles gostam de competir no karaoke,Kou fica irado quando perde,mas é bem na menoria das vezes que Mariko ganha,eles se divertem muito juntos,de todos os Mukami'S ela o acha mais extrovertido,mas sabe que ele é egoita e pensa só no propio ego,mas não liga para isso "o importante são os bons momentos" é o que ela diz

Yuma-
" ta frio ai em cima" ela sempre fala isso,e deixa ele irritado,Yuma é tipo uma muralha para ela,ele assim como todos,acha que ela é boba,mas não é,os dois compartilha o mesmo gosto por jardinagens,chegam ate discutir no jeito que cada um cuida das plantas,brigam por causa disso mas é uma briga suave

Azusa-
não fica muito perto dele,com esse papo de dor,tem tanto medo de que ele acabe se matando da quele jeito,mas acaba lembrando que ele não morre,mas fica preocupada,ainda mais quando ele faz sua par corta-lo,ela fica muito preocupada

Shin-
o acha arrogante egocentrico,não fala com ele e não faz questão,pra ela tanto faz tanto fez ser gentil com ele,então eles não se fala,quer dizer,ela não fala com ele,mas ele fala com ela,e ela só escuta,fingindo ouvir

Carla-
ela riu do nome dele de inicio,e ele quase a matou,e nunca mais ela se atreveu a rir do nome dele de novo,pelo menos não perto dele,ele pegou birra dela,não vai com a cara dela,com a gentileza dela,isso o irrita e muito,por isso os dois mal trocam olhares,ela por que tem medo dele,e ele por que ela é irritante

►Relação com as Oc’s:

- é gentil com todas elas,no começo foi complicado ela era muito tímida,quase não falava,mas depois ela passou a cuidar de uma por uma,gosta de estar do lado delas,fica mais confiante de si quando esta com ela,se sente protegida,e sente vontade de protege-las também,ela sempre fala "nós mulheres temos que nos ajudar" quando elas precisa de um ombro amigo para chorar.

►Reação/Ação, quando:

• Descobrir que criaturas místicas existem e que você é noiva de um vampiro:

- " ai que legal eu estou dentro de um dos meus livros!" na mesma hora " eu não quero morrer!" foi isso que ela pensou,primeiro achou que ia ser legal,que eles não era tão cruel assim,mas depois tudo que fazia era fugir

• Ao ver o seu par com outra menina

antes quando ela o via com outra garota,agia de forma normal,como se nada tivesse acontecendo,antes outra do que ela,mas depois que sentiu algo eu seu coração,sentia ciumes,e discretamente começava a perguntar o que ele conversava ou fazia com a outra garota,e Subaru logo percebia que ela tava com ciumes,e ficava rindo da cara dela,e ela virava uma pimenta


• Descobrir o passado de seu par:

não o julgou,ficou chocada com o passado dele,mas não o julgou,apenas achou que ele devia ser carente de amor de mãe e ela passou a querer cuidar dele,sendo o mais carinhosa e gentil que podia.

• Estivesse apaixonada:
ela não queria estar apaixonada por ele,acha isso impossivel,alguém amar alguém da quela maneira,mas ela tinha certeza do seu amor por ele,porem tenta ao máximo esconder isso dele

• Descobri-se que seu par gosta de você:
"esta louco? esqueceu eu sou sua presa você ia me matar se lembra?" ela ficou com um ponto de interrogação enorme estampado na cara,primeiro ele vinha com um papo de " vou matar você" e agora vem dizer que ama,achou que ele havia bebido ou se dorgado,mil e uma coisas passou pela sua cabeça,Subaru precisou provar a ela que ele falava a verdade

►Hentai?

SIMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM POR FAVOR O MAIS EXPLICITO QUE TIVER!
(Mariko: que que é isso jesus )

►Sabe que sua personagem está sobre o meu controle e que ela vai reagir de acordo com o andar da fanfic? -mas sem alteração da oc original-

SIMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM SEI SIMMMMMMMMMMMMMMMMMMM
e acho justo!

►Algo mais?

sim
ela tem dois enfeite de cabelo que ela usa sempre e que era de sua mãe



Subaru diz que ele prefere ela de cabelos soltos,mas ela insiste em prende-los


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...