~FireboltViolet4 - Clan Dragon

FireboltViolet4
Aayrine I Scalie
Nome: Bianca Bispo I Marida e mãe I Animatronica I Romioner I Sra. Dreemurr I Esposa do Spring
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 7 de Fevereiro
Idade: 22
Cadastro:

ENTREVISTA - O CLUBE DA PLUMA


Postado

ENTREVISTA - O CLUBE DA PLUMA

Bem, pessoal, essa entrevista foi feita para a fic e grupo O Clube da Pluma, em 23/11/2015, que se encontra agora no Wattpad devido á alguns problemas. Mas muitas pessoas do Spírit ainda não a viram, então estou postando-a aqui, e aproveitando para divulgar essa fic-grupo maravilhosa criada por @nikahgreenleaf. Obrigada por tudo, sua linda <3


Nome do autor(a): VioletaFirebolt (Bianca Bispo de Almeida)

Nome da história (fic): A Saga da Lontra (quadrilogia, composta pelas fics Sangue e Alma, Rony e Hermione na Terra dos Cangurus, A Maldição da Wicca e A Esfera da Herança)

Gênero: Aventura, Romance, Magia, Comédia, Ação

Sinopse:

SANGUE E ALMA: Uma estranha doença acomete alguns dos sobreviventes da Batalha de Hogwarts. Ela drena todo o sangue de seus corpos e extingue sua capacidade de raciocínio humano, adaptando-os para suprir a falta de seu sangue... com de outras pessoas. Chamada de vampirização, é diferente do que os trouxas conhecem, dura por dias e os infectados devem ser vigiados para não machucar outros. Dentre eles, uma, porém, luta para manter sua sanidade mental viva... e o garoto que ama também. Garoto esse que, contra todas as sanidades, não acredita no monstro que ela acha que é agora.

RONY E HERMIONE NA TERRA DOS CANGURUS: Após os acontecimentos marcantes da Batalha de Hogwarts e da vampirização de alguns sobreviventes (em Sangue e Alma), Rony e Hermione decidem ir atrás dos pais da garota, que estão em alguma lugar da Austrália, sem, porém, chamar a atenção das autoridades - e nem das pessoas mais próximas.
Enquanto passam por diversas situações novas e arriscadas durante a viagem em busca de Monica e Wendell Granger, Rony e Hermione aos poucos também vivenciam novos momentos juntos, sem a sombra de amigos ou família para interferirem em seus sentimentos, o que leva a perguntar se a nova relação deles sobreviverá ao calor da terra australiana.

A MALDIÇÃO DA WICCA: Após reencontrarem os Granger e voltarem para a Inglaterra, Rony e Hermione entram em seu sétimo ano inacabado em Hogwarts. Finalmente começando à concretizar uma verdadeira relação, os dois ainda vivem muitos momentos - agradáveis e desagradáveis - juntos.
A iminência de um novo Torneio Tribruxo agita as coisas na escola de magia, mas o pior pode acontecer à qualquer momento; uma ameaça poderosa ronda a escola ao longo do ano.
E nesse meio tempo, uma profecia desconhecida toma forma, enquanto se toma conhecimento de uma velha maldição... maldição que escolherá uma pessoa para torna-la, talvez, a mais nova esperança de salvação para o mundo bruxo - ou a garantia de sua destruição.
Esta escolha ficará, novamente, nas mãos de alguém completamente inesperado..

A ESFERA DA HERANÇA: Depois de se descobrir como Wicca - a bruxa mais poderosa de seu tempo, conjuradora dos cinco elementos -, vivenciar momentos tristes e felizes, sofrer perdas irreparáveis, confrontar batalhas e se deparar com uma proposta irrecusável, Hermione Granger tenta, agora, se ajustar á uma nova vida após Hogwarts, junto de Rony Weasley, sua família e demais amigos.
Porém, muitas intervenções, perigos e tramas ainda estão para correr nos destinos de Rony e Hermione, mudando para sempre alguns aspectos de suas vidas e, até mesmo, colocando a relação de ambos á provas de fogo violentas.
Ainda haverão muitos segredos a serem revelados... e ambos talvez tenham de acertar contas com o passado...

1) O que te inspirou a fazer a fic?
Desde os nove anos, f=sempre fui apaixonada pela saga Harry Potter. E assim que pus os olhos pela primeira vez em Hermione Granger e Rony Weasley, decidi quais seriam meus personagens mais queridos pelo resto da vida. Assim que os conheci, vi neles um potencial enorme dentro da série, e algo neles simplesmente me fez amá-los desde o primeiro filme (só leria o primeiro livro um ano depois de assistir, em 2004). Desde então, acompanhei todos os livros e filmes, até a estréia do último filme em 2011. E tenho que confessar: era mais por eles, pela tensão fantástica e chamativa entre os dois, do que pela história em si – que, no entanto, também me cativou.
Por fim, em 2014, três anos após o último filme, e com vinte anos, me veio á mente a idéia de continuar a história de Harry Potter, usando exclusivamente Rony e Hermione como ponto de partida. J.K> Rowling, obviamente, desenvolveu ambos com maestria na série, mas, pessoalmente, não me conformava com o fim “felizes para sempre” do casal no final da história. Sempre achei que tinham um grande potencial que ainda podia ser explorado, e foi isso que me inspirou a escrever a Saga, que os tem como protagonistas – não mais apenas como dois amigos, mas como um casal cheio de possibilidades futuras.

