~Jude_Melody

Jude_Melody
Passarinho, passarinho
Nome: Apenas diga "Hey, Jude!" que eu saberei que é comigo.
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Dicas básicas para ser um bom ficwriter (ou quase isso)


Postado

Dicas básicas para ser um bom ficwriter (ou quase isso)

Algumas dicas divertidas (ou não) para iniciantes (e veteranos, se eles assim desejarem) no mundo das fanfics. Não devem ser levadas muito a sério. Encare-as com bom humor e tenha senso crítico para perceber em quais aspectos você pode melhorar. Caso queira fornecer suas próprias dicas, é só contá-las nos comentários.

Este jornal ainda não está pronto (e, provavelmente, nunca estará). Boa leitura!

1 - Sabe aquele traçado vermelho que de vez em quando aparece quando você está escrevendo no Word? Pois é, ele significa que você escreveu a palavra errado. (Ou, em alguns casos, que o Word não reconheceu uma palavra em outro idioma ou um nome em japonês, como Kurapika.)

2 - Sabe quando você lê aquele livro maravilhoso e pensa "O filme deve ser melhor.", mas acaba quebrando a cara e fica todo chateado(a), pensando "Essa adaptação foi horrível!"? Pois é. Isso é uma adaptação. Transformar uma história em quadrinhos em um desenho também é uma adaptação. Copiar um livro inteiro e publicá-lo como se fosse uma fanfic após fazer algumas modificações não é adaptação. É plágio.

3 - Divulgar suas fanfics em perfis alheios não é um "mal necessário". Vacinas são um mal necessário. Propaganda de fanfics para coleguinhas aleatórios está mais próximo de ficar perseguindo um professor para ele te dar mais meio pontinho na prova. A diferença é que a propaganda não reprova. (Ver itens 15 e 18.)

4 - Sua fanfic não precisa de mesóclises. O que é isso? Exatamente.

5 - Se está centralizado, é música ou poesia (ou, eventualmente, uma manchete de jornal no meio do texto). Se está em itálico, é flashback ou algum outro trecho da história que merece destaque. Se está em caixa alta, meu Deus! O LEITOR NÃO É SURDO!

6 - Eles não retornarão às suas casas no final da noite anterior. Muito menos arrumaram a sala amanhã de tarde.

7 - Campanha pela vida dos professores de português: não use crase antes de substantivos masculinos (nem escreva substântivo).

8 - Se você não sabe o significado de uma palavra, digite-a no Google ou tente procurá-la em um dicionário. É fácil achar! As palavras aparecem em ordem alfabética!

9 - Não use o espaço reservado para o texto do capítulo como bloco de notas. Existem outros modos de transmitir recados aos seus leitores, entende? Você pode começar usando uma coisinha fantástica chamada: espaço para as notas da história!

10 - Olhe para o lado direito do seu teclado e procure por uma tecla grande que parece aquela peça ingrata do Tetris que ninguém nunca sabe como encaixar (o famoso L. Não, não o do Death Note. O L do Tetris!). O nome dessa tecla é "enter". Ele é seu amigo. Então, não tenha medo dele.

11 - Eu tento falar com as pessoas, mais pareçe que não adianta. Porquê elas continuam confundindo certas coisas e até me dá aquela vontade de grita bem auto. Mais eu não acredito que elas fazem isso por mau.

12 - Alguns títulos são como havaianas. Todo mundo usa.

13 - Uma protagonista que é diferente de todas as garotas que você já viu na vida! Ela não está nem aí para a moda, vive com o rosto enfiado em livros, não curte a boyband do momento, está apaixonada pelo garoto mais fantástico da escola e ama de paixão seu cachorro chamado Bob. É. Diferente.

14 - E aí aquele leitor chato diz que sua fanfic tem muitos erros de português, mas você não quer perder tempo fazendo as correções, ou acredita sinceramente que a correção não é importante em um texto. É como diz a música: esse é meu jeito de viver, ninguém nunca foi igual... Não, pera. Existe muita gente exatamente assim.

15 - Vamos criar uma campanha contra os SPAMs (Safada Propaganda Altamente Maçante) nos livros de visitas. Se a pessoa disse em seu perfil que não gosta dessa prática, publicar as sinopses das suas fanfics nos livros de visitas delas não é fazer propaganda. É SPAM. E, convenhamos, ninguém gosta de SPAM, não é mesmo? (Depois não reclame se a pessoa excluir sem ler...)

16 - O Ministério da Saúde adverte: colocar espaço antes da vírgula faz mal ao coração (e confunde seus leitores).

17 - "Não sei escrever sinopses." Miga, se tu não sabe escrever sinopses, imagina fanfics!

18 - "Ah, nossa! Um membro do Social que disse expressamente em seu perfil que só quer propagandas de fanfics yaoi. Tenho de divulgar minha Bieber x Selena no livro de visitas dele!"

19 - "O quê? Você gosta de Dramiones? Perdeu meu respeito!" Miga, menos, menos. (Ver item 25.)

20 - Daí eu entro no Facebook e vejo geral reclamando do "clichê do personagem ruivo". Tadinhos dos Weasley! Eles são tão legais!

21 - "Ninguém comenta nas minhas fanfics!" Bem-vindo ao clube.

22 - "Por que as minhas fanfics, que são sempre tão bem escritas, não recebem nenhum comentário e fanfics clichês cheias de erros de português têm um monte de comentários, favoritos e recomendações?" Bem-vindo ao clube, parte 2.

23 - "É tão frustrante eu me esforçar tanto para escrever uma fanfic boa, gastar um tempão fazendo mil pesquisas e revisando a história várias vezes para depois perceber que ela tem bem menos comentários do que uma fanfic mal escrita em que a protagonista usa havaianas no Alaska!" ...

24 - Não faça sua protagonista usar havaianas no Alaska.

25 - Repita comigo: "Quem gosta de Dramione não é meu inimigo."


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...