2) Foi uma fic fácil de escrever?
Não exatamente (risos). As quatro temporadas são bem inusitadas para uma autora paulistana que nunca saiu do estado ou do país. Já tive o desafio de escrever no mesmo estilo épico britânico de J..K. Rowling, mas minhas idéias tornaram tudo ainda mais complexo. Por exemplo, Sangue e Alma já começa com um tema nem um pouco comum á Harry Potter: a vampirização como doença (e, não bastando, a própria transformação de Hermione em vampira – com certeza ainda mais inusitado). Rony e Hermione na terra dos Cangurus se ambienta na Austrália, o que demandou uma grande pesquisa sobre costumes, localizações e pontos turísticos do país. A Maldição da Wicca teve um caráter mais clássico, a lá Cálice de Fogo, onde estudei um pouco da religião Wicca para fazer analogias com a Maldição que dá nome á fic – uma das temporadas que tem mais pontos curiosos até então. Já A Esfera da Herança exigiu uma pesquisa mais aprimorada dentro do próprio universo de Harry Potter.

3) Qual o seu personagem favorito e por quê?
Eu diria que um dos meus personagens favoritos – além de, naturalmente, Hermione Granger – é um dos meus personagens originais criados para a Saga, um bruxo maori, oriundo da Austrália, chamado Darel Williams. O personagem, além de se tornar um dos queridinhos de muitas leitoras (risinho), se desenvolveu muito bem nas duas fics seguintes de sua primeira aparição. Tal como Hermione, ele é altruísta, preocupado com as pessoas que ama, com uma alma gentil e um grande potencial. Acho que reflete muito a minha natureza na vida real, e por isso me identifico com ele.

4) Qual a sua metodologia de escrita? Você tem um amigo do autor (beta)?
Dificilmente tenho betas, já que a maior parte dos possíveis candidatos não tem tempo disponível. Mas já tive algumas coautorias com outros autores, em projetos menores de minha trinta e quatro fics. Não sei descrever ao certo que tipo de metodologia uso... normalmente, tenho inclinação para escrever em primeira pessoa, com uma narrativa detalhada e direta, sem muito rodeios. Acredito que se assemelha bastante com o estilo de Suzanne Collins ou Rick RIordan... talvez uma mistura dos dois (risos).

5) Como é a sua relação com os seus leitores? Você divulga a fic em algum outro lugar alem do SocialSpirit?
Simplesmente tenho um carinho absurdo com cada leitor que se manifesta nas fics. O fato de cada leitor ter sacrificado um pouquinho de seu tempo para ler uma obra sem fins lucrativos é algo que me deixa muito feliz e honrada, então cada leitor é muito importante para mim. Dentre alguns deles, fiz amizades maravilhosas, que duram até hoje. Também estendo divulgações em outros meios, como Facebook, Twitter e o bom e velho boca-a-boca (risadas). Publico todas as fics daqui no Wattpad e também no Nyah, onde estou encontrando ainda mais leitores excelentes.

6) Conte-nos como é ser um escritor. Fácil, difícil? Ama ou odeia?
Na sociedade moderna, ser escritor é um desafio para qualquer um. Temos que nos sustentar, trabalhar, estudar, ou cuidar da família... todo mundo tem um ou outro empecilho. Se não é o dia-a-dia que barra as idéias, o bloqueio o faz. Então não, não é fácil. Mas quando finalmente conseguimos produzir nossas histórias, é muito gratificante. O orgulho de vê-la sendo lida – e até relida – faz qualquer eventual dificuldade valer a pena. Como não amar dar assas á imaginação e fazer o mesmo com os leitores?

7) Poderia dar uma dica construtiva aos nossos escritores e uma recomendação aos leitores?
Minha dica aos futuros escritores é: arrisque. Esta palavra definiu o nascimento da Saga da Lontra e de tantas outras histórias que escrevi. A hesitação, temer que sua idéia não seja produtiva... isso pode ferir seu animo de escrever. Mesmo que ache que o que você imaginou é absurdo, inviável... tente. O efeito pode ser exatamente o contrário, e sua idéia pode evoluir para uma obra realmente fantástica. E, mesmo que não vingue, ao menos poderá perceber onde deve melhorar, e isso servirá de ajuda para suas futuras produções. Já aos leitores, recomendo que tenham paciência com alguns autores, que, muitas vezes, estão começando a produzir suas histórias e, naturalmente, tem alguns “defeitos” em suas primeiras produções. Um leitor veterano vai provavelmente torcer o nariz, mas temos que ser razoáveis... no inicio, todo leitor também já teve aquela fase de erros e acertos. E os autores também podem tê-la... a compreensão de uma crítica construtiva pode transformar a vida de um autor de um modo que nem podemos imaginar.

8) Espaço para divulgar os seus outros trabalhos ou recomendar uma fic que goste:
Recomendo algumas fics que simplesmente fazem qualquer leitor se apaixonar – o tipo de leitura que te prende do inicio ao fim, e também ipodem trazer alguma inspiração á futuros autores:

- Surrender, de @Caramelkitty;
- The Light, de @LiviaBlack15;
- Velhos Hábitos Não Morrem, de @GrangerHastings;
- The Magic Never Ends, de @Chestnut;
- Série de fics A Hospedeira, de @MAIRAZP


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...